quinta-feira, 15 de setembro de 2011

A greve continua! É esta a decisão unânime dos educadores mineiros em assembleia



Nossos bravos e bravas guerreiros/as já se encontram acorrentados em frente ao Palácio da Liberdade. (Fotos de Nelson Pombo)

Acompanhem também ao vivo:

http://www.livestream.com/nelsonpombojr

Assistam ao vídeo de 47 minutos dos acorrentados:

http://www.livestream.com/nelsonpombojr/video?clipId=pla_56ab8e0a-14e0-4a29-af6e-c9283f117417&utm_source=lslibrary&utm_medium=ui-thumb

Urgente / Urgente / Urgente


Atualização às 14h46m: acabo de falar por telefone com o Rômulo, que também está acorrentado, diretamente da Praça da Liberdade. Disse que a tropa de choque cercou a área, impedindo inclusive o trânsito de veículos em frente ao Palácio da Liberdade e região. Ele pediu para quem puder antecipar a ida ao ato de hoje e reforçar a equipe de combatentes que lá se encontra seria bom. A polícia já ameaçou de tirá-los a força, mas eles resistiram e disseram que não vão sair de lá. São três dezenas de bravos guerreiros e guerreiras dispostos a ficar lá, até o acontecimento do ato de inauguração do ato do relógio da Copa. Daqui a pouco recebo um vídeo atualizado do combativo Nelson Pombo.


Atualização às 14h37m: Recebo a informação do comandante João Martinho, diretamente da Praça da Liberdade, onde se encontra acorrentado com mais duas dúzias de valentes educadores/as, que a Polícia isolou o local. Nossos guerreiros continuam acorrentados, mas não podem ir ao banheiro, nem receber alimentos. A Praça foi isolada pela polícia. Aguardem novos informes.

Atualização às 13h15m:
Acabo de falar por telefone com o Nelson Pombo que encontra-se com os colegas acorrentados. Ele me disse que a polícia do governo está impedindo que os colegas recebam água e alimentação, com truculência. Não vamos aceitar isso! Os colegas resistem no local e exigimos que o governo não agrida mais um artigo constitucional, que é o direito de ir e vir das pessoas, de manifestarem livremente em qualquer praça e rua do país. Que liberem os alimentos para os colegas acorrentados!

Uma outra informação que tive, mas ainda falta confirmação, é que a presidenta Dilma estaria se reunindo com a direção do Sind-UTE, como consequência das mobilizações ocorridas hoje. Mas, ainda preciso confirmar esta importante informação.


Grupo de educadores estão acorrentados no Palácio da Liberdade

No dia em que o governo pretende inaugurar o relógio da contagem regressiva para a Copa do Mundo, nossos bravos e bravas guerreiros/as educadores em greve já se acorrentaram em frente ao Palácio da Liberdade. Acompanhem ao vivo ou através do vídeo produzido pelo combativo colega Nelson Pombo Jr (links acima), todo o desenrolar desta ação direta e de luta em protesto pelo não pagamento do piso. O chão de Minas continua tremendo, enquanto o governo zomba da população, deixando milhares de alunos sem aula, por conta da intransigência do governo em não querer pagar o piso dos educadores, que é lei federal.

Mais tarde, por volta das 18h, centenas de educadores em greve estarão na Praça da Liberdade para recepcionar o desgovernador, a presidenta da República e quem mais aparecer por lá.
A greve continua, até a nossa vitória!


***
Enquanto isso, no Mineirão os operários estão em greve, à espera da presidenta e reivindicando melhorias nas condições de trabalho. O comandante João Martinho dirigiu-se para o Mineirão nas primeiras horas da manhã. Agora ao meio-dia tentei contato com ele, mas não consegui.

***


Assembleia dos 100 dias de greve. Fotos: Gleiferson Crow


A greve continua! É esta a decisão unânime dos educadores mineiros em assembleia


Olá bravos guerreiros e guerreiras da nossa heroica luta!

Acabo de chegar ao bunker e um pouco mais tarde vou trazer o relato e as análises sobre o nosso maravilhoso movimento.

De início, vou adiantando: por unanimidade, os educadores presentes no pátio da ALMG decidiram manter a greve por tempo indeterminado. Não poderia ser diferente, já que o desgoverno de Minas continua com sua intransigência, arrogância e mentiras contra a categoria.

Amanhã haverá um ato no Palácio da Liberdade, às 18h, onde a presidente e o governador do estado são aguardados para inaugurar a contagem regressiva da Copa do Mundo.

Em contraponto a este ato, foi inaugurado hoje o calendário da nossa greve, que atingiu 100 dias. No domingo haverá panfletagem e na terça-feira, dia 20, haverá nova assembleia, coincidindo com a data da votação, na ALMG, do famigerado projeto do governo.

Houve passeata até a Praça Sete, como sempre com grande participação e apoio da população. Tive contato com dezenas de delegações do interior, o que para mim é sempre um momento de alegria e de satisfação, já que passamos tanto tempo juntos aqui no blog. Quanta gente bonita, sonhadora e digna!

Quero deixar o meu abraço a cada um desses bravos e bravas colegas que estão nessa luta corajosa e obstinada, todos passando por sacrifícios, mas vivendo a emoção e a experiência única de resistir a um governo déspota, que não respeita os servidores da Educação enquanto seres humanos.

Nós somos a esperança de um mundo melhor; eles são a expressão do que há de pior e mais repugnante no mundo atual.

Vários representantes de movimentos sociais e igrejas, e entidades sindicais e estudantis, além de outras categorias em greve, como os trabalhadores dos Correios, usaram a palavra para manifestar o seu apoio aos educadores mineiros. Destaco a presença do Frei Gilvander, que manifestou o seu apoio, citando a necessária resistência contra os ataques do governo de Minas.

Mais tarde, após um rápido banho, um chá e um pastel que repartimos no ônibus, eu volto com novas análises.

Quero trazer algumas propostas que discuti com os colegas de várias regiões. Aguardem!

Um forte abraço a todos, força na luta, até a nossa vitória!

Retomando...

Antes de retomar as nossa análises, vamos reproduzir aqui a citação feita pelo juiz de Direito Dr. MARCOS FLÁVIO LUCAS PADULA que recusou e mandou arquivar o indecente pedido de ilegalidade da nossa greve, feito pelo chefe do MP de Minas:

"São os bons mestres e as boas escolas que fazem o progresso humano, que transformam crianças inteligentes em gênios, em líderes e benfeitores da humanidade. Sei que isso é um truísmo, uma obviedade, mas infelizmente, o mundo não vê tantas coisas óbvias. Sempre me pergunto: por que não investimos muito mais em educação e na formação de bons professores? Foram eles que, logo cedo, me despertaram uma vontade imensa de compreender e de transformar o mundo por meio da engenharia e da eletrônica. Com eles descobri como é importante pensar no lado humano de toda a invenção e avanço tecnológico". (STEVE WOSNIAK)


Se o procurador da justiça não fosse um procurador do governo e sim da Justiça, representando o MP, ele pediria desculpas aos educadores e ingressaria com uma ação judicial contra o governo. Mas, nós estamos em Minas Gerais... Oh, Minas!!!

Imediatamente após este puxão de orelhas de um juiz sério, o representante do governo no MP ingressou com outro pedido de ilegalidade junto ao TJMG.

Faço ideia do que ele deve ter mencionado para tentar convencer algum desembargador. Seguramente deve ter dito que o governo já paga o piso, e que é preciso assegurar o direito à Educação para os alunos. Claro que é preciso assegurar tal direito. E estamos em greve justamente por isso! Sem carreira, sem salário, não haverá em breve mais educadores para cumprir esta exigência constitucional, caro sr. procurador.

É por haver pessoas coniventes a governantes déspotas como o sr. que a Educação pública está do jeito que está: abaixo da crítica.

Se há uma lição que temos que retirar dessa greve é que MINAS GERAIS PRECISA SER PASSADA A LIMPO.

Nada do que está aí faz sentido mais para a maioria pobre deste estado e deste país e precisa passar por profundas mudanças. Deputados que são meros carneiros de luxo, que recebem entre 30 e 50 mil reais para dizer amém ao governante de plantão, sem qualquer respeito pelos de baixo, incluindo os educadores, que não são ouvidos nos seus pleitos. Devemos fazer um grande ato de protesto naquela Casa, para mostrar o nosso desprezo por esses cretinos que não honram a roupa que vestem; não são dignos de nada, nada, porque são piores do que qualquer pessoa. Piores até mesmo do que um bandido comum, que rouba alguém na rua, porque este pelo menos pode estar roubando para matar a fome dele e da família. E estes políticos profissionais? Estão nos roubando a carreira e o nosso salário para servir aos interesses políticos e econômicos do governo que está a serviço de meia dúzia de banqueiros, empreiteiros e outros tipos de menor estatura moral.

Temos uma imprensa que se vende e se tornou mestra em manipulação. Reparem que coisa interessante. Ontem, o juiz de direito, digno, recusou o pedido de ilegalidade da nossa greve. Os jornais - rádios, TVs, jornais impressos - não deram uma linha sequer. E quando alguém publicou ou comentou alguma coisa, fez questão de explicar que não se tratava de uma vitória dos educadores; que o juiz não havia reconhecido a legalidade da greve, mas simplesmente havia dito que aquela não era a instância ou a vara judicial correta para se pedir a ilegalidade. Ou seja, eles tiveram o maior interesse em investigar e esclarecer sobre uma notícia que não era favorável ao governo. Mas, sobre o nosso piso... Em nenhum momento estes jornalistas de meia tigela (salvo alguns poucos, que respeitamos) se dão ao trabalho de investigar sobre o que o governo vem fazendo com a nossa categoria. Jamais informam corretamente sobre o piso. Até hoje reproduzem que o sindicato cobra um piso de R$ 1.597,00 ou mesmo de R$ 1.187,00 para a jornada de 24 horas, quando o sindicato já reconheceu publicamente que aceita o valor proporcional e mais conservador do piso, que é o valor proporcional do MEC.

Mas, em momento algum essa imprensa ridícula esclarece para a população que a proposta do governo é acabar com o plano de carreira dos professores; que os R$ 712,20 que o governo oferece é um valor único para todos os professores, tenham eles um dia de serviço, ou 30 anos de Casa; tenham eles a formação em ensino médio, ou licenciatura plena, ou especialização. O governo propõe um único valor para todos, e que isso contraria a própria Constituição Federal, a mesma que o Procurador da Justiça parece nunca ter lido, para fazer vista grossa a essa indecente proposta do governo.

Até hoje essa mídia comprada e que renega a liberdade de expressão tão duramente conquistada, não foi capaz de explicar para a população que existem dois sistemas de remuneração: o original, ligado ao plano de carreira que existe desde 2004 e que fora criado pelo próprio desgoverno Aécio-Anastasia, e que mantém o vencimento básico e as gratificações dos educadores (salvo aquelas que foram confiscadas em 2003); e o subsídio, criado recentemente pelo governo, que representa um confisco confesso pelo governo de R$ 2 bilhões por ano no bolso dos educadores. É este o preço do piso que o governo de Minas não quer pagar aos educadores, para que sobre mais recursos para os de cima, inclusive para os proprietários dessa mídia corrompida e canalha!

Enfim, colegas, vivemos num estado que precisa ser passado a limpo. Não podemos deixar que isso permaneça assim. Temos o dever moral de resistir.

Vejam o que o governo faz agora: um dia antes da nossa assembleia ele arquiteta, friamente, vários lances para destruir a nossa greve e minar a nossa capacidade de resistência:

1) manda o seu funcionário no Ministério Público entrar com pedido de ilegalidade na justiça;
2) encaminha um projeto de lei, que antes de ser aprovado, já é apresentado no site da SEE-MG como se já fosse lei vigente, tal a certeza de que os carneiros sem caráter e sem vergonha aprovarão o que o governo mandar; são pau mandados e devem seguir rigorosamente as ordens do chefe;
3) anuncia a contratação de 12 mil substitutos (que piada!), como forma de pressionar psicologicamente aos designados e aos demais grevistas. Mais um ato ilegal e imoral do governo, já que a greve é legal e a publicação das substituições está se dando sob a égide da legalidade da nossa greve.

Tudo isso demonstra um total desrespeito desse governo para com os educadores e para com os alunos e pais de alunos. Foi isso o que eu disse hoje, quando um repórter do SBT me entrevistou durante a assembleia (não sei se foi ao ar, e nem como foi, se é que foi).

Ao invés de negociar decentemente com os educadores o pagamento do piso a que temos direito, o governo continua apostando na nossa destruição: na ruína da nossa carreira, na sonegação do nosso piso.

Isso não é um governo, é uma autarquia do inferno; é um departamento das trevas! São 100 dias de tortura psicológica, de chantagens, de mentiras, de ameaças, de perseguição, de coação aos educadores; de prejuízos aos alunos, aos pais de alunos e aos educadores!

Oh, Minas, até quando vai tolerar essa realidade?

Mas, os educadores em greve, verdadeiros heróis, precisam resistir. Nós não temos o direito de recuar e aceitar aquilo que o déspota e sua trupe tentam nos impor. Se voltarmos agora, perderemos tudo: aquilo que nos roubaram nestes 100 dias; o nosso piso, a nossa carreira, e com isso a nossa própria sobrevivência.

Sou partidário de que devemos unir forças, fazer um chamamento aos pais de alunos e alunos e a toda a sociedade dos de baixo para não aceitarmos essa conduta do governo.

Vamos tentar redigir uma carta aberta aos pais de alunos e aos alunos (quem desejar escrever, faça-o e disponibilize aqui no blog), e vamos distribuir aos montes, por e-mail, em panfletagem e visitando as moradias dos nossos alunos, se possível.

Devemos redigir uma outra carta dirigida especificamente aos professores que ainda estão em sala de aula. Mostrar para eles que esta atitude contribui com a destruição da carreira que é deles, também; que eles precisam abandonar essa condição de conivência com o governo e assumir uma postura de classe e de luta em favor da nossa categoria, a qual eles pertencem.

Finalmente, devemos buscar o apoio de todos os movimentos sociais e entidades que se identificam com a nossa luta, que é comum à luta de todos os de baixo. Precisamos urgentemente formar este movimento pela salvação da Educação pública, pela valorização dos educadores, pela liberdade e pela democracia ameadas em Minas Gerais, e contra esta estrutura de poder montada no estado, voltada para esmagar a maioria pobre e servir aos de cima.

Finalmente, não podemos esquecer que esta estrutura de poder a que fiz referência vive no atual contexto em função do projeto político de um certo senador, que mora no Rio de Janeiro, e que foi incapaz de dar as caras (assim mesmo, no plural) para comentar sobre o dilema vivido pelos educadores nestes 100 dias de greve. Um ausente, um omisso e patrocinador do despotismo que encontra-se à frente do governo mineiro.

O povo mineiro dos de baixo precisa conhecer e repudiar essa realidade, aprendendo a construir a sua (nossa) própria história, através da nossa luta, da nossa união, e do esforço comum para conquistar nossos direitos ameaçados.

Vamos fortalecer esta grande corrente em favor da nossa luta.

- Que façamos campanha para arrecadar alimentação e fundos para manter a sobrevivência dos educadores em greve.

- Que organizemos atos de ocupação e acampamentos na porta dos poderes constituídos, e também dessa mídia vendida, para que eles aprendam a respeitar os nossos interesses.

- Que saibamos construir a unidade da nossa categoria em torno dos nossos interesses e direitos comuns ameaçados.

Para que nunca mais, ninguém, nenhum governo, tenha a coragem de mexer com os nossos, e com os nossos direitos.

Um forte abraço a todos e força na luta! A greve continua, até a nossa vitória!!!

***

P.S. Nesta sexta-feira, às 18h, todos na Praça da Liberdade para a inauguração da contagem regressiva para a Copa do Mundo... e para o pagamento do nosso piso, também!!!



***

Acabo de receber, por e-mail, um texto de apoio ao nosso movimento, de autoria do Frei Gilvander. Achei importante repartir a bela crônica com todos os nossos/as guerreiros/as.

"Professores em greve até a conquista do Piso Salarial Nacional.

Gilvander L. Moreira[1]


Hoje, dia 15 de setembro de 2011, o dia amanheceu nublado em Belo Horizonte. À tarde, com clima fresco, sob nuvens que anunciam que a chuva está se aproximando, as/os professoras/res da Rede Estadual de Educação do Estado de Minas Gerais, em greve há 100 dias, realizaram a 13ª Assembleia Geral Estadual e, esbanjando garra na luta, decidiram continuar por tempo indeterminado a greve iniciada dia 8 de junho último. O grito geral era “é greve, é greve, é greve, até que o Anastasia pague o que nos deve: o Piso Salarial Nacional.”

A greve não é mais só dos professores. Está se tornando uma greve de toda a classe trabalhadora, dos movimentos sociais populares do campo e da cidade, de muitos outros sindicatos e de todas as pessoas de boa vontade. Está se construindo em Minas um sentimento e um compromisso que grita “mexeu com os professores, mexeu comigo...” E por extensão: “Mexeu com Sem Terra, com atingidos por barragens, com as mulheres vítimas de violência e do machismo, com os homossexuais, com os negros, com os trabalhadores da saúde, com os carteiros ..., mexeu comigo, melhor dizendo, mexeu com todos nós.”

Ao conclamar os milhares de professoras/res e apoiadoras/res que participavam da Assembleia Geral para juntos, de mãos erguidas, com fé e esperança, rezarmos um Pai Nosso, a oração da fraternidade, refletimos: O tempo mudou. Está nublado. Uma chuva de justiça está sendo conquistada na luta. A fome e a sede de justiça nos levam a lutar até a conquista do Piso salarial Nacional, Lei Federal 11.738/08. A luz e a força divina do Deus da vida brilham em todos que lutam por respeito à dignidade humana também na educação. Acorrentados estão não só os 40 professores que ficaram o dia inteiro amarrados na Praça Sete. Os mais de 200 mil professores de Minas estão lutando para quebrar as correntes invisíveis que os acorrenta: salários injustos e péssimas condições de trabalho. Sem piso, as/os educadoras/res ficam no ar. Não dá para ter paz de espírito e desempenhar uma missão tão nobre que a de educar os futuros adultos.

Há várias passagens bíblicas que podem nos inspirar. Por exemplo, quando estava oprimido pelo império dos faraós no Egito, após amargarem uns 500 anos de opressão, sob a liderança das parteiras (Movimento de mulheres), o povo resolveu fazer desobediência civil e religiosa. Não obedeceram a um decreto de um faraó que mandava matar os meninos no momento do nascimento. Tornou, assim, possível o nascimento de Moisés e de tantas outras crianças revolucionárias. O povo partiu para a liberdade. Quando chegou diante do mar vermelho, houve um impasse. Na frente, o mar; detrás, tropa de choque do Faraó, querendo trazer o povo de volta para o cativeiro. Moisés, Mirian, as parteiras e as mulheres educadoras bradaram ao povo que hesitava: não tenhamos medo! Nenhum passo atrás! Vamos dar um passo adiante! O povo deu um passo adiante, o mar vermelho se abriu e o povo partir para a liberdade. O medo foi vencido pelo povo que lutava unido e organizado. Povo que tinha fé no Deus da vida, fé em si mesmo e nos pequenos.

Deus disse a Moisés: pegue esta cobra pela cauda. Moisés vacilou. Deus insistiu. Moisés adquiriu coragem e pegou a cobra pela cauda. A cobra se transformou num bastão, com o qual Moisés bateu no mar e o mar se abriu, bateu na rocha e dela saiu água. Assim aconteceu com Moisés, com Arão e com tantos do passado. Assim, o que era obstáculo se transformou em instrumento de libertação. O que parece impossível à primeira vista se torna possível quando se luta com fé e firmeza.

É hora de seguirmos o exemplo de tantos, de perto e de longe, do passado e do presente. Os bombeiros do Rio de Janeiro, mesmo encurralados pela tropa de choque, preferiram ser presos em número de 430, mas não desistiram da luta. Estão conquistando palmo a palmo seus direitos. O pequeno grupo de Sierra Maestra, sob a liderança de Fidel Castro e Che Guevara, conseguiu derrubar a ditadura de Fulgêncio Batista e construir uma sociedade socialista. As madres da Praça de Maio, em Buenos Aires, entraram para a história. Conquistaram o julgamento e prisão de muitos generais que torturaram e desapareceram seus 30 mil filhos. Os povos da Bolívia, do Paraguai, da Venezuela e ... meteram o pé no barranco e estão transformando seus países, construindo justiça social.

É uma injustiça que clama aos céus o Governo de Minas (PSDB + DEM) pagar como vencimento básico somente 369,00 para professora de nível médio por 24 horas; somente 550,00 (quase 1 salário-mínimo) para professor/a que tem um curso universitário e só agora, pressionado, prometer pagar só 712,00 (só a partir de janeiro de 2012) para todos os níveis, inclusive para educador/a com mestrado e doutorado. Insistir em política de subsídio é continuar tratando a educação como mercadoria e matar a conta-gota a categoria dos professores. Será que vão querer, em breve, privatizar também a educação de 1º e 2º graus?

E o cumprimento da Lei Federal 11.738/08? Essa lei prescreve piso salarial de 1.187,00, segundo o MEC[2] e 1.591,00, segundo a CNTE[3]. O STF já definiu que piso salarial é vencimento básico. Logo, os artifícios e sofismas que tentam driblar a lei são mentiras. O vencimento básico (piso) de um policial civil é 2.141,00. Mesmo assim, os 9 mil policiais de Minas estão na iminência de retomar o estado de greve porque reivindicam, entre tantos direitos um salário em torno de 4.000,00, o que é justo. Os mais de 30 mil trabalhadores do setor de saúde também estão na iminência de entrar em greve.

O governo de Minas diz que não tem dinheiro para pagar o piso nacional. Isso não convence, porque há montanhas de dinheiro para se construir obras faraônicas – Cidade Administrativa e “estrutura para a COPA” – e para o agronegócio. As mineradoras, por exemplo, são praticamente isentas se impostos, pois, com a Lei Kandir, exportam as montanhas de Minas (trens e mais trens abarrotados de minério), dizimam as nascentes de água e não deixam quase nada de impostos para o Estado.

Enfim, obrigado professores que obstinadamente seguem lutando, em greve, há mais de 100 dias. Vocês estão nos dando uma grande aula de cidadania e estão ajudando a reunir todos os segmentos marginalizados pelo jeito neoliberal-empresarial de governar. Minas Gerais e Belo Horizonte não são empresas. A prioridade na gestão pública deve ser o povo e não o capital.



[1] Frei e Padre Carmelita, mestre em Exegese Bíblica/Ciências Bíblicas, assessor da CPT, CEBI, CEBs, SAB e Via Campesina; e-mail: gilvander@igrejadocarmo.com.brwww.gilvander.org.br – facebook: gilvander.moreira – www.twitter.com/gilvanderluis".

229 comentários:

  1. É isso ai companheiros a GREVE continua, deixe esse desgoverno sapatiar e dá suas birras com suas idéias mirabolantes e esdrúxulas, ele que perca suas noites de sono e nós na nossa humildade ( humildade sim pelo pagamento dessa mixaria que é o piso salarial)vamos continuar na luta até VITÓRIA.

    Abraços e forças

    Cláudia

    ResponderExcluir
  2. Comentario do jornal o tempo
    V.L
    Pera la o papel o do MP é de defender o povo ou de engraxate das botas do governo. Já levou uma lamprada do juiz e quer levar adiante essa idéia de que a greve é ilegal? Cadê a independência deste ministério?

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente, por motivo de força maior (sempre em nossos corações a doce e terna Angelina viverá), não pude ir à nossa Assembleia hoje, mas quero parabenizar cada um dos guerreiros e das guerreiras que compareceram e deram o seu voto a favor da justiça e do direito.
    O Piso é lei! Temos um Plano de Carreira descente! Nenhum político poderá nos roubar isto!
    Força na luta! Com a graça de Deus venceremos!

    ResponderExcluir
  4. o jornal nacional divulgou que os professores revindicam 1.590 como piso mais vantagens.mais uma mentira temos direito de retratação. vamos firmes a verdade sempre vence. parabéns a todos força e fé.Que Deus abençõea todos .Tenho orgunho de minha categoria. De você Euler ,da Bia e de todos guerreiros e guerreiras das Minas gerais. Forte abraço.

    ResponderExcluir
  5. Gente, precisamos fazer faixas e cartazes com os nomes desses Deputados que são pagos com o nosso dinheiro para trabalhar a favor do governo e não para o povo, o Deputado Duarte Bechir ( puxa saco de marca maior) para ele a educação está uma maravilha, Timotim é o melhor governador do Brasil, essa coisa é de qual região de Minas? Vamos lá companheiros da região desses traidores colocar a boca no trombone e denunciar essa cambada, lembrando SEMPRE que eles são eleitos com os nossos votos e temos família que votam e na época das eleições fazermos campanha contra.

    Força gente, não podemos desanimar a hora é agora o bonde está passando e não podemos perde-lo, não existe vitórias sem luta.

    Abraços fraternos,

    Ana Lúcia

    ResponderExcluir
  6. Professor Euler, gostaria que você explicasse uma coisa, se o projeto de lei do governo for aceito pelos deputados e o stj obrigar o governo a pagar o piso, mesmo assim o professor não terá mais o plano de carreira?

    ResponderExcluir
  7. GENTE, PRECISAMOS DE MUITA GENTE AMANHÃ NA RECEPÇÃO À PRESIDENTA!!!
    Senão, seremos ignorados.
    Qual o horário mesmo?

    ResponderExcluir
  8. Gente, hoje os colegas do interior já fizeram seu papel, amanhã é com a gente da capital e cidades vizinhas.
    NÃO VAMOS DECEPCIONAR NA RECEPÇÃO À PRESIDENTA.

    ResponderExcluir
  9. nãp podemos perder essa oportunidade de todos os que foram na assembleia e mai quem não foi ir amanha receber a presidente dilma e mostrar a ela que mineiro não come quieto não.

    vamos todos amanha na inauguração do relogio fazer manifestações. quero ver a cara do anesteazia.

    vamos ganhar essa batalha mas para isso temos que ir amanha no relogio ca copa(grande coisa esse relogio) e não podemos perder a oportunidade de na terça feira fazer nossa assembleia la na almg.

    abraços e força na peruca.....

    ResponderExcluir
  10. Bravos guerreiros,
































































    Caros,
    guerreiros, como dizia o poeta Tiago de Melo quando no exílio, mais ou menos assim:
    Faz noite é escuro mas mesmo assim eu canto
    É madrugada ainda escuro mas mesmo assim eu canto...
    logo virá o amanhecer...
    Sim virá o amanhecer...
    Deus é justiça e Nele há muitos e muitos amanheceres. Há Nele luz e a esperança jamais se finda!
    Todo tirano por causa dos trovões de injutiça que bombardearam os céus caíram prostrados, envergonhados e malfadados diante do poder Daquele que jamais rejeita a causa dos oprimidos. Não vai tardar. Então vamos juntos, de mãos dadas e não nos dispersemos. Não nos dispersemos! Um abraço carinhoso, cheio do verdadeiro amor do Deus que nunca falha. Beijo no seu coração de guerreiro. A fé de fato remove montanhas.

    ResponderExcluir
  11. Este projeto de lei que está sendo votado na Almg, se é bom, se é ruim, nào importa o que ele é, pois ele só será aplicado para os servidores do subisidio.

    Para os servidores que estão e permanecerão na carreira(não querem fazer voto de pobreza eterna), o que vale é o piso sendo aplicado na carreira vigente.
    Sebastião de Oliveira

    ResponderExcluir
  12. Boa noite guerreiros.

    Meu Deus, contra esse desgovernador só encontro uma palavra: INDIGNAÇÃO!
    E uma pergunta: Até quando?
    Até quando a injustiça irá suplantar a justiça nesse país?

    FIRMES, CONTRA TUDO E CONTRA TODOS, ATÉ NOSSA VITÓRIA, AFINAL, NÃO SOMOS QUALQUER UM, SOMOS DO NDG - E NÃO É NÚCLEO POLÍTICO NÃO, COMO QUEREM ALGUNS JORNALISTAS POR AÍ - SOMOS UM GRUPO IMPLACÁVEL E OBSTINADO COM A VERDADE E A JUSTIÇA!!!

    Izabel/Geografia

    ResponderExcluir
  13. Infelizmente, temos alguns colegas de profissão que optaram pelos R$300,00 fáceis e somente imediatos do subsídio. Mas, estou orgulhosa por ter companheiros tão fortes. CEM dias de GREVE!!! Continuemos firmes, companheiros incansáveis, indestrutíveis! Vamos na LUTA, até o PISO!!! Um grande abraço para os combatentes de João Monlevade, e para o parceiro Buião, de São Domingos do Prata! (Cida Ribeiro - São D. do Prata)

    ResponderExcluir
  14. Caros companheiros do NDG, infelizmente não posso ir as assembleias em BH, por motivo pessoais que me impedem de ausentar grandes distancias de minha casa, mas estou com todos em coração, ligo para o sindicato para saber o resultado, consulto sites e jornais na net, e claro a melhor fonte de informação o "blog do Euler".

    Os próximos dias serão decisivos para Nós, força a todos e claro que o que queremos é certo, legal e justo - nada a mais que isto.

    UNIDOS VENCEREMOS - POIS SOMOS UM SÓ - UM ENORME GIGANTE.

    FORÇA à todos e parabéns ao Euler, continue sendo uma ótima fonte de informação, apoio e solidariedade em nossa luta.

    ResponderExcluir
  15. Hoje recebi um email do sinpromg manifestando apoio ao movimento do professores do estado. No site desse sindicato http://www.sinprominas.org.br/home/default.aspx tem um manisfesto com formulário de adesão.

    ResponderExcluir
  16. Boa noite a todos;

    100 DIAS,
    SEM JUSTIÇA;
    SEM DIGNIDADE;
    SEM VERDADE;
    SEM RESPEITO;
    SEM MPE;
    SEM OAB;
    SEM CUT;
    SEM CNTE;
    SEM PRESIDENTA;
    SEM GOVERNADOR;
    SEM NADA;

    MAS CEM ESPERAÇAS (OU MILHÕES?)

    Izabel/Geografia

    ResponderExcluir
  17. GRAÇA

    Boa noite Prof Euler,

    Aguardava seu retorno para ler a decisão da Assembléia, uma vez que a imprensa insiste em omitir a realidade.Não há como encerrar a greve sem a conquista do piso para toda a categoria. Preocupante a atuação dos deputados, pelo visto uma vez mais, votarão contra os educadores.Oposição é minoria, infelizmente. Preocupante tb o fato que a greve não foi julgada legal como se noticiou.
    OTEMPO:http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=129681

    O Ministério Público entrou nesta quinta-feira (15) com com uma ação no Tribunal de Justiça de Minas Gerais pedindo a ilegalidade da greve dos professores da rede estadual, que já dura 100 dias. O pedido contra o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE) foi recebido pela 2ª Instância e entregue ao desembargador Roney Oliveira. Como o pedido é em caráter liminar, o magistrado pode decidir a qualquer momento se vai mandar suspender o movimento.

    Uma ação civil pública já havia sido encaminhada anteriormente pelo Ministério Público à 2º Vara Cível da Infância da Juventude, com base no ECA - Estatuto da Criança e Adolescente -, já que os alunos estão sendo prejudicados com o número de dias sem aula. O processo, de número 11-052.610-0 foi extinto pelo juiz Marcos Flávio Lucas Padula, sob alegação que não seria competência da vara da Infância da capital julgar uma ação referente a uma greve de âmbito estadual. o juiz não considerou o movimento ilegal, como pedia o MPE, mas também não declarou a greve legal.

    Clique aqui e leia a decisão do juiz, postada no site do Sind-UTE.
    http://www.sindutemg.org.br/novosite/files/sentenca-ACPMPxSINDUTE.pdf

    ResponderExcluir
  18. Manifesto de apoio à greve

    Professores de escolas particulares fazem manifesto em apoio à greve na rede pública
    Professores de escolas particulares de Minas Gerais fizeram um manifesto em apoio à greve na rede estadual de ensino. "Por acreditar que a luta pela valorização dos professores deve ser abraçada por todos aqueles preocupados com a qualidade da educação, reiteramos nosso apoio à greve da categoria".

    No próximo dia 20/9, será realizado um ato público, em Belo Horizonte, em defesa da educação em Minas Gerais, no qual os professores vão reafirmar o apoio ao movimento e entregar o manifesto.

    Para aderir ao manifesto de professores da rede privada, basta enviar um email com nome completo para contato@sinprominas.org.br ou preencher o formulário abaixo.

    ResponderExcluir
  19. Este projeto de Lei que está sendo votado na ALMG só será aplicado para os servidores do subisídio.

    Para os servidores da carreira que permanecerão nela(não querem fazer voto de pobreza eterna), será aplicado o Piso na carreira vigente, pois ela não foi modificada.

    Os servidores em greve se não recuar, aguentar firmes na luta, mesmo que o Governo coloque em prática suas ameaças, a conquista da implantação do Piso sem necessidade de recorrer a Justiça, em breve vai acontecer.
    Sebastião de Oliveira

    ResponderExcluir
  20. UAI GENTE, O PIG,PARTIDO DA IMPRENSA GOLPISTA(globo),como diz o P.H.Amorim,noticiou,hoje, que o menor piso de minas é 1.100,00. Tem alguém nos roubando,temos que cobrar,voces não acham?????

    até a vitória/José Henrique

    PS.Acabei de ouvir um entrevista da gazzola,no CBN total,para o Brasil inteiro,ela estava bastante arrogante,dizendo"eu contratei,eu vou contratar,eu,eu,eu',o que aconteceu com esta dona???

    ResponderExcluir
  21. oi gente,
    Enviei agora um email a todos os meus contatos pedindo que eles nos ajudem a cobrar os nossos deputados através de emails. Gostaria de sugerir que todos que puderem façam o mesmo. Vou colar meu email aqui como sugestão.
    Força e abraços
    Renata

    oi gente,

    A briga pelo piso continua.
    O Anastasia mandou o projeto que iguala o piso do professor com nível médio ao do professor com graduação e não valoriza o tempo de serviço. Na Assembleia o deputado Rogério Correia propos uma emenda ao projeto que faz a lei estadual de Minas ser respeitada, ou seja, que o professor de graduação curta ganhe 22% a mais que o professor com Ensino Médio e assim sucessivamente.
    Agora precisamos contar com a coragem dos deputados da base do governo para que aprovem a emenda. Haverá na terça uma audiencia pública na qual a maior parte dos deputados irão se manifestar, até agora os deputados que votaram contra a emenda são os 8 primeiros da lista abaixo.

    Queria pedir aos que creem que orem para Deus quebrantar o coração dos nossos nobres deputados, como já citou o Frei Gilvander:
    “Vejam o salário dos trabalhadores que fizeram a colheita nos campos de vocês: retido por vocês, esse salário clama, e os protestos dos trabalhadores chegaram aos ouvidos do Deus da vida... Vocês condenaram e mataram o justo.” (Carta de Tiago 5,4.6).
    Os deputados abaixo são os principais apoiadores do Anastasia e ele conta com eles para achatar a carreira dos professores, mas Deus pode faze-los votar independente dos cargos e favores.

    Queria pedir também que você peça apoio aos deputados. você pode mandar emais individuais a cada um deles clicando no nome deles, ou se preferir entrar neste link
    http://www.almg.gov.br/index.asp?grupo=fale_assembleia&diretorio=misc&arquivo=fale_deputados
    e mandar um email para todos os deputados. Ao pressionar os deputados você estará certamente ajudando a construir uma educação melhor. Eles precisam saber que o povo mineiro está de olho neles.

    Muito obrigada e abraços

    Renata


    1) Fred Costa - (PHS)
    2) Célio Moreira - (PSDB)
    3) Gustavo Corrêa - (DEM)
    4) Sebastião Costa - (PPS)
    5) Duarte Bechir - (PMN)
    6)Bonifácio Mourão - (PSDB)
    7)Cássio Soares - (PRTB)
    8)Rômulo Viegas - (PSDB)
    9)Luzia Ferreira - (PPS)
    10)João Vítor Xavier - (PRP)
    11)Ana Maria Resende - (PSDB)
    12)Anselmo José Domingos - (PTC)
    13)Arlen Santiago - (PTB)
    14)Bosco - (PT DO B)
    15)Carlos Mosconi - (PSDB)
    16)Dalmo Ribeiro Silva - (PSDB)
    17)Deiró Marra - (PR)
    18)Delvito Alves - (PTB)
    19)Dilzon Melo - (PTB)
    20)Dinis Pinheiro - (PSDB)
    21)Doutor Viana - (DEM)
    22)Fabiano Tolentino - (PRTB)
    23)Gustavo Valadares - (DEM)
    24)Jayro Lessa - (DEM)
    25)João Leite - (PSDB)
    26)Juninho Araújo - (PTB)
    27)Leonardo Moreira - (PSDB)
    28)Luiz Henrique - (PSDB)
    29)Luiz Humberto Carneiro - (PSDB)
    30)Marques Abreu - (PTB)
    31)Neider Moreira - (PPS)
    32)Neilando Pimenta - (PHS)
    33)Zé Maia - (PSDB)
    34)Tiago Ulisses - (PV)
    35)Antonio Lerin - (PSB)
    36)Duilio de Castro - (PMN)
    37)Hely Tarqüínio - (PV)
    38)Rômulo Veneroso - (PV)
    39)Antônio Carlos Arantes - (PSC)
    40)Antônio Genaro - (PSC)
    41)Doutor Wilson Batista - (PSL)
    42)Délio Malheiros - (PV)
    43)Fábio Cherem - (PSL)
    44)Hélio Gomes - (PSL)
    45)Inácio Franco - (PV)
    46)Liza Prado - (PSB)
    47)Pinduca Ferreira - (PP)
    48)Romel Anízio - (PP)
    49)Rosângela Reis - (PV)

    ResponderExcluir
  22. GRAÇA:

    O EPISODIO DA GREVE
    Sylo Costa

    Nesse episódio da greve do magistério estadual, tudo leva a crer que já passou o tempo em que os contendores poderiam chegar a um consenso. A corda ficou muito esticada...


    Um pensamento chinês diz que, na vida, três coisas não têm volta: a flecha lançada; a palavra pronunciada e a oportunidade perdida! Pois bem, a flecha foi lançada quando o governo, sem consenso, mandou a mensagem para a Assembleia jogando assim o problema para os deputados resolverem. Todo mundo sabe que deputado não é nenhum doido para votar contra o governo...

    E eu não tiro a razão deles não. Já estive lá muitos anos e sei o peso da caneta do poder cuja tinta tem as cores da vaidade de Narciso. Durante minha vida pública, vi e assisti a muitas greves e, em todas elas, um só motivo: aumento ou correção salarial. Depois de tanto tempo de paralisação, penso que todas as palavras foram pronunciadas e não surtiram efeitos, então, todas as oportunidades foram também perdidas.

    Desta vez, apesar de os argumentos de ambos os lados serem os mesmos, fica difícil para o governo falar em falta de recursos para atender às reivindicações do funcionalismo. Depois do dinheiro gasto com pelo menos duas "desnecessidades", como são a Cidade Administrativa e a reforma do Mineirão, fica difícil acreditar na falta de recursos...


    No acordo feito entre o governo do Estado e o Sind-UTE, no ano passado, foi criada uma nova carreira para os profissionais de educação pelo regime de subsídio em parcela única. (Muita gente do PT, principalmente o hoje ministro da Defesa, fala "subzídio", me dá uma agonia quando escuto isso...)

    Será por que o governo usa o regime de subsídio para pagamento dos profissionais de educação? Diz o artigo 39 § 4° da CF que subsídio é forma de remuneração de membros do poder, detentores de mandatos eletivos, ministros de Estado e secretários estaduais e municipais. Todos os outros funcionários públicos recebem vencimentos e, se aposentados, proventos. De onde terá saído essa invenção? Sei não, mas tudo isso vai passar, e vai ficar tudo como está, até que o povo, senhor da razão, aprenda a votar.

    http://www.otempo.com.br/otempo/colunas/?IdColunaEdicao=16361

    ResponderExcluir
  23. Pessoal veja só o que saiu no Jornal Nacional sobre o piso salarial!
    http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2011/09/greve-dos-professores-da-rede-estadual-de-mg-completa-100-dias.html

    O governo de Minas propôs duas formas de remuneração para uma jornada de 24 horas semanais. O modelo, antigo, vencimento básico e gratificações, a partir de R$ 1.100. A outra é o subsídio, que seria salário de pelo menos R$ 1.320.

    SE A PROPOSTA FOSSE REALMENTE A PARTIR 1.100,00 DE PISO MAIS GRATIFICAÇÕES, COM CERTEZA JÁ TERÍAMOS VOLTADO PARA A ESCOLA HÁ MUITO TEMPO!!
    É MUITO DESCARADO!!

    ILZA - VIRGOLÂNDIA

    ResponderExcluir
  24. Companheiro Euler, divulgue, se possível, o vídeo de apoio do prof. José Paulo Netto a nossa greve:

    http://www.youtube.com/watch?v=2MXLMiubNoU

    ResponderExcluir
  25. Parabéns a todos vocês!
    o país Precisa de mais gente como vocês guerreiros
    professores,a cada dia que passa presenciamos uma classe de polítícos que se sentem donos dos estados, do país!
    tem dinheiro sobrando para tudo!(copa do mundo,pagar seus elevadíssimos salários e outras coisinhas mais), mas quando se trata da saúde, educação e segurança pública!nunca tem dinheiro! diga se de passagem que apenas a grande população necessita desses serviços públicos,uma vez que os de cima não utilizam desses serviços públicos.Nós somos massacrados a cada dia por aqueles que governam esse país!
    cadê o dinheiro do meu ipva, iptu,e milhares de impostos que se criam a cada dia!!!
    temos que acordar, e como vocês professores dizer um não a esses nossos governantes,que deveriam administrarem os nossos impostos ,distribuir e aplicar essas rendas para a sociedade, e não para sucatear a nossa educação, a nossa saúde, a nosso segurança!
    isso é só um desabafo,estou cansada de ser assaltada todos os dias por esses que se dizem governantes e representantes do povo!
    que DEUS abençõe a todos nós.

    ResponderExcluir
  26. Vai aí a ultima reportagem de ana lucia gazola :
    MG vai contratar 12 mil professores substitutos por causa da greve, que completou 100 dias - CBN: http://glo.bo/nx56pR

    ResponderExcluir
  27. GREVE EM MINAS 100 DIAS - Gazzola x Beatriz, vale a pena ler e comentar. Pois a greve e noticia nacional. Piso e lei. http://noticias.uol.com.br/educacao/2011/09/15/governo-de-mg-diz-que-greve-de-professores-e-politica-paralisacao-ja-dura-quase-100-dias.jhtm

    GREVE EM MINAS GERAIS 100 DIAS - Enquanto no RIO GRANDE DO SUL O Ministério Público cobra o PISO, em Minas, pede para GREVE ser ilegal.
    há 2 segundos

    Em MINAS GERAIS, já somam quase 10 mil ações no TJMG de professores cobrando o PISO cada ação custa R$ 900,00 governo de minas esta podendo.

    ResponderExcluir
  28. COLEGAS EDUCADORES,
    - Deu "a louca" no mundo???!!!
    Esse tal Governador CID GOMES é O EXPOENTE MAIOR da INSENSATEZ. Confiram:


    Declaração do governador Cid Gomes revolta professores do Ceará

    Os professores da educação básica pública do Ceará estão profundamente indignados com as declarações do governador Cid Gomes. Em recente entrevista à imprensa, o governado repetiu o que já havia afirmado em encontro com trabalhadores do Estado. “Governador, prefeito, presidente, deputado, senador, vereador, médico, professor e policial devem entrar, ter como motivação para entrar na vida pública, amor e espírito público. Quem está atrás de riqueza, de dinheiro, deve procurar outro setor e não a vida pública".

    Juscelino Linhares, secretário geral do Sindicato dos Professores e Servidores no Estado do Ceará (APEOC), durante participação da reunião do Conselho Nacional de Entidades (CNE) realizada em Brasília nos dias 1 e 2 de setembro, afirmou que a declaração do governador foi infeliz. “O governador faltou com respeito conosco. Nós damos aula por amor e compromisso pela escola pública, mas temos que cumprir com nossas responsabilidades como cidadão, alimentar nossa família. Sem salário digno não temos como fazer isso.

    Em greve desde o dia 5 de agosto, os professores foram surpreendidos com a decisão do desembargador Emanuel Leite Albuquerque que decretou a greve ilegal. No dia 2 de setembro, o Sindicato apresentou ao Tribunal de Justiça do Estado o recurso de Agravo Regimental, requerendo a reforma da decisão que ordenou a suspensão da greve.

    Para cada dia de descumprimento da decisão, o Sindicato terá de pagar R$ 10 mil. Os professores que não voltarem às salas de aula no prazo terão seus pontos cortados e em 30 dias podem ser processados por abandono de emprego. Até decisão final, os professores permanecerão em greve. (CNTE).

    Gente, gente, gente: - Onde estão a PRESIDENTE DILMA e o LULA em tudo isso?
    - Onde estão a PRESIDENTE DILMA e o LULA em tudo isso???
    - Onde estão a PRESIDENTE DILMA e o LULA em tudo isso??? (ELEITOS PRINCIPALMENTE PELOS NORDESTINOS).
    Gente, a DITADURA está voltando.
    - Presidente Dilma, V. Exª vai permitir isso???
    Por isso, EDUCADORES DE MINAS GERAIS, o encontro BEATRIZ/DILMA se faz MAIS DO QUE NECESSÁRIO e URGENTE.
    FORÇA NA LUTA!!!
    MINAS TEM A OBRIGAÇÃO DE
    EXCOMUNGAR ESSA BANDIDAGEM DOS PODRES PODERES!!!

    ResponderExcluir
  29. companheiro Euler o depultdo BOSCO É UM INIMIGO DA EDUCAÇÃO.DEVEMOS DENUNCIAR TODOS QUE ESTão contra a qualidade da educação pública de qualidade. E contra o povo e a justiça. Amo o que faço e não fraquejarei jamais diante a injustiça. Fotça na luta,Deus está do nosso lado. Tudo vai dar certo ,com fé em Deus. Abraços fraternos

    ResponderExcluir
  30. O que foi feito hoje depois da assembleia? Mais uma passeata? Quando vamos fazer algo realmente pra fazer o chão de Minas tremer como diz o Euler?

    ResponderExcluir
  31. Temos que desmascarar esses canalhas em suas bases eleitorais. Alguém dessa região tem de denunciar esse crápula do Duarte Bechir. Veja onde ele conseguiu os votos na última eleição.

    Campo Belo 15.890
    Candeias 2.781
    Santo Antônio do Amparo 2.146
    Jesuânia 1.761
    Perdões 1.533
    Cana Verde 1.307
    Lambari 1.145
    Santana do Jacaré 1.142
    Cristais 1.103 100,00% 7.994 21,20%
    Aguanil 1.001

    ResponderExcluir
  32. O cupincha do Sebastião Costas conseguiu seus votos assim:
    Manhuaçu 4.909
    Inhapim 3.515
    Divino 2.676
    Espera Feliz 2.403
    Carangola 2.212
    Orizânia 1.919
    Palmópolis 1.449
    Joaíma 1.326
    Caparaó 1.305
    Abre-Campo 1.301
    São Domingos das Dores 1.272
    Dom Cavati 1.219
    Mutum 1.175
    Carlos Chagas 1.133
    Belo Horizonte 1.124
    Matozinhos 1.039
    Vamos atacá-los nas bases desde agora porque o povo tem mesmo memória curta. Euler, arrume um lugar na net aí pra colocarmos os INIMIGOS DA EDUCAÇÃO e também os AMIGOS. Temos que mostrar para os outros deputados que não vamos nos esquecer.

    ResponderExcluir
  33. Grande Euler, cabe retratação, temos que lutar por uma retratação em horário nobre. Cadê os advogados do sindicato? Temos que agir mais. E Brasília? Entendo que esta mesma massa de pessoas que estavam hoje na assembléia tinha que estar amanhã recepcionando a Dilma. Temos que fazer barulho. Força na luta.

    ResponderExcluir
  34. Que tal fazermos uma nota de repúdio à imprensa mineira? Isso é possível?

    ResponderExcluir
  35. AÉCIO NEVES
    ACORDA,JÁ PASSOU DA HORA DE VOCÊ TOMAR PARTIDO E FICAR A FAVOR DOS EDUCADORES DE MINAS.
    NÃO ESQUEÇA QUE O PLANO DE CARREIRA FOI IMPLANTADO DURANTE A SUA GESTÃO COMO GOVERNADOR.
    ACORDA.
    AFINAL VOCÊ É UM POLÍTICO INTELIGENTE.

    ResponderExcluir
  36. GREVE EM MINAS 100 DIAS - VIDEO ABAIXO MOSTRA A QUE PONTO CHEGOU A GREVE EM MINAS. VALE A PENA VER.

    http://www.youtube.com/watch?v=R5D9FXV4vVE

    ResponderExcluir
  37. Política remuneratória da Educação está pronta para o Plenário

    "o projeto não atende à vontade dos grevistas e vem sendo aprovado nas comissões de forma truculenta"

    http://www.almg.gov.br/not/bancodenoticias/Not_862499.asp

    ResponderExcluir
  38. E o STF com a palavra final ,tá demorando muuuuuuuuuuito,será que bandiou tbém?

    ResponderExcluir
  39. Esse jurídico do sindicato está muito moroso,queremos atitudes ,mostram serviços e sua competência.Está deixando passar muitas oportunidades das quais iremos lamentar depois.Vamos fazer as leis serem cumpridas,pra isso vocês se formaram.Tá difícil mais vamos conseguir!

    ResponderExcluir
  40. Boa noite companheiros

    GREVE DOS 100 DIAS
    em rede nacional
    http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2011/09/greve-dos-professores-da-rede-estadual-de-mg-completa-100-dias.html

    Eliana França pelo facebook

    abraços
    Juntos venceremos

    Gleiferson Crow
    LEIA: o Jornal do José Elias Issa
    http://leiajeissaeemg.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  41. Oi Euler !!!

    Gostaria de pedir a algum representante do sindicato de Ouro Preto que junte uma turma animada e percorra as escolas que estão funcionando como se nem existisse greve dos professores. Tive notícias de duas escolas do distrito de Ouro Preto (Antônio Pereira) que está com funcionamento normal. Que vergonha!!! Vamos gente alguém precisa ir lá e chamar esse povo pra realidade...

    ResponderExcluir
  42. SÓ A TÍTULOD DE INFORMAÇÃO

    O desembargador Roney Oliveira para quem o pedido contra o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE) foi remetido, ontem, já foi PROFESSOR vejam:

    CARGOS OCUPADOS NO MAGISTÉRIO

    Professor de Português e Literatura Luso-Brasileira no curso normal da E.E. "Dr. Adalmário José dos Santos; Lajinha/MG - 1996;

    Professor e Diretor do Ginásio Divinense e da Escola Divinense de Ensino Normal;

    Professor de Direito Processual Penal - Faculdade de Direito de Sete Lagoas/MG;

    Professor de Direito Civil - Faculdade Mineira de Direito da PUC/MG.


    Disponível em: http://www.tjmg.jus.br/institucional/desembargadores/curriculum/roneyoli.html Acessado em 16 de setembro de 2011.

    Esperamos que para além da LEI da qual se vai valer para dar seu parecer, também possa pela sua vivência durante um bom tempo em sala de aula, atente para as reivindicações de uma classe que um dia o magistrado também pertenceu e que, desde o seu tempo como educador, vem lutando por direitos sempre postergados ou extirpados!

    EDUCADORA MINEIRA

    ResponderExcluir
  43. Será por que o governo usa o regime de subsídio para pagamento dos profissionais de educação? Diz o artigo 39 § 4° da CF que subsídio é forma de remuneração de membros do poder, detentores de mandatos eletivos, ministros de Estado e secretários estaduais e municipais. Todos os outros funcionários públicos recebem vencimentos e, se aposentados, proventos. De onde terá saído essa invenção? Sei não, mas tudo isso vai passar, e vai ficar tudo como está, até que o povo, senhor da razão, aprenda a votar.


    SERÁ EULER QUE NÃO BASTARIA ESS A PARTE PARA COLOCARMOS QUE TUDO ESTÁ ERRADO E QUE O MP TEM QUE FAZER O GOVERNO CUMPRIR A LEI ?????

    O STF VAI FICAR COMO NESTA PARTE DOS ACONTECIMENTOS ??? O STF JÁ ESGOTOU SUA PARTICIPAÇÃO ??? OU AINDA TEMOS MAIS OPORTUNIDADES DE VENCER O GIGANTE ????

    MANDE RESPOSTAS POR FAVOR ...

    ResponderExcluir
  44. Bravos guerreiros,
    penso que temos que atacar os deputados. Cada um de nós, se informar através do site do TRE MG, quantos votos esses carneiros do governo tiveram em nossas cidades e mandar -email para eles individualizados, dizendo o n° de votos que receberam na cidade (pegar os majoritários) e informá-los que seremos cabos eleitorais nas próximas eleições, caso votem contrário às emendas estaremos imprimindo ata de votação, gravando video da reunião e iremos de casa em casa relembrando pais e alunos do ocorrido esse ano que os nobres deputados são inimigos da educação e que por isso não devem votar neles. vamos deixar claro para eles que sabemos da s suas bases eleitorais e que se nos mobilizarmos nas redes sociais, no corpo a corpo, como temos feito, poderemos causar um estrago em seus planos de reeleição.
    Eu estarei fazendo isso, fica aqui a minha sugestão.
    consulta ao Tre:
    http://www.tre-mg.jus.br/aplicativos/html/ele2010/consulta.html?p={filtro:%22resultado-municipio%22,titulo:%22por%20Munic%C3%ADpio%22}

    ResponderExcluir
  45. Se eu fosse a Gasosa coloca sua barba de molho, pois quando essa greve acaba ela terá que procurar outro local porque ela não conseguiu acabar com a greve e cada declaração sai uma perola.
    Eu acho que é por isso se já notou pois tantas declarações infelizes essa greve está prorrogando pois qdo acaba Adeus Gazoza o quinto os infernos te aguarda
    Vamos a Vitória

    ResponderExcluir
  46. HBOA NOITE!!!!!!!!!!!Hoje não iremos sentáaa a PUA neles.Estão exaustos com julgamento do juiz,com o encontro de Bia e Hadade e apreensivos com o encontro que deverá acontecer entre Bia e apresidente Dilma. mas a mensagem vale à pena LER-Vá adiante.A marcha pesa e o trabalho é duro.Você se sente inconpreendido.As dores se acumulam e a tristeza visita o coração.No entanto,levante o pensamento.Enfrente a realidade com ideias claras,fortes e positivas.ÂNIMO!!!!!!!!!!!!!!Ponha os pés no chão,com segurança.MIRE o horizonte da TRANSFORMAÇÃO esinta-se FELIZ com aLUTA.AVANTE!!!!!!!!!!!!Você só descobre quando é CAPAZ em meio à LUTA mais DIFÍCIL.---------------(Lourival Lopes) Boas vibrações ,muita luz ,sabedoria e proteção espiritual para EULER, BIA,deputados e demais pessoas e/ou grupos que apóiam nossa luta e, claro, para todos nós que estamos em GREVE por acreditar em uma VITÓRIA de DIREITO,sem jogo sujo,uma vez que não nos intimidamos ao procurar ajuda ao DONO do UNIVERSO,a JESUS e à toda a falange do BEM.FÉ em DEUS e pé na taba!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  47. Com certeza com força,garra e luta conquistaremos
    o piso !! As palavras do Frei Gilvander mostra o quanto somos fortes.que Deus nos ilumine e nos dê a vitoria .

    ResponderExcluir
  48. Desta luta de mais de 100 dias vai ficar um aprendizado : a nossa luta não deve ficar concentrada somente nos períodos de greve . É uma luta diária contra esta estrutura de poder montada aqui nas Minas Gerais . A estrutura é formada pela máquina governamental , pela "grande" imprensa ( grande pelo poder econômico ), pelo Ministério Público , pela Justiça , pela Assembleia Legislativa , por prefeitos , vereadores e lideranças políticas regionais .
    Se esta estrutura se mantiver , dificilmente teremos vitórias.
    Vejam só os exemplos desta greve : resistimos por longo período mesmo sob diversas ameaças ; a direção do sindicato jogou limpo conosco e tem usado todas as armas para alcançarmos a vitória ; temos apoio de grande parte dos pais e de outros setores do funcionalismo público ;temos a nosso favor uma lei federal .Apesar disso tudo , o nosso inimigo , com o auxílio de seus aliados ,vem passando o trator para nos destruir .
    Derrotá-los não será tarefa fácil . Temos que nos estruturar melhor . Construir um aparato semelhante ao construído por eles .
    Devemos começar dentro das escolas , adotando uma postura mais crítica em relação às políticas e projetos educacionais do governo e derrotando os diretores alinhados com essas políticas , nas próximas eleições escolares .
    Em nível municipal , derrotar o grupo político local que apóia este governo nas próximas eleições municipais . Buscar a unidade do funcionalismo público , o apoio dos movimentos sociais e religiosos ; mostrar aos nossos "companheiros" que ser professor não é só ensinar conteúdos , fórmulas , preparar os alunos para o ENEM , é ensinar cidadania , é envolver-se politicamente , é buscar informações para tomar decisões autônomas.
    No quadro atual , a briga é muito desigual . De um lado uma robusta máquina passando por cima de tudo e do outro lado, "alguns" bravos guerreiros que sonham com uma Minas mais justa e democrática .
    A "máquina" aecista não se contentará em destruir nossa carreira e nosso piso ; ela quer destruir também nossa forma de organização que ameaça suas pretensões , e mostrar aos seus opositores como serão também tratados se manifestarem contrários a seu projeto político pessoal .
    Se tenho razão , eu não sei . Mas eu não quero ter razão , eu quero é ser feliz .
    Anderson - Pará de Minas

    ResponderExcluir
  49. Será que a Gazoza conversou demais na entrevista dela dizendo sobre os 1100,00?
    a gente tem que analisar na entrelinhas quem sabe essa e a proposta do governo que ele mandará para os seus emissarios?
    com isso a Gazoza irá para os quintos dos infernos pela boca.
    Boa noite a todos

    ResponderExcluir
  50. Euler,Boa Noite e que suas forças sejam sempre revigoradas para continuar nos informando sobre tudo aquilo que vem acontecendo nos bastidores deste cenario vergonhoso para um dos maiores e mais ricos Estado da nossa Federação que é Minas Gerais. Essa Greve é real, legal e justa. O que o Governo vem fazendo é imoral, e injusto. Trocar SUBSÍDIO por PISO é manobra para não acatar a LEI e para nos tomar o que adquirimos também por Lei. Aconteça o que acontecer mas não podemos mais continuar sob o domínio de Aécio, Anastazia E de muitos outros que tenham a mesma conduta com os educadores e a Educação de Minas.
    VAMOS DAR UM BASTA NAS URNAS AOS CORONÉIS E DITADORES QUE TEM SUFOCADO A NOSSA VOZ!!

    ResponderExcluir
  51. Palavras sábias do frei e padre GILVANDER" ...o momento agora não é de recuar!!!!!!!!!!é necessário que se dê um passo à frente!!!!!!!!!!!!..." Falta muito pouco a vontade deste PROJETO DE GOVERNADOR é que desistamos,ele afirma que se apertar nós entregaremos o "ouro". A melhor forma de vence-lo é desmenti-lo,para isso,basta prmanecermos em GREVE.Ah! preparem-se ,já é outro dia!!!!!!!!e,voltou a vontade de...sentáaaaa a PUA neles!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  52. AMIGOS E INIMIGOS.

    Vamos criar nossa lista de Deputados Amigos e Inimigos da educação:

    DEPUTADOS QUE APOIAM A DESTRUIÇÃO DE NOSSA CARREIRA:
    -Ana Maria Resende
    -Bosco
    -Cássio Soares
    -Duarte Bechir.
    -José Bonifácio Mourão
    -Rômulo Vegas
    -Sebastião Costa
    -Zé Maia



    DEPUTADOS AMIGOS DA EDUCAÇÃO:

    -Alencar da Silveira Jr.
    -Antônio Júlio
    -Carlim Moura
    -Délio Malheiros-
    -Durval Ângelo
    -Elismar Prado
    -Ilza – Virgolândia
    -Jô Moraes
    -Jose Henrique
    -Lisa Prado
    -Maria Tereza Lara
    -Padre João
    -Paulo Guedes
    -Rogério Correia
    -Sargento Rodrigues.
    -Saulo Souza Cruz
    -Sgto. Rodrigues
    -Ulisses Gomes.

    Obs: Teremos que aguardar os votos para ver quem realmente está do nosso lado.


    Se alguém souber de mais algum copie a lista e acrescente os nomes.

    Vamos garantir que os traidores nunca mais consigam vencer uma eleição aqui em Minas.

    ResponderExcluir
  53. Corrigindo... O Nome da Ilza foi por engano! rsrsrs

    AMIGOS E INIMIGOS.

    Vamos criar nossa lista de Deputados Amigos e Inimigos da educação:

    DEPUTADOS QUE APOIAM A DESTRUIÇÃO DE NOSSA CARREIRA:
    -Ana Maria Resende
    -Bosco
    -Cássio Soares
    -Duarte Bechir.
    -José Bonifácio Mourão
    -Rômulo Vegas
    -Sebastião Costa
    -Zé Maia


    DEPUTADOS AMIGOS DA EDUCAÇÃO:

    -Alencar da Silveira Jr.
    -Antônio Júlio
    -Carlim Moura
    -Délio Malheiros-
    -Durval Ângelo
    -Elismar Prado
    -Jô Moraes
    -Jose Henrique
    -Lisa Prado
    -Maria Tereza Lara
    -Padre João
    -Paulo Guedes
    -Rogério Correia
    -Sargento Rodrigues.
    -Saulo Souza Cruz
    -Sgto. Rodrigues
    -Ulisses Gomes.

    Obs: Teremos que aguardar os votos para ver quem realmente está do nosso lado.

    Se alguém souber de mais algum copie a lista e acrescente os nomes.

    Vamos garantir que os traidores nunca mais consigam vencer uma eleição aqui em Minas.

    ResponderExcluir
  54. Olá pessoal, eu gostei da moça da CBN que fez a entrevista com a Gazola, não teria como mandar pra ela as duas tabelas de salários, a que esta na proposta do governo e a do piso proporcional que leva em consideração a escolaridade? E falar que dos 200 mil profissionais que tivera a opção de escolha entre o subsídio e o piso salarial, 153 mil escolheram o piso.

    ResponderExcluir
  55. NDG de plantão

    Amigos e companheiros, hoje recebi este comentário
    no vídeo sobre o nosso a nossa manifestação no coração da capital mineira, o ato Acorrentados no Pirulito da Pça Sete
    COMENTÁRIO:
    Núcleo duro da greve?? Governador, deixe de ser frouxo e corte os salários dos folgados. Se ainda não voltarem, demita-os.

    suspendbrid 4 horas atrás

    ______________________________
    __RESPOSTA____________________

    "Nós não temos que nos preocuparmos
    com o que as pessoas dizem da gente,
    mas o que iremos fazer com o que dizem pra gente." (Gleiferson Crow)

    Completarei minha fala, não com palavras que possam ofender, mas palavras
    que lhe faça pensar. Pois acredito que mesmo as pessoas amargas tem pureza e amor no coração,
    e tem mãe e pai, e que um dia possam ter filhos, afinal de contas não brotou de nenhum rincão do agreste, ou de nenhuma lapa;ou de um lago; ou do ôco de um pau. E ainda, foi concedido a vossa pessoa a oportunidade de aprender a LER, OUVIR e ESCUTAR, se isso não virou uma prática da vida diária, lamento.
    E deixo aqui as palavras da Excelência
    Marcos Flávio Lucas Padula (sobre a LEGALIDADE da nossa greve dos 100 dias)
    Juiz de Direito
    Vara Cível da Infância e da Juventude
    Comarca de Belo Horizonte
    Citação: http://leiajeissaeemg.blogspot.com/2011/09/greve-dos-100-dias.html

    “Os grandes responsáveis pelo progresso humano (___)são os bons mestres e as boas escolas. São eles que transformam crianças inteligentes em gênios, em líderes e benfeitores da humanidade. Sei que isso é um truísmo, uma obviedade, mas, infelizmente, o mundo parece não ver as coisas óbvias. Foram eles que, logo cedo, me despertaram uma vontade imensa de compreender e de transformar o mundo por meio da engenharia e da eletrônica. Com eles descobri como é importante pensar no lado humano de toda invenção ou avanço tecnológico.(___)Sempre me pergunto: por que não investimos muito mais em educação e na formação de bons professores?”

    vídeo
    greve 100 dias SOS educação MG NDG pca7
    BH set12 2011 sos
    http://www.youtube.com/watch?v=R5D9FXV4vVE

    Gleiferson Crow
    Professor, ser humano, ser pensante, eterno aprendiz
    Membro do NDG (Núcleo Duro da Greve)
    GREVE DOS 100 DIAS com muito orgulho

    --
    http://leiajeissaeemg.blogspot.com/ LEIA: o Jornal do José Elias Issa

    Abraço forte a todos e com muito orgulho!!!
    Unidos venceremos e com DEUS, as ALMAS e os BONS ESPÍRITOS do nosso lado

    Gleiferson Crow
    LEIA: o Jornal do José Elias Issa
    http://leiajeissaeemg.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  56. Amigos, cheguei tão cansada que adormeci na poltrona. Mas tão segura que tudo vai dar certo. Temos muito garra, muito sonho, muita luta. Não uma luta alicerçada na mentira, mas na realidade. Estamos de parabéns de novo. Que tarde maravilhosa. Que engrandecimento por estar junto a vocês. Espero que Deus proteja um por um. E que nossa vitória seja rápida a gente está merecendo essa alegria. Alguém viu o comentário de que o governador pediu a verba suplementar de dois bilhões e que a assembléia aprovou? E a secretaria falou em 1.100,00 será pessoal ? Vamos rezar.
    Com força e garra o piso sai na marra!
    Até a vitória companheirada linda. A aula hoje foi maravilhosa.

    ResponderExcluir
  57. Companheiros(as) de luta,

    Bom dia!

    Mais um dia para mostrarmos a nossa força. Ultrapassamos limites. Somos vencedores! Hoje,
    com força e com garra, vamos ajudar o ditadorzinho Anastasia a recepcionar a Dilma.

    E começar a contagem regressiva para a Copa.

    Quero lembrar aos companheiros, cruzeirenses, que o Perrela já está mostrando a cara como Deputado. Alguém esperava algo melhor? Eu não! Votou contra os educadores de Minas e a favor do projeto do ditador...
    Cuidado... ele vai pedir seu voto novamente, achando você um imbecil, alienado por futebol, cruzeirense doente.
    Está na hora de ligar pra ele, mandar e-mail e cobrar uma postura de representante do povo!

    Fiquemos firmes e até a vitória!

    ResponderExcluir
  58. Melhorias aos servidores da Educação

    O deputado Gustavo Valadares (DEM) acredita que o PL 2.355/11 corrige distorções na chamada Lei do Subsídio e traz melhorias aos servidores da Educação. A opinião dele é compartilhada pelo deputado Bosco (PTdoB). Para ele, ao contrário do que alegam os deputados do bloco de oposição, o diálogo tem acontecido e a Assembleia está votando as políticas públicas com responsabilidade. "Sabemos que o projeto não atende plenamente os pleitos dos educadores, mas é preciso reconhecer que houve avanços para a categoria", disse.

    Traidores da Educação:

    - Gustavo Valadares (DEM)
    Gustavo da Cunha Pereira Valadares
    Nascimento: 30/08/1977 - Belo Horizonte - MG
    Bacharel em Direito e empresário

    - Bosco (PT DO B)
    João Bosco
    Nascimento: 31/05/1966 - Araxá - MG
    Produtor agropecuário e bacharel em Direito

    ResponderExcluir
  59. Bom dia a todos! Acabei de ouvir a entrevista na Itatiaia, na qual a gambazinha falou que o sindicato não se preocupa com os jovens que estão sendo prejudicados pela greve, por isso "eu vou contratar".

    Eta imprensa de merda!

    Vânia Silveira.

    ResponderExcluir
  60. Marisa Karla-Governador Valadares16 de setembro de 2011 07:28

    Eul er,
    O texto do frei Gilvander é maravilhoso!
    Fiquei emocionada.Você sugeriu que façamos
    uma carta aberta aos colegas que estão nas
    salas de aula.Sugiro também, anexar este texto
    do frei Gilvander.É um texto que mexe com a
    nossa formação religiosa e política.Amei!
    Abraços,

    ResponderExcluir
  61. José Alfredo Junqueira16 de setembro de 2011 07:28

    Frei Gilvander,obrigado pelas sábias palavras e pelo grande apoio e incentivo.Confesso que meus olhos estão cheios de lágrimas,mas minha determinação e coragem estão duplicadas.Parabéns professores de Minas,estamos caminhando rumo à liberdade.Abaixo a escravidão!

    ResponderExcluir
  62. Quero só saber o que vai acontecer se este projeto for aprovado?? Este governo é muito pilantra, safado, e está roubando pelo menos 153 mil que optaram em estar na carreira antiga!! vamos todos ao twitter lotar com a rashtag #foraanastasia!!!

    ResponderExcluir
  63. Acho que estamos perdendo tempo em ficar parando o trânsito.Vamos mais longe,a Brsília!Naõ sei o que esperam.Quem quiser ir e tiver apertado façam campanha entre nós mesmos,vamos pedir aos deputados que pague o ônibus ,vamos ter atitudes diferentes,são sempre as mesmas.Se aqui nao estamos conseguindo nada,vamos tentar fora ou vamos chorar nossa derrota por espera demais!

    ResponderExcluir
  64. ACABEI DE OUVIR QUE O MP IRÁ JULGAR HOJE NOSSA GREVE ILEGAL.DE NOVO???? FORÇA E VAMOS EM FRENTE .

    ResponderExcluir
  65. Juiz Danilo Campos disparou para todos os lados em despacho

    O polêmico juiz Danilo Campos, da comarca de Montes Claros, no Norte de Minas, decidiu oficializar denúncias contra seus colegas de profissão, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o Ministério Público, a Receita Federal e até a Polícia Federal. Segundo ele, o Brasil é um grande produtor mundial de “laranjas”, os juízes são carreiristas e omissos e a OAB se assemelha a uma “pocilga”, não sendo capaz de limpar o próprio terreiro. Para Campos, as instituições, principalmente as ligadas ao Judiciário, são responsáveis pela corrupção no país. O desabafo foi oficializado em um despacho judicial assinado pelo magistrado no dia 22 de agosto.

    Campos se vê como minoria no mundo jurídico por ser, segundo ele, exemplo de honestidade. Ele acusou colegas de profissão de servirem a interesses pessoais. Para Campos, a representação da classe “tornou-se refúgio de magistrados carreiristas, que logravam o milagre de fazer da arriscada atuação sindical uma fonte perene de proveito para suas carreiras”. “Não é de se admirar que os tribunais tenham se convertido em zona franca da impunidade dos políticos, que mantendo com tanta perseverança o odioso foro privilegiado”, finaliza.

    Campos ficou conhecido nacionalmente quando, em 2009, ingressou com a primeira representação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra as promoções de juízes a desembargadores no Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Procurado, disse que assinou a manifestação de maneira consciente. “As instituições não funcionam.” Campos disse que exerce uma atividade perigosa, pois cumpre seu papel de denunciar os poderosos.

    ResponderExcluir
  66. Alencar da Silveira Jr é o maior safado que existe na assembleia. Ele só é amigo do dinheiro que ele recebe. Tenho o desprazer de conhece-lo muito bem.

    ResponderExcluir
  67. Bom dia!! Vamos acordar gente! São 8 da manhã e já tem professoracorrentado na pça da Liberdade! Bora pra lá gente!

    ResponderExcluir
  68. Euler, o jornal EM fala que tem professor acorrentado na praça da liberdade desde 7 da manhã e a band falou da greve no jornal da noite 11:30 da quinta-feira.Força gente e que Deus nos abençoa.Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  69. zé maia
    Cássio Soares

    MEMORIZANDO - INIMIGO - INIMIGO - INIMIGO

    josé Bonifácio Mourão
    Romulo Vegas
    Sebastião costa
    BOSCO
    ana maria resende
    duarte bechir
    MEMORIZANDO memorizando MEMORIZANDO
    INIMIGO - INIMIGO

    iDÉIA- ENVIAR AO E-MAIL DELES Q ESTAMOS E CONTINUAREMOS FAZENDO ESSA CAMPANHA CONTRA ELES NAS REDES SOCIAIS..

    quero se não vão tremer...
    as rede sociais são como pólvora no chão e um palito aceso..

    ResponderExcluir
  70. Deveríamos fazer como os professores do Ceará que, diante da imagem do Padre Cícero, clamam por seus direitos.
    Iríamos até Aparecida do Norte.
    Pediriámos para abrir a cabeça do (des)governador e de sua gentalha...
    Realmente, uma vergonha nacional.
    Minas em dinheiro pra tudo... nem precisa comentar.
    E, não para os professores!
    É isto mesmo!
    A categoria é tão forte que, mesmo depois de 100 dias, quer dizer, 101 hoje, não desanima!
    Força...
    Vamos confiando, com fé, que o BANDIDÃO fará o correto: pagar o piso, mesmo que proporcional, acrescido do plano de carreira.
    Ou, será que ele ainda irá conseguir enrolar a categoria até 31 de outubro, quando acaba o prazo para opção de regime remuneratório.
    Educadores, para evitar o súbito SUCÍDIO de nossa classe, NÂO ESCOLHAM O SUBSÍDIO...

    ResponderExcluir
  71. Bom dia, pessoal da luta, turma do NDG,

    Acabo de receber a notícia diretamente da Praça da Liberdade, em frente ao Palácio da Liberdade, que um grupo de cerca de 50 bravos educadores e educadoras já se encontram acorrentados, desde às 6h de hoje.

    Vamos divulgar e apoiar os colegas, pois aquele local será palco, hoje à noite, de inauguração oficial do relógio para a contagem regressiva da Copa.

    É mais um ato político ousado e corajoso dos nossos bravos guerreiros para mostrar ao mundo o que vem acontecendo em Minas Gerais, onde o desgoverno não paga o piso, que é lei federal, persegue, coage, pressiona, aterroriza psicologicamente os educadores e tenta destruir a nossa carreira e roubar o nosso piso.

    Todo apoio aos bravos guerreiros e guerreiras acorrentados.

    Mais tarde será importante que todos os educadores da Capital e Grande BH compareçam para receber a presidente e o Governadores - ambos fora da lei - e com isso mostrar que não estamos para brincadeira: queremos o nosso direito aprovado em lei!!!

    Um forte abraço a todos e bom dia, bravos educadores em greve, membros do NDG!

    ResponderExcluir
  72. Acabo de receber a noticia, fui dispensado do meu cargo de vice-diretor por estar na greve que pede a implementação de uma lei federal, e o mais impressionante é que o governo usou de uma resolução 1812, da eleição de diretores, para me dispensar descumprindo assim mais uma lei federal.
    Acabou a lei neste estado.
    Vandir Paulino Pereira
    Prof de Educação Religiosa da E E Diretora Maria Manso.

    ResponderExcluir
  73. Pessoal da luta, na parte da manhã estarei fora do bunker, devendo voltar em torno de 12h30m.

    Estejamos acompanhando, twitando, enviando e-mails, dialogando com os colegas, a mídia, e atentos aos fatos do dia de hoje. É hora nos mantermos ainda mais unidos e prontos para enfrentar este desgoverno e sua trupe.

    Um forte abraço e até mais tarde um pouco.

    Euler

    ResponderExcluir
  74. Acompanhem tudo on line com a colaboração do amigo Nelson Pombo Jor:

    http://www.livestream.com/nelsonpombojr

    ResponderExcluir
  75. Gostaria que orientassem os professores de como se portar com a ameaça que seu "cargo" será ocupado por substitutos a partir de 2ª feira.
    Estamos receosos e temos que nos comunicar.

    ResponderExcluir
  76. ...Leiam:
    do jornaleco "O tempo": Dilma fará hoje uma visita às obras do Mineirão e da avenida Abrahão Caram, que dá acesso ao estádio, a partir das 10h30. De lá, ela segue para a Prefeitura de Belo Horizonte, onde deve anunciar novos investimentos par Minas Gerais.

    SERÁ QUE ELA IRÁ ANUNCIAR INVESTIMENTOS NA EDUCAÇÃO DE MINAS????
    SERÁ QUE ELA IRÁ PEDIR, EM CARÁTER DE URGÊNCIA, PARA ANTA-AZIA PAGAR NOSSOS DIREITOS????

    ... Do mesmo jornaleco: Qual seria, então, o horizonte para Dilma? Protesto, protesto e mais protesto. Mas esse seria o quadro. Não será mais.
    Ela não irá mais inaugurar o tal relógio, à noite, na praça da Liberdade, como previsto. A praça, do povo, é local muito propício a passeatas e contratempos. O compromisso de hoje se resume a uma vistoria do Mineirão e uma reunião com o prefeito. Mais uma vez, como noutra festa, em Diamantina, o povo não entra. E o megafone dos trabalhadores não terá o devido alcance.

    QUEREM CALAR A VOZ DOS PROFESSORES!
    E O RESPEITO À VISÃO DO OUTRO AONDE FICA?
    SERÁ QUE O JORNALISTA QUE ESCREVEU ESTE ARTIGO SABE QUE DISCRIMINAR É CRIME PREVISTO NA CONSTITUIÇÃO FEDERAL?
    SERÁ QUE DILMA NÃO TEM VERGONHA DE FAZER O QUE INDICA A REPORTAGEM?

    ELA DEVERIA IR DE FACE LIMPA PARA ENCARARAR OS PROFESSORES E NOSSA DIGNIDADE...
    SOMOS TÃO DIGNOS E TRANSPARENTES QUE ESTAREMOS PRESENTES AONDE CONSEGUIRMOS....

    COMO QUE, PARA A CAMPANHA, ELA ESTAVA PRESENTE....???????????

    QUE VERGONHA!!!!

    COMO EM "ASSIM CAMINHA A HUMANIDADE", EU DIRIA: "ASSIM CAMINHA O (DES)PROGRESSO E A (DES)EDUCAÇÃO NA CASA GRANDE BRASIL E NA ZENZALA MINAS GERAIS."

    PESSOAL, VAMOS FAZER UM MOVIMENTO PARA COMPRAR ESPAÇO NOS JORNAIS DE GRANDE CIRCULAÇÃO NACIONAL?

    EULER, PROMOVA ESTE ATO. VAMOS ESCANCARAR COM TODOS QUE ESTÃO CONTRA AS LEIS NACIONAIS E OS DIREITOS DOS TRABALHADORES E, PRINCIPALMENTE, COM OS DIREITOS DOS TRABALHADORES ENQUANTO CIDADÃOS.

    SEGUIREMOS, RUMO AOS PRÓXIMOS CAPÍTULOS...

    ResponderExcluir
  77. Euler,
    Ontem a noite li num dos portais da imprensa comprada, que Dilma não ficará para a inauguração.

    ResponderExcluir
  78. Guerreiro de Vespá, Valentes, persistentes, resistentes, guardiões do sonho...

    Nossa luta como muitos já disseram aqui vai além da educação ela, deve ser encarada com muita preocupação por todos os homens e mulheres de bem desse estado, que atuam em vários setores da sociedade...

    PELA INTRANSIGÊNCIA DO GOVERNO EM ABRIR PRA UMA NEGOCIAÇÃO COM O SINDUTE, IGNORANDO INSTÂNCIAS REPRESENTATIVAS E DEMOCRÁTICAS, IGNORANDO DESCARADAMENTE O LEGISLATIVO QUE EM SUA MAIORIA É SUBSERVIENTE, USANDO DE FORMA EXCESSIVA A FORÇA POLICIAL, garnatindo o CONTROLE DA IMPRENSA E DE ALGUNS SINDICATOS, A MORDAÇA DO JUDICIÁRIO, E se apoiando nos setores estratégicos da economia no estado, sobretudo na classe média alta, ETC.

    Nossa responsabilidade se agiganta, pois temo que Minas Gerais, tem se tornado, um laboratório de um estato totalitário que será com toda certeza implementado pelA EXTREMA DIREITA DESSE PAÍS... Portando a maior contribuição que nosso movimento poderá dar para que possamos impedir esse retrocesso das liberdades individuais e coletivas é arrancarmos esse Piso de forma integral e retroativo... Caso contrário, toda sociedade ficará vulnerável às diversas rpinagens já sentidas por nós, trabalhadores em educação.

    Por essas e por outras:

    É greve, é greve, é greve, até que Anastasista pague o piso que nos deve!!!

    ResponderExcluir
  79. Pessoal,
    O jornal Nacional disse que o governo nos ofereceu 1.100,00 de vencimento básico. Vamos procurar o jornal.

    ResponderExcluir
  80. Juntos venceremos !!!

    Gleiferson Crow
    no café com o relógio da COPA !!!

    P-R-E-S-E-N-T-E

    abraços

    Gleferson Crow
    LEIA: o Jornal do José Elias Issa
    http://leiajeissaeemg.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  81. Caro Euler, retornando o questionamento já feito por um colega NDG:

    Esta modificação do plano de carreira pode ser recursada? Onde? STJ?

    É uma nítida perseguição politica à uma classe, onde esta os direitos humanos que defende bandido não defendem cidadãos trabalhadores?

    É constitucional diminuir os vencimentos básicos?

    Ja ouvi dizer que quando se trata de remuneração a alteração so pode ser feita para majorar e não diminuir.

    OBS* Euler tente encaminhar o questionamento para os advogados do sindicato para sanar a duvida

    Obrigado

    ResponderExcluir
  82. Sugiro que ao invés de colocarmos deputados como amigos ,coloquemos "que se comprometeram em não submeter-se ao governo" pois a votação ainda não foi concluída...a lista de inimigos aparece aqui as vezes tão pequena ,se comparada aos "amigos"...devemos ter cautela...ando muito desconfiada dos políticos...

    ResponderExcluir
  83. Caro Euler
    Meu Deus, até quando esse traste de pessoa, de governo vai continuar agindo como está. Ele deve está doente. O cara entra na justiça por intermédio do seu serviçal Aeceu para declarar a nossa greve ilegal. O que lhe é negado por um juiz justo, honesto, defensor da verdade. Mesmo assim ele não se contenta. Corre atrás de outra situação para ver se consegu novamente seu legado "declarar a ilegalidade do direito justo". E ainda propõe que irá contratar mais 12 mil professores. Ele deve está louco, fora da sanidade perfeita e humana. Abra os olhos senhores da justiça. Voces estão acorbertando um louco, porque não peçam que ele seja internado e afastado do governo por insanidade mental. Pelo menos uma coisa coisa ele reconheceu, como foi citado pela servil rede globo que e greve atinge 9 por cento da categoria. Ora, nesse caso ele reconhece que o movimento está crescendo uma coisa estrondosa, pois, até a semana anterior a essa ele reconhecia que apenas 1 e meio por cento estavam em greve. Então, caro governa"DOR" reconheça de vez a sua derrota. Em apenas uma semana, pelos seus cálculos o movimento cresceu 7,5%. Desprezando suas mentira e enganações, o movimento era de + 50%, agora proporcionalmente levando em considerando seus cálculos por baixo, essa greve já atinge 75%.

    ResponderExcluir
  84. Um Estado de greve que Dilma evita e onde o povo fica de fora
    Publicado no Jornal OTEMPO em 16/09/2011Avalie esta notícia »
    2
    4
    6
    8
    10
    Redondamente
    NotíciaComentários(0) CompartilheMais notícias
    AA0
    Qual seria o belo horizonte que Dilma encontraria hoje em sua cidade natal? Minas Gerais, um Estado de greve. A capital mineira conquistou o feito de sediar a festa de inauguração do relógio dos mil dias para a Copa do Mundo. Coincidentemente, há mais ou menos cem, os professores da rede estadual estão fora das salas de aula.


    Entre números redondos, há um relógio progressivo, e o outro, regressivo. Quando os dois marcarem o mesmo número, o de 550 dias, quem sabe, não seria um belo ensejo para outra festa? Não chegaríamos a tal absurdo, por certo. Espera-se.


    Pois ontem, às vésperas da presidencial visita, os operários da reforma do Mineirão cruzaram os braços pela segunda vez. Querem bebedouros, banheiros e vestiários decentes.


    E ainda há os carteiros, que resolveram parar nesta semana. Essa, uma mobilização nacional, de uma das categorias, historicamente, mais coesas do funcionalismo federal. Quando os servidores dos Correios param, fazem-no mesmo. E é um custo para regressarem às ruas, pois sempre evocam o fantasma da privatização das ECT.


    Qual seria, então, o horizonte para Dilma? Protesto, protesto e mais protesto. Mas esse seria o quadro. Não será mais.


    Na festa de seus conterrâneos, conquistada diante das demais 12 cidades-sede, a presença da presidente seria a cereja do bolo, mesmo se não vier de vermelho. Ficaremos todos redondamente frustrados.


    Ela não irá mais inaugurar o tal relógio, à noite, na praça da Liberdade, como previsto. A praça, do povo, é local muito propício a passeatas e contratempos. O compromisso de hoje se resume a uma vistoria do Mineirão e uma reunião com o prefeito. Mais uma vez, como noutra festa, em Diamantina, o povo não entra. E o megafone dos trabalhadores não terá o devido alcance. (João Gualberto Jr.)



    Assembleia
    Sem perdão para a falta de decoro
    Depois de terem batido boca na reunião da Comissão de Administração Pública da Assembleia, os deputados Gustavo Corrêa (DEM) e Fred Costa (PHS) voltaram a se encontrar em outra sessão. Costa, a caráter, de paletó e gravata, sentou-se ao lado do colega, tentando criar um clima "amigável". Corrêa, porém, não correspondeu nem chegou a olhar para o outro, que, minutos depois, mudou de lugar. Os dois discutiram porque Costa insistiu em participar de uma reunião, na terça-feira, com uma camiseta de protesto, contrariando, segundo o democrata, o decoro previsto no regimento.


    Sabará
    Fim de diretórios vira briga judicial
    A briga continua renhida no PMDB de Minas e, agora, está nos tribunais. A sigla conseguiu na Justiça a cassação da liminar que impedia a dissolução do diretório municipal de Sabará. A determinação de extinguir a sede sabarense havia sido tomada pela direção estadual do PMDB, a exemplo do que deliberou também em relação a outras cidades. Uma comissão provisória, nomeada pela cúpula estadual do partido, já foi instaurada no município com a missão de conduzir o processo de sucessão em favor da candidatura própria à prefeitura.


    Muzambinho
    Vereador cassado por suposta fraude
    A Câmara de Muzambinho, na região Sul do Estado, decidiu cassar, por unanimidade, o mandato do vereador Otávio Sales de Magalhães (PPS). O parlamentar é acusado pelos colegas de cometer irregularidades na contratação de funcionários e de realizar pagamentos sem a autorização da Mesa Diretora da Casa. Otávio Sales ainda pode recorrer da decisão e negou ter cometido qualquer ilegalidade. Se a cassação se confirmar, o suplente que assumirá a cadeira, já na próxima semana, é Valdirei Morais da Silva (PTB).

    ResponderExcluir
  85. Meu Deus, até quando esse traste de pessoa, de governo vai continuar agindo como está. Ele deve está doente. O cara entra na justiça por intermédio do seu serviçal Aeceu para declarar a nossa greve ilegal. O que lhe é negado por um juiz justo, honesto, defensor da verdade. Mesmo assim ele não se contenta. Corre atrás de outra situação para ver se consegue novamente seu legado "declarar a ilegalidade do direito justo". E ainda propõe que irá contratar mais 12 mil professores. Ele deve está louco, fora da sanidade perfeita e humana. Abra os olhos senhores da justiça. Vocês estão acobertando um louco. Porque não peçam que ele seja internado e afastado do governo por insanidade mental? Pelo menos uma coisa ele reconhece, como foi citado pela servil rede globo que e greve atinge 9% (nove por cento) da categoria. Ora, nesse caso ele reconhece que o movimento está crescendo de forma estrondosa. Pois, até a semana anterior a essa ele dizia que apenas 1,5% (um e meio por cento) estavam em greve. Então, caro governa"DOR" reconheça de vez a sua derrota. Em apenas uma semana, pelos seus cálculos o movimento cresceu 7,5% (sete e meio por cento). Desprezando suas mentiras e enganações, o movimento era de + 50%, agora proporcionalmente, levando em considerando seus cálculos feitos sempre por baixo, essa greve já atinge 75% e, claro, o conhecimento de toda sociedade brasileira.

    ResponderExcluir
  86. Pessoal,cheguei tão cansada que não consegui comunicar com voces.Foi tudo muito lindo ontem.Euler,Educadora de Contagem,amei conhecê-los e conversar com voces.É isso que nos dá forças para sermos melhores a cada dia e nunca desistirmos.Este elo que criamos aqui vai ficar na história.Queridos companheiros de luta que estão aí em BH - Êi Flávio,força companheiro - meu coração está aí com voces,sinto não poder ajudá-los fisicamente, mas em pensamentos estou aí,enviando muita força, luz e pedindo a Deus que os fortaleçam nessa grande luta que É EM PROL DE TODOS NÓS.
    Ficarei por aqui mandando emails denunciando esses deputados de m.....que só sabem trair a categoria e roubar o dinheiro do povo!
    OBRIGADO A TODOS QUE NOS APOIARAM ONTEM,A TODOS OS COMPANHEIROS,GUERREIROS E GUERREIRAS QUE ESTÃO FAZENDO DESSA LUTA,UM MOVIMENTO HISTÓRICO PARA MINAS GERAIS.VALEU FREI GILVANDER,PRECISAMOS DE MENTES CONSCIENTES COMO A SUA, PARA NOS APOIAR E MOSTRAR À SOCIEDADE QUE SOMOS DO BEM E QUE A NOSSA LUTA É SOMENTE PARA QUE SE CUMPRA """" UMA LEI FEDERAL""""". SERÁ QUE É DIFÍCIL ENTENDER ISTO ???????
    BEIJOS NO CORAÇÃO DE TODOS E ATÉ A VITÓRIA COMPANHEIROS, POIS ELA SERÁ MUITO BEM SABOREADA,ISTO VAI!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  87. Prefeito defende nomeação do filho e critica ação do MPE
    Segundo promotor, administrador não pode exercer função de gestor público
    Publicado no Jornal OTEMPO em 16/09/2011Avalie esta notícia »
    2
    4
    6
    8
    10
    CRISTIANO MARTINS
    NotíciaComentários(13) CompartilheMais notícias
    AA0
    FOTO: ALEXANDRE GUZANSHE - 29.4.2010

    Tiago abriu mão do salário e diz que paga despesas do próprio bolso
    O prefeito Marcio Lacerda negou irregularidades na nomeação de seu filho, Tiago Lacerda, como presidente do comitê que gerencia a preparação de Belo Horizonte para a Copa de 2014. A indicação é objeto de uma ação que deverá ser ajuizada hoje pelo Ministério Público Estadual (MPE).


    Segundo inquérito concluído nesta semana pela Promotoria de Defesa do Patrimônio, Tiago assinou um termo de trabalho voluntário para burlar a lei que proíbe o nepotismo na administração pública.


    Responsável pela ação, o promotor João Medeiros alega que a função exercida por Tiago não se encaixa na lei 9.608, que considera como serviço voluntário atividades que tenham "objetivos cívicos, culturais, educacionais, científicos, recreativos ou de assistência social".


    Medeiros argumenta ainda que o decreto municipal 13.583, que cria o Núcleo de Gestão das Copas, não prevê a participação de pessoas sem vínculo com a prefeitura. "A função dele é de um supergerente, com atribuições de gestor e representante político", destaca.


    Tiago está no cargo desde agosto de 2009. Segundo aliados do prefeito, a grande visibilidade e o bom trânsito entre as autoridades o credenciariam a futuras pretensões políticas. Hoje, por exemplo, ele será o anfitrião da festa que contará com a presença da presidente Dilma Rousseff na capital.



    Defesa. Ontem, Marcio Lacerda disse respeitar a atuação do MPE, mas criticou a "falta de ética" no vazamento de informações preliminares. "Seus integrantes (do MPE) são seres humanos e podem cometer equívocos, alguns motivados por preferência política ou preconceitos ideológicos", declarou.


    Em referência à súmula que proíbe o nepotismo, o prefeito disse que "o Conselho Nacional de Justiça permite, inclusive, sua nomeação (Tiago) como secretário, como acontece em alguns municípios". Mais cedo, Lacerda já havia dito que não exoneraria o filho, cuja nomeação teria se dado devido a um "processo natural de liderança".


    Tiago é administrador e tem especialização em marketing esportivo. Por meio de um assessor, ele disse que ainda não havia sido comunicado sobre o inquérito e, por isso, não se pronunciaria sobre o assunto. Ele garantiu que paga do próprio bolso viagens e demais gastos relacionados ao trabalho - embora não receba salário, ele teria direito a ressarcimento.(Com agências)

    Lacerda volta a fretar jatinho para trabalho

    Marcio Lacerda já responde a uma ação por ter fretado jatinhos com verba pública. A Promotoria de Defesa do Patrimônio pediu o ressarcimento de R$ 875,9 mil gastos com 39 voos entre fevereiro de 2009 e julho deste ano.


    O MP havia recomendado que o prefeito da capital não alugasse mais aeronaves, mas, anteontem, Lacerda respondeu que não vai seguir a orientação até uma decisão da Justiça sobre o assunto.

    No mesmo dia, Lacerda fretou um jatinho e foi com o filho a Brasília, onde participaram de evento relativo à Copa. (com agências)

    O que diz a lei
    Lei 9.608/98.
    - Classifica como serviço voluntário a atividade
    não remunerada prestada
    a entidade que tenha objetivos cívicos, culturais, educacionais, científicos, recreativos ou de assistência social.

    - Segundo a lei, o voluntário pode ser ressarcido por despesas que realizar no desempenho da atividade.

    Decreto 13.583/09
    - O núcleo deve ser formado pelos secretários de Políticas Urbanas e Planejamento, Orçamento e Informação; o presidente da Belotur; o chefe da Comunicação Social; o coordenador do Programa BH Metas e Resultados; e o secretário adjunto d

    ResponderExcluir
  88. veja a falta de sensibilidade desta secretaria que se diz da educação????

    PM que mora em escola é expulso pelo governo
    Publicado no Jornal OTEMPO em 16/09/2011Avalie esta notícia »

    SIDNEY GOMES
    Especial para O Tempo
    NotíciaComentários(0) CompartilheMais notícias
    AA0
    A expulsão de um policial militar do terreno de uma escola estadual, onde mora há seis anos, em Contagem, na região metropolitana, revoltou moradores e funcionários da instituição. A Secretaria de Estado da Educação (SEE) recebeu um denúncia de conduta ilegal e determinou a saída do morador.

    A assessoria de comunicação da SEE informou que é proibido morar em terreno do Estado e notificou o policial, identificado como cabo Robson, em 2009. No entanto, a situação chegou em um impasse já que o lote onde funciona a Escola Estadual Confrade Antônio Pedro de Castro pertence à Prefeitura de Contagem. A assessoria de comunicação da administração municipal foi procurada pela reportagem, mas não deu retorno.

    A comunidade do entorno da instituição teme pela falta de segurança com a saída do militar. Almiro Rodrigues, auxiliar de serviços gerais da escola, afirmou que, no período em que o cabo tirou férias, vândalos quebraram uma câmera de segurança e arrombaram a porta da cantina. "Vai ser um prejuízo muito grande se ele tiver que sair daqui", disse.

    Uma mãe de aluno, que não quis se identificar, afirmou que a polêmica é causada por disputas na escola. "Perderam a eleição e agora querem atrapalhar", afirmou.

    ResponderExcluir
  89. Impeachment é negado por unanimidade no STF
    Publicado no Jornal OTEMPO em 16/09/2011Avalie esta notícia »
    2
    4
    6
    8
    10
    NotíciaComentários(0) CompartilheMais notícias
    AA0
    Brasília. Por votação unânime, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou pedido de impeachment do ministro Gilmar Mendes. A ação foi protocolada pelo advogado Alberto de Oliveira Piovesan. Ele recorreu ao STF contra a decisão do Senado, que arquivou o pedido de impedimento do ministro do Supremo em junho.


    Piovesan pedia o impeachment de Mendes - que foi presidente do Supremo entre 2008 e 2010 - porque ele teria recebido benesses de advogados, colocando em dúvida sua isenção.


    O mandado de segurança do advogado teve seguimento negado pelo relator do pedido no STF, ministro Ricardo Lewandowski, mas um recurso questionando a decisão o levou ao plenário.


    Em 17 de agosto, Marco Aurélio Mello pediu vista do processo. Ao fazer seu voto, ele acompanhou os demais ministros. Mello lembrou que as provas trazidas pelo advogado na ação são baseadas em notícias divulgadas na imprensa.

    Comentários

    ResponderExcluir
  90. Dalai-lama prega ética contra "fosso" entre ricos e pobres
    É a quarta vez que ele vem ao Brasil, onde ficará até amanhã
    Publicado no Jornal OTEMPO em 16/09/2011Avalie esta notícia »
    2
    4
    6
    8
    10
    NotíciaComentários(2) CompartilheMais notícias
    AA0
    FOTO: MARCIO FERNANDES/AGÊNCIA ESTADO

    Atraso. O líder espiritual tibetano dalai-lama chega ao São Paulo WTC Hotel, na capital paulista
    SÃO PAULO. Vindo de Buenos Aires, na Argentina, com atraso de duas horas e nove minutos, o dalai-lama chegou ao Brasil na tarde de ontem para realizar uma palestra exclusiva a convidados no teatro do World Trade Center, na zona Sul de São Paulo. Com o tema "Nova Consciência nos Negócios - Valores para um Mundo Sustentável - Um Movimento de Transformação", o líder religioso atraiu a presença de empresários e do vice-governador do Estado, Guilherme Afif Domingos, que, sentado na primeira fila, assistiu à palestra ao lado de monges budistas.


    Em sua quarta visita ao país, a missão do dalai-lama foi inspirar a reflexão de lideranças empresariais sobre a economia do novo milênio. Bem-humorado, o líder religioso chegou às 16h39 ao palco ladeado por seguranças e por tradutores. A passos lentos, sorrindo, ele disse que chegara quase na hora de dormir e que era apenas um monge budista em meio a muitos empresários.


    "Geralmente eu me descrevo como um simples monge budista. Não há nada o que discutir com empresários se eu sou um simples monge budista", brincou. Em sua partipação no evento, que durou uma hora, o 14º dalai-lama pregou o altruísmo e a ética moral para reduzir o fosso entre ricos e pobres no mundo.


    "Temos de prestar séria atenção para reduzir a lacuna entre ricos e pobres. E vocês (apontando para a plateia de empresários) têm condições de ajudar. Ajudem mais os outros. Se vocês, honestamente, genuinamente, tiverem atitudes mais altruístas, vocês terão mais amigos e mais respeito, mais confiança com demais membros da comunidade", disse. "Claro, todos somos egoístas, mas é muito melhor ter um egoísmo sábio do que tolo. E aos industriais, prestem atenção aos problemas da ecologia. Os atentados de 11/9 também aconteceram em função de erros ou sintomas dos erros do século passado. Tudo isso é um sintoma de erros e negligência. Temos de tentar criar e fazer o século XXI o século do diálogo. É impossível eliminar os problemas, mas cabe a nós solucionar sem o uso da força. Uma negociação a partir do diálogo", propôs. A visita do Prêmio Nobel da Paz e principal liderança do budismo tibetano ao país será encerrada no sábado.

    ResponderExcluir
  91. Enviei email para todos os deputados estaduais. Recebi poucas respostas. Dentre elas:

    Tenho me pautado pela defesa das reivindicações justas dos professores estaduais. E não é de agora. No ano passado fiquei ao lado dos profissionais da educação votando a favor do que era pretendido pela classe. Ao envio, pelo Governador do Estado, do projeto de lei para a Assembleia, manifestarei, mais uma vez, a minha posição que é de um salário justo e condizente para aqueles que têm a responsabilidade de ser um educador. Um abraço, Délio Malheiros.


    Estou atento, presente e atuando junto ao Governo do Estado e das entidades de classe para que as reivindicações dos servidores da Educação sejam solucionadas. Acredito como legítimo o movimento em busca de melhores condições para os professores e o pagamento do piso. Reitero minha posição, prioritária, a favor da educação e coloco-me à disposição para continuar ajudando a todos.

    Abraço,
    Deputado José Henrique
    1º Vice Presidente


    O deputado Ulysses Gomes apoia o movimentos dos professores mineiros pela aplicação do piso nacional aqui em Minas Gerais e discorda da atitude do Governo que insiste em não cumprir a Lei Federal do piso.
    O PL 2355/2011 que dispõe sobre o piso salarial dos professores está inciando sua tramitação hoje, dia 13/09,sendo analisado pela Comissão de Constituição e Justiça.

    Consideramos já ser uma conquista do movimento dos professores o envio deste Projeto de Lei para a Assembleia Legislativa, admitindo o piso proporcional para 24 horas como vencimento básico. Consideramos que foi um recuo do governo, que anteriormente insistia em afirmar que já pagava o piso nacional em Minas Gerais.
    No entanto, na forma que foi enviado, o Projeto de Lei do governo não respeita a carreira do magistério, com o que não podemos concordar.

    O deputado Ulysses Gomes, em conjunto com a Bancada do PT, vai apresentar emenda ao Projeto do Governador, com o objetivo de reconstituir a tabela da carreira, isto é, 3% de um grau para outro e 22% entre um nível e outro da carreira.

    Esperamos conseguir convencer a maioria dos deputados da base do governo, da importância de garantir a manutenção da carreira do magistério, com seu sistema de progressão horizontal e vertical.
    Sabemos o quanto a greve é prejudicial a todos, sobretudo aos estudantes mineiros e aos próprios professores.
    Por isso, o deputado Ulysses tem trabalhado arduamente pelo entendimento das partes e a retomada do ano letivo.

    Atenciosamente,
    Mandato Parlamentar do Deputado Estadual Ulysses Gomes


    Estamos atentos aos deputados que realmente valorizam os educadores mineiros

    ResponderExcluir
  92. Presidente Dilma Rousseff chega a BH para visitar obras do Mineirão
    16/09/2011 10h45Avalie esta notícia »
    2
    4
    6
    8
    10
    TABATA MARTINS/LARISSA ARANTES
    Siga em: twitter.com/OTEMPOonline
    NotíciaComentários(0) CompartilheMais notícias
    AA0
    Com cerca de vinte minutos de atraso, Dilma Rousseff chegou ao estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, que fica na região da Pampulha.

    A presidente entrou pelo portão principal do estádio, o que evitou que ela encontrasse com os operários que trabalham nas obras do Mineirão.

    Desde o início da manhã desta sexta-feira (6), parte dos operários, que estão em greve há dois dias, fazem um protesto na avenida C, que fica próximo ao antigo estacionamento do estádio.

    Dilma irá visitar as obras do Mineirão e da avenida Abrahão Caram, que dá acesso ao estádio. Após a visita, a presidente segue para a Prefeitura de Belo Horizonte, onde deve anunciar novos investimentos para Minas Gerais.

    Devido à chegada de Dilma, foi montado todo um esquema de segurança ao redor do estádio.

    ResponderExcluir
  93. Colegas professores, eis ai mais um canal de reclamação e solicitação sobre a nossa greve: Ouvidoria do Estado de Minas Gerais. Eles são obrigados a responder as nossas críticas.

    https://www.tag.ouvidoriageral.mg.gov.br/tag/taghub.dll/EXEC

    ResponderExcluir
  94. Atenção Euler, reunião do PSDB em Governador Valadares sobre filiações regado a camarções e tal, vai estar lá Mourão e outros "figurões" do estado e de fora , que tal avisar a turma do Sindute de GV para manisfestar por lá, vai ser as 19:00 hs na avenida Brasil proximo a catedral e tambem do sindicato(Vai ser em um buffet)

    ResponderExcluir
  95. Como foi bom ontem poder te conhecer. O papo foi bom e espero que na próxima assembléia coloquemos em pratica o que foi combinado...rs... Votação na assembleia vai bombar.. Pressão nesses políticos de merda!!!
    Abraços e até breve!!!
    Silvia Svensson

    ResponderExcluir
  96. Vamos ter fé e com Deus tudo posso.

    Salmos 91

    “ Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará. Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei. Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa. Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel. Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia, Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia. Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti. Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios. Porque tu, ó SENHOR, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação. Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda. Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra. Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente. Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome. Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei. Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação”.

    Deus não escuta os malfeitores que trabalham contra nós, as pessoas que nós querem mal, não vão prosperar. A mão do Senhor irá contra eles até que conquistamos o que é justo e Deus nos abençoem.

    O ímpio não vai nos derrubar não importa se forem do mal, porque se estamos na guerra e Deus está com nós, a guerra não é só nossa e somos apenas seus instrumentos.
    O mundo do humildes, dignos e de Deus nos respeita quando somos íntegros de coração. Quando obedecemos ao Senhor, Ele nos livra da mão de todos que se levantam contra nós.
    Continuamos lutando e sabedores de nossa vitoria, esperamos pacientemente com Deus e ele é justo.
    Até a vitoria companheiros.
    Lagoa Santa

    ResponderExcluir
  97. Base trava ato com Dilma e Anastasia

    Comando de legendas aliadas à presidente pediram para que ela cancelasse presença em evento na Praça da Liberdade

    Amália Goulart - Do Hoje em Dia - 16/09/2011 - 07:51

    ROBERTO STUCKERT FILHO/PR

    Ao lado do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, presidente participa de inauguração


    A base governista da presidente Dilma Rousseff (PT) em Minas Gerais conseguiu barrar a participação dela no evento de lançamento do cronômetro que marcará mil dias para a abertura da Copa do Mundo de 2014, no Brasil. A cidade de Belo Horizonte foi a escolhida para dar início à contagem oficial. A coordenação do evento ficou por conta do Governo mineiro, com a participação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Acontece que o governador Antonio Anastasia (PSDB) faz parte de um partido que é oposição a Dilma e será o anfitrião da festa.

    Na noite de quarta-feira (14), comandantes de legendas aliadas à presidente estiveram com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT), e pediram que Dilma cancelasse a participação. Alegaram que seria um desrespeito a petistas e peemedebistas a ida dela ao Palácio da Liberdade.

    Os aliados justificaram que no Estado a oposição a Anastasia, apesar de não contar mais com todos os deputados estaduais do PMDB, enfrenta um momento de rixa com o Executivo, em função do rompimento do bloco ‘Minas sem Censura’ e da greve dos professores da rede estadual de ensino.

    “Quem somos nós para pedir que Dilma não compareça a algum lugar. Só dissemos a ela que não poderíamos acompanhá-la no Palácio da Liberdade uma vez que não fazemos parte do atual Governo e estamos em situação difícil em função da greve dos professores. Falamos que lamentaríamos muito se ela fosse”, contou o presidente do PMDB mineiro, deputado federal Antônio Andrade.

    Ele disse que a manifestação foi levada a Gleisi quarta à noite. Além de Andrade, estavam presentes os presidentes do PT estadual, deputado federal Reginaldo Lopes, do PCdoB, deputada Jô Moraes, o senador Clésio Andrade (PR) e o parlamentar Miguel Correia Júnior (PT). O temor dos aliados era que Dilma causasse mal-estar semelhante ao provocado em São Paulo, quando lançou convênios ao lado do governador Geraldo Alckmin (PSDB). Os aliados reclamam do entrosamento com um oposicionista.

    A assessoria de imprensa da Secretaria Estadual Extraordinária da Copa do Mundo chegou a confirmar a presença de Dilma no lançamento do cronômetro, porém informou depois as alterações em função da agenda.

    Já a assessoria da presidente negou que ela tenha compromissos no horário da festa, marcada para as 20 horas, no Palácio da Liberdade. De acordo com a assessoria, a petista não participará da cerimônia porque tem viagem marcada para Nova York sábado, portanto, irá descansar em Brasília na noite de hoje.

    Dilma chega à capital por volta de 10h30 para visitar o estádio do Mineirão e obras na Avenida Abrão Caram, na Região da Pampulha. Depois, segue para a prefeitura para anúncio de obras de mobilidade urbana. A previsão é de retorno da presidente a Brasília por volta das 14 horas.

    ResponderExcluir
  98. Da entrevista da Secretaria de Educação na CBN, as mentiras continuam:

    http://cbn.globoradio.globo.com/programas/cbn-noite-total/2011/09/15/MG-VAI-CONTRATAR-12-MIL-PROFESSORES-SUBSTITUTOS-POR-CAUSA-DA-GREVE-QUE-COMPLETOU-100-DIAS.htm

    ResponderExcluir
  99. URGENTE! URGENTE! URGENTE!
    ESCOLAS ESTÃO CONVOCANDO OS EFETIVOS E OS DESIGNADOS PARA COMEÇAR A TRABALHAR NA SEGUNDA-FEIRA. Diretoras estão sendo intimadas pela Gazoza doida, para convocar todos para estarem nas escolas. E aí kd o Sindicato!! SOCORRO! SOCORRO! SOCORRO! Sou efetivo e estou para aposentar no ano que vem, nos ajudem Santo Deus da Misericórdia!

    ResponderExcluir
  100. Muito bom!! Greve declarada legal!! 101 dias parada!! HORÁRIO NOBRE DA GLOBO,e o JORNAL NACIONAL FALANDO DA NOSSA GREVE, ONTEM!! E AGORA JOSÉ? PARA ONDE SR. GOVERNADOR!!

    maria- contagem

    ResponderExcluir
  101. Promotora ameaçada de morte em MG não
    consegue registrar ocorrência na polícia
    Laís Silveira teve o carro pichado, além do do pneu furado em quatro pontos
    Do Hoje em Dia
    (SE COM UMA PROMOTORA FAZEM ISSO, IMAGINA UM CIDADÃO COMUM.)

    Eugênio Moraes/ Hoje em Dia
    Laís Silveira (esquerda) e a amiga estariam sendo ameaçadas há dois anos

    Publicidade

    A Polícia Civil vai instaurar inquérito para apurar as ameaças de morte que uma promotora de Justiça de Belo Horizonte estaria recebendo. Na tarde de quarta-feira (14), a titular da Promotoria de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar, Laís Silveira, voltava do encontro de um grupo de orações, junto com uma amiga, Lorenza Silva, quando foi surpreendida por uma pichação em seu veículo. As informações são do Hoje em Dia.

    Leia mais notícias no R7

    Escrita com spray de tinta amarela, a mensagem dizia "vadias, a morte sempre está perto", e foi deixada na lateral do carro, que ainda teve os pneus furados em quatro pontos. Segundo a promotora, as duas ficaram desesperadas quando perceberam que se tratava de uma ameaça.

    Imediatamente, elas saíram do bairro Belvedere, na região centro-sul de Belo Horizonte, e seguiram em direção à residência de Laís Silveira. Antes, as duas pararam em um posto de gasolina e calibraram os pneus. Próximo ao local, na avenida Nossa Senhora do Carmo, a promotora avistou uma viatura da PM (Polícia Militar) e pediu por ajuda.

    Ela chegou a ser encaminhada até uma companhia da PM, onde tentou registrar a ocorrência, mas não teve sucesso.
    - O lugar estava vazio, porém, não quiseram registrar o boletim já que eu não lembrava o nome da rua onde ocorreu.

    A promotora contou ainda que uma militar, identificada apenas como cabo Rosângela, ainda teria se recusado a verificar o veículo com as pichações, além de que questionar se o procedimento seria para recebimento de seguro.

    Há dois anos, ela e Lorenza, que é casada com um promotor de Justiça, estariam recebendo ameaças de uma pessoa próxima. Apesar de desconfiar quem seja o autor da mensagem, ela não descarta a possibilidade de que seja retaliação ao seu trabalho.

    - Não tinha costume de ir ao bairro Belvedere. Saí da promotoria, busquei minha amiga e fui para o encontro, o que me leva a acreditar que estava sendo seguida desde cedo.

    De acordo o comandante do 22º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Ricardo Garcia Machado, o fato de a promotora ter tido dificuldades para registrar a ocorrência chegou ao conhecimento dele por meio da Imprensa. O militar disse que a corporação irá apurar o ocorrido. Já a promotora informou que só conseguiu fazer um boletim, na manhã de quinta-feira (15), no Juizado Especial Criminal.

    ResponderExcluir
  102. AVANTE , COMPANHEIROS ! NÃO PODEMOS DESISTIR !SOMOS , REALMENTE , A ESPERANÇA DE UM MUNDO MELHOR !A DIGNIDADE HUMANA PRECISA SER RESGATADA .
    MINAS É O BERÇO DA LIBERDADE ! O MINEIRO NÃO É UM FRACO ! LUTAR É VIVER COM BRIO ! ABRAÇOS MIL!!!

    ResponderExcluir
  103. Euler, eu estava na ALENG quando o professor pixou com 'nuguete' a expressão "100 vergonha". Quando os se3guranças tentaram segurá-lo foi uma confusão, parecia que tudo estava eletrizado. Por pouco a ocupação da ALENG se deu naquele momento. Se a direção do Sindute, isto inclui os todos os lideres de região, não tomarem uma postura de maior enfrentamento, a categoria, pela base, vai tomar uma atitude radical.
    RINO MARCONI - DOM CAVATI

    ResponderExcluir
  104. SE A NOSSA HERÓICA GREVE FOR CONSIDERADA ILEGAL PELO TJMG, A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA PODE SER RASGADA!!!SERIA A OFICIALIZAÇÃO DA DITADURA NO TERRITÓRIO MINEIRO.

    COMPANHEIROS, A RESISTÊNCIA É A NOSSA ARMA CONTRA ESSE MAQUIAVÉLICO DITADOR!

    NÃO PODEMOS DESISTIR! COM FÉ EM DEUS ALCANÇAREMOS A NOSSA VITÓRIA!

    CHEGA-SE A HORA DE OCUPARMOS A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA, (OU SERIA HOMOLOGATIVA), POR TEMPO INDETERMINADO!!!
    FORA CARNEIRADA! ´E O POVO NO PODER!!!

    PROFESSOR ODAIR JOSÉ

    ResponderExcluir
  105. SENHOR TENDE PIEDADE DE NÓS, VEJA AÍ EULER: 3º CHOQUE DE GESTÃO. VEJAMOS QUEM O APOIA AÍ MONTES CLAROS...PUBLIQUE MAIS ESTA PALHAÇADA DESTE SENHOR SEM CORAÇÃO, ABÇOS GUERREIRO EULER.

    Gestão para a Cidadania - Governo de Minas inicia implantação do 3º Choque de Gestão no Norte de Minas

    15/09/2011 - 19h48m
    Jerúsia Arruda
    Da redação

    Extrato dos representantes do Estado no Norte de Minas se reuniu na manhã desta quinta-feira, 15/09, na sede da 11ª região Integrada do Norte de Minas (Risp), com objetivo de discutir as estratégias para realização do Encontro Regional do Norte de Minas, que será realizado nos dia 17 e 18 de outubro, em Montes Claros.

    Jerúsia Arruda

    Extrato dos representantes do Estado no Norte de Minas compõe o Comitê regional

    Os representantes compõem o Comitê regional do Norte de Minas que foi constituído para dar seguimento à proposta do governo de Minas de implantar o 3º Choque de Gestão, modelo de gestão em redes em fase piloto, que preconiza a participação da sociedade civil na definição de prioridades da ação governamental nas regiões do Estado.

    O Comitê Regional do Norte de Minas é composto por agentes regionais das secretarias de Estado de Desenvolvimento Social; Educação; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Saúde; Trabalho e Emprego; Transportes e Obras Públicas; Desenvolvimento Regional e Política Urbana; Defesa Social; Polícia Militar do Estado de Minas Gerais; Polícia Civil do Estado de Minas Gerais; Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Minas Gerais, e de Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e Norte de Minas.

    Durante o encontro desta quinta-feira, o segundo realizado pelo Comitê, foi realizado um mapeamento e cadastramento das 300 entre as mais de 800 organizações da região cadastradas para participar do encontro regional, cujo objetivo é promover um amplo debate, em dez eixos temáticos, de forma que os participantes, representantes da sociedade civil organizada, definam duas prioridades por eixo temático a serem adotadas e implantadas pelo executivo estadual.

    O Comitê foi criado e implantado em abril deste ano, dando os primeiros passos para a regionalização da administração pública estadual. De acordo com os coordenadores do projeto a proposta visa aproximar a estratégia central das necessidades e particularidades regionais, promovendo uma participação mais efetiva da sociedade civil na definição das políticas públicas a serem implantadas no Estado.

    Ao todo, serão 10 comitês regionais no Estado. O primeiro a ser criado foi no Vale do Rio Doce, que inclusive já realizou o encontro regional e definiu seus representantes para compor o Fórum Regional, que passará a se reunir a cada três meses. O Comitê do Norte de Minas foi o segundo a ser instituído e realizará o encontro regional nos dias 17 e 18 de outubro, nas faculdades Santo Agostinho, em Montes Claros, reunindo representantes de 300 organizações da região, além dos facilitadores, interlocutores e relatores que representarão as secretarias de Estado.

    Durante o encontro, os participantes vão discutir problemas e propor soluções intersetoriais regionais. Além de definir os representantes por eixo temático, no encontro também será elaborado um caderno indicativo de prioridades para a região, que será apresentado no encontro estadual presidido pelo governador Antonio Anastasia, no final do mês de outubro

    ResponderExcluir
  106. Dilma chegou , foi ao mineirão(escondida dos operários em greve) e vai embora às 13:45. Claro que a Presidenta não iria inaugurar relógio, pois os professores também estarão lá.
    Imaginem quem será que sugeriu que ela não participasse do evento?

    Presidente Dilma Rousseff chega a BH para visitar obras na cidade para a Copa do Mundo
    http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=129731

    ResponderExcluir
  107. Parabéns ao grupo coordenador da greve. Minas ainda não havia encontrado um grupo com tanta garra e determinação. Eu estou contribuindo com este movimento cruzando os braços, estou parada deste agosto, porém não estou podendo ir a HB por motivos particulares, mas acompanho toda a movimentação pela internet, tv blogs e etc. Mesmo sabendo que um substituto será colocado no meu lugar, eu vou insistir na luta. Ninguém pode nos intimidar. A hora é agora... Cada um deve colaborar com o que puder...

    ResponderExcluir
  108. Josias Guedes Carangola16 de setembro de 2011 12:43

    Caro Euler e colegas:
    Estamos combatendo o bom combate, o governo tem muita maldade para articular contra a categoria, mas como é impressionante: o movimento está se fortalecendo para quem tem brio.
    Tenho a impressão de que o governo está se sentindo em uma partida de futebol onde o jogo está empatado no fim do segundo tempo da prorrogação e não quer ir para os pênaltis, pois para isso eles não treinaram,é fim de campeonato, vale o campeonato do Piso Salarial Nacional.
    No último minuto tem uma cobrança de lateral dos professores e até mesmo o Anastasia, técnico desequilibrado, malvado, sem escrúpulos já está lá no meio tentando evitar o gol, o goleiro Aécio largou sua função e partiu como todo o time para o tudo ou nada... junto com o Anastasia e Aécio dizem que tem um desembargador esperando para atrapalhar o gol. O Movimento dos Sem Caráter (MSC)que nós sabemos muito bem a composição, invadiram o campo,o juiz teve que parar o jogo e a polícia estava louca para dar umas porretadas no time dos professores, mas o Euler e a Bia já estavam presentes miraculosamente com a Presidente Dilma. O juiz é trocado pelo STF, mentiroso dizia que não conhecia as regras do jogo.O novo juiz apita. É uma confusão só... a categoria apreensiva no estádio... A bola vem deliciosamente em nossa direção, até a trave parece que queria mexer em nosso favor!
    Uma senhora, que vive falando mentira por aí, presente no estádio forçava a barra e pedia para que os 12 000 contratados torcessem a favor do governo e se o gol dos professores não sair vai forçar o juiz (árbitro, desembargador, superintendente,diretor, sei lá...) a encerrar a cobrança de pênaltis...
    O tal juiz apitou... todos estão de pé apreensivos... pais, alunos, professores...eeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee...
    Ao final da cobrança de pênaltes, Lulu Santos cantou uma música:" Eu vejo a vida melhor no futuro, eu vejo isso por cima de um muro, de hipocrisia que insiste em nos rodear. Eu vejo a vida mais farta e clara, repleta de toda satisfação que se tem direito do firmamento ao chão."
    O fim desta estória está em nossas mãos amigos, a luta é desigual e penso que o governo está desesperado dando as últimas porretadas para ver se o nosso time entrega os pontos!
    Estou em tratamento neurológico, com um filho que agora dia 18 completa um mês, nasceu em meio a uma greve, tenho fenda vocal e acho que ele é contra o Anastasia pois grita bastante, parece grevista.
    Só escolhi ser Professor por amar História e quando aluno tive uma Professora maravilhosa chamada Hilda Louro!
    viva as pessoas que estão lutando bravamente para fazer o gol no último minuto devido a desonestidade do adversário que comprou o "árbitro" que deixou o outro time a vontade: machucou nossos jogadores, expulsou um sem motivo, anulou um gol legal, deixou o Anastasia à vontade no campo sendo ele o técnico do time do MSC...
    Se for necessário enfrentar os pênaltis, vamos sem medo, pois o time adversário joga desonestamente, mas tem medo de cobrança de pênaltis e sabe que se mantivermos o gás vamos ganhar o Campeonato do Piso Salarial Nacional.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  109. GREVE EM MINAS - 101 dias - Será que a justiça vai julgar greve ilegal, ao inves de cobrar cumprimento da lei do piso?

    http://www.tjmg.jus.br/juridico/sf/proc_resultado2.jsp?txtProcesso=06058056220118130000&comrCodigo=&numero=1&listaProcessos=06058056220118130000&select=2

    ResponderExcluir
  110. Por e-mail:

    "Adriana - Vespasiano:

    A GREVE CONTINUA ATÉ QUE SE FAÇA JUSTIÇA EM MINAS GERAIS , ACABAREMOS COM A DITADURA E OS PAU-MANDADOS DO GOVERNO, NÃO NOS INTIMIDAREMOS E NEM MORREREMOS DE FOME, POIS A JUSTIÇA DIVINA ESTÁ AO NOSSO LADO. A FORÇA DO POVO E A FÉ SÃO INABALÁVEIS.

    NÃO NOS SUJEITAREMOS A NADA E NINGUÉM, NUNCA MAIS , DEPOIS DESSES 100 DIAS VOLTAREMOS MAIS CRÍTICOS, NÃO ACEITAREMOS QUE NINGUÉM NOS OPRIMA SEM ANTES OUVIR O QUE TEMOS A DIZER ... E NO MOMENTO O QUE TEMOS A DIZER É QUE A GREVE CONTINUA,,, ESSE É O NOSSO RECADO...

    ADRIANA PIRES! (Professora do Machado de Assis)".

    ResponderExcluir
  111. BOMBA: Rogério Correia acaba de anunciar no seu twiter quer Dilma chegou ao Aeroporto da Pampulha e se reunirá com o Sind UTE e que Bia já está lá no aeroporto a esperando

    ResponderExcluir
  112. Anonimo da 8:52

    Me dar nojo essa postura de colocar nossa categoria de professores como vítimas sempre. Somos perseguidos pela imprensa, etc etc.
    Ora, já falei aqui há umas semanas que nossa mídia somos nós mesmos.
    Somos capazes, inteligentes, passam por nós diariamente, centenas de mentes humanas. Somos formadores de opinião. Se for pra pensar que professor é tão miserável assim, então tem que ganhar mesmo 369 reais. Mas, não. Nossa reivindicação é justa porque somos capazes

    ResponderExcluir
  113. Urgente / Urgente / Urgente

    Atualização às 13h15m: Acabo de falar por telefone com o Nelson Pombo que encontra-se com os colegas acorrentados. Ele me disse que a polícia do governo está impedindo que os colegas recebam água e alimentação, com truculência. Não vamos aceitar isso! Os colegas resistem no local e exigimos que o governo não agrida mais um artigo constitucional, que é o direito de ir e vir das pessoas, de manifestarem livremente em qualquer praça e rua do país. Que liberem os alimentos para os colegas acorrentados!

    Uma outra informação que tive, mas ainda falta confirmação, é que a presidenta Dilma estaria se reunindo com a direção do Sind-UTE, como consequência das mobilizações ocorridas hoje. Mas, ainda preciso confirmar esta importante informação.

    ResponderExcluir
  114. APLAUSOS, APLAUSOS!! para os EDUCADORES do NDG e para os que passaram a fazer parte do nosso NDG, da Escola Estadual "João Belo de Oliveira" de Carangola, parabéns pela dignidade, pela determinação, pela fibra e pelo profissionalismo mostrados mais uma vez. Essa luta é de todos nós, vocês foram 1000!

    EDUCADORA MINEIRA

    ResponderExcluir
  115. Isso está no site do Sind-UTE:

    "Os trabalhadores em educação de Minas Gerais, em greve desde 8 de junho, reivindicam piso salarial de R$ 1.597,87 para uma jornada de 24 horas semanais e nível médio de escolaridade."

    http://www.sindutemg.org.br/novosite/conteudo.php?MENU=1&LISTA=detalhe&ID=2507

    Pensei que a categoria estava aceitando a aplicação do piso de 1.187,00, proporcional, começando com 712,00 para nível médio e aplicando o plano de carreira. Será que entendi errado?

    ResponderExcluir
  116. Acabo de receber confirmação por torpedo que de fato a presidente estaria reunida com a coordenação do sind-UTE. Aguardemos as novidades!

    ResponderExcluir
  117. Euler se acaso o famigerado projeto seja aprovado pelos capachos do governo, estaremos mesmo fadados ao subsídio, ou ainda restará esperança para nosso futuro?

    ResponderExcluir
  118. A presidenta já está com a Bia e lideranças do sindicato. MAIS INFORMAÇOES ACOMPANHE O TWITER DE ROGERIO CORREIA QUE ESTÁ ATUALIZANDO AS INFORMAÇOES DIRETO DO AEROPORTO.
    http://twitter.com/#!/rogeriocorreia_

    Obs. Dilma volta a Brasília logo após o encontro com o Sindute, pois deputados federais e estaduais do PT e aliados pressionaram ela para que a presença dela não fortaleça "Anastasista"

    ResponderExcluir
  119. Euler, acabo de ser comunicada pela escola em que trabalho que se não retornar imediatamente, minha vaga será disponibilizada no portal para imediata substituição.Respondi que não vou retornar até o pagamento do piso.Que devo fazer?

    ResponderExcluir
  120. Não estaremos fadados a subsídio nenhum! Garra e coragem pessoal. Nossa luta não será em vão. Aguardaremos Bia com a Presidenta Dilma.

    Abraço a todos.

    Vânia Silveira.

    ResponderExcluir
  121. KD o piso para os professores com graduação? A própria ALMG no site abaixo, diz claramente que o piso proporcional de R$ 712,78 é para o professor de nível médio. OS deputados estão metendo os pés pelas mãos mais uma vez. Estão sendo obrigados a corrigir o subsídio por não terem levado em consideração o tempo de serviço dos professores e agora estão impondo um piso de R$ 712,00 para todos os professores sem observar a graduação dos mesmo e nem o tempo de serviço. Terão que corrigir tudo isso novamente.

    http://www.almg.gov.br/not/bancodenoticias/Not_862499.asp

    Abraços, Carlos José/ Nova Lima

    ResponderExcluir
  122. Ola acabou de sair algo no site do TJMG: Autos devolvido, alguem traduz este termo usado ai.

    http://www.tjmg.jus.br/juridico/sf/proc_complemento2.jsp?listaProcessos=10000110605805000

    ResponderExcluir
  123. http://www.tjmg.jus.br/juridico/sf/proc_movimentacoes2.jsp?listaProcessos=10000110605805000


    Despacho/Decisão interlocutória: 16/09/2011 Concedida em parte a Medida Liminar Roney Oliveira

    ResponderExcluir
  124. PROFESSORA ELIZABETH -AIMORÉS-MG16 de setembro de 2011 13:52

    BOA TARDE EULER !!!!

    VC JÁ TEM ESS NOTÍCIA ???

    É SOBRE A SUBCOMISSÃO

    http://portal.fatimabezerra.com.br/novo/index.php?id=1071&t=1

    DEUS NÃO NOS ABANDONA . ELE É FIEL E JUSTO . PODE DEMORAR , MAS ELE NUNCA FALHA . NÃO VAMOS DESISTIR . CONTINUEMOS COM NOSSAS ORAÇÕES .

    Fátima Deputada Federal
    portal.fatimabezerra.com.br
    A Comissão de Educação e Cultura aprovou ontem (14/9), por unanimidade, a criação de uma Subcomissão Especial para fazer um diagnóstico sobre a implementação, pelo Estados, do Piso Salarial Nacional do Magistério, previsto na lei n 11.738/08. As visitas começarão por Minas Gerais e Ceará, onde os pr...

    ResponderExcluir
  125. João Paulo Ferreira de Assis16 de setembro de 2011 13:52

    Prezado colega e companheiro de luta Professor Paulo Andrade

    Se aí no Barreiro tiver um Núcleo de Prática Jurídica ligado a alguma faculdade de Direito, eles podem fazer isso por você. Em geral são estudantes que prestam estágio obrigatório. Quando estudei na UNIPAC em Barbacena tive de prestar o tal estágio do 7° ao 10° período. Em geral atendíamos pessoas carentes. A gente fazia as petições iniciais mas era o advogado coordenador do estágio é que assinava.
    Num escritório de advogado pode-se pedir o benefício da justiça gratuita, quando vai se entrar com ação.
    Outra pedida é ir na subsede do Sindute e conversar com eles.
    Vou, porém, te dar um roteiro:
    Art.127, caput, da Constituição: ''O Ministério Público é instituição permanente, essencial à função jurisdicional do Estado, incumbindo-lhe a defesa da ordem jurídica,do regime democrático e dos interesses socias e individuais indisponíveis''. Artigo 129, inciso II: zelar pelo efetivo respeito dos Poderes Públicos e dos serviços de relevância pública aos direitos assegurados nesta Constituição, promovendo as medidas necessárias a sua garantia''. O Ministério Público é Fiscal da Lei. Se o governador desobedece a Lei 11738, ele está implicado no art.34, inciso VI da Constituição, que permite a intervenção federal no Estado que resistir a cumprir uma lei federal. E se o MPE não entrou com a ação, ele ficou inerte, e, portanto, passível de procedimento da parte do CNMP. Sempre é bom explicar que o Procurador Geral de Justiça extrapolou das suas funções tentando ser mediador quando deveria usar de suas faculdades, garantidas pela Constituição para fazer o governador cumprir a lei, e depois tomou o partido da parte mais forte contra a parte mais fraca.

    Saudações, e ATÉ A VITÓRIA!!!!!

    Post Scriptum:

    Art.34 - A União não intervirá nos Estados, nem no Distrito Federal, EXCETO, para:

    VI - prover a execução de lei federal, ordem ou decisão judicial; (É aí que o Anastasia pode ser pego, mas lembre-se que enquanto todas as instâncias recursais do STF não forem esgotadas, a sentença não transitará em julgado, e nem haverá vinculação, ou seja, a obrigatoriedade de cumprir a lei)

    VII - assegurar a observância dos seguintes princípios constitucionais:

    e)- aplicação do mínimo exigido da receita resultante de impostos estaduais, compreendida a proveniente de transferências, na manutenção e desenvolvimento do ensino e nas ações e serviços públicos de saúde. (esta pode pegar não só o Anastasia como o Aécio também. É caso de intervenção federal).

    Mais uma que você pode argumentar que a Lei 11738 não conflitua com a Lei de Responsabilidade Fiscal, portanto o governador ao alegar esta última lei, para não cumprir a lei federal 11738 AGE DE MÁ FÉ, e que o MPE é omisso e permite que o governador permaneça na ilegalidade.
    No § 1° do artigo 19, da Lei de Responsabilidade Fiscal se lê:

    Na verificação do atendimento dos limites definidos neste artigo, NÃO serão computadas as despesas:

    I - de indenização por demissão de servidores ou empregados.
    II - relativos a incentivos à demissão voluntária;
    III - derivadas de aplicação do disposto no inciso II do § 6° do artigo 57 da Constituição;
    IV - DECORRENTES DE DECISÃO JUDICIAL E DA COMPETÊNCIA DE PERÍODO ANTERIOR AO DA APURAÇÃO A QUE SE REFERE O § 2° DO ART.18; (este inciso prova a inexistência de conflito entre a Lei 11738 e a Lei de Responsabilidade Fiscal.)

    No Blog do Euler, há um parecer do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco nesse sentido, pois afirma que não há conflito porque cada qual deriva de comandos constitucionais diversos, e a LRF estabelece normas de finanças públicas direcionadas à gestão fiscal, enquanto a 11.738 trata da reserva legal para fixação do piso dos profissionais do magistério público. E aconselha que se a despesa de pessoal ultrapassar o limite de gastos, a administração pública deve adotar medidas para corrigir o desequilíbrio fiscal.

    Saudações e Até a vitória!!!!

    João Paulo Ferreira de Assis

    ResponderExcluir
  126. Tem alguma novidade na movimentação da ação para declarar a ilegalidade da greve:
    "SITUAÇÃO ATUAL
    Última(s) Movimentação(ões):
    Despacho/Decisão interlocutória: 16/09/2011 Concedida em parte a Medida Liminar Roney Oliveira
    Autos devolvidos 16/09/2011 :
    Autos conclusos à relatoria, Des. 15/09/2011 Roney Oliveira 2º CACIV - UG "

    ResponderExcluir
  127. Cara Aparecida Nunes de Ilicínea.

    Assisti sua entrevista no jornal da Alterosa, quando a você explica que os professores de sua escola tiveram uma reunião e não entraram em greve.

    Percebi que você é jovem, deve ter ingressado na carreira a pouco tempo. No seu caso o subsídio deve-lhe ter rendido alguns bons trocados.

    Entretanto, não se iluda. Quando eu era mais jovem no início do século XXI, Itamar me deu uma tal de PRC, que deu para pagar a prestação do meu carro.

    Hoje estou quase tendo que vender o carro para pagar moradia, etc.

    Venha para a luta moça!

    Léia - BH

    ResponderExcluir
  128. Rogerio Correia diz em seu Twitter que Dilma reuniu-se com a Beatriz e que vai buscar abrir negociaçao.

    ResponderExcluir
  129. Urgente!
    O que significa: "Despacho/Decisão interlocutória: 16/09/2011 Concedida em parte a Medida Liminar Roney Oliveira"

    É a última movimentação da ação sobre a ilegalidade da greve.

    ResponderExcluir
  130. Gente, aqui em Montes Claros está correndo uma notícia nas escolas de que o aluno do terceiro ano que passar no vestibular estará automaticamente aprovado!! aí o aluno faz o vestibular dessas faculdades fáceis só pra passar, mesmo não sabendo nada!! isso a mídia não divulga!

    Outra coisa: sem produtividade mês que vem. o governo quer mesmo pressionar!!

    ResponderExcluir
  131. MGsemcensura Minas Sem Censura
    Presidenta recebe o SindiUTE! Exemplo de democracia, que os tucanos são incapazes. MMSC vai avançar na obstrução na ALMG @rogeriocorreia_
    há 2 minutos Favorito Retweetar Responder

    ResponderExcluir
  132. NDG de plantão
    1101 dias de Greve

    É isso mesmo até a COPA serão 1101 dias de GREVE
    NDG de PLANTÃO - vamos twittar * SOS educação *
    GREVE DOS 101 DIAS e 1101 dias de GREVE até a COPA
    Dilma Rousseff
    @dilmabr Brasília
    Twitter pessoal de Dilma Rousseff, presidente eleita do Brasil
    http://www.dilma13.com.br

    abraços e juntos venceremos !!
    Sem piso, não pisamos na escola.

    Gleferson Crow
    LEIA: o Jornal do José Elias Issa
    http://leiajeissaeemg.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  133. Companheiros de batalha,

    Agora sim... estamos muito perto! O Pai "Deus de Abrãao,Isaque, Jacó" fará justiça! Eu creio!
    Firmes até o desfecho pelo mínimo de dignidade que envolve o cumprimento de uma lei Federal! Na verdade a nossa greve tornou-se um batalha por muito mais que um Piso garantido por lei...
    Hoje o seu blog Euler "que é também nosso!" está animando-nos ainda mais!
    Glórias a Jesus pelas novidades!
    Avante e Parabéns aos nobres mestres guerreiros, inclusive parabenizo você Euler!

    Honrada por participar com vocês:

    Patrícia de Oliveira Cruz.

    ResponderExcluir
  134. Euler,
    esta informação que vi nos comentários, sobre o não pagamento do prêmio por produtividade, é verdade?

    ResponderExcluir
  135. Greve foi decretada ilegal

    ResponderExcluir
  136. Acabo de receber o seguinte torpedo, diretamente da Praça da Liberdade:

    "O bicho tá pegando aqui na Praça da Liberdade. Polícia isolou boa parte e está empurrando a gente para a rua. (Igor)"

    ResponderExcluir
  137. Não sou professora de História e gostaria que alguém explicasse: Já aconteceu esta situação em que estamos vivendo em algum lugar o planeta? Como foi o desfecho? Obrigada.

    ResponderExcluir
  138. Liguei agora no TJ e me disse que para termos acesso ao despacho basta ir no TJ pela rua Goias que qq cidadão tem acesso. seria bom ir lá alguem.

    ResponderExcluir
  139. Euler,
    verifica essa informação de que a greve foi decretada ilegal para nós estou morrendo de ansiedade.
    Gilvânia

    ResponderExcluir
  140. sobre a produtividade, algumas escolas aqui receberam esse email falando que não teria produtividade agora. ninguém sabe falar quando receberemos. (pressão do governo)

    ResponderExcluir
  141. Twitter da Rádio Itatiaia: Foi acolhida a liminar do Ministério Público Estadual que pedia a decretação da ilegalidade da greve dos professores.

    http://twitter.com/#!/radioitatiaia

    ResponderExcluir
  142. É claro que a greve seria decretada ilegal. O portal da educação já nos tinha adiantado. Já estava tudo combinado. Aqui os poderes se confundem.

    ResponderExcluir
  143. Urgente / Urgente / Urgente

    Atualização às 14h46m: acabo de falar por telefone com o Rômulo, que também está acorrentado, diretamente da Praça da Liberdade. Disse que a tropa de choque cercou a área, impedindo inclusive o trânsito de veículos em frente ao Palácio da Liberdade e região. Ele pediu para quem puder antecipar a ida ao ato de hoje e reforçar a equipe de combatentes que lá se encontra seria bom. A polícia já ameaçou de tirá-los a força, mas eles resistiram e disseram que não vão sair de lá. São três dezenas de bravos guerreiros e guerreiras dispostos a ficar lá, até o acontecimento do ato de inauguração do ato do relógio da Copa. Daqui a pouco recebo um vídeo atualizado do combativo Nelson Pombo.

    Atualização às 14h37m: Recebo a informação do comandante João Martinho, diretamente da Praça da Liberdade, onde se encontra acorrentado com mais duas dúzias de valentes educadores/as, que a Polícia isolou o local. Nossos guerreiros continuam acorrentados, mas não podem ir ao banheiro, nem receber alimentos. A Praça foi isolada pela polícia. Aguardem novos informes.

    ResponderExcluir
  144. Todos receberam os professores: O ministro da Educação Fernando Haddad, o ex-presidente Lula, a Presidente Dilma, os ministros STF, acho que até o Papa receberia.Mas quem não quis receber os professores? Quem adivinha? Apenas o Faraó supremo de todas as nações.

    ResponderExcluir
  145. Faraó supremo de todas as nações. KKKKKK Boa!

    ResponderExcluir
  146. TJ declara ilegalidade greve educação e fixa multa de 20mil/dia até 600mil.Covardia a mando de Aecim Malvadeza.Greve continua diz Sindute- Rogerio Correia

    ResponderExcluir
  147. Pessoal da luta, estou de saída agora para BH, para me encontrar com os colegas. Volto ao bunker só no final da noite.

    A notícia da ilegalidade era esperada por todos. Mas, é apenas uma liminar e cabe recurso para o julgamento do mérito.

    Independentemente disso, a greve continua! Até a nossa vitória.

    Um forte abraço, força na luta e até mais tarde!!!

    ResponderExcluir
  148. A ilegalidade só passa a valer quando o sindicato for comunicado oficialmente. Ainda deve demorar alguns dias.

    ResponderExcluir
  149. como pode, um julga legal e outro ilegal!! quem está com a razão!! este país é uma zona mesmo!!

    ResponderExcluir
  150. Professora Indignada!16 de setembro de 2011 15:45

    Greve declarada ilegal, se tivermos que voltar para a escola depois disso, proponho que cruzemos os braços, vamos usar a tática do desgoverno: desobedecer as leis e enrolar enrolar enrolar. Se depender de mim, não cumprirei nada do que me mandarem. Vou conversar com os alunos sobre greve, cidadania e contar a verdade para eles. Inclusive, pagar os dias que foram descontados, NEM PENSAR, o desgoverno que arrume substitutos. Não quero folha suplementar, não precisa pagar o que descontou, já sobrevivi sem essa esmola e vou continuar sobrevivendo.
    PESSOAL, ATENÇÃO: se tivermos que retornar para as escolas- NÃO VAMOS TRABALHAR, SÓ ENROLAR! Eles não contarão comigo para nada mais.
    Que todos façam o mesmo. Governo sem caráter, justiça subserviente.
    POR MIM CONTINUAREMOS EM GREVE COM ILEGALIDADE E TUDO!

    ResponderExcluir
  151. Que governadorzinho é esse?
    Será que ele acha que quando eleito estava brincando de esconde-esconde?
    Tadinho! Ninguém avisou que governar é coisa séria, de respeito... Nada contra as brincadeiras, mas nesse aspecto... pegou mal pra caramba, Anastasia!

    ResponderExcluir
  152. Aqui está o nome dos três dadores de aulas que estão contra a luta dos educadores:
    Grace Mirvânia, Edmilson Marra e Elizabeth Alvez

    Estes também são inimigos da educação!!!!!
    Tenho pena de gente deste tipo! Lastimo muito pelos alunos deste professores.

    INIMIGOS DA EDUCAÇÃO

    Grace Mirvânia,
    Edmilson Marra
    Elizabeth Alvez

    Alguém de BH conhece esses malditos?

    Mais informações:
    http://www.transparenciaeresultado.com.br/noticias/comissao-de-professores-da-rede-estadual-manifesta-preocupacao-com-uso-da-greve-como-trampolim-politico/

    Helena, Uberlândia.

    ResponderExcluir
  153. Caro João Paulo Ferreira de Assis,

    É isso que vou fazer, vou à sede central do SindUte na segunda, munido com essas valiosas informações, que tem todo o aparato jurídico (pois hoje tenho de acompanhar minha esposa a uma consulta médica).

    Acho até estranho ninguém ter entrado com petição nesse sentido. Mas façamos a nossa parte. Pois se ninguém fez por medo de botar a cara a tapa, eu não tenho o menor medo. Se devo alguma coisa, é pra instituição financeira a partir do próximo mês, exatamente por motivo de não estar recebendo esse nosso direito de piso constituído em Lei Federal.

    Mais uma força pra nós na revista "Brasil de Fato":

    http://www.brasildefato.com.br/content/heroica-greve-dos-professores-mineiros

    Abraços e força na luta!

    Paulo Andrade - Barreiro-BH

    ResponderExcluir
  154. CHARLOTTE NA ILEGALIDADE kkkk

    A greve, como já era de se esperar, foi julgada ILEGAL...

    Na minha opinião, mesmo assim ela deve continuar até o pagamento do PISO NACIONAL!!!!

    >> ILEGAL E IMORAL É O GOVERNO >>

    ResponderExcluir
  155. Parabéns ao Frei Gilvander, gigante na sua concepção de mundo, alimentador de sonhos e companheiro nas lutas travadas pela redenção do que é justo e belo!
    Vamos seguir adiante! O futuro nos espera para celebrar a vida!

    ResponderExcluir
  156. Sou Cruzeiro até a morte ...
    Mas Perela nunca mais...
    Ou ta com o povo ou ta contra ele.

    Greve até a vitória

    ResponderExcluir
  157. E-mail enviado pela SRE METROPOLITANA as escolas


    Srs. Inspetores e diretores,


    Encaminho abaixo orientações para as designações em atendimento a Res.SEE Nº 1924, publicada ontem, visando esclarecer as dúvidas e processar com a menor margem de erro possível as designações que serão processadas para o cumprimento ao calendário de resposição de greve.
    Att.
    Andréa Ferreira Barbosa
    Diretora de Pessoal
    Tel - 3069-0478
    SRE Metropolitana A

    Para processar designações em atendimento a Res SEE. Nº 1924/2011, publicada MG 15/09/2011 e ainda de acordo com a Res. SEE Nº 1773/2010, que trata do Quadro de Pessoal das escolas, a prioridade para designação é para candidatos habilitados. Assim as escolas terão três opções:


    1ª – Professor habilitado já designado conforme Res. Nº 1905/2011– fazer a dispensa com o cód. 10.10 (ampliação de CH) e nova designação com o cód. 7.4, a partir da designação atual, informando a nova carga horária. Atentar para a data da dispensa ser a mesma da nova designação.


    2ª – Professor não habilitado já designado conforme Res. Nº 1905/2011– caso apareça um candidato habilitado, este terá prioridade na designação a ser processada conforme a Res. 1924/2011.

    Ex.: Professor não habilitado designado em 17/08 a 31/12/2011, no cód. 7.4, com 3 aulas para 3º ano Ensino Médio, após publicação Res. Nº 1924/2011, surgiram mais 15 aulas, para 1º e 2º anos do Ensino Médio.

    Após os procedimentos de Portal/Edital compareceu para designação candidato habilitado com prioridade para assumir as 15 aulas.

    Concluindo: Para o não habilitado serão mantidas as 3 aulas para as quais já está designado. Para o candidato habilitado serão oferecidas as outras 15 aulas.

    ResponderExcluir
  158. Não fiquemos aflitos, pois vivemos em um lugar que não existe lei. Quando foi reconhecida a legalidade da greve, nada aconteceu com o Anastasia. E agora querem que nos forçar a voltar porque a greve foi julgada ilegal. Se a lei não serve para ele, tb não serve para nós. Serve a quem convém. Vamos ficar firmes na luta!!!

    ResponderExcluir
  159. VAMOS INVADIR A CIDADE ADMINSTRATIVA

    * Ninguém entra ou sai até o pagamento do piso.*

    * levamos barracas, alimentação e correntes*

    ResponderExcluir
  160. O piso proporcional de R$ 712,00 é para o professor de nível médio, segundo a lei 11738/2008. E o piso para o professor graduado ( licenciatura plena), qual é? Será que o meu diploma não valerá nada mais no Estado de MInas Gerais? Eu estudei a toa? Gastei rios de dinheiro para pagar as mensalidade escolares e agora vou receber o mesmo que um professor de nível médio ( 1º ao 5º ano)? ISto não é justo, isto é um crime.

    ResponderExcluir
  161. Está na hora de todos os envolvidos STF - GOVERNO - SINDUTE - DEPUTADOS ESTADUAIS - DEPUTADOS FEDERAIS sentarem-se em uma mesma mesa, sem horário para terminar, e discutir a ilegalidade que está caindo sobre as cabeças dos professores mineiros. O piso de R$ 712,00, está bem explicado na lei 11738/2008, é exclusivo para professores de nível médio ( aqueles que ministravam aulas para alunos do 1º ano ao 5º ano). Os demias professores graduados com licenciatura plena, não podem receber o mesmo piso. Que arbitrariedade do governador Anastasia, não dar valor aos diplomas de licenciatura, Digo e repito, se não pagarem o meu piso corretamente, não volto às salas de aula.

    Lucas M.

    ResponderExcluir
  162. Euler,
    O DEsembargador que julgou a greve ilegal, diz em seu despacho que estamos exigindo um pagametno de R$ 1587,00. Como podemos mostrar para ele que aceitamos o piso de R$ 712,00 para o nível médio, mas que até agora não sabemos qual é o piso para os professores graduados ( licenciatura plena). Temos que mostrar a este Senhor o nosso plano de carreira.

    ResponderExcluir
  163. Vamos postar no Yahoo. Tem uma notícia hoje sobre a presidente ignorando os trabalhadores em greve no mineirão. Vamos mostrar o que acontece em Minas.

    ResponderExcluir
  164. Ricardo / Governador Valadares16 de setembro de 2011 17:49

    A greve continua! Um grande abraço a todos e até a vitória! Que DEUS nos ajude nesta luta por uma educação de qualidade e justo salário.
    Força nobres colegas! Juntos até o fim.

    ResponderExcluir
  165. Marisa Karla -Governador Valadares16 de setembro de 2011 17:53

    Que triste!
    A greve é ilegal?
    Dá vontade de chorar...

    ResponderExcluir
  166. Euler, na primeira semana de outubro algumas autoridades estarão vindo a minha cidade(Três Marias) para inaugurar uma quadra coberta na escola em que trabalho, dentre elas o chefe da casa civil, a secretária de educação e vários deputados... nós podíamos organizar um movimento de protesto aqui, afinal, Três Marias fica apenas á uns 200 Km de BH.
    Assim que eu souber de mais informações e da data exata, eu posto.
    Abraços!
    Jaqueline

    ResponderExcluir
  167. Pessoal,ILEGALIDADE,UMA M........,se este canalha acha que escondendo a cara atrás de bandidos piores que ele,pois quem deveria representar a justiça,É MAIS BANDIDO QUE OS PIORES QUE JÁ SE VIU,não vai adiantar,NÃO VOLTAREMOS! VEREMOS,SE A DOIDA DA GAZOZA,VAI DAR XILIQUES DE NOVO,POIS PARECE QUE ATÉ O MINISTRO HADDAD ELA ATACOU. TÁ PRECISANDO É DE MUITA CORDA PARA LEVAR TODOS ESSES BANDIDOS DOIDOS DE MINAS PARA O HOSPÍCIO!!!!!!
    NÃO VAMOS DESISTIR,PODEMOS ENTRAR COM RECURSOS ATÉ NO STF,MAS NÃO DESISTIREMOS!!!!!
    A VITÓRIA É NOSSA, NÃO É POSSÍVEL QUE MINAS VAI CONTINUAR NAS MÃOS DESSA (IN) JUSTIÇA BANDIDA!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  168. O que a globo mostrou sobre a manifestação de hoje:
    http://g1.globo.com/videos/minas-gerais/v/grupo-de-professores-se-acorrenta-em-frente-ao-palacio-da-liberdade-em-bh/1632524/#/todos os vídeos/page/1

    ResponderExcluir
  169. Ola, uma GREVE branca seria uma boa ideia, voltar, assinar o ponto, receber o aluno e cruzar os braços, sem nada a fazer, os diretores, ficariam desesperados, nao poderiam inventar notas para os alunos. Isto seria um medida ate o pagamento do piso.

    ResponderExcluir
  170. COMENTÁRIO NO JORNAL OTEMPO:

    ATENÇÃO PROFESSORES DE MG E COORDENADORES DA GREVE OLHA O GOLPE APLICADO PELO MPE NA AÇÃO CIVIL PUBLICA Olhando o despacho do desembargador Roney Oliveira verifiquei que o MPE usou uma informação ultrapassada que não representada a reivindicação dos professores . pois o MPE argumenta que os professores estão reivindicando piso de 1580,00 reais para 24 horas com formação no ensino médio. Somente assim para o MPE conseguir que o TJMG declare a greve dos professores ilegal.

    Alguém sabe mais informações

    ResponderExcluir
  171. Gente, não tenho mais esperanças....
    O "rei" é amiguinho de todo mundo, ninguém se opõe a ele...
    O que vamos fazer? Ouvi dizer que nem a Presidenta pode intervir, que no estado manda o governador e a assembléia estadual, se é assim, estamos perdidos...
    Então, pra que precisa de presidenta?
    Tô furiosa hoje!!
    RSRSRSRSRSRRSSRRSRSRSRSRSRSRS

    ResponderExcluir
  172. NÃO DIGAMOS QUE TODAS AS PORTAS JÁ ESTÃO FECHADAS QUANDO AINDA HÁ HOMENS QUE PODEM PENSAR......
    Dom Oscar Romero

    ResponderExcluir
  173. Precisamos fazer política contra Anastasia e a esses deputados que são contra a educação. Em 2014 devemos nós professores de cada cidade de Minas, fazermos campanha para tirar esses políticos do poder.

    ResponderExcluir
  174. Euler, estou muito tensa em relação à ilegalidade da greve. Que justiça é essa? Acho que acabou a greve e virou guerra. É hora de insurreição. Chega de civilidade, já deu, temos que partir para a revolução. Chamar os "de baixo", como você diz, estudantes estaduais, universitários, professores particulares, pais, sem terra, sem teto, polícia civil (porque a militar já se vendeu), vamos quebrar tudo, eles NÃO VÃO DESTRUIR NOSSOS SONHOS, NÃO VÃO ACABAR COM NOSSA CARREIRA, NÃO VÃO NOS EMPURRAR PARA AS ESCOLAS SEM O PISO. NÓS SÓ VOLTAREMOS COM O PISO, NEM A POLÍCIA VAI NOS FAZER VOLTAR. GENTE, VAMOS REAGIR, VAMOS BATER PANELA, VAMOS INVADIR, GRITAR, PELO AMOR DE DEUS, NÓS NÃO ESTAMOS 101 DIAS EM GREVE PARA VIR UM JUIZ E DECRETAR ILEGAL PARA NOS OBRIGAR VOLTAR SEM O PISO. NÃÃÃÃO!!!! ESSE GOVERNADOR TEM QUE SER PRESO, VAMOS PEDIR AJUDA DOS DEPUTADOS ALIADOS À NÓS, À DEPUTADOS DE OUTROS ESTADOS, VAMOS GRITAR POR SOCORRO! NÃO VAMOS SAIR DESSA GREVE SEM O PISO! NOS RECUSAMOS! É GREVE ATÉ O PISO, DO CONTRÁRIO, PREFIRO EXONERAÇÃO DO QUE GANHAR SUBSÍDIO QUE VAI ARRUINAR NOSSA CARREIRA OU ESSE SALARIOZINHO DE MERDA QUE É PAGO PARA E PROFISSIONAIS ESTUDADOS, QUALIFICADOS, DIGNOS E IMPORTANTES COMO SÃO OS PROFESSORES. ME DESCULPEM PELO DESABAFO, MAS EU NÃO SUPORTO MAIS ESSE ESTADO MG, QUE NÃO CUMPRE LEIS, QUE AMEAÇA, QUE RASGA A CONSTITUIÇÃO, TUDO SOB OLHARES COMPLACENTES DO JUDICIÁRIO. ESTAMOS VIVENDO UMA DITADURA VELADA EM MG E NINGUÉM FAZ NADA? TEMOS QUE FAZER COMO FIZERAM A PARTIR DE 1964, REAGIR NÃO SÓ CONTRA ESSE DITADOR LOUCO, CONTRA AÉCIO NEVES E ANDREIA NEVES, TEMOS QUE POR FIM À DITADURA EM MG, POIS ELA NÃO ACABOU, OU SE TINHA ACABADO, ELA VOLTOU E NINGUÉM ESTÁ SE DANDO CONTA! EU QUERO O MEU PISOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!

    ResponderExcluir
  175. Boa noite Euler e companheiros de luta!
    Confesso que acompanhar esse blog é minha única alegria nesses últimos dias. Dá depressão ver essa mídia mineira covarde e comprada!
    Um alento: O secretário sobre assuntos da Copa do Mundo, Tiago Lacerda, está no programa do Jaeci Carvalho. Esse jornalista, mas o craque Sorín, perguntaram ao ilustríssimo secretário, porque o governo não faz o mesmo esforço pra resolver o problema da greve dos professores. O secretário "vomitou" algumas palavras e terminou dizendo que "os grevistas atrapalham o trânsito no final do dia..." O jornalista Jaeci replicou dizendo ser um absurdo o salário de um professor, de um policial e de um médico nesse país. Disse: "... é salário de fome, de miséria!" Que bom que no meio do lixo do jornaleco "Estado de Minas", existem jornalistas e colunistas lúcidos e sensíveis a nossa greve como o Jaeci Carvalho e o ex-jogador Sorín. Não torço para o Cruzeiro, mas esse argentino está de parabéns pela sua fibra, caráter e independência de espírito! Ah, o colega dele de programa, que defendeu as cores do meu time, ex-atacante e deputado estadual Marques, não abre a boca pra falar p... nenhuma!!! Deve estar no "bolso do desgovernador"!
    Prof. Marcelo
    Contagem

    ResponderExcluir
  176. Em Espera Feliz na eleição do ano passado, nós professores fizemos um movimento para apoiarmos o Rogério Correia e o Padre João como deputados para nos defender e eles foram bem votados aqui em nossa cidade.Pelo o que eu estou vendo a nossa atitude foi acertada, pois hoje eles nos defendem.É isso o que nós precisamos fazer no Estado inteiro, apoiar quem nos dá apoio.Fizemos também uma campanha contra o Anastasia e ele não venceu em nosso município.Imaginem se tivéssemos outro governador em Minas, talvez as coisas fossem bem mais fáceis.

    ResponderExcluir
  177. AGENDA E NOTÍCIAS
    ATENÇÃO:
    Terça-feira (20/09) o projeto de Lei 2355 será retirado da pauta de votação e haverá, pela manhã, negociação entre governo e Sindicato. Portanto, continuamos firmes na LUTA! Assembleia em Montes Claros(16/09) definiu a seguinte agenda:

    SÁBADO E DOMINGO( 17 e18/09)
    Panfletagens em feiras e igrejas;
    Som Móvel pelos bairros da cidade: A GREVE CONTINUA

    SEGUNDA-FEIRA(19/09)
    Visitas às escolas;
    16:00 - ATO: A GREVE É LEGAL
    Ministério Público( Avenida cula Mangabeira)
    23:00 - Saída da Caravana para Belo Horizonte

    TERÇA-FEIRA(20/09)
    16:00 -Assembleia Local


    Fotos Assembleia 16/09




    fonte: sindutemoc.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  178. GENTE EM NOME DE JESUS CRISTO, QUANDO É QUE ACABA TUDO ISSO? NÃO AGUENTO MAIS.
    ESTA PARECENDO NOVELA ( TIMOTEO CABRAL E O POVO DE VILA DA CRUZ)

    ResponderExcluir
  179. Para: Euler
    De: Carlos José - Nova Lima
    Visite o site abaixo e veja a vida profissional do nobre desembargador Roney Oliveira, que julgou a nossa greve ilegal. Sabia que ele ja foi professor de Português e Literatura no curso normal da Escola Estadual Dr. Adalmário José dos Santos na cidade de Lajinha/MG em 1996? Ele mais do que ninguém deveria saber que há diferenças entre professor de nível médio e professor com licenciatura plena ou especialização. No seu despacho ele disse que estamos insistindo no piso de R$ 1587,0O, demonstranto total falta de conhecimento da nossa causa. O piso de R$ 712,00 deve ser aplicado no nosso plano de carreira no nível inicial ( médio IA) e não para todos os professores. Eis aí mais um traidor da classe dos professores. Será que ele, com tantos diplomas, condecorações e tempo de serviço, aceitaria receber o mesmo que um advogado recém formado? Isto não é justiça! Não aceito o mesmo piso de professor de nível médio ( R$ 712,00) e exijo do governador, secretárias, deputados, juízes e desembargadores que publiquem o piso dos professores de nível superior. É o que falta para a greve terminar.

    http://www.tjmg.jus.br/institucional/desembargadores/curriculum/roneyoli.html

    ResponderExcluir
  180. Se Kadafi, Saddam Hussein , Hitler, caíram, porque temos que aturar Anastasia e Aécio destruindo tudo o que é público em MG? E o alvo deles é a educação, pois querem um povo burro, analfabeto, que não sabe votar, para manter eternamente esse curral eleitoral ponde se troca voto por comida. BASTA! NÃO VAMOS ACEITAR ISSO MAIS. NÃO VAMOS VOLTAR SEM O PISO, VENHA A AMEAÇA QUE VIER. VAMOS INVADIR O MP E PEDIR PARA OS MAGISTRADOS RASGAREM A CF NA NOSSA FRENTE, PORQUE ELES TÊM FEITO ISSO O TEMPO TODO DE MANEIRA VELADA. NÃO ACEITAREMOS ILEGALIDADE NENHUMA SOBRE NOSSA GREVE LEGÍTIMA. QUEM ESTÁ ILEGAL É O GOVERNO. TEM QUE PRENDER ESSE HOMEM. GREVE ATÉ O PISO!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  181. Euler, o filho do Marcio Lacerda, Tiago Lacerda,MOÇO JOVEM E SORTUDO, que sob o signo do NEPOTISMO acabou de GANHAR um cargo de presente do pai, esteve no programa Alterosa no ataque e defendeu veementemente o governador do estado e disse que os professores não querem negociar pois o governador já fez todo o possível. E falou com ares vitorioso que a greve hoje foi até julgada ilegal. Um dos jornalistas presentes falou que o salário de professores, médicos e policiais é deve ser revisto e afirmou que é um SALÁRIO DE FOME. Tive uma informação que merece ser confirmada, se tiver como checa pra mim a veracidade de que a fábrica de sacolas recicláveis vendidas em BH é do irmão do Marcio Lacerda. O PT tucanou meus amigos?

    ResponderExcluir
  182. gente se perdermos essa batalha o brasil inteiro pode se esquecer do piso ,pois minas esta pondo para ferver.lembremos sempre de que a justica divina esta acima de tudo,nossa vitoria esta nas maos de DEUS,NAO VAMOS RECUAR,SE DEUS E POR NO´S´S QUEM SERA CONTRA NÓS?

    ResponderExcluir
  183. NOTA DE ESCLARECIMENTO

    Na tarde dessa sexta-feira, 16 de setembro, o Sind-UTE/MG foi notificado da decisão do Desembargador, Roney Oliveira, na Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais.

    O Desembargador concedeu parcialmente a tutela antecipada determinando a suspensão do movimento grevista, coordenado pelo Sind-UTE/MG, com o imediato retorno dos grevistas às suas atividades laborais, sob pena de multa gradativa de R$20.000,00 pelo primeiro dia de continuidade do movimento (19/09), de R$30.000,00 pelo segundo dia (20/09); R$40.000,00 pelo terceiro dia (21/09) e R$50.000,00 pelos dias subseqüentes, limitado o montante da pena a R$600.000,00.



    Diante desta decisão, o Sind-UTE/ MG faz os seguintes esclarecimentos:



    1) A greve não foi julgada ilegal. A decisão do Desembargador é pelo retorno imediato, não havendo pronunciamento sobre a legalidade do movimento.



    2) De acordo com o Desembargador, “a extensa duração do movimento grevista traz grave prejuízo aos alunos da rede pública, às voltas com a iminente e possível perda do ano letivo, o que tipifica o movimento como abusivo, na forma do art. 14, da Lei 7.783/89". A decisão do Desembargador teve como fundamento a duração do movimento. No entanto, no dia 05 de julho, o Sind-UTE/MG ajuizou a Medida Cautelar No. 0419629-72.2011.8.13.0000, cujo relator também é o Desembargador Roney Oliveira. Nesta Medida Cautelar, salientamos a competência e a função judicial do Tribunal de Justiça, equiparado à do Tribunal Regional do Trabalho, para intermediar a solução do movimento de greve. Nesta ação, pedimos que o Tribunal de Justiça convocasse as partes (Sind-UTE/MG e Governo do Estado) para uma audiência de conciliação. Isto quer dizer que há 70 dias o Sindicato recorreu ao Tribunal de Justiça para evitar prolongamento da greve diante do impasse com o Governo do Estado. Mas, diferente da atuação na Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público, não houve decisão ao pedido feito pelo Sind-UTE/MG.



    3) O Sind-UTE/MG recorrerá desta decisão, que é provisória, e apresentará nesta segunda-feira, dia 19/09, uma Reclamação junto ao Supremo Tribunal Federal, visto que além de desconsiderar a Lei Federal 11.738/08, desconsidera também a Lei Federal 7.783/89 que regula o direito de greve.





    4) A greve, conforme decisão da categoria em Assembleia realizada dia 15 de setembro, continua por tempo indeterminado e não será suspensa em função desta decisão judicial.



    5) Lamentamos o papel exercido pelo Ministério Público Estadual que se omitiu em relação à contratação de pessoas sem formação para atuar nas salas de aula, em relação ao não investimento em educação, por parte do Governo do Estado, do mínimo previsto na Constituição Federal. Ele não zelou pelo cumprimento de uma lei federal no Estado de Minas Gerais e se posicionou claramente a favor do Governo do Estado.
    Retirado do blog da Beatriz Cerqueira

    ResponderExcluir
  184. ILVANI - Varzelândia16 de setembro de 2011 20:17

    "Professores que fomos em tempos de vacas ainda mais magras, registramos nosso respeito pela classe, cujo retorno às atividades se espera, porque esse retorno imediato acalenta, para os alunos, a esperança de que o ano letivo não se esvaia".

    Meritíssimo, a sua vaca, pelo menos, não estava fora da lei!

    Que nível heim!!!

    ResponderExcluir
  185. Gente dê uma lida no blog da Beatriz Cerqueira. Esse julgamento de greve ilegal não vai abalar nosso movimento. Continuaremos firmes e fortes e não arredamos o pé sem o piso. GREVE ATÉ O PISO, venha o que vier!

    ResponderExcluir
  186. LIVRA-ME,MEU DEUS,DOS MEUS INIMIGOS,DEFENDE-ME DAQUELES QUE SE LEVANTAM CONTRA MIM.LIVRA-ME DOS QUE PRATICAM A INIQUIDADE,E SALVA-ME DOS HOMENS SANGUINÁRIOS.PELO PECADO DA SUA BOCA E PELAS PALAVRAS DOS SEUS LABIOS,FIQUEM PRESOS NA SUA SOBERBA,E PELAS MALDICOES E PELAS MENTIRAS QUE FALAM.(SALMOS 59 1 E 12)

    ResponderExcluir
  187. COM FÉ EM DEUS A JUSTICA SERÁ FEITA.QUE VENCA O JUSTO.

    ResponderExcluir
  188. Já estava tudo arranjado. Quando o (des)governo falou em contratar professores, ele já sabia que seus capachos julgariam a greve ilegal. Ele pode se antecipar às decisões do legislativo e da justiça por que todos atendem a sua vontade. Agora entendo por que ele tem tanta raiva dos professores (no sentido amplo da palavra). Nós não nos curavamos às suas vontades. a greve continua. queremos o que é nosso de direito! Queremos o nosso piso!
    Maria Helena - Ipatinga

    ResponderExcluir
  189. O JN acabou de noticiar que o TJ declarou a ilegalidade da greve e que os professores obrigatoriamente deverão voltar para as escolas na 2ª feira.

    E agora Euler, o que faremos?

    ResponderExcluir
  190. SITE DO SINDICATO ATUALIZADO DIZ O SEGUINTE:
    Nota de Esclarecimento

    Na tarde dessa sexta-feira, 16 de setembro, o Sind-UTE/MG foi notificado da decisão do Desembargador, Roney Oliveira, na Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais.

    O Desembargador concedeu parcialmente a tutela antecipada determinando a suspensão do movimento grevista, coordenado pelo Sind-UTE/MG, com o imediato retorno dos grevistas às suas atividades laborais, sob pena de multa gradativa de R$ 20.000,00 pelo primeiro dia de continuidade do movimento (19/09), de R$ 30.000,00 pelo segundo dia (20/09); R$ 40.000,00 pelo terceiro dia (21/09) e R$ 50.000,00 pelos dias subseqüentes, limitado o montante da pena a R$ 600.000,00.

    Diante desta decisão, o Sind-UTE/ MG faz os
    seguintes esclarecimentos:

    1) A greve não foi julgada ilegal. A decisão do Desembargador é pelo retorno imediato, não havendo pronunciamento sobre a legalidade do movimento.

    2) De acordo com o Desembargador, "a extensa duração do movimento grevista traz grave prejuízo aos alunos da rede pública, às voltas com a iminente e possível perda do ano letivo, o que tipifica o movimento como abusivo, na forma do art. 14, da Lei 7.783/89." A decisão do Desembargador teve como fundamento a duração do movimento. No entanto, no dia 05 de julho, o Sind-UTE/MG ajuizou a Medida Cautelar N°. 0419629-72.2011.8.13.0000, cujo relator também é o Desembargador Roney Oliveira.Nesta Medida Cautelar, salientamos a competência e a função judicial do Tribunal de Justiça, equiparado à do Tribunal Regional do Trabalho, para intermediar a solução do movimento de greve. Nesta ação, pedimos que o Tribunal de Justiça convocasse as partes (Sind-UTE/MG e Governo do Estado) para uma audiência de conciliação. Isto quer dizer que há 70 dias o Sindicato recorreu ao Tribunal de Justiça para evitar prolongamento da greve diante do impasse com o Governo do Estado. Mas, diferente da atuação na Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público, não houve decisão ao pedido feito pelo Sind-UTE/MG.

    3) O Sind-UTE/MG recorrerá desta decisão, que é provisória, e apresentará nesta segunda-feira, dia 19/09, uma Reclamação junto ao Supremo Tribunal Federal, visto que além de desconsiderar a Lei Federal 11.738/08, desconsidera também a Lei Federal 7.783/89 que regula o direito de greve.

    4) A greve, conforme decisão da categoria em assembleia realizada no dia 15 de setembro, continua por tempo indeterminado e não será suspensa em função desta decisão judicial.

    5) Lamentamos o papel exercido pelo Ministério Público Estadual que se omitiu em relação à contratação de pessoas sem formação para atuar nas salas de aula, em relação ao não investimento em educação, por parte do Governo do Estado, do mínimo previsto na Constituição Federal. Ele não zelou pelo cumprimento de uma lei federal no Estado de Minas Gerais e se posicionou claramente a favor do Governo do Estado.

    ResponderExcluir
  191. Euler.. você poderia colocar o vídeo citado no posto no youtube para que possamos copiar e repassar para as pessoas que infelizmente não têm acesso à internet. O vídeo é um ótimo incentivador para as pessoas se fortalecerem no movimento.

    Fica o e-mail para a confirmação da solicitação: dmpires@live.com

    ResponderExcluir
  192. Do twitter: Rogério Correia PT (@rogeriocorreia_)
    16/09/11 07:42 PM
    RT @MGsemcensura: Greve: Decisão TJ não é sobre legalidade, mas é tutela antecipada em face de possíveis danos aos alunos. Sentença política
    Alguém sabe explicar o que significa tutela antecipada?

    Rogério também falou que terá reunião do Sindute com governo na terça e que sindicato recorreu da decisão do TJ.

    ResponderExcluir
  193. Mãe de aluno em greve fala:
    Estou com vocês.
    É mais uma pressão deste Timotim.
    Este Brasil é mesmo uma VERGONHA.
    O dinheiro debaixo dos panos passa por cima de todas as leis.Falta de caráter, de brio.
    Será que estes senhores da lei criam seus filhos dando lições de sujeira pública?
    Eles serão o futuro sujo, passando por cima daqueles que trabalham honestamente e ganham o pão suaaaaaaado para a sobrevivência.
    Não voltem, não voltem, não voltem!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  194. Pelo que fiquei sabendo, a Beatriz entregou um dossiê para Dilma.
    Vocês não devem voltar.Esperem até o fim, o ditador não vai conseguir tantos professores para substituição, ele já sabe disso.
    É pressão pura, ele já está sem opção.
    Não retornam, seguem em frente.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  195. Como sempre, estão falando mal da gente no site do Jornal o Tempo, vamos pra lá nos defender, JÁ!

    ResponderExcluir
  196. Diante desta decisão, o Sind-UTE/ MG faz os seguintes esclarecimentos:
    1) A greve não foi julgada ilegal. A decisão do Desembargador é pelo retorno imediato, não havendo pronunciamento sobre a legalidade do movimento.
    http://blogdabeatrizcerqueira.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  197. Nota de Esclarecimento

    Na tarde dessa sexta-feira, 16 de setembro, o Sind-UTE/MG foi notificado da decisão do Desembargador, Roney Oliveira, na Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais.


    O Desembargador concedeu parcialmente a tutela antecipada determinando a suspensão do movimento grevista, coordenado pelo Sind-UTE/MG, com o imediato retorno dos grevistas às suas atividades laborais, sob pena de multa gradativa de R$ 20.000,00 pelo primeiro dia de continuidade do movimento (19/09), de R$ 30.000,00 pelo segundo dia (20/09); R$ 40.000,00 pelo terceiro dia (21/09) e R$ 50.000,00 pelos dias subseqüentes, limitado o montante da pena a R$ 600.000,00.


    Diante desta decisão, o Sind-UTE/ MG faz os
    seguintes esclarecimentos:


    1) A greve não foi julgada ilegal. A decisão do Desembargador é pelo retorno imediato, não havendo pronunciamento sobre a legalidade do movimento.


    2) De acordo com o Desembargador, "a extensa duração do movimento grevista traz grave prejuízo aos alunos da rede pública, às voltas com a iminente e possível perda do ano letivo, o que tipifica o movimento como abusivo, na forma do art. 14, da Lei 7.783/89." A decisão do Desembargador teve como fundamento a duração do movimento. No entanto, no dia 05 de julho, o Sind-UTE/MG ajuizou a Medida Cautelar N°. 0419629-72.2011.8.13.0000, cujo relator também é o Desembargador Roney Oliveira.Nesta Medida Cautelar, salientamos a competência e a função judicial do Tribunal de Justiça, equiparado à do Tribunal Regional do Trabalho, para intermediar a solução do movimento de greve. Nesta ação, pedimos que o Tribunal de Justiça convocasse as partes (Sind-UTE/MG e Governo do Estado) para uma audiência de conciliação. Isto quer dizer que há 70 dias o Sindicato recorreu ao Tribunal de Justiça para evitar prolongamento da greve diante do impasse com o Governo do Estado. Mas, diferente da atuação na Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público, não houve decisão ao pedido feito pelo Sind-UTE/MG.


    3) O Sind-UTE/MG recorrerá desta decisão, que é provisória, e apresentará nesta segunda-feira, dia 19/09, uma Reclamação junto ao Supremo Tribunal Federal, visto que além de desconsiderar a Lei Federal 11.738/08, desconsidera também a Lei Federal 7.783/89 que regula o direito de greve.

    4) A greve, conforme decisão da categoria em assembleia realizada no dia 15 de setembro, continua por tempo indeterminado e não será suspensa em função desta decisão judicial.


    5) Lamentamos o papel exercido pelo Ministério Público Estadual que se omitiu em relação à contratação de pessoas sem formação para atuar nas salas de aula, em relação ao não investimento em educação, por parte do Governo do Estado, do mínimo previsto na Constituição Federal. Ele não zelou pelo cumprimento de uma lei federal no Estado de Minas Gerais e se posicionou claramente a favor do Governo do Estado.

    ResponderExcluir
  198. O Heródoto da Record News acabou de noticiar a greve, mostrou tudo e disse que a Presidenta prometeu ajudar. Fiquei triste pq não tinha nem 20 pessoas protestando na praça, cadê o povo?
    Professora do Leste de Minas

    ResponderExcluir
  199. euler, chega logooooooooo!!!!!!! preciso ler suas palavras. li que houve confusão entre professores e pm, com spray de pimenta e tiros de borracha, essa reação da pm já era de se esperar...

    ResponderExcluir