sábado, 31 de março de 2012

Luis Carlos Martinho Presente, Agora e Sempre!



Luis Carlos Martinho Presente, Agora e Sempre!
Por: Rômulo Radicchi*

Há um ano, na madrugada de 01 de abril de 2011, faleceu em Montes Claros, aos 39 anos de idade, o professor Luis Carlos Martinho. O nosso primeiro contato aconteceu em Belo Horizonte, durante atividades do movimento estudantil secundarista, nos meados da década de 90.

Durante sua juventude Luis Carlos participou ativamente das lutas estudantis. Ainda estudante secundarista, tornou-se operário de uma fábrica de embalagens plásticas. Tornou-se marxista e, assim, encontrou a razão de sua existência, dedicando-se à militância revolucionária até o último instante de sua vida.

Quanta saudade do Negão! Aos sábados caminhávamos pelo centro de Belo Horizonte, adorávamos cortar caminho pelo Parque Municipal, proseávamos sobre música de raiz, erudita, literatura, cinema e revolução. Dinheiro para uma diversão faltava, mas a alegria de sermos jovens revolucionários sobrava.

Luis Carlos Martinho tornou-se o professor Manoel. Adorado pelos camponeses dos quatro cantos do nortão de Minas, ele auxiliou na construção das escolas populares e no
avanço do movimento camponês combativo da região.

O funeral de Luis Carlos aconteceu na residência de sua família em Vespasiano. O corpo chegou de Montes Claros na madrugada do dia 02 de abril e uma cena marcante que levarei pelo resto da minha vida foi a emoção do Comandante João Martinho, seu tio, ao ver chegando dezenas de coroas de flores, assinadas por diversas organizações revolucionárias do País. Nesse momento nos abraçamos demoradamente, as lágrimas escorreram:

- Seu sobrinho foi um lutador social muito querido pelo nosso povo, entregou a vida à causa revolucionária. Não permitiremos a presença de traidores e oportunistas nesse funeral.

A bandeira vermelha com a foice e o martelo vestia o ataúde de Luis Carlos Martinho.

Rômulo Radicchi, 31/03/2012

______
*Rômulo Radicchi é professor de História da rede pública estadual de Minas Gerais e da rede pública municipal de Sabará. É também uma das principais lideranças do NDG.

P.S.: Leiam no BLOG do NDG:

Lideranças do NDG devem se reunir no próximo dia 14

73 comentários:

  1. Meus pésames aos familiares de mais um companheiro de sala e de luta...e que saibam..os falsos....que a bandeira vermelha..e com as foices..estrão sempre aqui..mesmo o proletariado sendo ceifado de seus companheiros,......

    ResponderExcluir
  2. Euler, estive vendo as péças eletrônicas na pagina do STF, e vi que o ministerio publico federal opinou pela rejeição total dos embargos declaratórios interpostos pelos desgovernadores inimigos da educação, e especialmente no embargo, se não me engano! do gov. de santa Catarina, em relação ao piso, como piso, sem penduricalhos. o ministério publico foi bem direto piso é piso sem penduricalhos e ponto final ,estou esperançoso.

    ResponderExcluir
  3. professoramaluquinha1@gmail.com1 de abril de 2012 09:16

    "Se é que a vida tem sentido, também o sofrimento necessariamente o terá. Afinal de contas o sofrimento faz parte da vida, de alguma forma, do mesmo modo que o destino e a morte." Viktor Frankl

    Meus sinceros sentimentos à família e amigos de Luis Carlos.

    ResponderExcluir
  4. o premio de uma vida construida na luta e cooperaçao com os semelhantes é o reconhecimento e a saudade eterna. Não conheci o Luiz Carlos pessoalmente mas ja ouvi outras vezes de sua fama de homem honrado... conheci seu tio , Joao Martinho e estou certa de que carregará tambem pela eternidade a mesma fama.

    ResponderExcluir
  5. Felipe Jacob, o brasileiro precisa de ter inspiração em trabalhos como este realizado pelo professor Luis Carlos.

    ResponderExcluir
  6. LEITURA OBRIGATÓRIA
    A difícil transição do velho para o novo

    Jornal do Brasil Leonardo Boff

    A saída para as várias crises atuais não pode vir do sistema que as gerou. Bem dizia Einstein: "O pensamento que criou o problema não pode ser o mesmo que o solucionará". Somos obrigados a pensar diferente, caso contrário, não agiremos diferente, podendo pôr em risco o equilíbrio do sistema- Terra e a continuidade da espécie humana.

    O dramático de nossa situação reside no fato de que não dispomos de nenhuma alternativa ao velho, suficientemente vigororosa e elaborada, que o venha substituir. Nem por isso devemos desistir do sonho de um outro mundo possível e necessário. A sensação é que “o velho resiste em morrer e o novo não consegue nascer" (Gramsci).

    Mas por todas as partes no mundo há uma vasta semeadura de alternativas, de estilos novos de convivência e de formas diferentes de produção e de consumo. Ela ganha visibilidade nos Fóruns Sociais Mundiais e recentemente na Cúpula dos Povos pelos Direitos da Mãe Terra, realizada em abril de 2010, em Conchabamba, na Bolivia. Para usar pontos de referência conhecidos podemos dizer: o futuro não passa por Davos mas por Porto Alegre.

    A história não é linear. Ela se faz pela acumulação de energias, de ideias e de projetos que, num dado momento produzem uma ruptura. Surge uma alternativa, supera-se a crise e começa uma nova história.

    Enquanto isso não ocorrer, temos que ser realistas. Com um pé estaremos dentro do novo para não sermos reféns do velho, e com o outro seremos obrigados estar dentro do velho para atender as demandas humanas. Caso contrário, não evitaríamos um colapso sistêmico com efeitos dramáticos, o que seria irresponsável.
    (...)
    Os tempos o estão exigindo. Valham-nos as palavras de Chateaubriand: ”Nada é mais forte do que uma ideia quando chegou o tempo de sua maturação”.

    ÍNTEGRA DO ARTIGO AQUI:

    http://www.jb.com.br/leonardo-boff/noticias/2012/04/01/a-dificil-transicao-do-velho-para-o-novo/

    ResponderExcluir
  7. Que pena que eu sinto do mundo, quando recebo notícias da perda de pessoas jovens, lutadoras e que não têm medo de enfrentar todas as dificuldades e os desafios de brigar pelos menos afortunados...
    Essas pessoas, como o Luis Carlos, sobrinho do João Martinho e o próprio João Martinho, fazem manter a esperança, que existe em cada um de nós, de que o mundo não é feito somente de maldades.
    Mesmo não conhecendo pessoalmente nenhum dos dois, a maioria de nós os tem como pessoas próximas que sempre admiramos pelas atitudes de combate e posturas condizentes com seus pensamentos revolucionários.
    O próprio Rômulo já fez alguns comentários sempre muito elogiosos sobre o trabalho do Luis, aqui no Blog do Euler e, quanto ao João Martinho, a minha admiração é pela coragem dele de enfrentar tudo o que enfrentou, se acorrentando na assembléia legislativa junto com os outros companheiros na greve dos 112 dias do ano que passou.
    Meus sentimentos à toda família.

    ResponderExcluir
  8. Perdoem-me, por escrever esse alerta nesta postagem, mas é que o desperdício do governo chegou ao limite do insustentável. Quem já ouviu falar no PIP (Projeto de Intervenção Pedagógica) da Secretaria de Educação?! O governo de Minas está destinando R$ 13,6 milhões de reais ao crescimento do projeto. Participei da primeira fase em minha escola, onde duas pessoas da Superintendência simplesmente, passaram um vídeo que foi extraído do Youtube (não produzido pela SEE, desrespeitando a lei de direitos autorais, não pagando os devidos royalties ao autor) - tema: Rubem Alves - usando datashow; distribuiu o CBC (a tão conhecida Proposta Curricular), e fizeram uma oficina, adestrando os profissionais a elaborar um planejamento em cima de tópicos específicos ditados. PERGUNTO: gasta tudo isso para uma ação contraproducente? Sabendo que a verba destinada para tal projeto é uma soma considerável, apenas para exibir um vídeo do Youtube e usar material já preexistente da biblioteca da escola, ou seja, nada de novo foi produzido para justificar tal investimento. Vamos calcular, arredondando para menos, considere R$ 13 0000 000,00: Sabendo que a média do número de professores no "Estado (Minas Gerais)" é de 400 000 profissionais, se contarmos 500 000 professores, se o governo pegasse tal verba e distribuísse da seguinte maneira: aumentando em R$ 1 000,00 a remuneração de cada docente, os treze milhões serviriam para 26 meses de mil reais a mais para os educadores, ou seja, dois anos e dois meses, recebendo mil reais a mais. Depois o governo afirma que não tem recursos para praticar a Lei do Piso. No mínimo, se o PIP é para capacitar professores, o governo chama os professores de incapacitados. Você só capacita quem não tem capacidade. Mas, esses imbecís e analfabetos (assim considerados pelo governo), tem inteligência suficiente para fazer uma conta de aritmética básica. E o Sind-PELEGO, observando tais fatos anunciados no site da SEEMG, fingem que nada sabe, nada vê, nada ouve. Que dirá falar contra?
    Mas tudo isso, nossa categoria merece, porque é uma classe apática que não reage, nem sequer denuncia ao MP que esse é um projeto de captação de recursos inútil, oops, muito útil para uma classe de pessoas corruptas, cujo interesse único é desviar verbas, que é dinheiro público e fazer propaganda, para dizer que Minas está avançando, e utilizando-se dos professores trouxas como desculpa.
    ACORDA SIND-PELEGO!! ACORDEM PROFESSORES TROUXAS! ATÉ QUANDO SEREMOS UM BANDO DE BABACAS?? ATÉ QUANDO SEREMOS DESCULPA PARA O GOVERNO DESVIAR VERBAS?!

    https://www.educacao.mg.gov.br/ditoefeito/editorias/ver/governo-de-minas-lanca-a-segunda-fase-do-projeto-de-intervencao-pedagogica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o que você fez durante a oficina? Aceitou tudo que disseram ou questionou, como fez aqui no blog? O que eu já percebi é que aqui no blog todos são muito corajosos, mas não levantam a voz quando os desmandos acontecem em suas escolas. Quero estar enganada a seu respeito, colega.

      Excluir
    2. Concordo com o anônimo das 02:53. Vc fez algum questionamento? Aqui no blog todo mundo fala, opina e nada acontece.
      Vc já entrou na justiça contra o estado?
      Eu já entrei e meu processo está correndo.Não sei se vai parar numa gaveta a pedido do superior, mas estou tentando.Faça o mesmo.....

      Excluir
    3. Olá, colega Anônimo das 11h31m!

      Sua denúncia é importante, mas vamos evitar de chamar os colegas (e a nós próprios, pois somos educadores) de "trouxas", "babacas" ou qualquer outra adjetivação que reduza a importância que têm os profissionais da Educação. De Minas e do Brasil. Isso vale para todos, pessoal. Deixemos ao governo o papel de nos diminuir. Não vamos reproduzir essa lógica.

      Uma outra coisa diz respeito aos cálculos que você apresenta, que infelizmente não batem. E até lhe entendo, porque esse negócio de números confunde mesmo, rsrs. Na verdade, os tais R$ 13 milhões de reais, que isoladamente representam um valor expressivo, dariam para pagar apenas R$ 32,50 para cada um dos 400 mil educadores, durante um mês apenas, e não os tais R$ 1.000,00 durante 26 meses que você encontrou.

      Mas faço esta constatação sem diminuir o mérito da sua denúncia, no que tange à qualidade do programa, ao pessoal que o executa e à real necessidade do mesmo. Seria melhor se o governo ouvisse os próprios professores sobre as reais dificuldades e propostas de intervenção.

      Um forte abraço e parabéns por ter apresentado mais este problema ligado à área da Educação em Minas.

      Excluir
    4. Amigo Euler, você é de uma grandeza e dignidade que orgulha a classe.
      Parabéns.

      Izabel/Geografia

      Excluir
  9. TEM ESCOLA COM ALUNOS NO 8° ANO SEM SABER LER.

    ESTÃO SENDO EMPURRADOS PELOS PIPs.


    E AÍ MINAS GERAIS??????

    ResponderExcluir
  10. Isso mesmo, todos nós vamos denunciar o trabalho dos PIPEIROS quando forem desse nível, temos que mostrar para a Sociedade para onde vai o dinheiro da educação,pois para pagar o piso eo governo alega dificuldades e ainda mente, mas para manter uma moçada, andando um atrás do outro na escola com uns livrinhos na mão, ah!, aí aparece dinheiro, só Deus para explicar as razões desses projetos!! As mocinhas e os rapazinhos são inexperientes, e estão indo às escolas para aprender com os Especialistas e os professores a dinâmica da escola. Isso é possível? Em Minas é! Como o Estado é muito rico e não falta dinheiro para Secretaria alguma, então cria-se uns projetos maluquetes para dar cabo ao dinheiro, pois não tem onde empregá-lo. E viva a política nefasta do governo mineiro e os planos educacionais da Secretária que não conhece nada de ensino básico, pois sempre esteve no ensino superior, dando ordens! O negócio em Minas é enganar e fazer movimento para mostrar para a Sociedade que o governo está trabalhando! Mas é tudo só para enganar, ludibriar! Vamos aguardar no que vai dar este Projeto! Podem esperar, vai ser a mesma coisa do PAV, levou professores para BH, capacitou, entregou livro velho e que, certamente, deve ter vindo da SEE de São Paulo, já que os textos se referiam à realidade de São Paulo e depois... depois... passaram os alunos sem saber nada, porque nada de diferente aconteceu, ninguém deu apoio algum a professor. Da SRE não apareceu técnico algum, conforme se havia previsto em reuniões, inclusive dizendo que Inspetores iam entrar na sala para acompanhar o Projeto, até hoje. O PAV foi tão maravilhoso que já está acabando sem resultado algum para os alunos, para a escola, sim, pois os alunos ficaram todos amontoados com gente igual eles, dificuldade de aprendizagem, inúmeros problemas sociais, eles mesmos perceberam que estavam sendo discriminados e foram embora. Esses são os Projetos e não é o primeiro com esse tipo de resultado. Aguardem o PIP, não vai acrescentar nada para as escolas, a não ser estarem toda semana tomando horário de serviço das Especialistas, porque o trabalho é demais e quando eles chegam à escola ficam um turno todo não dizendo nada. Até porque o que as especialistas expõe para eles, ela própria percebe que eles não sabem o que fazer, exatamente porque lhes faltam experiência de sala de aula. Olha, ouvir o galo cantar e não saber onde, é complicado. Essa moçada vai se queimar e com eles será torrado o dinheiro que é nosso! Eta gente besta, meu Deus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o salário dos PIPEIROS é o dobro ou mais do que o dos professores, pra não fazer nada. Ficam nas SREs também andando de um lado pro outro, sem terem o que fazer. Quanta incompetência dos criadores dessa coisa!

      Excluir
    2. Com tantos celulares, estas reuniões com as secretarias feitas nas escolas devem ser gravadas e filmadas. Servirão como documentos.Acordam professores da ativa.

      Excluir
    3. O governo só gasta com projeto sem futuro.Quando eu trabalhava, a um tempo atrás, minha diretora me obrigou ( grávida de 7 meses) a fazer um curso de música,à noite.
      Se eu não fizesse teria que sofrer as consequências.Fiz o dito e ninguém da escola nunca trabalhou com nada do que foi visto neste tal.A sacola de americano cru com todo o material, depois de um tempo, joguei fora pois ninguém se interessou por ele.Tentei passar para alguém mas nada.....

      Excluir
  11. Muito bem anônimo que fez essa denúncia gravíssima.Concoedo em tudo mas então você pode e deve ser o primeiro a fazer essa denúncia no Mp.Você já fez???Ou está esperando alguém ir lá com você???Acho que você como participante e sentindo de perto tudo isso, deveria dar o exemplo fazendo isso .Concoerdo mas onde está o número de sua denúncia???Seja o primeiro.Dê o exemplo.Depois venha aqui e exponha a todos os seus atos.Anônimo de Contagem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, para isto existe uma entidade jurídica para representar e defender toda a categoria.

      PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS É REFRESCO.

      Se o alerta não serviu prá nada, não haverá mais.

      Num regime DITADOR NAZISTA como este, quem tem _ _ tem medo.

      ANÔNIMO.

      Excluir
  12. Aumento para servidores da educação será de 22,6 % em Abril.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para o Brasil, né???

      E aqui em Minas Gerais???

      Excluir
    2. Em qual país???

      Excluir
    3. Quando vc acordou caiu da cama?
      Que belo sonho.

      Excluir
    4. Que bom seria...!

      Excluir
    5. Isto é verdade para muitos educadores do Brasil. Mas infelizmente aqui em Minas Gerais é só uma brincadeira de 1º de abril- Dia da mentira. Minas não paga o piso salarial, paga o teto salarial com nome de Subsídio.

      Excluir
  13. Anônimo, você quer dizer que gostaria que nós tivéssemos esse aumento, é isso? Porque o que sabemos são só os míseros 5% e que receberemos lá para o mês de junho, apesar de ele ser dado em abril.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ô, pessoas,

      Não viram data não? 1º de Abril! Dia da mentira...

      Excluir
  14. SEGURA O PIP GENTE,
    APOSTO QUE NO FINAL DO ANO VEM ELES MANDANDO PASSAR TODO MUNDO PARA MOSTRAR QUE MINAS ESTA COM TUDO.

    MAQUIAGEM PURA

    22% DE AUMENTO DE TRABALHO PARA TODOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ENTÃO, QUAL SERÁ MESMO A FUNÇÃO DOS PROFESSORES(AS) DA ESCOLA PÚBLICA EM MINAS GERAIS??

      Excluir
  15. Esse projeto não vai acrescentar nada, porque os pipeiros não tem nada a acrescentar. Eles foram colocados na base do QI(quem indicou) ou seja os deputados da região. São os cabos eleitorais nas pr´ximas eleições. Estão recendo 2.200,00 reais cada um para dar vistos em diários dos professores.
    E como disse o colega andar uns atrás dos outros e ocupar o tempo do supervisor. Na minha escola ainda não aconteceu nenhuma reunião. Mas nesse nível se não quiserem denunciar ao MP, pelo menos deveriam coloca-los na roda, ou seja cobri-los de perguntas, que logicamente não saberão responder, ou levantar e ir embora da sala.
    Tem pipeiro com 2 meses de regência. devem ser gênios para passar alguma coisa para professor. esses projetos é uma vergonha.

    ResponderExcluir
  16. Euler,

    mande um abraço ao Capitão Rômulo. O André Buzina me informou que ele passou por uma intervenção cirurgica. Espero que esteja tudo bem!

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  17. onde você viu esta notícia do aumento.Aqui nessa terra das Minas Gerais????

    ResponderExcluir
  18. Inimigos...

    Antônio Lerin
    PSB
    Uberaba e Sacramento

    Arlen Santiago
    PTB
    São João da Ponte, Salinas, Montes Claros, Porteirinha, Várzea da Palma, São João do Paraíso, Januária, Coração de Jesus, Taoiobeiras

    Bonifácio Mourão
    PSDB
    Governador Valadares, Malacacheta, Belo Horizonte, Divinolândia de Minas, Sabinópolis, Guaraciaba, Serro, Gunhães, Chiador e Sardoá

    ResponderExcluir
  19. Que ingenuidade do Anõnimo de Contagem. Pois nem as denúncias do nosso Piso Salarial, o Sindicato que é uma Instituição Organizada conseguiu, um Professor vai conseguir, faça-me o favor, ele vai ser perseguido, linchado, exatamente por ser um cidadão honesto demais, sincero demais e alguém que enxerga longe demais. Ei, esqueceu que nós moramos num país chamado Minas Gerais. Ou você é alguém do Governo que está querendo fazer blefe por aqui?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo. Eu mesmo já fui muito perseguido em escolas públicas das quais trabalhei e fazendo investigação por minha conta descobri que não era somente nas escolas. Hoje afirmo com toda certeza que para se ter o gado no cabresto é preciso persegui-lo onde ele estiver.

      A questão não é somente no âmbito escolar tem a ver com política, com visão de mundo rompedora dos pensamentos que nos aprisiona, e existe muita coisa ilícita dentro desses jogos de interesses, "aquilo que a gente pensa que é não é".

      O importante é denunciar, não deixar que a coisa fique no segredinho e, mesmo que a pessoa não tenha ido ao Ministério Público formalizar tal denúncia, aqui ela já deu um grande passo, pois os demais estão sabendo e atentos, a partir daí, se houver qualquer perseguição à pessoa será necessário formalizar, ou seja, protocolar a denúncia a respeito da perseguição sofrida.

      Devemos estar unidos para não sermos pegos. Mexeu com um mexeu com todos.

      Excluir
  20. Obrigado companheiro Luis Carlos,que Jesus te abençõe!Você é mais uma estrela que acende nossa esperança!Professor sem esperança não consegue cumprir suas tarefas!1000 bjs pela sua luz e pela luta que jamais será em vão!

    ResponderExcluir
  21. "AnônimoApr 1, 2012 02:53 PM
    E o que você fez durante a oficina? Aceitou tudo que disseram ou questionou, como fez aqui no blog? O que eu já percebi é que aqui no blog todos são muito corajosos, mas não levantam a voz quando os desmandos acontecem em suas escolas. Quero estar enganada a seu respeito, colega."
    Resposta(sincera):Eu assistí o vídeo e fiz a tarefinha, porque queria ir embora depressa, já que não recebo hora-extra, e porque somente hoje, dia 01/04 é que li no site da SEEMG, a captação do recurso. Naquele momento, eu não tinha conhecimento dos R$ 13.600.000,00 !!! destinados ao PIP, e nem sabia que o PIP era aquilo, assistir vídeo, ouvir palestra e participar de oficina!! Aguardem-me na 2ª fase!!
    Vc está enganada a meu respeito, rsrsss...

    ResponderExcluir
  22. Não podemos nos esquecer dos 51 inimigos dos educadores:
    DUARTE BECHIR, inimigo dos educadores de Campos Gerais- Sul de Minas. Esse sujeito acabou com a educação em Campos Gerais.Vergonha para Minas.
    Fora BECHIR nas próximas eleições.

    ResponderExcluir
  23. o MP aceita denúncia anônima, Anônimos!!

    ResponderExcluir
  24. O Anônimo, das 06;59, quem está te cobrando postura se não for espião, porque parece ser, mas se ao contrário, for professor, o que duvido muito, também não ia fazer nada. Pois ia sair de lá e procurar o Ministério Público, colocar os pipeiros porta fora da escola, espenear, gritar, chorar, o quê mais. Essas pessoas são tão ingênuas, tão simplistas. A questão é saber cobrar deles, caso contrário ainda vão sair da Escola e chegar às SREs falando mal da metodologia dos professores, eles precisam manter os seus salários e, ainda, mostrar serviço para os seus chefes nas SREs e na SEE, então vão pôr em xeque a atuação dos professores, dos especialistas, disso ninguém tenha dúvida, muitas atuações tanto de professores, quanto de especialistas já foram discutidas por eles em suas reuniões. Então, não sejamos ingênuos. Até porque há interesses enormes da SEE em manter esse pessoal dentro das escolas, mesmo que seja para produzir pouco e ACHAR muito, mas eles vão ficar até 2014, pois tem que dar vazão à verba destinada para esse projeto. E a atual Secretária tem que ter o que dizer. Na sua gestão ela implantou os VIGIADORES DE PROFESSORES e DE ESPECIALISTAS, TAMBÉM CONHECIDOS POR PIPEIROS!

    ResponderExcluir
  25. KKKKKKKKKKK ELES PIPAM CÁ E DEPOIS PIPAM LÁ!!

    ResponderExcluir
  26. Nas SREs já tem muita gente insatisfeita com esse povo, as mocinhas ficam de salto pelos corredores, com ar de ESPECIALISTAS EM ASSUNTO DE EDUCAÇÃO, mas é só ar pelo visto. Alguns nas reuniões são falantes, mesmo que falem besteiras, agora há outros que ficam caladinhos. Mas o que vão fazer nas escolas, vão só olhar para a cara dos professores e dos especialistas? Isso não vai resultar em boa coisa.

    ResponderExcluir
  27. Boa noite a todos! O Anônimo,desta data e horário Apr 1, 2012 11:31 AM fez uma denúncia muito séria aqui, para alertar a nós, professores retardados de Minas Geraes (sempre da forma antiga, pois não temos governantes, mas coronéis. Em MG, o tempo não passou e vivemos na época do coronelismo)sobre a grande 'picaretagem' que o governador Anestesia fez para cima da classe retardade que somos nós, professores. Mas ao que vejo, os inimigos
    já se infiltraram aqui... uma pessoa faz um alerta seríssimo aqui, e palhaços, sempre anônimos, vêm para tirar o foco e perguntar se a pessoa já fez a denúncia... o imbecil que falou isso é tão tapado, que eu pergunto... como fazer uma denúncia protocolada em um órgão público no domingo? Por favor, pelegos a mando do Sindpelego e a mando da Secretaria de Ensino, saiam daqui!

    ResponderExcluir
  28. Professor Euler e demais,
    Verificando o contracheque de março, é possível perceber que; agora não mais 2 salários mínimos por, mas sim 1,76 salários mínimos, portanto, abaixou!!
    Viva Minas Gerais!
    Professor Herbet.
    Cristália - MG

    ResponderExcluir
  29. http://www.blogcidadania.com.br/2012/04/veja-alega-que-%E2%80%9Cnao-sabia%E2%80%9D-dos-crimes-de-carlinhos-cachoeira-2/


    http://www.cartacapital.com.br/politica/o-estranho-sumico-de-cartacapital-em-goiania/


    Governantes de Minas Gerais, a hora de vocês vai chegar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, se vai! Todo bandido tem sua hora. E são muitos os que devem ao povo mineiro e brasileiro. Fazem carreira e fortuna às custas da fome e das doenças do sofrido povo. Está difícil aguentar tantas barbaridades e MENTIRAS.

      Excluir
  30. Quanto às denúncias, é complicado se não houver o representante para nos representar como SINPELEGO.Muitas vezes somos perseguidos na própria escola. Vejo na minha escola ao não cumprimento da carga horária do capitães do mato e cia, e quando os questionamos começam a perseguição. Infelizmente, num país onde somos perseguidos, a cautela é necessária.E esquecem que estão provisórios no poder , e logo voltarão para a sala de aula. E com isso, a SRE de Pouso Alegre continua anestesiada. Acorda, Mônica Flores. Faça permuta dos inspetores.Estão de conluio com a safadeza de muitos diretores.

    ResponderExcluir
  31. O negócio é PIPAR o dinheiro público!
    Para isso não faltam PIPEIROS, são PIPEIROS do alto, do médio e do baixo escalão. Todos pipandos!!!! E o PISO SALARIAL, óóóóóhhhhhhhhhhhhhhh, não sobrou para pagá-lo a quem realmente está à frente dos alunos e enfrentado as dificuldades cotidianas, porque a moçada não chega nem perto dos nossos alunos, não conhecem nada da realidade da escola, há casos, de pipeiros que já assumiram aulas por 1 mês e largou porque ficou apavorado com os alunos, correu para o PIP e, ainda, comentou com colegas: "SALA DE AULA, NUNCA MAIS" e aí? ele não quis sala de aula para a vida dele, mas está de pastinha na mão querendo ensinar o professor trabalhar. Mas, de que forma, sendo que nem ele deu conta, largou o contrato para nunca mais e olha, novinhooooooooooooooooooos, com 1 mês de contrato já desanimou. Caros colegas, são esses e outros exemplos que temos para enobrecer a educação mineira. E vai dinheiro público para o ralo, falta de administração é assim mesmo, quando não se tem, não sobra dinheiro para as coisas necessárias. É o mesmo de um lar, quando os donos da casa não têm administração, têm TV de 42', mas as crianças não têm alimentação direito. O mesmo se vê na administração mineira, vivem correndo atrás de vitrine, só para apresentar para os outros, quando vai se ver por detrás dessas vitrines, a mercadoria não é de boa qualidade!!!

    ResponderExcluir
  32. Tudo isso que está acontecendo é tão igual, mas tão igual que pode se comparar àquelas franquias que abrem pelo país. Vcoê está em cidade diferente, mas ao observar a estrutura e o detalhes desses lugares nos dá a impressão de que o lugar é sempre o mesmo. É muito interessante os comentários postados aqui, porque estamos em várias regiões do Estado, no entanto as questõs abordadas são as mesmas. Até a incompetência dessa gente é sincronizada e simultânea! Pelo menos no fracasso tinham que ser eficientes!

    ResponderExcluir
  33. Não sou mais Professor, mas concordo com as denúncias que li no blog sobre "pipeiros na Escola"esses projetos que não acrescenta nada para o aluno e só acumula trabalho para o professor já vem de alguns anos,os projetos até pode ser bons,mas são passados para os professores de uma maneira tão autoritária e com tamanha insegurança que parece que é só para dar satisfação aos órgãos envolvidos. O que é necessário é ter pessoas mais qualificadas e comprometidas para orientar esses projetos junto aos professores e alunos.Quanto a denunciar... um só professor não adianta, por isso eles falam de sua indignação aqui neste blog.Cadê o sindicato???

    ResponderExcluir
  34. Aos pipeiros de plantão! Sala ambiente para tornar as aulas mais dinâmicas, ar condicionado em todas as salas. Possibilitação do professor ter acesso a todos os eventos culturais, ou seja, o professor teria entrada gratuita em qualquer, digo e friso, QUALQUER EVENTO CULTURAL NO PAÍS, por exemplo, facilitar aos professores de áreas como humanas geografia, história, filosofia e sociologia acesso aos congressos que acontecem pelo país assim como intercâmbio entre os professores do MERCOSUL, isso valendo também aos profissionais de exatas, dentre outras ideias que ajudem a modelar melhor o perfil do professor brasileiro levando-o a atuar bem frente aos educandos aceitando-os nas suas diversidades, promovendo o acesso de todos em suas diversidades e problemáticas que possam existir, pois para dar conta de tantas diferenciações, urge a redução de alunos em sala e contratação de mais professores sem redução salarial.

    SE ESTÃO QUERENDO SOLUCIONAR OS PROBLEMAS DA SOCIEDADE, PRIMEIRO NÃO DEVEM CULPABILIZAR OS PROFESSORES E REDUZI-LOS A UMA SITUAÇÃO ESCRAVOCRATA, MAS SIM OUVI-LOS E TENTAR CONSTRUIR ATRAVÉS DE UM VERDADEIRO CONSENSO IDEIAS RENOVADORAS QUE ABARQUEM AS DIVERSIDADES EXISTENTES, TENTANDO NÃO PUNIR MAS SIM MELHORAR O QUE JÁ EXISTE, PRA ISSO HÁ QUE SE TER CONDIÇÕES DIGNAS PARA O EXERCÍCIO DO TRABALHO.

    NÓS PROFESSORES NÃO PODEMOS ACEITAR QUE TODO O FRACASSO EXISTENTE NA SOCIEDADE SEJA CULPA DO PROFESSOR, QUE O FRACASSO DAS ESCOLHAS POLÍTICAS SEJAM CULPA DO PROFESSOR, ORA, A NOSSA ELITE EXISTENTE QUER FICAR ISENTA DAS SUAS IMPOSTURAS E RESPONSABILIDADES SOCIAIS. DEVEMOS EXIGIR E COBRAR DESSAS MESMAS ELITES QUE ESTÃO NO PODER UMA POSIÇÃO POLÍTICA, SOCIAL, ECONÔMICA E ADMINISTRATIVA MAIS JUSTA E HUMANA QUE LEVEM EM CONSIDERAÇÃO A JUSTIÇA DO TRABALHO, DO CONVÍVIO SOCIAL INDEPENDENTE DE DIFERENCIAÇÕES DE CLASSES SOCIAIS, CREDOS RELIGIOSOS E DE POSICIONAMENTO POLÍTICO.

    Essas são as minhas considerações.

    ResponderExcluir
  35. ANÔNIMUS, você FALOU e DISSE!

    ResponderExcluir
  36. Por que hoje, já dia 02 de abriu, agente não consegue acessar os contracheques no portal do servidor?
    Alguém tem alguma informação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que ainda estamos no mês de abril. KKKKKKKK

      Excluir
    2. No dia primeiro eu acessei o meu com facilidade.

      Excluir
  37. Devemos sempre nos lembrar desses nomes!
    Deputados de Uberlândia que votaram contra os professores: Tenente Lúcio(PDT) e LUIZ HUMBERTO CARNEIRO(PSDB). Lembrando que LUIZ HUMBERTO (é aquele que sempre mandou as cartinhas nos informando da pubicação e nos parabenizando por termos sido contemplados com mais um biênio ou quinquênio) e será candidato a prefeitura de Uberlândia e provavelmente será apoiado pelo prefeito Odelmo Leão também do (PSDB). Quando votou contra os professores tratou de querer se justificar publicando um artigo no jornal Correio de Uberlândia, mas os professores daqui entraram no facebook dele e detonaram a sua demagogia e desde então está sumido. Não se esqueçam: deveríamos fazer um outdoor em Uberlândia quando a sua candidatura for lançada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O demagogo perdeu a serventia com o golpe do "suicídio"...Que pena! Não pode mais enviar aquelas cartinhas ridículas e chatas. Xô demo...

      Excluir
  38. professoramaluquinha2 de abril de 2012 12:38

    "ANÔNIMUSApr 2, 2012 06:29 AM
    Aos pipeiros de plantão! Sala ambiente para tornar as aulas mais dinâmicas, ar condicionado em todas as salas."

    completandooo... tablet PC para professores e alunos, isso simmmm justificaria a soma vultosa de treze milhões e seiscentos mil reais para o PIP!! francamente!

    ResponderExcluir
  39. <>

    CONFIRAM NA PÁGINA DO MP:

    http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=17542:piso-do-magisterio-deve-ser-reajustado-em-2222-e-passar-para-r-1451&catid=211&Itemid=86

    MAS, NAS MINAS GERAES, O GOVERNO ANTONIO AUGUSTO J. ANASTASIA, SÓ CUMPRE A LEI DA MERENDA!!!

    ResponderExcluir
  40. Greve nas redes Estadual e Municipal de São Paulo a partir de hoje, pelo piso nacional... Teria que ser GREVE NACIONAL, eta sindicato pelego o tal do CNTE.

    ResponderExcluir
  41. http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=17542:piso-do-magisterio-deve-ser-reajustado-em-2222-e-passar-para-r-1451&catid=211&Itemid=86
    Esse é do ministério da educação e até me assustei, pq fala para JORNADA DE 40 HORAS quando o STJ afirma categorico que é DE ATÉ 40 HORAS. Ainda bem que só o MEC não sabe ler a lei.

    ResponderExcluir
  42. Acorda SRE Varginha, tem inspetora fazendo reunião com diretor em hotel, tamanho é o conluio com as mesmas.

    ResponderExcluir
  43. Há pipeiro que diz na cara dura que nunca trabalhou com crianças. Que a vida inteira foi especialista e diretora do 6º ao 9º ano. Então, o que vai fazer na escola se lá só tem anos iniciais? Oportunismo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sou professora mas estes projetos me dão uma preguiçaaaa! Que gente chata!

      Excluir
  44. Clarice da Consolação Ferreira -Barbacena2 de abril de 2012 23:32

    Prezado Euler,
    Gostaria de saber se na sua SRE já estão cobrando o Módulo 2, com oito horas para serem cumpridas? Aqui na 3ª SRE de Barbacena já estão nos cobrando.Escrevi para o Sindute e para SEE , sabendo se nós vamos ter o 2/3 ou seja 16 horas aulas. Já que 8 horas está dentro da Lei do Piso.gostaria muito de saber se está acontecendo em outras SREs. Grata Clarice.

    ResponderExcluir
  45. Professor Euler e demais,
    Correção. AnônimoApr 2, 2012 02:35 AM
    "portanto, baixou".
    Professor Herbet
    Cristália - MG

    ResponderExcluir
  46. S-O-C-O-R-R-O... ALGUÉM SABE QUE DESCONTO É ESSE QUE APARECEU NO NOSSO CONTRA CHEQUE... 1/8 SINDICAL/?????

    ResponderExcluir
  47. Euler, quando o NDG se reunir no dia 14, elaborem uma solicitação de sindicância ao Ministério Público, pedindo que se exija da SEE uma prestação de contas para a verba de R$ 13,6 milhões para o PIP, a fim de esclarecer a sociedade onde e como está sendo aplicado o recurso. O NDG enquanto organização, tem mais peso no trato dessa matéria. Agradecido.

    ResponderExcluir
  48. "AnônimoApr 3, 2012 06:18 AM
    S-O-C-O-R-R-O... ALGUÉM SABE QUE DESCONTO É ESSE QUE APARECEU NO NOSSO CONTRA CHEQUE... 1/8 SINDICAL/?????"

    Responder: MISTÉRIO ANTIGO...

    ResponderExcluir
  49. Quero saber quando o mundo vai aprender a valorizar o professor, dando valor financeiro, mas principalmente, valor humano e de import^ncia na construção da cidadania. Quero ser feliz na profissão em que sou feliz ao trabalhar.

    ResponderExcluir