sexta-feira, 5 de abril de 2013

O mosquito municipal e o piso federal

O mosquito municipal e o piso federal

Dois figurões do país de Minas resolveram convocar uma entrevista coletiva para dar explicações sobre a realidade atual, de Minas e do Brasil. Imediatamente, um grande número de repórteres se apresentou, incluindo um representante do Blog do Euler. O serviço de imprensa dos figurões foi taxativo: só entram dois repórteres, um de Minas e outro internacional. Os demais, estão dispensados, incluindo o representante do Blog. Mas, discretamente conseguimos colocar um grampo na orelha do Repórter de Minas, e eis o resultado da entrevista:

- Figurão 1: Bom dia, repórteres, estamos à disposição!
- Figurão 2: (chamou um assessor e cochichou: pede para ser breve porque tenho um compromisso daqui a pouco num barzinho de Ipanema, à beira da praia)
- Repórter de Minas: quero iniciar a entrevista parabenizando o governo de Minas pelo empenho em resolver os problemas do nosso país. Nós, que trabalhamos diariamente cobrindo a realidade de Minas, podemos testemunhar o quanto Minas vem crescendo e se tornando modelo para os demais países...
- Repórter Internacional (já irritado): o colega é assessor do governo ou repórter? Poderia fazer a pergunta ou deixar para mim...
- Repórter de Minas: Da licença, que estou concluindo. Como ia dizendo, Minas melhorou muito, mas, gostaria de saber quais são os planos do governo para o próximo biênio.
- Figurão 1: Depois de construirmos a Cidade Inadministrável número 1, estamos com plano de construir a Cidade Inadministrável número 2. A primeira foi no vetor Norte; a segunda será no vetor Sul. Isso resolverá definitivamente o problema de mobilidade que ora atormenta uma parcela da população.
- Figurão 2: Bom, os meus planos são modestos. Quero a presidência da República do Brasil, assim dividiremos o poder: eu mando no Brasil e ele manda aqui, na minha Minas. Quero exportar para o Brasil a nossa feliz experiência do choque de indi, opa, quero dizer, choque de gestão.
- Repórter internacional: Ouvi dizer que as coisas aqui não estão tão bem quanto parece. Os professores reclamam do piso que não foi pago, os cidadãos estão atacados pela dengue, a segurança não vai muito bem...
- Repórter de Minas: o sr. poderia dizer qual a fonte dessas críticas, pois nada disso consta aqui da minha pauta.
- Figurão 1: eu posso responder, caro repórter internacional. Primeiro, Minas paga até mais do que o piso salarial aos professores... (Neste instante o figurão 2, irritado, tomou o microfone das mãos do Figurão 1).
- Figurão 2: E é bom esclarecer que o piso é federal, não é do estado de Minas. Logo, quem tinha obrigação de pagar o piso é a presidenta. O nosso governo, quando paga até mais do que o piso, tá fazendo bonito, dando bom exemplo.
- Repórter Internacional: mas, senhores, eu li no Blog do Euler que os senhores deram uma espécie de calote nos educadores, não só não pagando o piso, como destruindo a carreira deles e implantando um tal de subsídio...
- Figurão 1: o senhor está mal informado, o que é compreensível já que o senhor não é de Minas. E foi buscar logo como fonte um blog que ninguém nem conhece. Pergunte a seu colega Repórter de Minas que ele dará todas os esclarecimentos.
- Repórter de Minas: De fato, sou testemunha do empenho do governo em tudo fazer pelos professores. Infelizmente, existem limites no orçamento. Se ele pagar um salário muito alto para os professores o estado quebra.
- Repórter Internacional: Mas pagar bem a vocês, repórteres locais, não quebra o estado de Minas não, né?...
Neste instante o telefone do Figurão 2 toca: Trrrrrrrrrrrr!
- Figurão 2: Só um instantinho pessoal, estou atendendo a uma ligação internacional.
   Do outro lado da linha: "Meu presidente, as biritas já estão na mesa, estão esquentando, quando você vem?". O "presidente" respondeu: segura as pontas aí, mano, que estou no meio de uma Coletiva chatíssima. Vou mandar meu assessor preparar meu jatinho para daqui a pouco. Me aguardem que tô chegando. Não bebam tudo, não.
- Figurão 1: Sobre o piso eu queria explicar que este já é um assunto superado. Pagamos mais do que o piso e pronto. É o que está na propaganda e aqui em Minas é assim: tudo o que aparece na propaganda oficial é lei, tem que ser tratado enquanto verdade inquestionável. É assim que Minas avança.
- Repórter de Minas: sou testemunha de que em Minas as coisas funcionam bem, dessa forma. A gente se orienta pela propaganda e no final ficamos todos muito felizes.
- Repórter Internacional: Mas, como assim, está tudo bem? Corre a notícia que a dengue está se espalhando, virou epidemia no país...
- Figurão 1: É outro tema sobre o qual o senhor está mal informado. O mosquito da dengue é proveniente dos municípios, não de Minas. Não temos nada a ver com este mosquitinho chato, que fica incomodando as pessoas. Ele é municipal, e o senhor tem que fazer como o Repórter de Minas, ou seja, dirigir a cobrança para os prefeitos dos municípios atingidos. Aliás, é  oportuno explicar que Minas, nos últimos dois anos, tornou-se modelo e referência no combate à dengue. Houve uma redução de 75% nos casos de pessoas atingidas pela dengue...
- Repórter Internacional: Como assim, redução nos casos? Toda a imprensa está noticiando o crescimento recorde nos casos de dengue este ano!
- Repórter de Minas: Deixa eu explicar porque o senhor é de fora e tem dificuldade em entender o que se passa aqui. Como o Figurão 1 explicou, a dengue acontece nos municípios, por culpa dos prefeitos e dos cidadãos destes municípios. O governo de Minas nada tem a ver com isso. Todos os mosquitos apreendidos foram interrogados e revelaram procedência municipal. Querer culpar o governo de Minas por um mosquito que é municipal é o fim da picada.
- Figurão 2: só para finalizar a minha participação, porque estou atrasado para um outro compromisso seríssimo, quero dizer que, pelo que vi hoje na propaganda do governo, Minas avança sem dengue e com a melhor Educação do planeta. Por isso queremos implantar este mesmo modelo no Brasil, pois o povo não aguenta mais viver sem mim na presidência. Então, se me dão licença vou me retirar e o colega aqui continuará a entrevista. (Neste instante o Figurão 2 se retira do local, não sem antes lascar um demorado abraço no Repórter de Minas, cochichando no ouvido dele: "Êta entrevista chata, esta. Passa lá no meu gabinete depois pra gente conversar e tomá uma").
- Repórter Internacional: senhor Figurão 1, quais são os planos de governo para a Educação nos próximos anos?
- Figurão 1: como o senhor deve ter se informado, Minas é modelo em matéria de Educação básica. Somos a melhor nota do Ideb, do Simave, do Proeb e do Pro-OTAN. Nos anos anteriores, inovamos com a implantação do PIP e do PEP. Nos próximos três anos vamos implantar o POP, o PUP e o PAP, formando assim um sistema integrado de ensino, o PaPePiPoPu, tanto presencial, quanto à distância.
- Repórter Internacional: mas, senhor Figurão 1, o pessoal da Educação está reclamando que nada vai bem na Educação: não se cumpre a lei do piso, a carreira deles teria sido destruída, o terço de tempo extraclasse se tornou uma punição aos professores, os inspetores e diretores de escolas e supervisores são usados para punir, perseguir e pressionar os educadores, provocando afastamentos por doenças, sobretudo mentais; as condições de trabalho não são as melhores...
- Repórter de Minas: o senhor deve estar lendo muito o blog do Euler, ou o da Marly Gribel, ou de outros professores que só sabem criticar o governo de Minas. Mas a realidade é bem diferente. Sou testemunha do esforço que o governo tem feito para consertar a Casa...
- Figurão 1: de fato, sr. repórter internacional, o sr precisa ler mais a imprensa de Minas para se informar melhor. A propaganda é clara: Minas é exemplo para o planeta em matéria de Educação básica, e também em outras áreas, como saúde, segurança, saneamento. Minas não para de avançar. E agora, se os senhores me dão licença, vou pegar meu helicóptero, pois tenho que discutir com uma grande equipe o plano da Cidade Inadminstrável número dois. Obrigado e até outra oportunidade.

E assim terminou mais esta curiosa entrevista coletiva realizada por dois dos mais importantes figurões do país Minas. Ahhhh, lek, lek, lek...

Um forte abraço a todos e força na luta! Até a nossa vitória!

                             ***

187 comentários:

  1. Euler,

    Percebo que a "Dengue" lhe fez muito bem. Que delícia de texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O sofrimento é o maior brilhante do mundo.

      Excluir
  2. Quantas horas prof de 1o ao 5o voces estao cumprindo semanalmente, este ano. Aki na 21 SRE sao 3h semanais estou achando absurdo ai tbém é?

    ResponderExcluir
  3. PRECISAMOS URGENTE DE UM JURISTA RENOMADO PARA PEGAR TODAS AS LEIS E RESOLUÇÕES DA EDUCAÇÃO DESDE O IMPÉRIO E ANALISAR TUDO, SÓ TENHO 11 ANOS NA EDUCAÇÃO E JÁ VÍ TANTA RESOLUÇÃO QUE NEM SEI MAIS O QUE É OU NÃO É DIREITO, SÓ TEMOS DEVER
    PIP, PROEB, SIMAVE, ETC ETC MOD 2, MOD 4, ETC, ETC.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se eu fosse vc pularia fora.Não basta só gostar da profissão.Este governador está fazendo todos de empregadinhos dele.
      Não sei até onde isso vai dar.Vc vai aguentar mais 14 anos no mínimo?

      Excluir
  4. Chique, Euler. Parabéns pelo texto.

    ResponderExcluir
  5. QUANDO A LEI É BOA PARA GOVERNO PODE RETROAGIR, COMO LEI 100 QUE EFETIVOU DESDE INGRESSO, COMO SUBSÍDIO QUE TIROU VANTAGENS, APOSENTEDORIA ETC.

    QUANDO É PARA BENEFICIAR, VALORIZAR, SÓ TEM EFEITO APARTIR DO DIA EM QUE O GOVERNO QUER.

    PUBLICOU A TÃO ESPERADA PROMOÇÃO PARA DIRETORES, MAS SÓ VALE A PARTIR DE 04/04/2013.
    E OS QUE JA SAIRAM E FICARAM 8 ANOS ESPERANDO ESSA LEI?
    FUMO, EU FUI UM DELES QUE LEVEI FUMO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa quanto tempo que não ouço essa expressão kkkkkkkkkkkk

      Excluir
  6. professoramaluquinha5 de abril de 2013 18:37

    A última de Aebrio Never: "Aécio trata como “revolução de 64″ o golpe que instalou a ditadura"

    NA ÍNTEGRA: http://www.viomundo.com.br/politica/aecio-trata-como-revolucao-de-64-o-golpe-que-instalou-a-ditadura-no-brasil.html

    ResponderExcluir
  7. Pelo menoS, a dengue fez algo de positivo: TE DEIXOU DE BOM HUMOR!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso se nosso querido Prof. Euler
      "não der de cara" com o
      ANESTESIA

      Excluir
  8. Que pena que você não conseguiu falar com este repórter internacional... parece-me que ele, talvez, poderia nos ajudar!

    ResponderExcluir
  9. No post anterior tem uma aula de matemática digamos um pouco descontextualizada e já ultrapassada, "um carro de lenha?"kkk Então vamos atualizar: "Comprei dez pedras de crack por 100 reais. Quanto me custou cada pedra? Ou: "Um papelote de cocaína é 8 e posso vendê-lo por 10 reais cada um. Assim quantos papelotes terei que vender nesta noite para ter 20 reais de lucro? Usando as drogas de exemplo eles nunca erram os cálculos, já que estão acostumados com este tipo de cálculo, kkkk.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu Deus!!!!!!!!!!! Embora saiba que isso é uma realidade em nossas escolas, de forma mais escancarada na pública, mesmo assim me sinto chocada. Ainda bem, pior se visse com normalidade, espero que não chegue a este estágio, para isso estarei longe da escola!

      Excluir
    2. Não achei a mínima graça. Você é realmente uma educadora?

      Excluir
  10. As mentiras são a tônica deste governo e a vítima há uns dias atrás foram mais uma vez os efetivados. Até reunião no palácio Tiradentes o danado fez pra tranquilizar os efetivados, quanta hipocrisia! Não está nada em suas mãos mas mesmo assim ele coloca a situação como tranquila e segura para o governo... Na verdade a coisa tá é feia pois aqui em Minas a lei já foi tida inconstitucional pela suprema corte e por unanimidade, depois foi tudo parar no STF, onde os ministros, com certeza, não vão pensar diferente dos juízes da justiça de Minas. Mas segundo o governo está tudo tranquilo ainda mais que ano que vem é ano de eleições e, claro, eles vão querer os votos dos 98.000 efetivados mais os votos de seus familiares. Efetivados, não se iludam a situação está é complicada mas o governo passa pra vocês uma falsa tranquilidade que na verdade nem mesmo eles têm. Isso tudo é pra vocês votarem nele. Fiquem espertos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele está ganhando tempo até chegar 2014 para se afastar do governo e garantir sua vaga no Senado e aí, deixa o abacaxi, o pepino, a batata o que quiserem na mão do Mané que pegar. Enquanto isso, vai se arranjo votos para entrar no Senado.

      Excluir
    2. Bem que eu queria ser esse mané aí pra pegar este governo e ver estas coisas estourando em minhas mãos. O salário de governador deve ser ótimo, além é claro das licitações onde deve-se conseguir um dinheirinho por fora, é lógico né, ninguém é de ferro...Ahhhh, lek, lek, lek...

      Excluir
  11. Gostei do Lek, Lek....Talvez na zoação chegaremos lá. Lek, Lek.....

    ResponderExcluir


  12. É impressionante, neste governo as promessas vão e vem.



    05/04/2013 20h55 - Atualizado em 05/04/2013 20h55
    Aneel aprova reajuste de contas de luz em SP, MS, MT e MG
    Novas tarifas valem a partir de segunda-feira (8).
    Aneel aprovou tanto aumentos quanto reduções nas contas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em MG ~> aumento.

      Excluir
    2. Os remédios também vão subir.E o nosso salário só deeeeeeeeeeeeeeessssssssssssssce.

      Excluir
    3. "S'imbora"!
      Todo mundo tomando TYLENOL
      e ...
      a INDÚSTRIA FARMACÊUTICA e o PESSOAL DA HEMODIÁLISE
      agradecem

      Excluir
  13. Euler, só mesmo você para ter tanta criatividade. Seu texto mostra com
    clareza tudo que a mídia comprada do país de Mnas divulga como verdade absoluta, sem o menor pudor.
    Parabéns!!!

    Maria de Lourdes

    ResponderExcluir
  14. Bom demais,"Criativo Euler"!!!
    Não é demais ser sua fã!
    Abração,
    Helena Thaereh

    ResponderExcluir

  15. Certa vez, mencionei que pela qualidade dessas crônicas, pois assim vou denominá-las, pois são mesmo, você deveria publicá-las num livro. São maravilhosas. E olha que há uma coletânea produzida nesses anos de existência do blog.E fazer humor requer tarimba e essa qualidade você já provou que tem. Todos nós ficamos maravilhados (as) com esses textos, pois além de nos fazer rir e muito, nos leva, também, á reflexão dos fatos, isso é muito bom!
    Pense nisso, professor Euler!
    Parabéns por este humor refinado!

    ResponderExcluir
  16. Divulgado edital do processo de Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual

    PARTICIPEM! É NECESSÁRIO, NAS DIREÇÕES DAS ESCOLAS, PESSOAS MAIS HUMANAS, JUSTAS, COERENTES, DEMOCRÁTICAS E QUE TENHAM COMO PRIORIDADE O RESPEITO AOS PROFESSORES E A TODOS OS FUNCIONÁRIOS! COM A HABILIDADE DE UNIR AS PESSOAS E TORNAR A ESCOLA UM AMBIENTE AGRADÁVEL!
    (OBS.Tudo o que deve existir em uma escola, falta na minha...)

    CONSULTA: SIET DA SEE
    Inscrições estarão abertas entre os dias 08 e 26 de abril e provas estão previstas para o dia 16 de junho

    Já estão disponíveis para consulta os critérios do próximo processo de Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual. O Edital da Certificação promovida pela Secretaria de Estado de Educação (SEE) foi publicado no Diário Oficial dos Poderes do Estado desta terça-feira (02-04). Poderão participar do processo, servidores efetivos e efetivados das carreiras de Professor de Educação Básica ou Especialista em Educação Básica, com formação voltada para o magistério. As inscrições para participar do processo deverão ser feitas entre os dias 08 e 26 de abril.
    A certificação é requisito básico para que um servidor exerça o cargo de diretor de escola estadual, pois ela atesta que o candidato tem os conhecimentos e habilidades necessárias. O processo acontece em duas etapas, sendo prova objetiva e a avaliação dos títulos. Ao final desse processo, será concedido ao candidato aprovado a certificação ocupacional, com validade de quatro anos, que o torna apto a pleitear o cargo do diretor de escola estadual.
    É importante ressaltar que a aprovação no processo de certificação ocupacional não garante ao candidato nomeação no cargo de diretor.

    Inscrições e provas
    As inscrições para o processo de Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual devem ser feitas no sítio eletrônico da Secretaria ou pelo sítio www.makiyama.com.br. Os interessados poderão se inscrever a partir da próxima segunda-feira (08-04).
    A prova de certificação ocupacional está prevista para o dia 16 de junho e será composta de 60 questões de múltipla escolha. A prova abordará temáticas tanto da área de Educação, como políticas públicas da educação mineira e bases legais da educação, quanto da área de Gestão Pública, como planejamento e gestão de recursos orçamentários e financeiros e gestão de pessoas. O conteúdo programático completo de cada uma das temáticas pode ser conferido no Anexo II do edital.
    Certificação anterior
    O último processo de Certificação Ocupacional foi realizado em 2010. Na ocasião, a Secretaria certificou 13.444 educadores em todo o Estado, superando o número de certificações das duas primeiras edições, realizadas em 2006 e 2007, quando foram certificados 11.364 candidatos.
    A certificação realizada em 2010 terá validade até dezembro de 2014. A Secretaria de Educação recomenda que todos os servidores interessados em ocupar o cargo de Diretor de Escola Estadual, mesmo que já sejam certificados, devem se submeter ao novo processo. A certificação realizada este ano terá validade até o ano de 2017.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. so que nesse mandato o anastasia não vai fazer eleição vai deixar pro proximo governo ele so vai fazer essa prova,mais uma vez não faz o que escreve dois anos de mandato seria esse ano teria que ter novo diretor ano que vem ,saiu no site da see quinta feira

      Excluir
    2. Ler texto sem pontuação é fogo.

      Excluir
    3. É como jogar futebol sem bola.

      Excluir

  17. Professor Euler,

    Seus melhores textos publicados aqui no blog já dão para fazer um livro.

    Pense nisso...

    ResponderExcluir
  18. PARA DIVULGAR
    Por três votos a zero, os desembargadores da 8ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais negaram, na noite de quinta-feira, recurso da defesa do senador Aécio Neves (PSDB-MG) que tentava extinguir os efeitos de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público em 2010, na qual o presidenciável tucano é acusado de improbidade administrativa.
    Segundo o MP, de 2003 a 2008, quando Aécio governou o estado, R$ 4,3 bilhões da rubrica da Saúde foram destinados aos cofres da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa). Porém, não há documentos no balanço da autarquia que comprovem os repasses.
    A defesa do senador alegou ser de competência exclusiva do procurador-geral de Justiça propor ações contra governador de estado, cargo que detém o foro privilegiado por prerrogativa de função, mas o pedido foi negado. Por meio de nota, Aécio afirmou que a análise do tribunal se limitou ao aspecto processual, ou seja, sem análise do mérito.


    Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais/tj-de-minas-rejeita-pedido-de-fim-de-acao-civil-publica-contra-aecio-8043565#ixzz2PgwcjAJB

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta,sim,é uma notícia para passar prá frente e comemorar.Só que em algum lugar será barrado. Agora o STF quer investigar Lula.O mensalão tucano mais uma vez é adiado e assim vai até prescrever. Mas, isto nós não cobramos.O Joaquim Barbosa disse que primeiro julga os processos que têm mais apelo popular.Ou seja,primeiro o que a maioria cobra e a do Aécio nós só falamos aqui e não cobramos publicamente.Então tá!

      Excluir
    2. Resumindo o que o anônimo das 06:18 disse, Joaquim Barbosa está sendo calmamente domesticado pelas forças do poder elitista através do senador mineiro e do governador. Se a Lei 100 continuar significará o caos para o sistema educacional, prejudicando ainda mais a categoria dos professores fazendo-os sangrar ainda mais e abrindo mais caminho através das Minas Gerais para que o poder elitista não respeite as cláusulas pétreas da Constituição de 1988, de outra maneira podemos dizer também que se a lei passar automaticamente muitos dos noventa e oito mil professores nessa situação vão angariar votos como cabos eleitorais, nem todos é claro, mas uma expressiva parte da categoria.

      Em suma: Como é que nas eleições anteriores conseguiram uma expressiva margem de votos? É claro que uma categoria tão numerosa que tem mais servidores na lei 100 do que efetivos consegue eleger representantes políticos com muita facilidade. Como as escolas estão inseridas na comunidade e a mesma é um curral eleitoral dos partidos políticos, logo, as escolas são o canal de atuação mais fácil e imperceptível a esses propósitos pelos políticos que tem seus cabos eleitorais lá dentro das mesmas.

      Excluir
    3. Uai porque anastasia não mandou os juízes aceitarem o recurso de Aécio? Dizem que ele é que manda na justiça em Minas... Ahh já sei, é porque eles já sabem que isso não vai dar em nada, logo nem precisa ficar dando ordens para juízes.

      Excluir
  19. UM PROFESSOR EM MINAS GERAIS É IGUAL A UM SERVENTE DE OBRAS NO SALÁRIO. O SEGUNDO NÃO LEVA SERVIÇO PARA CASA,NÃO AGUENTA DESAFOROS E FALTA DE EDUCAÇÃO DOS CLIENTES E DE SEUS FAMILIARES, NÃO LEVA A CULPA DE NADA,NÃO É JULGADO PELOS PADRÕES COMO INCOMPETENTE E TRABALHA DE 7:OO HS `AS 17:OO COM FOLGA GARANTIDA AOS SÁBADOS E DOMINGOS. EU AINDA IA ME ESQUECENDO NÃO ESTUDOU 18 NEM 19 ANOS PARA TER A PROFISSÃO.
    QUEM ESTÁ PENSANDO EM SER EDUCADOR NESSE PAÍS MINAS GERAIS VÁ SER SERVENTE DE OBRAS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso eu volto a repetir:
      Não confundam as obras do Mestre Picasso com o picaço do Mestre de Obras.
      Fiquemos atentos.

      Excluir
  20. Ou então detento.Bruno deixou de ganhar 508 reais de salário porque brigou com outro detento.Nós, com nosso pequenininho salário, temos que pagar de tudo, não ganhamos nem vale refeição.
    O que vale a pena neste país das Minas Gerais?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra quem não tem escrúpulos,
      tentar entrar no grupo do Anestesia
      e seus
      Bentos Carneiros, vampiros brasileiros.

      Excluir
  21. eRAM DOIS "JORNALISTAS"UM DO ESTRAGO DE MINAS E OUTRO DA INGUATIAIA.

    Ass,Boris Casoy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boris, vou se esqueceu de mencionar a
      Rádio INCONTINÊNCIA (FM da REPUBLIQUETA GERAIS), que também estava por lá para entrevistar e respaldar o HOMEM DO CHQUE,
      o "Aécius Egyptes" (se der "mole", pica mesmo).

      Excluir
    2. E só de falar dele, picou-me o "O" de "choque".
      Confiram acima.
      Eh, minha gente, a frequência desse pessoal é muito pesada.

      Excluir
  22. Oi pessoal estava sumida por uma serie de fatores arrumei um outro emprego exonerei um cargo e ainda faço "bico" pois neste tenho 24 anos.Euler te cuida toma muitíssima água,sucos e chás.E mudei de cidade também por isso parei um tempo com o papo.Maria triangulo

    ResponderExcluir
  23. Pra início de conversa posso dizer que o nosso governador é adepto do neoliberalismo e isso não irá mudar, o PT de um certo modo desbandeirou para o discurso neoliberal e pra piorar mais a situação as escolas se transformaram em verdadeiros currais eleitorais da oligarquia, não obstante vemos professores candidatando-se para reproduzir o que? O mesmo STATUS QUO, pois eles se candidatam representando os partidos, e o que é PARTIDO POLÍTICO hoje em dia? Uma instituição que dita as regras do jogo, no entanto, os professores eleitos nada mais, nada menos iráo fazer do que reproduzir em maior ou menor possibilidade o sistema em vigor.

    Pra mim na relidade tinha muita gente, principalmente alguns professores de nível superior ligados às forças políticas doidíssimos para que eu caísse fora do sistema educacional, questionavam o meu saber, mas, a questão é pelo que eu sei demais e a proposta de desvalorização do ensino. A realidade é que as escolas estão muito atreladas à oligarquia vigente e os governantes tais como Aécio e etc tem os seus representantes atuando fortemente dentro das escolas, é incrível que essa galera tem carta branca para atuar. O mais incrível é que até hoje o professor sem curso de nível superior de determinada escola apadrinhado por sei lá quem e que tentou sua eleição para vereador pelo PT continua no ramo numa boa, até parece que o pessoal tem medo dele, no entanto, profissionais questionadores que não engolem em seco PT e PSDB estão sofrendo perseguições.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qual é o melhor "PARTIDO"?
      O caPEtalismo ou o CÃOmunismo?
      Leiam os comentários do PROF. RAIMUNDO SANTOS antes de darem a resposta.
      (Giuseppe Anone Matto Pizzo Teaddo)
      P.S.: Prof. Euler, "grazie mille per il testo". MOLTO DIVERTENTE.
      Scusami, sou um ESTRANGEIRO "parlando"
      da
      REPULIQUETA MINAS GERAIS

      Excluir
  24. Oi, colegas. Preciso de ajuda: tenho dezenove anos de profissão e sempre tive muito orgulho do desenvolvimento do meu trabalho (apesar dos pesares). Mas, não sei o que vem acontecendo nos últimos tempos, parece que ando desaprendendo a realizar meus trabalhos. Tem uma senhora que vem a minha escola com frequência para dar instruções pedagógicas, mas o que venho observando que ao invés de instruir ela se preocupa em ver apenas defeitos no trabalho da nossa equipe e nos menosprezar. Agora tem se prendido em plano de curso e, claro, nada a satisfaz, como se aí estivesse o problema da aprendizagem ou que este fosse o fator mais importante. A senhora é autoritária e grossa. Vocês que são de outras SRE estão passando pelo mesmo problema? E qual é o modelo de plano de curso exigido pelas suas regionais?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quer só mostrar trabalho.Vai ver, nunca pisou numa sala de aula.
      Muitas que se dizem PEDAGOOOOOOOOOOOGA, não sabem nem a matéria de quinto ano.Muitas tremem quando tem que aceitar dar aulas além do segundo ano.Convivi com gente assim, na hora de escolher as turmas restantes só tinha quarto e quinto ano e aí começava a choradeira.É fogo!

      Excluir
    2. Na minha escola as professoras estão reclamando que não têm tempo para preparar aulas e dar aulas,pois todo dia têm que aplicar provas enormes de simulados,ou seja só decoreba para enfrentarem provas do governo para o governo aparecer na mídia.Gente é impressionante o tanto de provas feitas pela diretora e supervisoras que todas as séries têm que aplicar.

      Excluir
    3. Obrigada pelos comentários e apoio, mas ainda não sei a posição das outras regionais. Será que apenas na minha estamos passando por tal aborrecimento?! Eu estou insistindo no meu plano de curso e a senhora diz que sou "obrigada" a mudar. Afinal, posso continuar a insistir e bater de frente com ela, ou é uma briga perdida? Existe um modelo que sou obrigada a seguir- detalhe: meu plano de curso é feito de acordo com o CBC, mesmo assim não agrada a senhora (pura pirraça). Antes deste plano de curso eu executava outro, que considerava muito melhor, ela veio à escola e disse que não era daquele jeito. Mudei meu plano pro modelo dela e ela continua a implicar, cada hr tem uma nova instrução. O que me dá força é que entre os alunos meu conceito é excelente. Recuso-me a obedecê-la, mas estou dentro da legalidade?! Ano passado a inspetora chegou em nossa escola e implicou com todos os diários de classe. Nenhum professor segundo ela fazia corretamente.kkkkk...Agora tá desse jeito, a gnt tem anos de profissão e não sabe mais nada...kkkkk...este povo de superintendências estão todos fora do controle e nos deixando cada vez mais desanimados. A inspetora mandou que passássemos os diários a limpo. Resultado: tive uma lesão na mão, causado pela escrita, fiquei 4 meses afastada. Socorroooooo!!!

      Excluir
    4. Segundo a LDB o professor é apto e tem direito a escolher como trabalhar: Metodologias, planejamentos e tudo mais. Leia a LDB e sua modificação votada esses dias.

      Excluir
    5. Procurem a Metropolitana de sua região e no departamento pessoal( Recursos Humanos) façam uma denuncia de assédio moral. Tem coisas que só melhoram quando todos se reunem e denunciam...

      Excluir
    6. Isso é pura perseguição. E fique de prontidão porque a própria direção escolar não irá colocar o pescoço em risco, no entanto, vão fazer de tudo em apoio à inspetora.

      Excluir
  25. Dia 24 de abril jogo no Mineirão: Brasil x Chile , um dia após a assembléia, o que pensam sobre essa oportunidade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pergunte à B-atriz do SindINUTIL :p

      Excluir
    2. Bem lembrado, colega.
      Ela sempre interPreTou muito bem.

      Excluir

  26. http://www.novojornal.com/politica/noticia/casa-das-garcas-ja-comeca-a-abandonar-aecio-neves-04-04-2013.html

    ResponderExcluir
  27. Senhores professores, agora em abril completo 25 anos de sala de aula. Já estou me preparando para sair. Gostaria de saber se tem algum colega que já saiu da sala e que seja participante deste conceituado blog, para me dizer como é , o que ele faz na escola, se perdeu muito (fora o que já perdemos até aqui) e como se cumpre o horário na escola. Por favor, quem estiver nessa situação comente aqui. obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc vai perder o pó de giz.Se tiver férias prêmio vencidas receberá em espécie.Depois que saí da escola, a minha aposentadoria foi publicada depois de 3 anos e foi quando recebi a férias.Se vc tiver dobra de turno, seu salário terá um acréscimo.

      Excluir
    2. Na minha escola temos 5 nesta situação. Elas fazem o que é determinado pela diretora,têm que cumprir as 24 horas dentro da escola,ou seja as que trabalham de manhã começam às 7 horas e saem 11:48 horas não cumprem módulos ou reuniões.Não têm desconto algum,só não recebem esta extensão de carga horária.Todas gostam e estão satisfeitas. Claro que querem um piso e um salário melhor como todas,mas dentro das atuais circunstancias,melhor assim. Não perdem nada. (ajudam na decoração da escola,cuidam das crianças que adoecem para entrar em contato com os pais,quando faltam mais professores vão prá sala de aula,cuidam da portaria,tiram xerox rodam exercícios...)

      Excluir
    3. Agradeço ao anonimo das 6:47. Já o anônimo das 24:57, acho que este não é meu caso. Vou afastar da sala de aula, e não afastar para aposentar. De qualquer modo, agradeço a todos.

      Excluir
    4. Vou afastar da sala de aula TODOS OS ALUNOS.
      E também vou ME afastar.
      Não caio na maresia desse nefasto Anestesia.
      Ademais,já estou muito tranquilo, pois DILMA vai nos pagar com o PeTróleo em 2030.
      Ela é tão boazinha!

      Excluir

  28. http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-explicacoes-de-lewandowski-e-o-jogo-pesado-de-gurgel

    ResponderExcluir
  29. Pensemos como os nossos políticos são hipócritas!
    É mais fácil jogar a culpa na população, com o avanço da dengue. Não podemos esquecer e é bom sempre lembrar, como que os prédios e os lotes públicos estão abandonados(Federal-Estadual e Municipal). Será que a população também é culpada por isso? Ora bolas, vão limpar esses locais que são de responsabilidade dos governos: Federal, Estadual e Municipal.

    ResponderExcluir
  30. Para o anônimo de 18:30 esta senhora da sre passa toda semana para encher o saco,com o nosso Euler disse com pap, pep ,pip e sei lá das quantas e o pior é q a reclamação geral é q ela sabe menos do q nós.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pop e pup, kkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  31. José Alfredo Junqueira7 de abril de 2013 10:08

    O mosquito da dengue,Aécios Egyptes ou Aedes Never não assiste na tv que a dengue está controlada e continua seu trabalho.O mosquito,você tem que assistir tv!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa essa! Aécios Egyptes!

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkk

      vcs são foda!!

      Excluir
  32. ANDREIA, NESTE GOVERNO ELE FAZ TUDO QUE O MESMO QUER,ELE COLOCA NO PODER QUEM FAZ A SUA VONTADE.UMA COLEGA SOBRESSAIU MUITO BEM TODOS OS REQUISITOS PARA OCUPAR O CARGO DE DIRETOR,FOI BEM VOTADA PELA COMUNIDADE E ATÉ HOJE ELA NÃO ASSUMIU O CARGO,ELES COLOCARAM UM GRUPO DE PESSOAS QUE A COMUNIDADE NÃO ESCOLHEU,AGORA EU TE PERGUNTO PRA QUE TANTA APROVAÇÃO?NÃO ADIANTA GENTE,É SÓ ENROLAÇÃO E PRA AÍ VAMOS VER ATÉ QUANDO ESSA CORJA VAI MANDAR.

    ResponderExcluir
  33. Acessem http://www.novojornal.com/politica/noticia/populacao-de-sao-joao-del-rei-repudia-comportamento-de-aecio-01-04-2013.html

    ResponderExcluir
  34. Gostaria que , se tem alguém que visita este site e possa me responder , é o seguinte:Vou me aposentar por idade.Sou professora em sala de aula.Não quero esperar fazer 25 anos.Vou sair com 23 anos e 60 de idade..Qual será meu salário mensal? Ninguém consegue me responder.Sei que não terei paridade mas e o salário? Perderei quanto? Não vou esperar mais 2, 3 anos.Não aguento mais sala de aula.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma, colega. Aguente mais um pouquinho. Você já trabalhou tantos anos! Não sei lhe dizer quanto você perde, mas aposentar sem paridade significará piorar muito sua situação de professora aposentada que já não seria fácil com paridade. Não faça nada de cabeça quente. Procure um médico. Força!

      Excluir
    2. Aconselho você a procurar um psiquiatra e tirar licença por depressão até completar seu tempo para aposentar.Talvez eles lhe colocam em ajustamento e você vai levando.O tempo passa rápido.Não dê pérolas aos porcos.Não jogue no lixo seus direitos.Esfrie a cabeça. Regina.Sete Lagoas.

      Excluir
    3. Acho melhor esperar mais um pouco. Tire umas licenças médicas, férias prêmio... Por que aposentar sem paridade salarial é fria. A única coisa boa em nossa aposentadoria é a paridade, então é melhor não perdê-la.

      Excluir
    4. voce não tem férias prêmio, não utilizadas, antes de 98, para dobrar? converse com a secretária da sua escola, quem sabe seu tempo diminui? Ah, se você possuir saldo de férias prêmio após 2004, utilize-os.Não aconselho você afastar agora. Já estamos em abril, o tempo passa rápido. Ano que vem ninguém vai lembrar de Escola, só vai ser copa do mundo e assim estes 2 anos que estão faltando, passam rápido. Abraços e pense .

      Excluir
  35. Euler, companheiros (as) de jornada profissional Educacional, CLIQUEM EM NOVO JORNAL e acharão tudo de bom sobre o ex governador de Minas Gerais. Que belezura. Tudo esclarecidinho sobre o assunto Cicim e seu Narizim, de tucaninho de tão gordim, inchadim e etc. Temos que entender que as eleiçoes estão chegando e aí mais uma vez deveremos entender quem vai para os tronos. NÃO PODEMOS ESQUECER QUE QUEM MANDA É O POVO E NÃO O CHEIRIM, O GORDIM E O FERNANDIM. Beijos e até a vitória dos justos educadores.

    ResponderExcluir
  36. Após a publicação dessa resolução sobre 1/3 extraclasse, minha situação piorou muito, pois tenho dois cargos com 20 aulas cada um, e ainda tenho que cumprir mais 5 horas de atividades extraclasse em cada escola. Resumindo trabalho 60 horas por semana. Gostaria de saber se tem algo que posso fazer para diminuir essa carga horária absurda, ou a única solução é tornar uma empregada doméstica, cuja carga horária semanal é de 44 horas? Sou responsável por excepcional e a SEE indeferiu meu pedido de redução de jornada de trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A jornada de trabalho do responsável pelos cuidados da pessoa portadora de deficiência
      32 Como fica a jornada de trabalho para o responsável com os cuidados da pessoa portadora de deficiência?
      O servidor público, responsável por “excepcional em tratamento especializado, deverá ter sua jornada de trabalho reduzida”. Segundo a Lei Estadual nº 9.401/86 (art. 1º e 3º) e o Decreto 27.471/87 “Fica o Poder Público autorizado a reduzir para 20 (vinte) horas semanais a jornada de trabalho do servidor público estadual legalmente responsável por excepcional em tratamento especializado”.
      Tal benefício é concedido por seis meses, podendo ser renovado por igual período, de acordo com a necessidade.

      Excluir

  37. http://www.novojornal.com/

    ResponderExcluir
  38. MOD II Anos iniciais:Fica triste não,na 9 SRE administramos 22 aulas por semana+3hs módulo na escola por semana+4 hs reuniões administrativas e pedagógicas por mês.Sabem quanto nos pagam?16+4.Sabem nossa classificação nas avaliações sistêmicas?8;considerada melhor de Minas.Veio midia da secretaria de educação,entrevistas,filmagens,placas,bisbilhoteiros,fiscalizações,querendo nossos materiais p fazer média em outros lugares como se fosse sugestões da SRE.E sabem quanto recebemos de produtividade?631reais.Morrer prá que ?Concluimos que o melhor é deixar rolar sem preocupar com meta,nota,rendimento...senão morreremos stressados,depressivos.combinamos uma sessão de chop após o expediente uma vez na semana.kkkkkkkkkkk Entramos na do Aecim rsrsrsrsrs Sofrer prá que?A vida é prá viver....Elá vamos nós nessa ditaduta e falsa administração. Chega aí eleição.A máscara tem que cair...

    ResponderExcluir
  39. Sei que o tema não é sobre o comentário que vou fazer, mas hoje percebi que os comentários irão aumentar quando recebi a minha Veja.
    Aqui no Norte de Minas os professores estão idolatrando o Aécio, (aqui é o lugar que mais tem funcionário da lei 100),porque fizeram espalhar que o Aécio conseguiu convencer Joaquim Barbosa não deixar que a lei 100 vá a julgamento. E hoje quando recebi a Veja entendi a jogada politica do PSDB. comentário da Veja:
    "Antônio Anastásia convidou Joaquim Barbosa para ser o principal orador da cerimônia em homenagem a Tiradentes, no dia 21 de abril, em Ouro Preto.Convite feito convite aceito.
    Eles querem que todos perceba a estreita amizade entre os três Aécio Anastásia e Joaquim Barbosa, para que todos entenda que a lei não será julgada graças a eles.
    No momento tem outra reportagem na Veja que confirma o que estou dizendo, sobre a seca no Nordeste, que também entra o Norte de Minas, inclusive a reportagem começa assim:
    "Aécio Neves vai direcionar a artilharia para o calcanhar de aquiles de Dilma Rousseff: a seca nordestina."
    Temos que fazermos alguma coisa se não a partir de 2015 o problema que temos em Minas vai ser do Brasil inteiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que fazer? Parar nos três dias de abril. Ir pras ruas desmentir o Pinóquio, promover passeatas com os alunos e pais. A PROPÓSITO,AVISE JÁ NA SUA ESCOLA QUE PRETENDEM PARALISAR.TENHO CERTEZA QUE O ANASTAHITLER VAI MANDAR APLICAR ALGUMA PROVA NESTES DIAS.ENTREGUEM A LISTA DESDE JÁ,DEVIDAMENTE ASSINADA E DATADA.

      Excluir
    2. Se você pode pagar,com um salário de professor,uma domestica com todos os direitos, para cuidar de sua casa e seus filhos, enquanto você cumpre as metas do governo então você não precisa paralisar. Você,por acaso tem FGTS?Tem VALE TRANSPORTE? Tem TV prá ver durante seu serviço?Tem sofá prá descansar as pernas quando cansa e um radinho prá passar o tempo? Tem alimento na escola com frutas sucos yogurt,doces etc.Não tem metas para cumprir,ninguém para vigiar seus horários... ENTÃO NÃO PRECISA PARALISAR.VOCÊ GANHA BEM !!! PARABÉNS!

      Excluir
    3. eusouefetivad@!!8 de abril de 2013 11:19

      Iupiiiiiii... eu sabia que a Lei 100 veio pra ficar, heheheheheeeeee

      Excluir
    4. Joaquim Barbosa não faz o julgamento sozinho, acredito na honestidade dele, isso sem levar em conta que é sua obrigação defender a constituiçao doa a quem doer. O governador vai querer dar a entender que ta tudo dominado, o que não é verdade, se assim fosse o STF, não votaria contra as forças politicas e já vimos vários exemplos disso, a prova é que essa palhaçada de efetivar sem concurso já caiu por terra em outros estados, portanto não se iludam novamente.

      Excluir
    5. Não aguento nem ouvir Aécio falar.Falsidade pura.

      Excluir
    6. E eu? Mudei de casa.
      Adivinhem o nome do meu vizinho?

      Excluir
    7. Pessoal, olha a gravidade da situação, o problema não é a lei 100, mas o que Aécio e Anastásia quer que as pessoas pensem, e pelo jeito já está conseguindo.Olha o que a colega Eusouefetivada fala.
      Pessoal que sabe o que está acontecendo temos que reagir que tal fazermos uma manifestação no dia da palestra em Ouro Preto, para o Joaquim Barbosa tomar conhecimento da realidade da educação em Minas.

      Excluir
    8. Você ainda assina essa revista?

      Excluir
  40. ATENÇÃO, ATENÇÃO!
    Quem estiver internado em HOSPITAL
    não aceite que lhe apliquem
    ANESTESIA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficou no ar.Por quê? Explique-se.

      Excluir
    2. Afinal de contas, o AÉBRIO FEZES
      já começou a sua PROPAGANDA ELEITORAL
      com uma
      NOVA CANÇÃO!
      (Bento Carneiro, vampiro brasileiro)

      Excluir
  41. Tratamento da hepatite A

    Como se trata de uma doença benigna com cura espontânea na quase totalidade dos casos, não há tratamento específico para a hepatite A.

    Indica-se apenas repouso, boa alimentação e hidratação. Deve-se, obviamente evitar bebidas alcoólicas e drogas que possam causar lesão hepática como o paracetamol (Tylenol® ou Ben-u-ron®)

    Leia o texto original no site MD.Saúde: HEPATITE A | Sintomas, tratamento e vacina http://www.mdsaude.com/2010/03/hepatite.html#ixzz2PnccDLeT

    ResponderExcluir
  42. É colegas, Prof. Euler

    Estava agora há pouco assistindo a Canção Nova ao vivo, a missa com o Pde Fábio de Melo, ... mas não consegui continuar assistindo depois que vi que no altar, junto com o Pde. Fábio, estava a figura do sr. Aécio... sim, ele mesmo, ao vivo, e por várias vezes.
    Gosto da Canção Nova, do Pde. Fábio, mas confesso que não esperava -conhecendo os discursos e palestras do Pde. Fábio- que ele colocaria a figura política do sr. Aécio junto à sua, e em um altar durante uma missa ao vivo.
    Não há como colocar juntos a figura política e a figura de um sacerdote, em qualquer que seje a ocasião. A verdade de um, não é a verdade do outro.
    Que pena para a Canção Nova!

    Um abraço a todos!

    Antônio Carlos - Sul de Minas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. no twitter:

      @TVCancaoNova

      @CancaoNovaBH

      @cancaonovasp

      Entrem e critiquem bastante!

      Excluir
    2. Infelizmente,o Pe. Fabio não pode escolher quem frequenta suas missas.Jesus disse que abomina o pecado,não o pecador.É com este pensamento que os padres trabalham. CARA DE PAU é o Aécio usar destes subterfúgios para alavancar sua candidatura. A MENTIRA sempre foi sua máxima,já que ele é NADA e não significa NADA. Quem não tem nenhuma verdade só pode viver de mostrar mentiras.Um dia ele se perde nas próprias mentiras. ABOMINO TAL PESSOA.

      Excluir
    3. Olha colega anonimo(a),

      Até concordo um pouco com vc, mas, não se pode separar o pecado do pecador, não há como.Principalmente neste caso.

      Se o Pde. Fábio é coerente, ele será em qualquer ocasião.

      Neste caso da missa da misericórdia ao vivo, ontem, ele poderia ser discreto, apartidário, e celebrar a missa sem invocar a presença e o nome do Aécio.
      Quem assistiu a missa sabe o que estou falando: ele apresentou o Aécio ao público chamando-o de "Nosso governador mineiro, nosso senador moneiro", e isso já durante a missa.
      Amissa é um ato solene que contempla o desejo e a ordem de Jesus, e como tal, merece o devido respeito e verdade dos gestos e das falas.

      O Pde. Fábio poderia, por exemplo, deixar que outra pessoa o anunciasse, antes da missa.

      Supondo que ele seja amigo do Aécio, no sacerdócio, na missa, ele não é "o amigo do Aécio"!

      O fato de ver a Canção Nova, na pessoa do Pde. Fábio, uma pessoa carismática e que arrasta milhares de pessoas, almas enfraquecidas pelas injustiças que são reais, e não políticas, colocar em um altar uma pessoa (que poderia ser qualquer outra) que não tem um motivo plausível sequer, para estar lá, pode nos fazer pensar: Quanto o Sr. Aécio pagou a Canção Nova para estar em lugar de destaque ali no altar?

      Quantas pessoas verdadeiramente sofridas, injustiçadas, doentes ou honrradas, que estavam na platéia e que mereciam estar no altar, não estavam! Por que ele?

      Antônio Carlos

      Excluir
    4. Escolher quem frequenta a missa ele (o padre) não pode. Mas, pra subir ao altar tem que ser convidado...

      Excluir
    5. DEPUTADO ZECA FAGGESTI explica :
      - "Tem" dente de coelho nisso. Conhecemos de sobejo essas tran$ações.
      Dançando de acordo com a CAN$ÃO.
      (Deputado Zeca Faggesti explica)

      Excluir
    6. aético: o abominável homem das neves

      Excluir
    7. Essa foi EXCELENTE, amigo!

      Excluir
    8. Ô falta de vergonha na cara desse Aécio.Será que o padre lê jornal ou ouve noticiário?

      Excluir
    9. O padre é mesmo aético.

      Excluir
  43. 90% da dengue se encontra nos departamentos do governo e não nas casas da população!!!

    ResponderExcluir
  44. Aécio Neves quer importar marketeiro de Barack Obama para eleição de 2014
    O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, considerado a maior liderança do PSDB no país, tem dito aos tucanos que o partido precisa tomar "banho de povo"

    Tércio Amaral
    Publicação: 28/03/2013 14:42 Atualização: 28/03/2013 18:40
    Apesar das críticas dos aliados, principalmente do grupo ligado ao ex-governador José Serra, o senador de Minas Gerais e pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, parece determinado em criar uma candidatura competitiva de oposição em 2014. De acordo com o portal Brasil247, o tucano, que vem superando obstáculos internos no partido para se eleger presidente nacional da legenda, já definiu o marqueteiro de sua campanha: o publicitário Renato Pereira, que tem no currículo trabalhos para o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), e para o político venezuelano Henrique Capriles.


    Aécio Neves, parece determinado em criar uma candidatura competitiva de oposição em 2014
    Mas, a novidade é que Pereira começou a sondar sua equipe. O publicitário procurou David Axelrod, nos Estados Unidos. O ex-funcionário da Casa Branca foi um dos estrategistas do presidente Barack Obama em suas duas vitórias, em 2008 e 2012. Foi Axelrod, por exemplo, quem ajudou a criar o famoso lema “Yes, we can” (Sim, nós podemos), que varreu os Estados Unidos nas eleições de 2008.

    Leia mais notícias em Política

    O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, considerado a maior liderança do PSDB no país, tem dito aos tucanos que o partido precisa tomar “banho de povo”. O cacique também teria criado o slogan “Sim, nós nos importamos”, para sinalizar a preocupação do partido com temas socais, como geração de empregos e saúde pública. Caso conquiste a presidência do PSDB, Aécio poderá circular pelo país sem ser punido por “campanha antecipada”. Até a eleição de 2014, o tucano prometo colocar todas as estratégias publicitárias em prática.
    Tags:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele, FHC, "toma um banho de povo" todo dia ao se angajar na campanha para a liberação da maconha, tanto que quem tinha filho viciado se tratando ouviu do filho: Não preciso mais tratar, a maconha vai ser liberada porque fernando henrique cardoso está na marcha da maconha...
      ODEIO ESSE VAGABUNDO! MEU FILHO VOLTOU PARA AS DROGAS GRAÇAS A ELE.

      http://www.g17.com.br/noticia.php?id=41

      Leiam se duvidarem:
      Fernando Henrique comandará a Marcha da Maconha

      http://entretenimento.r7.com/cinema/noticias/fernando-henrique-cardoso-defende-a-descriminalizacao-da-maconha-em-filme-nacional-20110531.html

      Excluir
    2. Ta explicado porque ele FHC,se aliou ao Aedes cara dum focinho do outro.

      Excluir
  45. obrigada a todos que tentaram me convencer.Acontece que licença eu já tentei e até paguei caro mas chega no DAG a psiquiatra disse me que lá so poderia me conceder 7,14,21 dias, múltiplos de 7.Ela disse que eles concedem dias, semanas e não meses.A psiquiatra me deu 2 meses e a psiquiatra do DAG 28 dias.Já tenho um cargo aposentada.Não aguento mais.Estou com algumas dores nos joelhos e outros problemas.Não quero ficar.prefiro perder mas está vivendo mais feliz sem nenhuma cobrança e revolta.Eu não me importo com a paridade.Sei que terei algum aumento mas eu gostria de saber, o certo, o salário que receberei mensalmente.Vou sair mesmo.

    ResponderExcluir
  46. Que pena! Aqui as licenças começam com poucos dias e vão aumentando até que possa entrar em ajustamento.Mas se você já decidiu,boa sorte.Quanto à remuneração,se não vai ter paridade, daqui a algum tempo estará recebendo só o salário mínimo.Regina.

    ResponderExcluir
  47. Prezada,
    O setor de Pagamento da SRE faz a estimativa desse cálculo em menos de 5 minutos, desde que haja boa vontade.

    Você irá receber proporcionalmente ao tempo trabalhado: (anos trabalhados dividido por 30) vezes a sua média de contribuição desde 1994. O sistema faz esse cálculo rapidinho, menos de 5 minutos.

    Lembre-se, será apenas uma estimativa, pois o setor de Benefícios terá que confirmar todo o seu tempo trabalhado.

    ResponderExcluir

  48. http://www.viomundo.com.br/denuncias/rodrigo-vianna-a-familia-que-controla-a-verba-e-o-verbo.html

    ResponderExcluir
  49. Renan - Ibirité8 de abril de 2013 11:49


    Ibirité: Educadores em greve realizam Ato em defesa da Educação, da Democracia e dos Direitos dos Trabalhadores

    Em greve desde o dia 27 de fevereiro, os trabalhadores em Educação de Ibirité realizam assembleia na próxima terça-feira (9/4), às 8h, na Praça do Fórum, para decidir os rumos do movimento. Em seguida, será realizado ato público com o lema “Em defesa da Educação Pública de Qualidade, da Democracia e dos Direitos dos Trabalhadores e Trabalhadoras”. Está prevista a participação de lideranças sindicais, parlamentares e ativistas dos movimentos sociais.

    O objetivo é protestar contra a postura intransigente da prefeitura de não atender as reivindicações da categoria, particularmente o piso nacional do magistério (Lei Federal 11.738/2008), licença maternidade de 180 dias (Lei Federal 11.770/2008) e valorização profissional (Lei Federal 9394/96 – Lei de Diretrizes e Bases da Educação). Os trabalhadores exigem, também, instituição da data-base e reajuste da cesta-básica.

    A prefeitura de Ibirité apresentou contraproposta de 5,83% de reajuste salarial, índice rejeitado pela categoria. “Essa proposta é uma grande falta de respeito com os trabalhadores e trabalhadoras, pois não cobre sequer a inflação. Na área administrativa, por exemplo, a defasagem salarial é de aproximadamente 40%. E tem mais: além de não pagar o piso, descumprindo uma lei federal, a prefeitura quer aumentar a jornada de trabalho do magistério sem a devida compensação nos salários. Isto é inaceitável!”, diz Rafael Calado, coordenador geral da subsede do Sindicato Único dos Trabalhadores na Educação (Sind-UTE Ibirité).

    O sindicalista lembra que durante todo o período de paralisação a categoria vem sendo alvo de práticas antigreve, proibidas por lei. “A prefeitura não tem o menor acanhamento em intimidar os trabalhadores e trabalhadoras. Muitos foram constrangidos a voltar ao trabalho sob ameaças de demissão. Agora, o governo promete cortar o ponto dos grevistas, medida ilegal, já que a greve ainda não foi julgada e estamos cumprindo rigorosamente todas as exigências da Lei 7783/89 (Lei de Greve)”, denuncia.

    Rafael afirma, ainda, que a greve não é só por salários, mas também por uma educação pública de qualidade. “O descaso com a educação em Ibirité é gritante. Não existe planejamento com os gastos públicos e a prefeitura nunca teve boa vontade para dialogar e discutir as demandas da categoria, preferindo lançar mão de medidas autoritárias e antidemocráticas. Enquanto escolas permanecem inacabadas e faltam professores, carteiras e livros didáticos, milhões de reais são desperdiçados com shows, eventos e publicidade. Isso mostra o nível de ‘importância’ que os gestores públicos dão à educação”, destaca Rafael.

    Cerca de 70% da categoria está de braços cruzados e mais de 10 mil alunos estão sem aula. Hoje (8/4), às 16h, o Sindicato se reunirá com o Ministério Público para solicitar a mediação do órgão na tentativa de acabar com o impasse.

    MAIS INFORMAÇÕES:

    Sind-UTE Ibirité Telefone: 3533-2713
    Rafael Calado Alves (Coordenador Geral SInd-UTE Ibirité): 8713-4527/8287-8636/8534-2112

    Adilson Dumont (Diretor de Organização): 8633-6084/8287-8768


    ASSEMBLEIA DOS TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO/ATO EM DEFESA DA EDUCAÇÃO, DA DEMOCRACIA E DOS DIREITOS DOS TRABALHADORES

    DATA: 9 DE ABRIL (TERÇA-FEIRA)
    HORÁRIO: 8:00 HORAS
    LOCAL: PRAÇA DO FÓRUM (CENTRO DE IBIRITÉ)

    ResponderExcluir
  50. Olá, pessoal, só para desabafar um pouco, rsrs:

    Ô atraso de vida que é este governo de Minas e sua ineficiência administrativa em todos os aspectos!

    Estou tentando marcar perícia médica para encaminhar o atestado médico do período da dengue e não consigo. E tem um detalhe: você tem que marcar em até 3 dias da data do atestado, senão você perde. E quando você liga para marcar, a atendente diz que o sistema só liberou tal horário para tal dia, e caso não o atenda, pede para ir ligando mais tarde para ver se libera para outro horário e outro dia.

    Que atraso de vida essa ineficiente gestão de choque contra os servidores de Minas!

    O correto e mais prático seria dar autonomia às diretoras e diretores de escola para receberem o atestado médico, que foi assinado por um profissional reconhecido e habilitado para tal, e este diretor ou diretora encaminharia o documento para o setor de pessoal do governo. Simples assim. Mas não. Eles querem dificultar as coisas, na expectativa de que as pessoas desistam de ficar doentes, como se esta fosse uma escolha das pessoas.

    Quem tem o hábito de pegar atestados sem necessidades, vai continuar fazendo isso da mesma forma. Nós, que não temos esse costume, somos punidos. Inclusive os alunos são punidos também, pois faço questão de marcar a perícia em horário noturno, e com isso, fico mais um dia fora da escola. Até porque não vou perder um dia de serviço no outro cargo para levar um atestado que diz que eu estava com dengue, mas que, mesmo assim, precisa ser reconhecido por um médico perito, que precisa me ver pessoalmente para imaginar que eu estava doente há uma semana (quando for ao perito já terá passado uma semana).

    Se o governo cumprisse a LDB e desse autonomia aos diretores e diretoras, que são tratados como meros cumpridores de ordens do governo, num sistema autoritário e que nega a LDB, tudo seria mais simples, mais objetivo, menos estressante.

    Por isso, se antes eu aconselhava as pessoas a não faltarem, a não darem motivo para o governo para falar mal dos professores, hoje eu tenho outra opinião. Diante dessa realidade de desprezo, descaso e desrespeito do governo para com os educadores, acho que as pessoas têm o direito de arranjarem atestados médicos, psiquiátricos, entre outros e se afastarem da sala de aula. É mais uma forma de resistência. Não vale a pena dar o sangue em prol de uma realidade que está montada para nos massacrar.

    Ô atraso, gente, conviver com essa ineficiência com aparência de modernidade.

    Aproveito a deixa para comentar um outro tema. Alguns colegas aqui reclamaram de inspetores que estariam interferindo nos planos de aula desses colegas, inclusive em relação ao conteúdo. Ora, me poupem, né pessoal. Nunca, em 10 anos de magistério, nenhum ser, da Educação ou de fora, teve a audácia de exigir que eu não aplicasse este ou aquele conteúdo, ou que me comportasse dessa ou daquela forma em sala de aula. A sala de aula é o meu espaço - meu e dos alunos. Sou um professor habilitado para fazer o que eu faço e não admito que nenhum ser externo, estranho, alheio, venha querer impor qualquer forma de atuação. Pode e deve até sugerir, propor coisas, tudo bem, sou aberto a ouvir e aceito críticas com humildade. Mas não venham querer ditar como e o quê farei em sala de aula, que isso nunca, jamais aceitarei.

    Isso é a negação de um profissional. Deixam de aplicar uma correta política de formação continuada dos profissionais, além de não pagarem bons salários, e em troca impõem métodos autoritários e burocráticos. Cabe aos supervisores e inspetores, no máximo, discutir e propor sugestões ao profissional da Educação, e jamais determinar como e o quê fazer.

    Um forte abraço a todos e força na luta!

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. kkkkkkkkkkk Assombração sabe para quem aparece! Não é para todos este tratamento, pois ninguém sabe mais do meu planejamento do que tenho que aplicar do que eu, professora. Nunca tive este problema e tenho certeza de que não terei, até porque nunca dei margem para ditarem o que devo ou não fazer.

      Excluir
  51. Pois é foi isso ou quase isso que aconteceu e acontece com outros colegas.Fui a uma psiquiatra, não estava bem, e ela me concedeu alguns dias de licença.Ao passar no tal DAG "Departamento agonizante Geral" a tal psiquiatra somente me deu a metade e disse mais que nesses dias eu á estaria muito bem tomando os remédios que estavam na receita.Eu acho e sempre falei que o psicopata deste governador( Me sinto mal falando o nome) faz reuniões sempre com essa equeipe para mandar" mandar" que eles não liberem licenças.Engraçado que a primeira pergunta foi essa " Você é efetivo ou efetivado" será por quê? O jeito é fingir que trabalhamos.Este maníaco sabe a nossa situação.Ele conhece nossos pensamentos e atos de insatisfação.Ou seja , a maioria está desgastada, fingindo que está lecionando ou fazendo uma "meia boca", ou levando como dá, ou faltando, ou saindo pela tangente e nada faz para reverter essa situação, essa realidade cruel com a população.Pelo contrário ele só faz piorar as coisas e a situação.O que este maluco espera de uma classe tão flagelada? Me digam por favor.Onde ele pensa que vai?Este psicopata está brincando com muitas vidas.Ele é doente e pior , ele sabe disso.Ele já percebeu a sua conduta maléfica e acredita que está certo.Acho que ele precisa de internação já.Camisa de força.

    ResponderExcluir
  52. Só uma lembrança prá quem mora mais próximo a BH.No dia 15/04,próxima semana,Lula virá a BH receber diploma de cidadão honorário na ALMG. Dilma virá junto e irá também a Ribeirão das Neves.Ótimo momento para manifestação com cartazes e até out dor. FICA A DICA...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fala isso pra B-atriz do sindINUTIL

      Excluir
    2. Entregar dissiê não funciona.Pensar em outra coisa.

      Excluir
  53. Aécio Neves mostra suas propostas em entrevista à Folha de São Paulo

    A entrevista de Aécio à Folha revela fragilidades do candidato
    Análise do cientista político Rudá Ricci, em seu Blog
    Li atentamente a entrevista do senador Aécio Neves na edição de hoje da Folha de S.Paulo. Trata-se de uma entrevista um ano e sete meses antes do pleito presidencial.

    Portanto, uma tentativa de ocupar espaço e se expor publicamente.

    Mas, justamente porque enfrenta oposição em seu partido e perde espaço para pré-candidaturas recém lançadas (como de Eduardo Campos e Marina Silva), deve ser mais contundente e procurar empolgar.

    Sua entrevista à Folha, contudo, reafirma problemas de discursos proferidos por ele no último ano.

    É demasiadamente teórico, não inova nos diagnósticos realizados pela oposição e parece revelar mais nitidamente esta dificuldade. Comparemos o discurso da semana de Eduardo Campos, pintando cores cinzas para o futuro da economia brasileira, com o diagnóstico de Aécio, de que a presidente seria leniente no trato com a inflação.

    Cita, ainda, que ela deseja abocanhar os lucros dos empresários, o que, imagino, nem os cachorrinhos de estimação dos empresários concordarão.

    FHC havia dito, algumas horas antes, que o PSDB devia se unir. Em que sentido o discurso de Aécio corrobora esta necessidade?

    Finalmente, a fragilidade fica ainda mais estampada quando o senador mineiro, após destacar o combate à inflação e a cobiça governamental pelos lucros privados, Aécio admite que o PSDB perdeu as eleições presidenciais passadas justamente porque não teve sensibilidade para destacar um programa focado na questão social. Ora, mas sua entrevista é uma retumbante demonstração que ele mesmo não consegue entabular esta agenda que, como diz, é fundamental para que os tucanos emplaquem nacionalmente.

    Aécio parece falar para dirigentes e analistas. Resvala no diagnóstico que Dilma seria estatizante (mais que Lula) e que esta plataforma fracassou.

    Mas todos sabemos que os altos índices de popularidade de Dilma e seu governo não estão focados nestes temas. Por qual motivo, então, organiza todo seu pensamento a partir daí? Aguarda uma crise geral para colher frutos? Mas quais frutos, se um de seus adversários consegue se destacar com uma ameaça poderosa, a da crise internacional atingir o Brasil em breve?

    Aécio Neves parece perder um tempo precioso para organizar seu discurso e sua plataforma. Seu diagnóstico parece pouco convincente porque não oferece dados claros e não chega nem mesmo a convencer pela dramaticidade. Escolhe temas marginais ao debate em curso.

    Tem algo de errado e confuso nesta candidatura. Não entendo qual o problema que impede do senador ser mais incisivo e convincente.

    Se a entrevista teria o condão de diminuir o impacto do seu discurso em Santos (quando citou a "revolução" de 64), foi um tiro desperdiçado..

    Leia entrevista do senador Aécio Neves (PSDB-MG), clicando aqui:

    ResponderExcluir
  54. CHUVA BOA
    ANASTA RUIM
    AECIM DO PÓ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A chuva é para abaixar o pó e paizinho fica na janela olhando a banda passar como se não estivesse acontecendo nada.

      Excluir
  55. Governo quer aprovar neste ano MP que ajude clubes a quitar dívidas (LINK = http://globoesporte.globo.com/futebol/noticia/2013/04/governo-quer-aprovar-neste-ano-mp-que-ajude-clubes-quitar-dividas.html)

    Anteprojeto, que prevê perda de pontos e até rebaixamento para clubes que descumprirem o acordo, deve ser votado em 2013, diz secretário.
    O governo brasileiro espera aprovar ainda neste ano a medida provisória que prevê ajudar os clubes do país a quitar as dívidas públicas. Nesta segunda-feira, durante o Fórum Internacional de Economia do Esporte, no Rio de Janeiro, o secretário Nacional de Futebol, Antônio Nascimento, revelou que o Ministério do Esporte tem pressa.
    O anteprojeto do deputado Vicente Cândido (PT-SP) está sofrendo ajustes, e a ideia é que seja votado como medida provisória, uma vez que poderia demorar muito se fosse para a Câmera dos Deputados como projeto de Lei.
    - Amanhã o ministro (do Esporte) Aldo Rebelo vai à Câmera e ao Senado Federal tratar desse assunto. Já estamos conversando com os clubes. Na quarta, por exemplo, vou a Porto Alegre conversar com dirigentes de Inter e Grêmio. A ideia é que essa medida provisória seja votada o mais rápido possível, ainda neste ano - disse Antônio Nascimento, que representou o ministro Aldo Rebelo, ausência de última hora no evento.
    O projeto prevê que os clubes tenham a dívida com o governo federal abatida desde que invistam em modalidades olímpicas que sirvam como projetos sociais. Serão 240 prestações (20 anos) e, nesse período, eles não poderão contrair novas dívidas públicas. Em caso do descumprimento do acordo, as punições são a perda de pontos e até mesmo o rebaixamento, para as agremiações que adquirirem novos débitos. Dirigentes também serão responsabilizados.
    - Essa é a grande novidade. Como um dirigente vai encarar o torcedor na rua sabendo que ele levou o clube ao rebaixamento pois deixou de pagar uma dívida com o governo? - questionou o secretário.
    Possível novidade no Brasil, a punição por dívidas já existe na Europa. Recentemente, vítima de uma má administração, o Rangers, da Escócia, entrou em uma grave crise financeira que o levou à falência. Vendido, o clube mudou de nome para The Rangers Football Club, e foi rebaixado após a maioria dos times da primeira divisão do país não aceitar sua reintegração. O clube, um dos mais tradicionais do país, disputa agora a quarta divisão escocesa. Na Itália, a Fiorentina já viveu a mesma situação.
    Calendário
    Enquanto discute o anteprojeto para ajudar os clubes brasileiros, o secretário nacional também estuda novas formas de modernizar o futebol no país. Um dos principais pontos levantados por Antônio Nascimento é a adaptação do calendário brasileiro ao europeu. Para ele, a mudança é fundamental para que os clubes do país voltem a excursionar pelo exterior e consequentemente fiquem mais conhecidos e aumentem seu potencial econômico. O projeto, no entanto, ainda está no campo das ideias e não foi discutido com a CBF.
    Para analisar melhor esse e outros aspectos, o governo convidou o ex-diretor executivo do Chelsea, Peter Kanion, para vir ao país fazer um diagnóstico do futebol brasileiro. A ideia é que o dirigente aponte soluções sobre o que pode ser feito para que o futebol jogado no Brasil seja valorizado internacionalmente como marca.
    ***Agora, vejam o comentário deste usuário:
    ""ESTA MEDIDA PROVISÓRIA DEVERIA CHAMAR-SE MEDIDA EIXO RIO-SP-RS POIS OS TIMES DESTES ESTADOS NÃO PAGAM SUAS DÍVIDAS, INFLACIONAM O MERCADO FUTEBOLÍSTICO E AÍ RECEBEM DINHEIRO PÚBLICO PARA INCOBRIR SUA INCOMPETÊNCIA NA GESTÃO DOS CLUBES. ISSO SERÁ MAIS UMA VERGONHA DO FUTEBOL AO POVO BRASILEIRO ASSIM COMO ESTA COPA DO MUNDO A QUAL NÃO TEMOS CONDIÇÕES DE FAZER E ESTÃO COLOCANDO O DINHEIRO DE NOSSO IMPOSTOS PARA CONSTRUIR ESTÁDIOS, COMO SE NÃO TIVÉSSEMOS MAIS DE UM MILHÃO DE PRIORIDADES ANTES DE CONSTRUIR ESTÁDIOS.""
    *** Enquanto isso, a Educação Básica ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este projeto não precisa nem de aprovação.Para os esportes, nada falta.E a educação???????????? Ohhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh tá lá atrás de qualquer projeto.

      Excluir
  56. Na escola onde trabalho vamos aderir à greve nacional dos dias 22, 23 e 24 de abril. Para quê? Para mostrar que se quisermos, paramos. Para mostrar aos hierarquicamente superiores que estamos sufocados com PIP, PAAE, Dia D contra não sei o quê..., com módulo, com isso, aquilo e aquilo outro. Para pausar a rotina e vermos como nos adaptaremos para tolerá-la.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem! Mas a greve está prevista para os dias 23,24 e 25 de abril.

      Excluir
    2. e 3 dias é greve?!

      Excluir
    3. Uai, não é 22,23,24?

      Excluir
  57. professoramaluquinha8 de abril de 2013 22:31

    Barbosa critica aprovação de emenda que cria 4 tribunais -

    Em clima de grande tensão, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, afirmou que a aprovação da emenda constitucional que cria quatro tribunais regionais federais (TRFs) no País, apoiada por entidades da classe, ocorreu de forma sorrateira, "ao pé do ouvido" e "no cochicho".
    - "Sorrateira não", reagiu Ireno.
    - "O senhor abaixe a voz que o senhor está na presidência do Supremo Tribunal Federal. Só me dirija a palavra quando eu lhe pedir." Afirmou Barbosa.
    O presidente do STF deixou transparente a sua oposição à emenda que cria os quatro TRFs. Para o presidente do STF, a criação dos tribunais será boa para a advocacia e para os juízes porque milhares de empregos serão criados.
    - "Dá emprego. Dá quinto. Mas isso não é o interesse da nação", afirmou Barbosa.
    - "Não confunda a legitimidade que o senhor tem enquanto representante sindical com a legitimidade dos órgãos do Estado. Eu estou dizendo é que órgãos importantes do Estado não se pronunciaram sobre o projeto que vai custar à nação, por baixo, R$ 8 bilhões", disse Barbosa.
    - "Esses tribunais vão ser criados em resorts, em alguma grande praia", acrescentou.
    Um dos juízes presentes ao encontro observou que em Minas Gerais não existe praia. Barbosa respondeu: "Serão criados o mais próximo da praia possível."
    O presidente do Supremo também reagiu quando os magistrados disseram que era necessário fortalecer o Estado de direito e a instituição democrática e prestigiar o STF. "O STF se prestigia por si próprio."

    FONTE: http://br.noticias.yahoo.com/barbosa-critica-aprova%C3%A7%C3%A3o-emenda-cria-4-tribunais-223900546.html

    [esse país é uma V-E-R-G-O-N-H-A !!!!!]

    ResponderExcluir
  58. DECRETA-SE
    Os 71 diretores das escolas estaduais da Superintendência Regional de Ensino de Ubá, na Zona da Mata, participaram de uma reunião de trabalho com a secretária de Estado de Educação, Ana Lúcia Gazzola...
    Decreto nº 46.206...Durante a reunião, a secretária Ana Lúcia Gazzola explicou que o decreto é uma das formas de VALORIZAR O PAPEL DO DIRETOR de escola, FIGURA QUE IMPACTA DIRETAMENTE NO BOM DESEMPENHO DOS ALUNOS. “Nós temos bons resultado em avaliações como o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) e sabemos que o PRINCIPAL AGENTE desse bom desempenho é o diretor de escola. Estudos nacionais e internacionais mostram que um bom gestor, corresponde a uma boa escola”.
    ...Andrêssa Maria Demolinari, diretora da Escola Estadual Professora Francisca Pereira Rodrigues, em Piraúba. De acordo com a diretora “é uma conquista muito grande para nós diretores de escola. É um reconhecimento que o Governo demonstra ter pelo nosso trabalho”.
    GOSTEI! CREIO QUE NÓS PROFESSORES, NÃO PRECISAMOS MAIS ENFRENTAR UMA SALA DE AULA. AGORA É COM O DIRETOR, A FIGURA ESSENCIAL E IMPACTANTE PARA A APRENDIZAGEM DOS ALUNOS.
    SÓ POSSO DESEJAR BOM TRABALHO PARA TODOS OS SERVOS DIRETORES, QUE MERECIDAMENTE SÃO RECONHECIDOS PELA GRANDE EFICIÊNCIA E PRESTEZA AO SEU REI.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viu, babacas? Continuem engordando o resultado do IDEB, para os gestores ficarem com os louros da vitória, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  59. É estarrecedor não ver reação de ninguém;politicamente falando, educação, leis, decretos, castigos, processos só mudanças para pior, é realmente uma enorme vergonha parar 3 dias! o país tem que parar por tempo indeterminado e mostrar pra todos que nos governam o que é ser GENTE, POVO não somos burros de carga desse pais, trabalhamos com garra, queremos respeito como trabalhadores, quero ver sem nós o que seria desse país!Escola, eleiçao, copa,governo será que existiriam sem o POVO TRABALHADOR!!!! Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É hora de mostrar que o "trem" da educação está descarrilhando. Que a locomotiva (SEE/SRE) siga sozinha. Os vagões (nós, os professores) nos negamos a segui-los, sairemos dos trilhos ainda que seja por três dias. Será um sinal da nossa insatisfação.

      Excluir
    2. parar 3 dias é a cara do sindPELEGO

      Excluir
  60. ESTRAGO DE MINAS,
    o grande jornal dos "carneiros".
    O Bento que o diga.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. O grande jornal dos banheiros públicos.

      Excluir
  61. PENSAMENTO DO DIA:
    A dar aula de graça,
    vou para a China ou Coréia do Norte.
    (cada um interprete à sua maneira)

    ResponderExcluir
  62. O aluno 2013 por ele mesmo...

    O aluno não copia: compara resultados.
    O aluno não fala: troca opinões.
    O aluno não dorme: se concentra.
    O aluno não se distrai: examina as moscas.
    O aluno não falta na escola: é solicitado em outros lugares.
    O aluno não diz besteiras: desabafa.
    O aluno não masca chiclete: fortalece a mandíbula.
    O aluno não lê revistas na sala: se informa.
    O aluno não destrói o colégio: decora a escola segundo seu gosto.

    ResponderExcluir
  63. O problema fundamental do terceiro mundo é a superabundância de necessidades.
    (O animal que escreveu isso deve ter raciocinado com a própria abundância e não com o cérebro)
    posted by MONSTRO ADAMUS

    ResponderExcluir
  64. "O sol nos dá luz, calor e turistas."
    (Esse, com certeza, é carioca : AECIUS EGYPTES).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkk amei Aecius egyptes heheheee

      Excluir
  65. Monstro Adamus previu:
    Anestesia será COISA superada.

    ResponderExcluir
  66. Para descontrair, que ninguém é de ferro :

    1)"Crianças no banco dianteiro podem causar acidentes. Acidentes no banco traseiro podem causar crianças."
    2)"Os políticos são como as fraldas. Devem ser trocados constantemente. E sempre pelo mesmo motivo."
    3)"Meia Idade: É a altura da vida em que o trabalho já não dá prazer e o prazer começa a dar trabalho".
    4)"Casamento que começa em motel , termina em "pensão"!
    5)"A diferença entre a mulher e o homem????
    A mulher está sempre pronta para o que der e vier e o homem está sempre pronto para quem vier e der."
    6)"Na vida tudo é relativo. Um fio de cabelo na cabeça é pouco; na sopa, é muito!"
    7)"Rio de Janeiro: O mar é azul, o Jardim Botânico é verde, já teve uma governadora Rosinha, o comando é vermelho e a coisa tá preta."
    8)Eu cavo, tu cavas, ele cava, nós cavamos, vós cavais, eles cavam... Não é bonito, mas é "profundo".

    E ...FORÇA NA LUTA, que a vida está pra lá de P...

    ResponderExcluir
  67. Minas não podia estar de fora...
    Veja em globo.com



    09/04/2013 07h59 - Atualizado em 09/04/2013 09h51
    Ministério Público deflagra operações de combate à corrupção pelo Brasil
    Ações, em 12 Estados, contam com 150 promotores e 1.300 policiais.
    Desvio em órgãos públicos e lavagem de dinheiro estão entre os crimes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E Minas , está na lista?
      Ah, mas se está, eles dão um jeitinho mineiro e tiram. Eu sonho em um dia esta tropa suja saia do poder e dê lugar a um menos pior.
      DEUS é PAI.

      Excluir
  68. Esta eficiência de diretor como foi dito no comentário das 23:23 é para poucos.
    A maioria dos diretores não sabe nem o que passa em sala de aula.
    É a realidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sabe ou fingem de bobo?!

      Excluir
    2. A eficiencia é tanta que não precisa nem mesmo ser Administrador... Talves porque no curso de Adiministração Escolar ou de Gestão Pedagógica estudemos muito sobre leis e temos condições de "peitar" tia naná com seu "saber jurídico".

      Excluir
    3. O que eu percebo na maioria dos diretores é a vaidade acima de tudo. O poder tem efeitos nefasto em determinados tipos de pessoas. Esquecem que é um de nós e que para eles continuarem a fazer lipocavitação no horário de trabalho, denpendem dos coleas de trabalho.

      Excluir
  69. PROFESSORES, VERGONHA NA CARA

    RESPOSTA Á COLEGA PROFESSORA MARIA


    Caros colegas professores,

    é estarrecedor sim o modo como a educação é tratada neste país. Entretanto, não é que estes lesa-pátria travestidos de políticos não falem de educação. De fato, eles falam muito de educação, principalmente em época de eleição no Brasil. Em seus discursos demagógicos e mentirosos, suas propostas para a educação são maravilhosas, páreo para a Suíça, Noruega ou qualquer outro país de primeiro mundo onde se valoriza e trata a educação com respeito e responsabilidade. Entretanto, não passam de palavras vazias para enganar os mais incautos. E olhe que não se trata de um ou outro partido, mas de todos os partidos políticos do Brasil, pois todos eles, PT, PSDB, PDT, PMDB ou sei lá o que, são todos farinha do mesmo saco sujo.

    E o mais triste é que até mesmo professores, indivíduos supostamente politizados e cultos, caem na lábia de alguns destes parasitas sociais e acabam votando em um ou outro candidato e/ou partido político. E muitos destes professores são os mesmos que se recusam a fazer greve, a reivindicar seus direitos inalienáveis na Constituição Federal.

    Por isso não acho que os políticos, os governantes sejam os únicos culpados pela desvalorização da educação e do professor estadual. Nós, professores estaduais também o somos. Isso, porque não ousamos contra-atacar nossos opressores através da única forma capaz de ferir as estruturas maléficas deles. Somente através de uma greve forte, consistente, robusta e unificada é que poderemos contra-atacar e ferir nosso inimigo: o sistema político vigente em Minas e no Brasil há décadas. Repito sempre aqui que só teremos sucesso, que só seremos vistos, que só seremos respeitados quando nós mesmos nos respeitarmos, quando nós mesmos tivermos vergonha na cara e lutar. Uma greve que no seu início arrebanhe pelo menos 20% do professorado mineiro e, no seu ápice, atinja pelo menos 50%, seria suficiente para romper as estruturas nocivas do estado. Certamente que se criaria um caos no sistema educacional do estado, e assim eles nos ouviriam e nos respeitariam, nos devolvendo nossa carreira e nos pagando o que nos devem.

    Professores, que tenhamos vergonha na cara!

    Greve já!

    Raimundo santos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior: falta vergonha na cara do sindicato dos sem vergonhas :p

      Excluir
    2. Infelizmente caro Prof. Raimundo, os professores parece estarem deitados em berço explendido.

      Eles têm coragem de obedecer aos diretores carrascos, coragem de trabalhar por este mirrado salário, coragem de enfrentar 2 ou três turnos, mas, não têm coragem de cruzar os braços e exigir o cumprimento da lei.
      Simples assim!
      Eles parecem estar sentados, acomodados, assistindo de arquibancada, esperando que outros façam algo por eles, que lutem por eles, que conquistem a dignidade que é deles também. E depois, no final, aplaudirem ou vaiarem!

      Excluir
    3. Como os professores serão politizados, se um grande número deles sequer passaram pela faculdade? Conquistaram um diploma em faculdades à distância com aulas presenciais uma vez por semana onde os poucos professores apenas liam a apostila. Há professores q não dominam nem mesmo a lingua portuguesa, tá bom ou quer mais?

      Excluir
  70. bomba sobrará para próximo Governo.
    FGTS DOS DESIGNADOS LEI 100 (TODOS TEM DIREITO ATÉ 2007)
    CORREÇÃO PISO DE 2011 PARA CÁ
    PAGAMENTO VANTAGENS ATRASADAS.
    ETC,ETC.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que isso meu amigo os professores são admitidos pelo regime estatutário, logo não têm direito a FGTS, kkk. Você está mal informado heim.

      Excluir
    2. SÃO DESIGNADOS PELA CLT SPERTO E PELA LEI NUNCA EXISTIU DESIGNADO NO REGIME ESTATUTÁRIO, POR ISSO AS EFETIVAÇÕES SEM CONCURSO. DÍVIDA DE RECOLHIMENTO INSS QUE GOVERNOS NÃO FEZ.

      Excluir
    3. Anonimo 09 de abril 19:19

      O que o colega menciona não é nenhum absurdo. O certo que os servidores designados contribuem para o regime de geral de previdência - INSS. Lembrando que foi devido a essa situação absurda que não nasceu a Lei 100; com objetivo de regularizar os direitos previdenciários dos servidores.

      Excluir
    4. Senhor anônimo, o senhor é quem está mal informado, o regime estatutário é uma lei (federal, estadual ou municipal) que dita as regras de admissão, exercício e carreira de cargo público de órgão/instituição de qualquer esfera do poder estatal (federal, estadual ou municipal). Segundo a Constituição, o ingresso em cargo público deve obedecer concurso público de provas, ou de provas e títulos. Ou seja, caro amigo desinformado, os contratados não fazem parte do regime estatutário, por tal a não estabilidade e, por isso, teriam direito ao FGTS, seguro-desemprego, etc.
      A maioria das prefeituras faz certo e paga o acerto aos contratados temporariamente. Que eu saiba, somente o Estado não o faz, pois acredita na desinformação dos designados. Alguns entraram na justiça para receber o acerto. Fique esperto e procure saber dos seus direitos.

      Excluir
    5. Que isto, minha amiga, se a lei 100 vergonha furar vai ter que depositar o FGTS para todos pois eles deixam de ser estatutários.MOROU?

      Excluir
    6. Lembrando que o designado é contrato pelo regime do INSS e como o governo descontou e não mandou para o INSS esses descontos. Por isso, meu caro, a Lei 100, foi a melhor solução para o Estado, descontei e não mandei depositar para o INSS é melhor efetivar esse povo todo.
      Seja mais bem informado, antes de criticar um colega!!

      Excluir
    7. Regime do INSS após 2007. Tem informações contraditórias.

      Excluir
  71. Se vcs trabalham com 6º ao 9º ano devem ter visto o absurdo(fora da realidade) da prova do PAAE, a ser aplicada esta semana. Há escolas que apresentam resultados, que diria, bem duvidosos,mas...que fazer?
    Na escola que trabalho, disseram que a verba que veio não é suficiente para tantas provas, e folhas. Não estaria na hora de não se aceitar este absurdo? Será que teremos que passar gabaritos um por um de provas feitas aos poucos, já que não tem para todos?
    E nós, batemos palma, com os diretores, agora sendo mais bem pagos, para que aceitemos tudo. Digo não, e continuarei assim. Já que a maioria se cala, alguem tem que fazer acordar este estado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o que você vai fazer para "acordar o estado."Gritar e sapatear no ouvido da Naná?

      Excluir
    2. Este resultado não vai valer de nada.Ouvi no ônibus os comentários de alguns alunos e para meu espanto, nem eles estão interessados neste tipo de avaliação. Eles estão entregando as provas sem pelo menos lê-las.Eles marcam uma série de letras como por ex|: abd, abd e assim vai.O descaso do governo está atingindo de cheio os alunos, o desinteresse está geral.
      Que pena! Enquanto os professores não forem valorizados, nada feito.

      Excluir
  72. Caros companheiros de lutas.
    Hoje, mais decepcionada com a educação, não me faltou motivos para me decepcionar mais ainda...
    Minha diretora, como se ñ fosse nada importante, chegou na porta da minha sala e me falou bem baixinho, para que meus alunos ñ a ouvisse: o professor de educação física ñ virá mais a partir de amanhã, para o 5º ano e sim para o turno da manhã(5º ao 9º) e p/ o tempo integral. Aí eu perguntei: mas e nós, vamos dar aulas de educação física como? Aí ela completou: como as aulas normais e bem planejadas.
    Olha, eu tenho tempo bastante para já ter visto muita coisa na educação, mas governo ruim como este , está p/ nascer !!!!!E olha que eu tenho 22 anos de carreira.
    E aí eu pergunto: até quando ?Quanto desrespeito! Isto não terá fim gente? quanto sofrimento? Minha cunhada mora em Bh e já está a ponto de explodir com tantos desrespeitos com a classe e o povo mineiro. Não podemos deixar este homem ganhar e nem a corja dele em hipótese alguma. Ele vai sentir o peso da maldade nas urnas , E peço a todos , que tenham dignidade.Votem e espalhem comentários verdadeiros deste maquiavélico e sua turma.
    Se Deus quiser, vamos vencer! Vamos escolher um menos pior.
    Marlise

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Contagem_Regressiva10 de abril de 2013 10:57

      Faltam para o fim do DesGoverno de Antonio Anastasia 631 dias

      Excluir
    2. Concordo plenamente, vamos responder nas urnas...simples assim!

      Excluir
  73. Na pauta de julgamentos do STF de amanhã dia 10 de Abril será julgada uma ADI parecida com a ADI da lei 100. Vejam:

    Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 1229
    Relator: Ministro Carlos Velloso (aposentado)
    Governador do Estado de Santa Catarina X Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina
    ADI em face do artigo 14, inciso II, da Constituição do Estado, e da Lei estadual n° 1.178/94. O dispositivo constitucional assegura a participação de representante dos empregados nos conselhos administrativos e nas diretorias das empresas públicas ou sociedades de economia mista e suas subsidiárias. A lei atacada estabelece as regras do processo eleitoral dos referidos representantes. Sustenta ofensa ao inciso II do artigo 37 da CF, ao admitir nova forma de acesso a emprego público. O julgamento será retomado com voto-vista da ministra Cármen Lúcia.
    Em discussão: Saber se norma que fixa a participação de representantes de empregados nos conselhos administrativos e nas diretorias de empresas públicas e sociedades de economia mista é inconstitucional por ofensa às regras de provimento em cargos públicos.

    Pelo visto acima uma das causas em que se levou a elaborar a ADI (1229) em Santa Catarina foi a forma de ingresso em cargos públicos, onde até cita que ofende o inciso II do artigo 37 da constituição, que é exatamente o artigo e inciso que exigem concurso público para ingresso no serviço público. Bom, esta ADI tem alguma relação com a ADI 4876 da lei 100. Então vamos ficar de olho no resultado do julgamento desta ADI (1229) de Santa Catarina pois, dependendo do seu resultado, podemos fazer previsões mais seguras em relação a ADI da lei 100 que ainda vai ser julgada. Enquanto lá em Santa Catarina estão questionando uma lei que contraria a forma de ingresso no serviço público, ou seja, que ofende o artigo 37 da constituição, aqui em Minas o negócio foi mais sério ainda do que se pensa pois, JÁ FORAM EFETIVADOS CERCA DE 98.000 SERVIDORES SEM CONCURSO. Portanto vamos ficar de olho no resultado da ADI lá de Santa Catarina. Aguardemos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa ADI nao tem relacao com a adi da lei 100 nada a ver.

      Excluir
  74. Pessoal postei anteriormente um comentário que está no blog da Renata Vilhena, mas tem muito mais, vou colocar o link:

    http://blogrenatavilhena.blogspot.com.br/2013/03/mais-um-espaco-sobre-lei-100.html

    ResponderExcluir
  75. Anastasia: STF desmonta o mito da “sabedoria jurídica”

    Diante das mudanças que pretendiam promover os ocupantes do Palácio da Liberdade após 2003, desconsiderando e afrontando o entendimento jurídico das instituições governamentais que resistiam, optou por criar um eficiente projeto midiático, no intuito de assegurar que as medidas estavam respaldadas no grande conhecimento jurídico do atual Governador Anastasia.

    A máquina administrativa do Estado foi literalmente desmontada, a atuação do Poder Legislativo foi avocada através das famosas “Leis delegadas”. Carreiras dos servidores públicos foram extintas assim como seus direitos. Estatais e autarquias sofreram pesadas modificações com a introdução de modelos desassociados da legalidade.

    O pior é que este comportamento não se restringiu ao campo das teorias, estendeu-se a análise e entendimento da Constituição Federal que passou a ser decidida exclusivamente em função do que o professor Anastasia pensava, desprezando e desrespeitando o corpo jurídico do Estado.
    Segmentos econômicos, administrativos e fiscais foram desmontados e remontados levando em conta apenas o “alto conhecimento jurídico” do professor Anastasia. Injustiças foram cometidas também fundamentadas nesta teoria. Agora, 10 anos depois se verifica que esta opção vem trazendo para o povo mineiro e para sua economia enorme insegurança jurídica e prejuízo.
    O principal fruto deste novo modelo é o polêmico “Choque de Gestão”.

    O STF vem sucessivamente considerando inconstitucionais matérias criadas e defendidas por Anastasia, desde a década de 80 quando participou da elaboração da Constituição do Estado de Minas Gerais. Exemplo mais recente do enorme risco e insegurança jurídica ocorreu com as Fundações Universitárias de Ensino de Minas Gerais, que atendiam as teorias jurídicas do professor Anastasia[...].
    __________________________ piuí, piuí...

    Os agraciados pela Lei 100 podem colocar as barbas de molho. O "Trem da Alegria" do Anastasia está descarrilhando vagarosamente. Aguardem porque a coisa deve esquentar no segundo semestre.

    disponível em: www.novojornal.com

    ResponderExcluir
  76. "Por causa de um prego, perdeu-se a ferradura. Por causa da ferradura perdeu-se o cavalo. Por causa do cavalo, a mensagem não foi entregue. Por causa da mensagem perdeu-se a guerra."(Provérbio Chinês)

    ResponderExcluir
  77. NÃO CONSIGO ACESSAR MEU INFORME DE RENDIMENTOS PELO PORTAL. COMO FAZER NESSE CASO. DÁ SEMPRE ERRO DE LOGIN.

    ResponderExcluir
  78. Concordo 100% com o professor Raimundo Soares.

    ResponderExcluir
  79. PAPEPIPOPU!

    HAHAHAHA rachei de rir aqui Euler!

    ResponderExcluir
  80. Médicos e policiais militares do Baixo Jequitinhonha recebem treinamento de combate a Dengue
    Um evento de Multiplicação da Capacitação de Prevenção e Combate à Dengue envolvendo as Secretarias Municipais de Saúde das Prefeituras do Baixo Jequitinhonha ocorreu na manhã de sta terça-feira, 09.04.13, em Almenara/MG, no Vale do Jequitinhonha.

    O evento foi organizado pelo 44º Batalhão da Polícia Militar. O objetivo do evento foi aumentar as ações de combate à dengue e ampliar o conhecimento dos médicos sobre o assunto. Simultaneamente, policiais militares que exercem função de comando nas frações dos municípios da região também participavam de um treinamento de combate a dengue na sede do Batalhão.

    A Tenente Sumara, médica da Polícia Militar, e o Tenente Maurírio, Almoxarife da PM, que ministraram as palestras, respectivamente, para os médicos no auditório da SEDESE, e para os policiais no auditório do Batalhão.

    Os dois oficiais foram escolhidos juntamente com outros 160 policiais militares do Estado de Minas Gerais para participarem de um curso de capacitação realizado pela Secretaria de Estado de Saúde em Belo Horizonte/MG para ministrarem oficinas de treinamento para policiais militares e médicos lotados nas prefeituras dos municípios.

    ResponderExcluir
  81. Caso Aécio: “É constitucional contratar empresa da família?”

    publicado em 19 de fevereiro de 2013 às 22:18

    O ex-procurador-geral de Justiça, Alceu José Torres Marques, cuidou de arquivar pessoalmente duas representações do Movimento Minas Sem Censura contra Aécio e Andrea Neves

    Caso Aécio: “É constitucional o governador contratar empresa sua e da sua família?”

    por Conceição Lemes

    Em Minas Gerais, o senador Aécio Neves (PSDB) e a irmã Andrea estão blindados por todos os lados.

    Denúncias feitas contra ambos em 2011 e 2012 nunca foram investigadas, inclusive pelo Ministério Público do Estado.

    O ex-procurador-geral de Justiça, Alceu José Torres Marques, que deixou o cargo no início de dezembro de 2012, cuidou de arquivar pessoalmente duas representações feitas pelo Movimento Minas Sem Censura, bloco de oposição que reúne parlamentares do PT, PMDB, PCdoB e movimentos sociais.

    Ambas tinham como foco a época em que Aécio era governador (2003 a 2010) e Andrea comandou o Núcleo Gestor de Comunicação Social do Governo. Durante esse período, ela destinou dinheiro de estatais mineiras e da administração direta estadual para a rádio Arco-Íris e em outras empresas de comunicação da família Neves.

    A primeira representação, protocolada em maio de 2011, foi arquivada em 27 de julho do mesmo ano. A segunda, de março de 2012, teve igual destino em novembro.

    Em reportagem publicada pelo Viomundo neste domingo 17, o deputado estadual Rogério Correia (PT-MG) justificou: “Como o ex-procurador-geral não apurou nada, sequer quanto de dinheiro público foi aplicado na rádio Arco-Íris, entramos com a segunda representação”.

    Ela foi distribuída a João Medeiros Silva Neto, que é um dos oito promotores da Promotoria de Defesa do Patrimônio Público do MP de Belo Horizonte.

    Ele não se intimidou. Abriu inquérito civil público para apurar as denúncias dos deputados Rogério Correia (PT) e Sávio Souza Cruz (PMDB), respectivamente líder e vice-líder do Minas Sem Censura.

    O doutor Alceu Marques, porém, avocou para si o processo – leia-se tirou das mãos de João Medeiros — e arquivou.

    Mais uma vez o promotor não se intimidou. Ingressou com reclamação no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

    Inicialmente, ela foi distribuída para o conselheiro Jarbas Soares Júnior, procurador-geral de Justiça de Minas de 2005 a 2008, nomeado pelo então governador Aécio Neves.

    O promotor João Medeiros arguiu o seu impedimento. Só então Jarbas Soares Júnior se declarou suspeito. Abaixo o seu despacho.

    ResponderExcluir
  82. “Se o Gurgel não abrir inquérito contra o Aécio, estará prevaricando”

    publicado em 17 de fevereiro de 2013 às 18:26

    Em Minas, o ex-procurador Alceu Marques Torres arquivou duas representações contra Aécio e Andrea Neves. Em 31 de maio de 2011, os deputados Rogério Correia, Sávio Souza Cruz e Antonio Júlio entregaram a Roberto Gurgel outra denúncia. Ela está na gaveta do procurador-geral da República há 22 meses e 17 dias

    por Conceição Lemes

    17 de abril de 2011. Madrugada de domingo, Leblon, Zona Sul carioca. O senador Aécio Neves (PSDB-MG), dirigindo uma Land Rover, é parado pela polícia numa blitz de trânsito. Convidado a fazer o teste do bafômetro, ele se recusa. A carteira de habilitação, vencida, é apreendida. Leva duas multas.

    ResponderExcluir
  83. AS DENÚNCIAS MENOSPREZADAS PELA MÍDIA CORPORATIVA

    Rádio Arco-Íris, Banjet, Oswaldinho, aplicação de verbas públicas em empresas da família, voos em jatinho do presidente da Codemig, suspeitas de ocultação de patrimônio e sonegação fiscal, blindagem.

    Nenhuma dessas denúncias, praticamente desprezadas pela mídia corporativa, é novidade. Todas, desde 2011, têm sido feitas e reiteradas (confira aqui, aqui e aqui).

    O ponto de partida, relembramos, foi o flagrante do teste do bafômetro, em 17 de abril de 2011, na cidade do Rio de Janeiro.

    O carro que o senador dirigia na hora da blitz — Land Rover TDV8 Vogue, ano 2010, placa HMA 1003, valor mercado R$ 255 mil, comprado após as eleições de 2010 — pertencia à rádio Arco-Íris, de Belo Horizonte (MG), cujos sócios são Aécio, a irmã Andrea e sua mãe, Inês Maria Neves Faria.

    Há anos é propriedade da família Neves. Em 1987, o então deputado federal Aécio Neves ganhou a concessão para explorá-la do à época presidente da República José Sarney, atualmente senador.

    Por coincidência, Aécio votou a favor da ampliação do mandato de Sarney para cinco anos, o que lhe valeu entre adversários a alcunha de “Aecinco”. Antonio Carlos Magalhães, ministro das Comunicações naquele momento, assinou a outorga. Inicialmente a sede da emissora ficava em Betim, depois foi transferida para BH.

    ResponderExcluir
  84. A educação mineira pede socorro
    O artista é novo mas a estratégia do Governo de Minas é a mesma. Ao investir em nova campanha publicitária ele tenta dar a idéia de que a educação mineira vai bem, que os resultados alcançados em olimpíadas e IDEB demonstrariam que a sua política educacional estaria correta.

    O que o Governo tenta esconder é que a educação mineira pede socorro.

    Não há nenhum mecanismo de diálogo com a comunidade escolar. Ela não é ouvida em relação às demandas da escola. O diálogo é um espaço em que mais de um ator social fala e escuta. Vivemos monólogos. Vale lembrar do projeto "Professor da família" que ficou apenas no marketing, como a maioria dos projetos lançados.

    Os indicadores de acesso, permanência e qualidade da educação que não servem para a propagandas institucionais são ignorados como a falta de cerca de um milhão de vagas no ensino médio. Nao há propostas nem projetos para modificá-lo e assim garantir efetivamente acesso, permanência e qualidade.

    A Secretaria de Educação estabelece sua política ignorando a realidade da categoria que está com a carreira congelada, teve seus direitos desrespeitados e nao recebeu nem o que foi prometido no subsídio. Continuamos recebendo um dos piores salários do país e o pior salário do funcionalismo estadual.

    A Secretaria conseguiu piorar ainda mais a condição de trabalho do professor. A regulamentação de 1/3 de hora-atividade é tratada como mera formalidade burocrática sem qualquer discussão pedagógica e a Lei estadual ignorada. Professores dos anos iniciais têm sido obrigados a trabalhar jornada superior ao seu cargo, com a justificativa de aulas de exigência curricular.

    O direito do aluno é discurso apenas quando estamos em greve porque na prática eles ficaram sem aulas por problemas na designação ou ausência de nomeação de concursados no inicio do ano letivo de 2013. Para a Secretaria podem estudar em salas superlotadas. Não progredimos com mais professores específicos nos anos iniciais mas regredimos sem a educação física e o ensino religioso. blog da Beatriz Cerquira

    ResponderExcluir
  85. No país da Copa e das Olimpíadas, crianças mineiras são impedidas de terem aula de Educação Física.
    Publicado em 15 de março de 2013 por socialistalivre

    O governo mineiro, Anastasia/Aécio Neves, surpreende mais uma vez com seu “choque de gestão”. Dessa vez, são as crianças de 1º ao 5º que vão pagar o preço pelas políticas de corte de gastos do governo PSDBista. Em um país que sediará a Copa do Mundo / 2114 e as Olimpíadas / 2016, Minas Gerais caminha na contramão da história, impedindo que as crianças tenham aulas de Educação Física com profissional habilitado.

    A nova medida de corte de gastos impede que profissionais da área de Educação Física deem aulas de 1º ao 5º ano, deixando essa importante disciplina a cargo das professoras e professores regentes que, por mais bem intencionados que o sejam, não possuem habilitação para dar aulas de Educação Física. Tal medida é uma atrocidade cometida contra as crianças, pois lhes retira a possibilidade de terem verdadeiras aulas de Educação Física, em um país em que o esporte será a grande atração dos próximos anos.

    Parodiando um slogan governista, diríamos: “o que o governo do PSDB faz para Minas Gerais não serve para as crianças, não serve para Minas, não serve para o Brasil!”. E se as crianças pudessem escolher? Será que aprovariam essa atitude que retira seus direitos, simplesmente para economizar algumas cifras? Entendemos que não. As crianças não carecem desse “choque de gestão” equivocado. No caso, as crianças mineiras mereceriam, sim, espaços adequados nas escolas para praticarem as diversas modalidades esportivas. Ao invés disso, porém, o presente que estão recebendo do governador de Minas Gerais é o corte da possibilidade de terem aulas de Educação Física com profissionais habilitados. Diga-se de passagem que as crianças de 1º ao 5º ano, em Minas Gerais, também estão perdendo, em 2013, o direito de terem aulas com professores habilitados de Educação Para A Vida, vulgo Ensino Religioso, sobrecarregando, inclusive, os professores regentes de 1º ao 5º anos, em um momento em que estes deveriam usufruir de 1/3 das atividades extraclasse.

    Por que as crianças filhas da classe trabalhadora são lesadas em seus direitos mais básicos como educação pública de qualidade? Permitam-nos uma comparação: se os filhos dos trabalhadores aceitarem e acharem normal ter aulas de Educação Física ou de Ensino Religioso com professores não habilitados, em breve os trabalhadores vão ser convencidos de que também é normal fazer cirurgia com um açougueiro ou com um veterinário ou com um advogado. Tudo para o governo mineiro aplicar sua insana política de corte de gastos. Que lamentável.

    Alguém acha isso normal? Alguém acha isso necessário? Alguém acha isso legítimo? Alguém acha isso correto? Exigimos que o governo Aécio/Anastasia respeitem as crianças filhas da classe trabalhadora de Minas Gerais. Ajudem-nos a denunciar mais esse descaso com a escola pública de Minas Gerais.

    Por: Gílber Martins Duarte – Socialista Livre – Conselheiro do Sindute-MG e diretor da subsede do Sindute em Uberlândia – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais – Doutorando em Análise do Discurso/UFU – Membro da CSP-CONL

    ResponderExcluir
  86. O pessoal da minha SRE, estão afirmando com certeza que a ADI da lei 100 não será julgada. Eles deve ter alguma informação da SEE. A afirmação é que a situação já foi resolvida que ninguém mais precisa preocupar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MENTIRAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!Será julgada sim.

      Excluir
  87. aff, não aguento mais...módulo 2 tempo extra classe,em casa prepara aula,...voltamos a época da escravatura.....

    ResponderExcluir
  88. EULER, MARLY E TODO NDG, VOCÊS FAZEM A DIFERENÇA EM MINAS GERAIS, SÃO EXEMPLOS A SEREM SEGUIDOS, APLAUDIDOS, VOCÊS FAZEM E MOSTRAM!
    A LUZ QUE EMANA, A VOZ QUE ECOA ALÉM BRASIL.. O TRABALHO EM PROL DE TODOS EDUCADORES!
    ME SINTO HONRADO DE SER PROFESSOR!
    O MEU OBRIGADO E ADMIRAÇÃO!

    ResponderExcluir
  89. uinta-feira, 28 de março de 2013
    Ibope: Aécio Neves é o candidato com maior índice de rejeição.

    Confirmando pesquisa do PSDB e que tinha sido noticiado por Novojornal, Aécio é conhecido por apenas 61% do eleitorado e tem 36% de rejeição.
    Segundo o Ibope, Aécio é conhecido por apenas 61% do eleitorado e tem hoje uma rejeição de 36%, índice algo em torno de 50% dos que o conhecem. O instituto, contudo, omitiu que Minas Gerais foi o Estado onde o senador teve a maior rejeição. O índice é de 56%.

    ResponderExcluir
  90. Tem vários julgamento acontecendo no STF
    http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=235594
    Mas a ADI sobre a lei 100 continua parada, o dia que o ministro estiver aqui em Minas é a oportunidade perfeita para pedirmos o julgamento da lei 100 o mais rápido possível. E a oportunidade perfeita de fazermos uma manifestação.

    ResponderExcluir
  91. Pessoal aqui do Sul de Minas não podemos perder essa oportunidade de estarmos presente na palestra do Joaquim Barbosa.

    ResponderExcluir