quarta-feira, 10 de outubro de 2012

"Veja: medíocre, pequena e mal intencionada". Acrescentaria:... e inútil!

"Veja: medíocre, pequena e mal intencionada". Acrescentaria:... e inútil!

Olá, pessoal da luta! Várias pessoas me enviaram e-mail dizendo que não estão conseguindo acessar o nosso blog. Não me perguntem o porquê, pois não tenho a menor ideia. Talvez seja problema de navegador. Tentem utilizar o Firefox Mozilla, que é o que eu sempre usei e quase nunca dá problema. O sistema operacional que utilizo é o Linux, na versão Ubuntu. Ruindows, jamais!

Bom, mas os assuntos são outros. Eleições, julgamento do mensalão (qual deles? O do PT apenas? E os outros?) e os direitos dos educadores, como sempre, sonegados, espezinhados, roubados.

Na correria em que me encontro, tenho tido pouco tempo para escrever. Mas felizmente temos outros blogs - como a da nossa comandante Marly Gribel - e dezenas de comentários e colaboradores que dão o tom da paisagem que nos cerca. Boa ou ruim. Ou as duas coisas, ao sabor dos contextos nos quais estamos envolvidos. Vivemos todos submetidos a esta infernal máquina, diria, diabólica, até, do capital, que nos engole e nos cospe a cada momento. Mas vamos vivendo, sobrevivendo, com ou sem arranhões, resistindo, na medida das nossas possibilidades.

Num outro texto, pretendo analisar mais cuidadosamente sobre as eleições e sobre outros temas, inclusive os nossos, da Educação. Já o fiz de passagem em vários posts. São muitas as leituras que podemos fazer. Evitaria usar, no caso das eleições, as palavras vitória e derrota, porque quase sempre representam uma síntese muito pontual. Uma derrota pode vir carregada de possibilidades de vitória. Uma vitória pode ser o começo do fim. Há que se acompanhar todo o processo em análise para sabermos se de fato se trata de uma vitória ou de uma rotunda derrota.

Sobre o julgamento do mensalão, sou forçado a concordar com o ex-presidente Lula, que se trata de uma hipocrisia. Pelo menos da forma como está sendo apresentada pela mídia, sempre espetaculosa e serviçal de interesses que não são aqueles ligados à maioria oprimida da população. É fato que a cúpula do PT cometeu equívocos e práticas condenáveis à luz de princípios republicanos. Errou e deve pagar por isso. Mas, a pergunta que não quer calar: e os outros? Até quando vão tratar dessa forma diferenciada as práticas que são comuns a praticamente todos os partidos e caciques políticos do Brasil? Por que apenas o PT em véspera de eleição foi crucificado? E olha que eu não sou militante de partido algum, como todos vocês já sabem, mas é duro ver esta agressão diária à inteligência das pessoas comuns.

Por último, muitos perguntarão: o que tem a ver o título desse post com o texto de abertura do mesmo? A resposta está no link a seguir, que mostra, mais uma vez, como uma certa revista nacional não se cansa de prestar um desserviço ao povo brasileiro, sempre criando factóides, sempre servindo aos piores interesses dos de cima. No caso em tela, indico a leitura da resposta dada por historiadores em repúdio à reportagem feita pela revista Veja sobre o legado do historiador Hobsbawm. Para ler o texto completo, clique aqui.

Um forte abraço a todos e força na luta! Até a nossa vitória!

***

215 comentários:

  1. Vi muita coisa nessa última eleição municipal.

    Sobreviveu o clientelismo e a aberta compra de votos nos bairros, e quando se tem um vizinho ou conhecido como candidato, aí que é batata...

    Eu vi muita coisa nessa última eleição. Do nada eu vi pedestres chutando cavaletes, pessoas se organizando para pichar e colocar nariz de palhaço nos cartazes. E melhor que tudo, eu vi pixações revolucionárias, que não cabem nos jornais da burguesia mas cabem nos muros da cidade.

    Foram 25 milhões de brasileiros que não votaram, votaram nulo ou em branco.

    Por diversos motivos! Motivos ideológicos? Uma pequena minoria, eu sei.

    Eu não estou sozinho. Essa linha não penetra na grande massa, não é professor?

    É tática e não fere a estratégia. Ô energia boa de gastar!

    Quanto ao mensalão, posso dar pitaco?

    Os chamados “mensalões” sempre existiram e são a razão de ser do Estado capitalista, onde o Parlamento é o comitê de negócios da burguesia e a sua Justiça é o cimento que molda as estruturas do sistema contra os interesses dos trabalhadores.

    Os crimes cometidos pelos envolvidos no esquema petista não foram os maiores no quesito corrupção e não chegam nem perto dos verdadeiros crimes cometidos contra a nação brasileira pelos sucessivos governos, como a desindustrialização, desnacionalização da economia, a entrega das riquezas naturais, a completa submissão ao imperialismo em todas as questões de importância.

    Há 15 anos atrás, em um toldo de lona, num acampamento no Norte de Minas eu vi e ouvi camponeses cantarem a Internacional.

    É pessoal, firmem o corpo aí que é possível!

    Felizmente, os nossos sonhos não cabem dentro da urna da burguesia.

    Rômulo

    ResponderExcluir
  2. E o Daniel Dantas? Ninguém mais fal nele...



    http://www.youtube.com/watch?v=0AKl65q1U0Y&feature=player_detailpage#t=348s

    ResponderExcluir
  3. Agora que as eleições passaram infelizmente o resultado de Belo Horizonte não foi o que gostaríamos, mas se analisarmos não foi tão ruim assim com mais dois anos de mandato do Anastásia com certeza vamos conseguir nos livrar do PSDB, se pensarmos um pouco em dois anos ele já conseguiu provar que não respeita nada já desrespeitou as leis federais e com o apoio do Aécio que pretende ser candidato a presidência, mas não tem o menor respeito pela constituição, afinal a lei 100 foi no seu mandato, só os decretos que cada vez mais desrespeitava a constituição foi no mandato de Anastásia. Não sei como o pessoal do PT não divulgou essas informações que denigrem a imagem do Anastásia e mais ainda do Aécio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho sua opinião correta.
      Quem vota em um candidato que efetiva sem concurso.
      Se tem uma coisa boa nesse e todos os jovens e adultos concordam é o Concurso público.

      Excluir
  4. As condenações de José Dirceu e Genoíno foram um verdadeiro atentado a democracia.

    Condenaram ambos sem provas.

    Eu, como estudante de direito, sinto-me envergonhado com esse julgamento.

    Guina publicou um post sobre.. Biografia de José Serra

    ResponderExcluir
  5. Euler e amigos, estão brigando com a Cindy no twitter falando que ela é perfil falso, criado só para nos defender, veja:

    Clara Diniz ‏@claradiniz70

    @cindy55342391 @Doce_Vicio @licktina @CCambara @Triplohxis Cindy os "malpagos" teachers mineiros não precisam de uma "maldita" fake como vc.
    Ocultar conversa

    Responder
    Retweetar
    Favorito
    ___________________________________________________

    Clara Diniz ‏@claradiniz70

    @licktina @Doce_Vicio @cindy55342391 @CCambara @Triplohxis Ela é mais do que uma "simples" troll. Foi criada para "defender professores".
    Ocultar conversa

    Responder
    Retweetar
    Favorito
    _______________________________________________

    Clara Diniz ‏@claradiniz70

    @cindy55342391 @Doce_Vicio @licktina @CCambara @Triplohxis Cindy você quase foi execrada do twitter enenhum teacher amico veio te defender.
    Ocultar conversa

    Responder
    Retweetar
    Favorito

    3:25 Manhã - 8 out 12 · Detalhes
    ___________________________________________

    Estou postando porque colocaram meu nome do meio, e eu defendo Cindy sim
    Clara Diniz ‏@claradiniz70

    @Triplohxis @cindy55342391 @Doce_Vicio @licktina @CCambara Então @GracieusaBrito vem socorrer a amica de los teachers mineiros.
    Ver conversa

    Responder
    Retweetar
    Favorito



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que absurdo, a Cindy deve está decepcionada com o POVO BRASILEIRO, muito difícil alguém do 1º mundo olhar por uma causa que não interessa a eles, só que você não sabem a moça tem outro TWITTER COM MAIS DE 20.000 seguidores de toda Europa, @Triplohxis @Doce_Vicio @licktina @CCambara @claradiniz70 gente dessa especie tem que ser banida do Twitter, uma vergonha para o Brasil e para a classe, duvido se conseguiram execrar a mesma, ela é muito inteligente! Inveja mata, como são tupiniquins!

      Excluir
    2. Maria José e Gracieusa, a Cindy me exluiu do seu Twitter.

      Ela bloqueou seus TTs, parece que ela cortou a cominicação comigo.

      Tentei fazer contato. Não obtive retorno.
      Esse Triplohxis pensa que eu sou a Cindy.

      O que sei, é que voce tem que ter sangue frio no Twitter. Pois voce depara com o submundo.

      Se as intenções da Cindy eram realmente sair em defesa dos educadores, e se ela é de fato uma ativista virtual, a Cindy tirará de letra esse troll.

      Excluir
  6. EM MONTES CLAROS PAULO GUEDES LIDERA!MONTES CLAROS NÃO VAI SE RENDER A CASA GRANDE!

    ResponderExcluir
  7. Reajuste de piso de professores deve ser menor que o previsto
    Expectativa era de que docentes teriam aumento de 21% em 2013, mas queda na arrecadação empurrará índice para baixo

    09 de outubro de 2012 | 23h 25


    O piso nacional dos professores deverá sofrer um reajuste menor que o previsto em razão da queda da arrecadação de tributos pelo governo. A expectativa no início do ano era de que os docentes teriam um aumento de 21% em 2013, mas o índice corre o risco de ficar abaixo dos 7,86% concedidos em 2010. O Ministério da Educação (MEC) diz que a taxa só será definida no fim do ano.

    Este ano a categoria recebeu 22% de aumento, o que comprometeu o orçamento de Estados e municípios e reabriu a discussão sobre o cálculo do reajuste. Um acordo entre prefeitos e docentes pode equilibrar a situação. Pela proposta, a atualização dos salários seria feita pela reposição da inflação do ano anterior mais 50% da variação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) nos últimos dois anos.

    Para o coordenador-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Daniel Cara, a mudança deve acabar com as dificuldades para cumprir a Lei do Piso. “É preciso melhorar os vencimentos iniciais dos professores para tornar a carreira mais atrativa”, diz. A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) apoia a proposta, elaborada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). “O modelo atual torna o salário do professor impagável com o passar do tempo”, afirma o prefeito de Vitória (ES), João Coser, presidente da FNP.

    Cara chama de “inaceitável” um projeto de lei que aguarda votação na Câmara e determina que a correção do piso seja feita com base na inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). “O trabalhador precisa ter aumentos reais”, argumenta.

    Atualmente os professores da educação básica (ensino infantil ao médio) na rede pública recebem R$ 1.451 mensais. A remuneração vale para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. Entidades ligadas ao magistério, porém, afirmam que nem todos os Estados e municípios cumprem a norma.

    Segundo a CNTE, apenas os governos de Acre, Amapá, Distrito Federal, Mato Grosso e Rondônia obedecem a todos os pontos da Lei do Piso, o que inclui a destinação de 1/3 da jornada para atividades extraclasse.

    A lei existe desde 2008 e já foi contestada por alguns governadores na Justiça. No mês passado seis deles questionaram no Supremo Tribunal Federal (STF) a regra em vigor, alegando que perderam a autonomia para determinar os vencimentos de seus servidores. O ministro Joaquim Barbosa será o relator do processo, que ainda não tem data para ir a julgamento.

    O piso é atualizado de acordo com a variação no valor mínimo de investimento por aluno previsto no (Fundeb). Com menos tributos alimentando o fundo por conta da desaceleração da atividade econômica, caíram também as projeções de reajuste salarial para os docentes.

    Em nota, o MEC diz que a reestimativa de recursos do Fundeb só é definida pelo Tesouro Nacional no fim do ano. “Portanto, qualquer avaliação sobre o volume de reajuste, ou de eventual mudança na fórmula, é precipitada”, afirma a pasta.

    ResponderExcluir
  8. Olá todo mundo...

    Eu creio q o piso ao sofrer tantos revezes, me parece que foi uma obra monumental de markting... Observem bem aquela papelada que a Beatriz pediu pra gente protocolar, observem bem a movimentação do governo quando bateu o martelo dizendo isso e aquilo sobre a valorização do professor. Porém veja agora novamente alguns pulhas entram com outro recurso sobre o índice, o que alongará ainda mais essa via cruzes que trará salvação apenas a esses crápulas de sempre. Enfim desde o início essa porcaria de Piso já era um natimorto, pois vieram a boa nova, mas não veio as devidas punições aos infratores da lei. o Cristovão tem se mostrado um falastrão como o próprio Adade... Caimos várias vezes no conto do vigário... O goveno sabia que não era possível manter o índice pelo custo aluno, vendeu ilusão e colheu os frutos em duas disputas eleitorais. E agora??? Pergunta a Educação. "Vocês que se explodão" Responde O governo... Minha esperança fica com o negro presidente do Supremo e relator do tal recurso, afinal no primeiro pronunciou: "...em nada me comovem vocês(prefeitos e governos)dizerem que não tem recursos...".

    ResponderExcluir
  9. O PT DEVE SE ORGULHAR dos 40% dos votos que teve em Belo Horizonte. Foi o mesmo que achar água no deserto seco do PSDB. Temos que entender que Belo Horizonte é curral eleitoral do PSDB onde o PT lutou contra as máquinas administrativas do município, do estado, da mídia comprada, de muitos empresários do PSDB e de Anastasia e Aécio. Dentro de tantos entraves como esses, era de se esperar que a diferença fosse discrepante como uns 70% para Lacerda e uns 28% para o Patrus apenas (e tenho certeza que os tucanos esperavam isso). Portanto os 40% dos votos em Belo Horizonte são mais que uma luz no fim do túnel é um grande sol amanhecendo no céu das Gerais para clarear um novo dia na vida dos mineiros. Podemos afirmar que quase a METADE dos Belo Horizontinos NÃO QUEREM O PSDB lá na capital. Ou seja, a partir de agora a capital e todo o estado vai mostrar uma oposição ao PSDB e oferecer cada vez mais força ao PT. Minas merece ter uma oposição a este governo de mais de uma década do PSDB. E como esta oposição está cada vez mais forte, pois posso falar que na minha região veio Aécio e Anastasia e mesmo assim só deu PT na maioria das cidades da minha região aqui da zona da Mata. Temos que continuar com estas manifestações na cidade administrativa pois essas manifestações contra o governo estadual ajudaram bastante nestes 40% de votos do PT. E força na luta.

    Lobo Guará Zona da Mata

    ResponderExcluir
  10. Sei que não tem nada haver o que vou perguntar aqui, mas gostaria de saber se o bônus que os professores do estado recebem todos anos vai ter esse ano? E quando seria esse pagamento? Obrigada pela atenção.

    ResponderExcluir
  11. Eu também estou preocupada com este prêmio .Dizem ser este ano.Li em algum blog de policial.Parece ser do Cabo Júlio.Se é ainda este ano, então pode ser até dezembro.Se isso acontecer, penso ser em Novembro(mês que vem) por causa do décimo terceiro a ser pago em dezembro.Ele não vai querer nos pagar tudo junto:Décimo terceiro e pr~emio por produtividade.O que sobrou?? O mês de Novembro então.Temos que fazer promessas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ué, e o choque de gestão? E o déficit zero? E todas as MENTIRAS ditas por este cara de pau mandado? Minas Gerais é mt rica... De políticos sanguessugas, oportunistas e sem compromisso com o povo... Mas uma coisa é certa: temos em MG um pequenino ditador. Axé, meu Rei. Até 2014.

      Excluir
  12. Acontece neste momento reunião do Cones. Governo do Estado anuncia que não haverá nenhum reajuste na data base do funcionalismo. Anunciou também que em 2013 a situação será pior. O prêmio por produtividade, anunciado a pedido do Governador pela Secretaria de Estado de Planejamento, será pago somente no primeiro trimestre de 2013. (notícia retirata do blog da Beatriz Cerqueira)

    ResponderExcluir
  13. Segundo informações que tive,o prêmio de produtividade será pago em janeiro de 2013 e parcelado.Alguém mais confirma essa informação?

    ResponderExcluir
  14. Colegas da lei 100, olha o que encontrei no blog da Beatriz vou colocar aqui. Fiquei sabendo que mais de 80% dos efetivados passaram no concurso, quem passou independente de mudar de escola ou de cidade, não troque jamais uma situação garantida por outra que não tem garantia nenhuma, olha o que a própria Seplag afirma:
    "Prezado colega anônimo, efetivo e efetivado não correspondem ao mesmo vinculo. Em recente reunião com o governo, a própria Seplag afirmou que o "efetivado não é detentor de estabilidade". O Ministério Publico de Minas Gerais ajuizou ação civil publica questionando a Lei Complementar 100/07, mas não há decisão definitiva ainda.
    Espero ter esclarecido.
    atenciosamente,
    Beatriz"

    ResponderExcluir
  15. Hoje fiquei sabendo que o governo através das superintendência ira chamar a gente para negociar, quem está na lei 100 vai receber como um funcionário da rede privada quando é demitido, receberemos um acerto por esses cinco anos trabalhados, se ele fizer isso acho que sua popularidade vai crescer muito, talvez seja esse o objetivo. Que só depois que resolver nossa situação vai homologar o concurso.
    Por favor se alguém sabe alguma coisa sobre essa situação divulgue aqui no blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se vai acertar contas com vocês da lei 100 quer dizer que vai mandar vocês embora. Até porque esta lei não tem base em nenhum artigo dentro da legislação brasileira. Por isso digo que esta lei 100 nem deveria ter existido.

      Excluir
  16. Retirado do blog de Fernando Rodrigues ( UOL )

    11/10/2012 - 8:33
    Aécio perde força em centros urbanos

    Fernando Rodrigues

    Principal nome do PSDB para 2014, tucano está quase isolado em Belo Horizonte

    Dados como vitoriosos em MG, Aécio e PSDB tiveram agora presença reduzida em cidades relevantes

    Estatísticas do primeiro turno das eleições municipais de 7.out.2012 mostram que foi fraco o desempenho do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e do seu partido em solo mineiro.

    Em 2008, o PSDB e seus aliados venceram as disputas pelas prefeituras de 4 das 10 maiores cidades de Minas Gerais. Agora, aecistas levaram só a capital do Estado e Betim.

    Além disso, informa Fabiano Angélico em artigo especial para o Blog, aecistas e PSDB estão fora das disputas de 2º turno em Minas Gerais. Eis a análise:

    Tido como grande vitorioso, Aécio Neves perdeu força nas maiores cidades mineiras

    Por Fabiano Angélico, pesquisador da FGV-SP

    Logo após a divulgação dos resultados das eleições de domingo passado, comentaristas apontaram o senador Aécio Neves (PSDB), ex-governador de Minas Gerais, como um dos grandes vitoriosos.

    É verdade que Aécio conseguiu reeleger seu candidato em Belo Horizonte sem a necessidade de segundo turno e contra um ex-ministro de Lula, Patrus Ananias (PT), que teve apoio de Dilma Rousseff. Mas a leitura de que houve um grande triunfo de Aécio Neves parece ter sido apressada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Publicado em 09/10/2012 Conversa afiada
      Quem disse que o
      Aécio ganhou em Minas ?
      Das cidades mineiras com mais de 200 mil eleitores, o Aécio só ganhou em Betim; em municípios com mais de 100 mil eleitores e menos de 200 mil, o candidato do PSDB não foi lá das pernas.

      Excluir
  17. Beatriz Cerqueira.
    há 3 horas
    Acontece neste momento reunião do Cones. Governo do Estado anuncia que não haverá nenhum reajuste na data base do funcionalismo. Anunciou também que em 2013 a situação será pior. O prêmio por produtividade, anunciado a pedido do Governador pela Secretaria de Estado de Planejamento, será pago somente no primeiro trimestre de 2013.

    ResponderExcluir
  18. AMIGO EULER

    E O NOSSO PRÊMIO DE PRODUTIVIDADE 2012, ONDE ESTÁ?

    ResponderExcluir
  19. Temos que fazer um movimento pela apuração do mensalão mineiro que tem até assassinato envolvido.O julgamento tem que ser tão rígido com foi o do PT.Não deixemos prescrever.

    ResponderExcluir
  20. Governo anuncia que somente pagará prêmio de produtividade somente no primeiro trimestre de 2013 e também que o funcionalismo público não terá nenhum reajuste.Meu DEUS quanta motivação para voltarmos p/ o trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Chefe do PSEUDOS POLÍTICOS DE MINAS, conhecido também como PSDB, está indignado, afinal seu partido só se vangloriou na capital, onde se esperava que o POVO era mais esperto, mais sábio, mas já vimos que os bobos estão é na capital, porque os caipiras do interior mostraram que não é à toa que o Brasil está crescendo, via interior, na política mandou essa turma calhorda do PSDB para o espaço para não falar outra coisa, e aí, certamente, o representante deles deve estar abrindo o outro SACO DE MALDADE que estava guardado desde o ano passado para lançar mão neste ano, caso precisasse, agora, certamente vai lançar até 2014, pois não ganhará nem para ser porteiro do prédio dele. E aí, vai nos detonando até lá. Prêmio só em 2013. Licença médica, agora só de 5 dias, se tirar mais do que isso tem que ir à perícia e por aí vai as maldades que ele está lançando fora do saco.

      Excluir
    2. E aí está comprovada a PERVERSIDADE deste elemento. Ainda há pessoas que o julgam "inteligente". MENTIRA, PERVERSIDADE, ARROGÂNCIA E PREPOTÊNCIA não são aributos da inteligência. Falta muito para 2014? Qual "invenção" este ..... ainda tem para tirar do cerébro doentio? AFF!

      Excluir
  21. O resultado das eleições de MG com a vitória do PSDB já traz resultados negativos para o servidor.
    Marly Gribel | quinta-feira, 11 de outubro de 2012
    O resultado das eleições em Minas Gerais com a vitória do PSDB nas maioria das cidades, incluindo aí a capital, já trás seus danos materiais para o servidor de Minas. O sindicato que nos "representa" reinicia suas reuniões com o governo e obtém resultados iniciais desastrosos que transcrevo abaixo e que foram retirados do blog da coordenadora tanto do sindicato( sindute) quanto da CUT, a saber Beatriz Cerqueira
    É relevante destacar que no fogaréu do "Mensalão"a dita coordenadora não se manifestou em nenhum momento a favor ou contra absolutamente nada. Ela adota uma atitude imparcial, neutra - e isto ocorreu também no pleito eleitoral, ocasião em que a mesma recomendou também em seu blog que os educadores não votassem em candidatos inimigos da Educação, num discurso morno que ajudava qualquer legenda; momento este em que o PT na capital necessitava pontualmente de discursos vorazes .
    Infelizmente a categoria da Educação em MG não têm quadros políticos para fazer frente nem a esta direção e nem a coisa alguma. A categoria está se desmanchando porque o PSDB faz um governo de destruição/desmonte muito eficaz.
    Várias pessoas de outros estados tem acompanhado o meu blog e várias estados da federação ainda estarão disputando o pleito no segundo turno, inclusive São Paulo e, segue aqui um alerta: PSDB, DEM são partidos que tem que entrar em extinção , do contrário, terão que engolir como nós este Boletim que segue abaixo:
    Primeiras informações da reunião do Cones
    Acontece neste momento reunião do Cones (Comitê de Negociação Sindical). Participam representantes do Governo do Estado e do funcionalismo.
    A reunião foi confirmada de um dia para o outro e ainda sofreu mudança de horário.
    O Governo do Estado, representado pela Secretária de Estado de Planejamento e Gestão Renata Villena e Secretário da Fazenda Leonardo Colombini, anunciou que não haverá nenhum reajuste na data base do funcionalismo. Anunciou também que em 2013 a situação será pior.
    O prêmio por produtividade será pago somente no primeiro trimestre de 2013, sem data definida
    Postado por Beatriz Cerqueira às 10:27
    Reações:

    ResponderExcluir
  22. Nós precisamos urgente fazer uma grande greve.Greve que ficará na história como a maior e mais forte de todas.Vamos mostrar a este governador insano que ele está acabando com tudo.Mas pensando bem , até fico pensando seriamente.Este país não tem jeito.Acho melhor sair daqui.Quem puder fazer isso que façam porque é vergonhoso ser brasileiro.Vejo somente notícias de corrupção, não só do Pt mas todos os partidos fazem isso ou talvez pior.Brasil , que pena, acabaram com você.

    ResponderExcluir
  23. QUINTA-FEIRA, 11 DE OUTUBRO DE 2012

    Governo de Minas destina R$ 1,7 bilhão para reajustes salariais e benefícios para servidores em 2012
    O Governo de Minas destina em 2012 R$ 1,74 bilhão para despesas com pessoal, somando o que foi efetivamente gasto até setembro e a previsão de desembolso até dezembro. Este total é 119,6% maior do que o valor previsto na lei que instituiu a política remuneratória dos servidores públicos estadual (Lei 19.973/2011), calculado em R$ 794,2 milhões. Ou seja: mais do que o dobro da previsão.

    A informação foi repassada pelos secretários de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, e da Fazenda, Leonardo Colombini, a líderes das principais entidades representativas das diversas categorias do funcionalismo estadual, durante reunião do Comitê de Negociação Salarial (Cones) realizada nesta quinta-feira (11), na Cidade Administrativa.

    Na mesma reunião, os secretários anunciaram que o pagamento do décimo-terceiro salário estará disponibilizado nas contas de todos os servidores estaduais no dia 15 de dezembro. Já o prêmio por produtividade será pago no primeiro trimestre de 2013, em data ainda a ser definida.

    O volume de R$ 1,7 bilhão que o Governo de Minas desembolsará até o final de 2012, dentro da política remuneratória do Estado, está sendo aplicado na concessão de reajustes e de diversos outros benefícios concedidos aos servidores estaduais.

    Em abril de 2012, por exemplo, o Governo do Estado concedeu 5% de reajuste para os servidores estaduais, a título de antecipação da política remuneratória. O aumento salarial alcançou todas as carreiras do Poder Executivo, à exceção daquelas que tiveram reajustes específicos com vigência neste ano.

    Apenas os reajustes de caráter geral concedidos ao funcionalismo implicaram em um acréscimo de R$ 366 milhões à folha de pagamento do Estado em 2012, contemplando mais de 450 mil servidores ativos e inativos. Outros R$ 24 milhões foram destinados para a garantia de vencimento básico não inferior ao salário mínimo vigente.

    Cerca de R$ 645 milhões dos recursos foram destinados ao pagamento dos instrumentos de política remuneratória definidos na lei, que congregam a concessão de progressões e promoções pela regra geral, promoções por escolaridade adicional nas carreiras, o pagamento de gratificações vinculadas ao cargo efetivo, a concessão de adicionais de desempenho e por tempo de serviço, bem como o pagamento de abonos eventuais.

    Todos esses benefícios constituem mecanismos da política remuneratória do Estado, previstos no art. 6º da Lei nº 19.973/2011. Esta lei, cujo teor foi acertado no âmbito do Comitê de Negociação Salarial (Cones), estabelece as diretrizes e parâmetros para a política remuneratória dos servidores públicos estaduais da administração direta, das autarquias e das fundações vinculadas ao Poder Executivo, bem como de servidores militares.

    “O objetivo primordial da lei que instituiu a política remuneratória é estabelecer uma política de valorização dos servidores estaduais, conjugada com um adequado planejamento para as despesas de pessoal e com a responsabilidade fiscal que deve nortear as ações dos entes públicos”, afirma a secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena.

    Diversas categorias tiveram reajustes específicos

    Um dos fatores que mais levou ao crescimento das despesas com pessoal em 2012 no executivo estadual foram os reajustes específicos concedidos pelo Governo de Minas a diversas categorias, que tiveram um impacto total de R$ 705,98 milhões na folha de pagamento.

    Diversas carreiras foram contempladas com mecanismos específicos da política remuneratória, como educação básica, saúde e meio ambiente, dentre outras. Os reajustes e benefícios aprovados para essas categorias, com vigência em 2012, possibilitaram que aproximadamente 80% dos servidores do Poder Executivo estadual tivessem reajustes muito superiores aos 5% de reajuste geral concedidos em abril pelo Governo do Estado.

    ResponderExcluir
  24. O Governo do Estado desembolsou, por exemplo, cerca de R$ 569 milhões para adequar os vencimentos de 308 000 servidores ao modelo unificado de remuneração da Educação. Nesta contabilidade não está incluído o reajuste geral de 5% concedido a 383 mil servidores da Pasta, que implicou em um acréscimo de R$ 260 milhões na folha de pagamentos.

    A implementação do modelo unificado de remuneração da educação proporcionou reajuste de no mínimo 30% na remuneração para 96% dos professores, em comparação com os valores percebidos em dezembro de 2010. Além disso, permitiu o reconhecimento do tempo de serviço, preservou o valor da soma das vantagens adquiridas pelo servidor.

    Despesas com pessoal supera variação da inflação e da receita tributária

    Nos últimos cinco anos, de 2007 a 2012, a despesa bruta com pessoal do poder executivo estadual apresenta um crescimento acumulado de aproximadamente 86,73%. No mesmo período, a variação da receita tributária do Estado será de aproximadamente 69,41%.

    Os dados relativos à variação da receita tributária e da despesa de pessoal bruta no período de outubro a dezembro de 2012 considera projeções feitas, respectivamente, pela Superintendência Central de Administração Financeira e pela Diretoria Central de Gestão Fiscal, ambas da Seplag.

    O crescimento da despesa com pessoal também supera a inflação acumulada no período de janeiro de 2007 a agosto 2012, medida pelo INPC (IBGE), que foi de 36,22%.

    Ainda a título de comparação, os reajustes recentemente concedidos pelo Governo Federal aos seus servidores entrarão em vigor apenas em 2013 e serão escalonados em 3 anos, sendo 5% em 2013, 5% em 2014 e 5% em 2015.
    continuação..
    “Estes dados demonstram, de forma inequívoca, que nos últimos anos o Governo de Minas tem investido efetivamente na valorização dos servidores estaduais”, conclui a secretária de Estado de Planejamento e Gestão de Minas Gerais, Renata Vilhena.
    Renata Vilhena às 13:56

    ResponderExcluir
  25. Essa Renatinha faz contas,contas e mais contas,mas o nosso contra-cheque continua o mesmo só muda a data do mes e ano.Assim fica fácil as contas que ela faz.Manda ela pegar os contra-cheques de janeiro a dezembro de algum professor e colocar na Veja ou na REde Globo e publicar,quero ver se nas contas dela teve algum investimento.Mentira tem perna curta.Até quando ela sugurará essa FARSA? Sò Deus sabe.Amém.

    ResponderExcluir
  26. TEMOS QUE NOS ORGANIZAR PARA UMA GREVE COM URGENCIA.

    ResponderExcluir
  27. CADÊ O MENSALÃO DO PSDB?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está aqui: "Tucanos são encontrados presos em viveiro no Norte de Minas". kakakaka

      Excluir
  28. Para nós não faz difereçan de reajuste do piso.Que piso? Que reajuste, se nem piso nem nada recebemos. Que vergonha Nacional, a REnatinha comparar reajuste dos professores da Federal com as merrecas que ela paga os pobres coitados dos professores Mineiros, é muita cara de PAU.

    ResponderExcluir
  29. Para nós não faz difereçan de reajuste do piso.Que piso? Que reajuste, se nem piso nem nada recebemos. Que vergonha Nacional, a REnatinha comparar reajuste dos professores da Federal com as merrecas que ela paga os pobres coitados dos professores Mineiros, é muita cara de PAU.

    ResponderExcluir
  30. Obrigada senhor governador pelo presente do dia do professor:prêmio de produtividade no próximo ano. Greve já; o que estamos esperando?Operação tartaruga, gente...

    ResponderExcluir
  31. Esse governador ´e um Satanás de saias.Vaza satanás.

    ResponderExcluir
  32. PIIP jamais ;cadê o prêmio de produtividade?

    ResponderExcluir

  33. Essa guangue PSDBISTA tem que amargar de agora até 2014 no FOGO DO INFERNO, começando pelo Serra em São Paulo que será massacrado e terá carreira política extinta para sempre, amém. Por aqui, temos que fazer o mesmo, extinguir esses tucanos no ninho, deixá-los sem asas para não alçarem mais voos. aniquilá-los, também, para sempre, amém! Agora, só esperamos que os moradores das grandes cidades saibam fazer o dever de casa até 2014 direitinho, porque quem está ensinando, pelo jeito, é o povo forte, destemido, caladinho e espertinho, "mineirim" do interior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ÚNICA VANTAGEM DO SERRA É QUE ELE É MUITO FOTOGÊNICO! QUE OLHAR MAIS CATIVANTE! SAMBARILOVE,Ô DEMO!

      Excluir
  34. Servidores do governo vão receber o 13º salário 10 dias antes do Natal O anúncio foi feito nessa quinta-feira pelos secretários de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, e da Fazenda, Leonardo Colombini

    Juliana Cipriani -

    Publicação: 12/10/2012 06:00 Atualização: 12/10/2012 07:12
    Os cerca de 530 mil servidores do governo de Minas Gerais vão receber o 13º salário em 15 de dezembro, quatro dias antes do pago no ano passado. O anúncio foi feito ontem pelos secretários de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, e da Fazenda, Leonardo Colombini, a líderes dos sindicatos que representam as diversas categorias do funcionalismo mineiro. Na mesma reunião, o Estado informou que o prêmio por produtividade pelas metas cumpridas no ano passado será pago no primeiro trimestre de 2013, ainda sem dia definido.

    O benefício natalino custará aos cofres estaduais cerca de R$ 1,8 bilhão e será pago integralmente. Os servidores receberão o abono por produtividade até março do ano que vem, em data a ser fixada pelo governo. De acordo com a Secretaria de Planejamento e Gestão, o estado ainda não apurou o número de funcionários que vão receber o extra e qual será o impacto financeiro na folha. Esse prêmio será pelas metas de 2011. Em 30 de janeiro e 28 de fevereiro deste ano, o governo pagou os valores relativos à produtividade apurada em 2010. Na ocasião, foram repassados aos servidores R$ 250.190.556,00.

    Na reunião com o Comitê de Negociação Salarial (Cones), os sindicatos também foram informados de que o estado não vai conceder reajuste em outubro, data base do funcionalismo. A alegação é de que o aumento foi antecipado para abril deste ano, quando o estado concedeu “a título de antecipação da política remuneratória” 5% a todas as carreiras de servidores, menos as que obtiveram reajustes específicos com vigência neste ano, o que custou R$ 1,7 bilhão.

    O governo mineiro fez um balanço dos valores pagos aos servidores. De acordo com a Seplag, os reajustes em caráter geral, que atingiram 450 mil servidores ativos e inativos, representaram um impacto de R$ 366 milhões na folha de pagamento. Para adequar os vencimentos básicos, não permitindo que se pague menos que o salário mínimo vigente, foram gastos R$ 24 milhões. Ainda de acordo com o estado, R$ 645 milhões foram pagos para benefícios do plano de carreira como gratificações, progressões e promoções.

    Insatisfação O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde em Minas Gerais (Sindsaúde), Renato Barros, afirmou que pagar o 13º em dia não é mais do que obrigação do governo. O sindicalista saiu do encontro insatisfeito com a notícia de que não vai haver revisão salarial este mês, o que classificou de “maldade” do governo. Barros adiantou que o Sindsaúde faz uma assembleia na sede do Legislativo mineiro no dia 17 para avaliar o posicionamento que vão tomar diante da negativa de reajuste.

    Segundo o balanço do estado, de 2007 a 2012, a despesa bruta com pessoal do Executivo teve um crescimento acumulado de 86,73%, quando a receita tributária estadual aumentou 69,41%. O governo informa que a evolução dos gastos com o funcionalismo foi superior à inflação acumulada no período. “Estes dados demonstram, de forma inequívoca, que nos últimos anos o governo de Minas tem investido efetivamente na valorização dos servidores estaduais”, afirma a secretária de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena.

    Disponível em: http://www.uai.com.br/ Acessado em 12 de outubro de 2012.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Essa Secretária Vilhena é outra MARIA- MENTIROSA-PINÓQUI0 vive arranjando argumentos mentirosos para proteger a cara de pau de seu chefe!

      Excluir
  35. CADÊ O MENSALÃO DO PSDB?ESTAMOS ESPERANDO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eduardo Azeredo ficará ileso nessa?

      Excluir
    2. Existe um movimento na internet pelo site www.peticaopublica.com.br que convida a participarmos de um abaixo-assinado pedindo a urgente apreciação do mensalão tucano pelo STF, onde o processo está vegetando, debaixo de alguma obesa protuberância excelentíssima... Encontrei pelo site aecionevesnao, também, é só procurar por algum site de busca. Fica a sugestão, se conseguuirmos um número expressivo de cidadãos, faremos alguma pressão no Judiciário. Vale lembrar que, mesmo com alguns políticos se vangloriando de terem criado a lei da ficha limpa, a mesma partiu de petição pública, foi iniciativa popular, conforme previsto na Constituição Federal. Não desanimemos, façamos algo para mudar a situação, pois internamente não mudará, é preciso pressão externa. Abraço
      MArcelo

      Excluir
  36. é e nosso (meu não) sindinutil??? ficou satisfeito?? Não se manifestou???Não tem nenhuma ação planejada ou irá ainda planejar?/´Nós precisamos de motivação e assim não teremos mais nada.Vou fazer de conta que trabalho senão fico louca ou tenho um derrame de tanta raiva.Ele sabe que estamos muito doentes e desanimados e não faz nada , nenhuma gracinha para nos devolver o ânimo aliás só nos empurra para o abismo.Cada dia mais esse 3x8 traumatizado, rejeitado, problemático, nos deixa mais desanimados e entristecidos.O que fazer??? Fingir que trabalhamos ou ficamos doentes sem direito a licença porque aqueles cúmplices do capeta no DAG questiona todo atestado de saúde.Vai tudo pagar tim tim por tim tim.Essa é a lei e a física explica muito bem essa lei.Quem não tiver cuidado adoece.

    ResponderExcluir
  37. sindute, faça alguma coisa... não podemos engolir tudo calados; vamos agir, gente; união....

    ResponderExcluir
  38. VOU APROVA TODOS OS ALUNOS

    ResponderExcluir
  39. Décimo terceiro integral no dia 15 de dezembro, segundo notícias no MGTV de hoje.

    ResponderExcluir
  40. ele está desconrolado gente.................

    ResponderExcluir
  41. O tempo está passando e nós na maesmice.Me sinto derrotada pelo faraó.Já passaram mais de anoe nada daquilo que lutamos foi concretizado.Meu Deus um sujeito governar atropelando nos direitos do cidadão e ficar por isto mesmo?Alguem tem idéias para bloquear esse maldito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isto é sinal de desrespeito flagrante à CARTA MAGNA do Brasil, ou seja, TOTALITARISMO, DITADURA.

      Se a população não faz nada é porque o nível de instrução é baixíssimo.

      Excluir
  42. Já estou no "piloto automático" há tempos...

    ResponderExcluir
  43. Pessoal, o primeiro passo do faraó é "queimar o filme" do Serra, que vai levar um "pau" do Hadad em S.P. Mas ele, aecim, não resiste mais dois anos. Logo, sua máscara vai cair.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "...Logo, sua máscara vai cair". Olhe colega, a máscara deste almofadinha já caiu faz tempo. Ele sabe que não está com tda esta bola. Óleo de peroba para ele é pouco... Político fabricado não reina eternamente. Ele é traíra e respaldado por traíras. Minas precisa urgente de uma gde desinfecção.

      Excluir
  44. Eu, particularmente, confio na capacidade da nossa presidente Dilma,para sepultar as pretensões deste arremedo de candidato a candidato. O que ele "fez"em Minas, se Deus quiser, nao fará no Brasil.

    ResponderExcluir
  45. Em Cataguases, o candidato deste senhor que "está" governador, levou um (como dizia o saudoso Brizola) "rotundo" ferro.

    ResponderExcluir
  46. Ás vezes leio comentários aqui no blog do nosso brioso Euler de pessoas completamente desanimadas. Gente, não há mal que sempre dure...é o ditado mais certo. Vamos ter fé.

    ResponderExcluir
  47. GENTE, VAMOS CANTAR....

    ONDE ESTÁ O DINHEIRO? GATO COMEU....

    ESTADO QUEBRADO AÉTICO GASTOU

    ResponderExcluir
  48. Realmente não adiantou nada mesmo: PSDB, ganhou a Prefeitura de BH e aí? Sim, PSDB, porque foi só Aécinho assumir o apoio ao sr.pisca pisca e pronto, a Prefeitura estava no papo. Pergunto, vai chegar 2014 e o povo vai reeleger a Anastácia? Sim, porque temos memória curta: passamos esses quatro anos com UPAS lotadas, Posto de saúde sem remédio, hospitais sem vagas, e daí, "elegemos" o pisca pisca de novo.

    ResponderExcluir
  49. Criticamos o PSDB pelo fato do governo estadual ser do PSDB, estariam criticando o PT se o Estado fosse governado pelo PT.O que o Lula fez mesmo para os professores em 8 anos de governo? lei do piso cheia de brechas e defeitos que não resolveu o problema dos professores de nenhum Estado.Se a lei do piso fosse boa estabeleceria pelo menos 4 salários para nível médio, 5 salários para nível superior,e pelo menos 6 para pós,de 7 para mestrado e 8 para doutorado na jornada de 40 horas e pelo menos 50% de valorização salarial ao longo da carreira, além de jornada de no máximo 60% em sala.A diferença do PT para o PSDB é o discurso assistencialista de um e progressista do outro.

    ResponderExcluir
  50. Olá, pessoal da luta!

    Espero que estejam curtindo o breve recesso de outubro, pelo menos com o descanso na companhia dos amigos e familiares. Claro que o descanso é marcado por notícias não muito agradáveis, como a de que não haverá reajuste salarial em Minas. Oh, Minas!

    A impressão que se tem é que o estado de Minas está realmente quebrado: não pode conceder reajuste salarial, nem mesmo pagar o prêmio por produtividade. O prêmio agora virou uma ajuda de custo parcelada para o ano seguinte. Em breve este governo descobrirá uma fórmula de pagar o prêmio de dois em dois ou de três em três anos, apenas, e para um percentual x de servidores. Não duvidem!

    Esta realidade coloca na mesa a necessidade de discutirmos, entre as alternativas de luta dos educadores, a federalização da folha de pagamento dos profissionais da Educação. A imprensa tem divulgado que um percentual muito grande de municípios não conseguirá sequer pagar o 13° salário este ano. Ora, como é que estados e municípios quebrados poderão implementar uma política séria, nacional, de valorização dos educadores?

    Por isso considero que está passando da hora da União assumir a Educação, pelo menos a folha de pagamento, pois a tendência é que os estados e municípios cada vez mais se tornem sem condições de bancar a estrutura da Educação, que é a que exige maiores e crescentes investimentos.

    E mesmo que haja um aporte extra de recursos para estados como Minas Gerais - por exemplo, com uma possível cobrança de royalties pelo minério - isso não significa que haverá melhoria para os educadores. Como se tem verificado por parte do governo do faraó e seu afilhado, a Educação não é prioridade e os profissionais desta área são (somos) a grande vítima de sistemáticas políticas de confisco salarial e de direitos.

    Logo, só a federalização poderá criar uma política nacional decente para os profissionais da Educação. Mas até que isso aconteça teremos mesmo que lutar regionalmente para reconquistar nossos direitos sonegados.

    Um forte abraço a todos e força na luta!

    P.S.: não considero que o PSDB tenha vencido as eleições em Minas. Das dez maiores cidades do estado, os tucanos só ganharam em Betim. Em BH venceram com a ajuda de outro partido, num processo onde o PT foi o maior responsável pela sua própria derrota. O PT derrotou o PT. E em números absolutos, o PT teve mais votos do que o PSDB (acho que 800 mil votos a mais) no estado de Minas. Ou seja: o faraó perdeu as eleições em Minas, apesar de toda a propaganda.

    Euler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uai, eles não vivem divulgando que Minas tem um déficit zero e que Minas tem a melhor educação do mundo e que Minas atrai investimentos e que arrecada muito e etc, e etc...Já que eles fizeram de Minas um paraíso eles devem então agora conceder aos funcionários grandes aumentos e depois fazer a grande propaganda como de costume, kkk. Eu acho que eles estão fazendo isso de pirraça pois já sabem que perderam feio estas eleições apesar de tanto dinheiro gasto em propagandas...(o número de prefeituras nas mãos do PT aumentou bastante). Eles já perceberam que a propaganda enganosa deles já não faz mais o mesmo efeito e que a população já enjoou deles e quer mudança. E quanto mais o governador usar de atitudes arrogantes como essa de não conceder reajustes e atrasar o prêmio por produtividade ele faz mais propaganda para o PT, kkk e isso é muito mas muito bom viu. Será que o governo vai pagar pra fazer propaganda em todos os jornais mais lidos do país que não vai conceder reajustes para os servidores e que vai pagar o prêmio por produtividade apenas no 1° trimestre de 2013? O governo com certeza não fará esta propaganda mas o sindute poderia aproveitar esta grande oportunidade que o governo está dando e publicar esta notícia em todos os jornais mais lidos pelo menos aqui em Minas pra fazer bastante raiva no governo. É, porque quando é notícia favorável a eles eles divulgam aos quatro cantos mas quando é notícia que os reduz e os menospreza eles ficam calados. Mas o sindute precisa publicar essa "boa notícia" nos jornais, tenho certeza que Anastasia vai adorar kkk....

      Lobo Guará Zona da Mata(cheia de prefeitos eleitos do PT)

      Excluir
    2. ‹ 2008 • Flag of Brazil.svg • 2016 ›
      Eleições municipais de 2012 (1° turno)
      Prefeituras e câmaras municipais de todos os 5.568 municípios do Brasil











      7 de outubro de 2012
      Demografia eleitoral
      Votantes : 115,7 milhões

      83.59% Red Arrow Down.svg 2.2%

      PMDB
      lugares obtidos: 1.025 Red Arrow Down.svg 14.1%
      PT star real version.svg
      PT
      lugares obtidos: 628 Green Arrow Up.svg 14.2%
      Blue flag waving.svg
      PSDB
      lugares obtidos: 693 Red Arrow Down.svg 11.9%

      Excluir

    3. Lobo Guará, esse governo maquiavélico está mais enrolado do que rolo de papel higiênico, das duas uma, ou o Estado está quebradão mesmo ou ele está tirando dos Servidores mineiros seus direitos para viabilizar outros projetos políticos em algumas partes do Estado para conseguir votos para o seu padrinho Aécio em 2014,mas se o Estado estiver quebradão, aí o sujeito vai arder na caldeira do inferno, porque ele já criou certas expectativas nas populações de algumas regiões do Estado com certas promessas, o povo dessas regiões está aguardando de 2012 a 2014,porque este é o período demarcado por ele e os que querem levar vantagem também no tal projeto, tudo com intuito de levar o padrinho, nos braço,s para o Palácio do Planalto, e ele, que não é bobo nada, mamar em algum Ministério. Mas, se o Estado estiver falido kkkkk, aí seu projeto não sairá do papel vai pela Serra do Curral e o povo dessas regiões vai se aborrecer e muito porque a expectativa está a níveis elevados, assim como diz a moçada, ele vai se ferrar, e eu completo, rotundamente!
      Aguardemos, aguardemos no que vai dar.

      Excluir
    4. http://www.portugaldigital.com.br/politica/ver/20072370-pmdb-e-o-partido-que-mais-elege-em-quatro-das-cinco-regioes-do-brasil
      com esse nível de argumentação Euler n´s vamos acabar tendo um golpe de estado no País , já basTA O JUDICIARIO TENTANDO CRIAR UMA CONSPIRAÇÃO, pare de atacar o PT.

      Excluir
    5. Caro Anônimo das 18h58,

      onde foi que você viu um "ataque" ao PT no texto que publiquei? Disse que o PT venceu as eleições em Minas, derrotando os tucanos. Isso é ataque? Depois disse que em BH o PT derrotou o PT. Quem acompanha a história política de BH nos últimos anos sabe que essa é a realidade. Não adianta quererem colocar a culpa nos blogs, ou em professores. Os militantes históricos do PT sabem muito bem o que estou falando.

      Quanto ao judiciário, concordo com você que ele é golpista e faz o jogo dos tucanos. É pautado pela mídia tucana - e isso eu tenho denunciado aqui, frequentemente. Mas o PT tem sua culpa nisso também. Em 10 anos à frente do governo federal não foi capaz de desmontar esse monopólio da mídia, nem promover uma reforma política séria - e também uma reforma do judiciário. Isso não é um "ataque" ao PT, mas uma crítica de um cidadão comum. O dia em que não pudermos fazer as nossas críticas construtivas, fundamentadas, aí sim, estaremos vivendo uma ditadura.

      Um abraço.

      Euler

      Excluir
    6. Direito de resposta ou este blog também é Ditadura!
      Em quase todos os seus textos desde o ínicio das ELEIÇÕES, Você vem atacando o PT, se Belo Horizonte teve problemas com as alianças do PT no passado não significava que isso corrompia o PT , EU TAMBÉM ACHO QUE O pt EM minas tem problemas.No entanto , não achei sua atitude correta ao ficar remoendo nos seus textos essas alianças(passado é passado.)Quanto a M´´idia e o Judiciário o que você está propondo? que o PT praticasse o MENSALÃO? Você não acha que os TUCANOS já não fazem isso ai em MINAS !
      Você ataca o PT até na sua proposta de FEderalização da folha . E sabe porque seu objetivo é mais uma vez queimar o PT, pois isso demanda passar pelas duas casas SENADO E CÂMARA DOS DEPUTADOS. Ou você não sabe disso?Tá MAIS DO QUE PROVADO que esse congresso e senado vive de MESADA.
      Atenciosamente

      Excluir
    7. Caro Anônimo das 20h46:

      talvez você tenha conhecido o nosso blog somente agora, nas eleições. Minhas críticas ao PT e aos tucanos vêm de um tempo mais distante. Mas sei muito bem diferenciar os partidos, tanto assim que apoiei a Dilma para presidente. E não me arrependo.

      A minha diferença em relação a alguns (não todos) ativistas partidários é que tenho independência política e intelectual para criticar quem eu considero que mereça ser criticado. E ninguém vai pautar a minha pena, e dizer contra quem ou quando eu devo criticar ou elogiar. Guarde isso para aqueles que obedecem cegamente aos dogmas partidários. Não é o meu caso.

      Dizer que o PT em Minas tem "problemas", mas que isso é coisa do "passado" é uma forma muito simplista de analisar o contexto em que vivemos. Não é passado não, é presente. Quem foi que buscou uma aliança com os tucanos para eleger o atual prefeito em BH? Isso é passado? Pois sim! Mas, como pessoa de boa fé, considerei na minha análise em outro post que, apesar disso, o PT abriu caminho para superar seus equívocos nas eleições deste ano. O tempo dirá se vai conseguir.

      Quanto à minha proposta de federalização não é nova, e nem foi criada por mim. Já venho defendendo essa ideia há muito tempo - quem acompanha o blog sabe disso. O governo federal poderia muito bem apresentar uma proposta decente de federalização e convocar os educadores para apoiá-la. Se o congresso vai aprovar ou não tal proposta é outra história. Os próprios sindicatos não negociam esta proposta porque preferem manter os feudos sindicais divididos regionalmente.

      Quanto à mídia, o que eu estou propondo é que o PT tenha a coragem de provocar o debate sobre uma real democratização. Poderia começar com propostas simples, como a de ampliar a liberação de rádios comunitárias, até chegar ao questionamento mesmo do monopólio que algumas famílias exercem sobre a mídia. Até quando o país (e o próprio PT é a maior vítima disso) vai aguentar esse controle midiático da direita que provoca golpes e dita a pauta de governos, parlamentos e judiciários a serviço dos de cima?

      Um abraço,

      Euler

      Excluir


    8. Lemos certas discussões sem fundamento neste blog, vindo, infelizmente, de gente que se diz professor que certamente nos deixa muito preocupados, pois observando uma coisa ora outra, a dificuldade de entendimento de algumas pessoas diante do que ler é seriíssima. Leem alho e entendem bugalho. A preocupação maior é com o que estão fazendo dentro de sala com os alunos com essa leitura torta, mal feita, capacidade de comprensão zerada. Isso é grave! Por isso a necessidade de se valorizar a educação, porque ao contrário do que pensam alguns, ser professor é uma profissão que tem que requerer qualidade como qualquer outra, independende de que classe social saiu o indivíduo que queira ocupá-la, o que não pode, assim como em qualquer área, ter uns obtusos ocupando lugar de gente de excelência. E desejar gente capacitada e inteligente, não é querer que só os MILIONÁRIOS ocupem cargos neste país, muito pelo contrário, pobre é capaz e inteligente. E professor, principalmente, ter que saber LER e ESCREVER. Ser profissional da área da educação e não ter HABILIDADE nesses quesitos é desastroso, pois ninguém ensina o que não sabe, e aí? está ensinando o aluno o quê? ler como? interpretar como? Por aqui, escabrosamente, temos algumas respostas.

      Excluir

    9. Em 2000 o PSDB tinha 989 prefeituras e em 2012 tem 688. Veja o gráfico:

      http://vaccarezza.com.br/analise-do-vaccarezza-pt-e-aliados-obtem-os-melhores-resultados-nesta-eleicao/

      Excluir
  51. Somente um desabafo: Nas 3 últimas eleições para prefeito em Arapuá - MG, quem tem decidido o resultado são cerca de 800 eleitores dos municípios vizinhos, que são pagos para transferir seus títulos. A trama é feita pelo atual prefeito eleito Vilson Gontijo (PSDB). Os 1345 eleitores que votaram no seu adversário ficam indignados, pois a população do município é de 2775 habitantes,com um eleitorado de 3111 eleitores. E os menores de 16 anos? É justo ter o governo escolhido por pessoas que sugam os 4 anos? Definitivamente, não é a vontade do povo arapuense.
    Desculpe-me. O assunto nem caberia aqui,mas só através das redes sociais tais falcatruas se tornarão públicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João Paulo Ferreira de Assis13 de outubro de 2012 13:08

      Vocês de Arapuá têm de exigir que a Justiça Eleitoral faça um recadastramento. Aqui em Ressaquinha a Justiça mandou fazer um recadastramento.Muitos eleitores do Palmital dos Mateus, povoado que pertence ao município vizinho de Senhora dos Remédios tiveram os seus títulos cancelados, e foram obrigados a votar naquele município.

      Excluir
    2. Essa pouca vergonha acontece em muitos municípios, acho que a justiça eleitoral é que tinha que ser mais séria com as tais transferências.Muitos prefeitos e vereadores são eleitos nas condições citadas pelos anônimo de 13 de outubro de 2012 09:56.

      Excluir
  52. VAMOS MUDAR NOSSO FOCO

    Caros colegas professores,

    ao ler muitos dos comentários percebo que estamos perdendo o foco com o que é mais importante para nós, professores: a luta por uma educação de qualidade, por investimentos na educação e principalmente pela valorização do professor e unidade da classe. Levantar bandeira de partido político, qualquer que seja ele, não alterará em nada nossa história como educadores, professores públicos de Minas Gerais.

    De fato, nossa causa não pode e não será defendida por nenhum partido político, quer seja PSDB, PT, PMDB, "sei lá o que". Estas tralhas pertencem ao mesmo saco sujo, têm a mesma essência, tiram proveito do mesmo sistema politico corrupto, imoral e ilícito.

    Esperar que os destinos da educação brasileira mudarão com a vitória ou perda de algum partido político não passa de ilusão. Citei várias vezes aqui e cito novamente a situação de nossos colegas professores do Rio Grande do Sul, estado governado pelo PT. Naquele estado, a exemplo do que acontece com os professores estaduais em Minas Gerais, que são massacrados pelo governo do PSDB, os professores estaduais do Rio Grande do Sul são até mais massacrados pelo governador petista, sofrendo retaliações ainda maiores. Portanto, fica provado que a questão não é partidária, mas sim estrutural. O que está errado é o nosso sistema político e eleitoral, que precisa urgentemente de uma reforma. Ao invés de apoiar um ou outro candidato, um ou outro partido, deveríamos focar mais nossos descontentamentos contra o sistema politico e eleitoral brasileiro. Este sim é responsável por injustiças, corrupção, desigualdades, impunidade, ignorância, falta de investimento e políticas sociais, etc.

    Em quase três décadas de falsa democracia temos visto um rodízio de nomes e partidos, entretanto, o "status quo" permanece o mesmo. É muita ilusão, muita ingenuidade achar que uma suposta eleição de algum petista mude nossa situação. Será que não já apanhamos demais para entendermos isso?

    Se quisermos realmente sermos valorizados é preciso que não tenhamos o "rabo preso" com nenhum partido político, a exemplo do que acontece com o "sindinútil".

    Atenciosamente,

    Raimundo Santos
    Belo Horizonte - MG



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RAIMUNDO DE QUE FORMA VOCÊ QUER VENCER ESSA PARADA PELAS ARMAS?PORQUE VOCÊ NÃO ACREDITA NA POLITICA E NOS POLITICOS._ CONCLUSÃO VOCÊ ESTÁ PROPONDO A LUTA ARMARDA PORQUE VIA GREVE 112 DIAS DEUS MERDA,ENTÃO SÓ PODE SER PELAS ARMAS.

      Excluir
    2. Muito bem, grande PROF. RAIMUNDO!
      Você merece todo o nosso respeito.
      E ... não nos esqueçamos:
      Quando PATRUS foi PREFEITO em BH (eleito em 1992), houve greve dos nossos colegas da REDE MUNICIPAL. Confiram, por gentileza. Com o PSDB e outros "já mais do que partidos" nunca foi diferente ("pra variar").
      Meus queridos colegas professores, acordemos
      de uma vez por todas.

      Excluir
    3. Anônimo14 de outubro de 2012 01:56 ESSE ANÔNIMO ESQUECEU QUE QUANDO PATRUS FOI PREFEITO DE BELO HORIZONTE O SALÁRIO DA REDE MUNICIPAL ERA O DOBRO DO ESTADO.EU INCLUSIVE FIQUEI NA ÉPOCA CHOCADO COM AS ATITUDES DO PROFESSORADO DO MUNICIPIO , POIS MINEIRO PENSA ASSIM: SE O PT TÁ NO PODER TEM QUE PAGAR SALÁRIOS ALTISSIMOS .
      NO RUMO QUE VAI O PENSAMENTO MINEIRO É NORMAL O ANONIMATO DAS PESSOAS.

      Excluir
    4. Ao que consta, o PT nunca criou nenhuma lei LC100, apesar do Sindicato de professores de MG apoiá-la...Em tempo: discutir a LC100 tem tudo a ver com a preocupação de qualidade, habilitação, reivindicação e cobrança com relação a este governo que aí está, posto que muitos professores beneficiados com a lei não possuem e não se mexeram nestes anos todos para ter habilitação específica da área em que atuam. Querem vergonha maior que este concurso fajuto que foi mais um golpe do PSDB em MG? O sistema político é organizado por partidos políticos, por isso é importante se posicionar e apiar alguma corrente. Particularmente, aprecio o Anarquismo como política, apesar de saber que este só se dará quando a humanidade mudar radicalmente, adotando a respeitabilidade e renunciar a qualquer disputa ideológica, econômica ou social. Viva a utopia, que pode dar esperança a algo melhor. Vamos nos unir sim , mas adimitindo nossas diferenças e respeitando opiniões, sem perder a perspectiva de exigir maior profissionalismo e competência de nós mesmos, como classe de trabalhadores, sem demagogia e politicagem rasteira. Apoio as críticas do Euler, porque a independência de postura em relação a partidos seria fundamental para nosso fortalecimento, talvez eles nos respeitassem mais se soubessem que não nos dominam através da política sindical ou outro meio qualquer.
      Abraços
      MArcelo

      Excluir
  53. O governo tá com raiva porque perdeu a maioria das prefeituras para o PT e se continuar com atitudes arrogantes como essas de negar reajuste ao funcionalismo e atrasar prêmio por produtividade vai acabar fazendo mais propaganda pro PT. O povo do PT adora quando Anastasia sacrifica os servidores desse jeito porque quanto mais ele sacrifica servidores mais ele faz propaganda pro PT, e assim sem perceber o próprio PSDB se auto destrói se auto anula no cenário político. Quando eles vão chegar à conclusão que o maior investimento de um governo não são apenas obras( concreto e ferro ) mas o maior investimento é melhorar a vida das pessoas respeitando-as, valorizando-as e não com um constante choque de gestão que já dura mais de 10 anos nas costas do já sofrido funcionalismo público. E enquanto isso o PT vai colhendo os frutos desse choque de gestão com cada vez mais prefeituras em suas mãos.

    ResponderExcluir
  54. Eu vi na foto os representantes dos sindicatos reunidos e saindo com a cara de tacho depois de receberem a bomba que o faraó mandou.Nenhum aumento de salários, nada.O que o faraó pretende com isso? Sacanear o tempo todo? Foi pra isso que o faraó foi eleito? Para perseguição do funcionalismo? Por que será tanta indiferença? Dialogar e chegar a um acordo ele não faz, só manda recados desastrosos.Vamos usar os meios de comunicação e DETONAR este infeliz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi exatamente por isso que nestas eleições o PT ficou com o maior número de prefeituras. E quem é culpado disso é o próprio Anastasia e o PSDB com este choque de gestão às custas do funcionalismo. E quanto mais o governador faz estas arrogâncias mais o PT se populariza...

      Excluir
  55. Aqui em Montes Claros o SindUTE, deu uma grande contribuição para a derrota do candidato do Aécio/Anastasia. Agora tem que redobrar a Luta, pois a máquina municipal e a estadual estão se juntas. Pra eleger um candidato que sempre traiu a educação quando era deputado inclusive o Plano decenal que ele era o presidente da comissão. O Paulo Guedes sempre votou em defesa da Educação. Aproveitando o espaço neste dia 13. Peço a vocês ajude a nós e os companheiros da direção do Sindute a eleger o Paulo Guedes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Peça ajuda a Dilma e Lula, pois aqui em Ponte Nova Zona da Mata o candidato do PT colocou nos carros de som o ex-presidente Lula falando de seu apoio ao candidato do PT e realmente o candidato do PT se elegeu aqui em Ponte Nova. Tenho certeza que funcionará aí em Montes Claros também.

      Excluir
  56. Eu como professora aposentada repudio todo o trama e descaso com o nosso salário. Nota ZERO pra esse que se diz governador do Estado de Minas. Ficar 12 anos arrebentando com a gente, assim ninguem aguenta.Vamos derrubar este faraó começando pela publicação em jonais mais lidos o nosso contra-cheque.É preciso denunciar já que a justiça está do lado dele, quer dizer,comprada.

    ResponderExcluir
  57. 13/10/2012 - 03h30

    Encrenca educacional


    SÃO PAULO - Pesquisa da Faculdade de Educação da USP mostrou que quase metade dos alunos que ingressam nos cursos de licenciatura em física e matemática da universidade não estão dispostos a tornar-se professores. O detalhe inquietante é que licenciaturas foram criadas exatamente para formar docentes.

    A dificuldade é que, se os estudantes não querem virar professores, fica difícil conseguir bons profissionais e, sem eles, o sistema de ensino brasileiro seguirá colecionando fracassos.

    Embora exista muita polêmica sobre o que funciona ou não em educação, não há dúvida de que a qualidade do professor é fundamental. Trabalho de 2007 da consultoria McKinsey comparou sistemas de educação de todo o mundo e concluiu que o elemento de maior destaque nas redes de excelência era a capacidade de "escolher as melhores pessoas para se tornarem professores".

    Na Coreia do Sul, por exemplo, os futuros mestres são recrutados entre os 5% de alunos com notas mais altas no equivalente ao vestibular. Na Finlândia, os docentes são selecionados entre os "top ten". Por aqui, segundo levantamento de 2008 da Fundação Lemann, apenas 5% dos melhores alunos do ensino médio pensam em abraçar o magistério. Ser professor no Brasil se tornou a opção dos que não têm melhores opções.

    Resolver essa encrenca é o desafio. Salários são por certo uma parte importante do problema, mas outros elementos, como estabilidade na carreira e prestígio social, também influem. O tratamento quase reverencial que a sociedade coreana dispensa a seus mestres ajuda a explicar o sucesso educacional do país.

    Essas considerações tornam difícil a situação do Brasil, que precisa transitar de um modelo em que os piores alunos viram docentes para um que prime pela excelência. E, como o deficit de professores já é enorme (200 mil só na área de exatas), teremos de achar um jeito de trocar o pneu com o carro em movimento.


    Hélio Schwartsman é bacharel em filosofia, publicou "Aquilae Titicans - O Segredo de Avicena - Uma Aventura no Afeganistão" em 2001. Escreve na versão impressa da Página A2 às terças, quartas, sextas, sábados e domingos e às quintas no site.

    Folha de São Paulo 13 de outubro de 2012 - Caderno OPINIÃO

    ResponderExcluir
  58. Genteeee Vocês perceberam que o louco disse que vai pagar o 13º dia 15 de dezembro??/ Uai é sábado.Será que endoidou de vez mesmo???

    ResponderExcluir
  59. Não existe mal que dure para sempre.
    So uma observação quero fazer.Que o sindicato não representou diretamente o funcionalismo e nenhuma atitude tomada pelo governador e surpresa para os mesmo.

    ResponderExcluir
  60. Ja assinei a petição pública: mensalão do PSDB.Vamos todos assinar antes que haja prescrição

    ResponderExcluir
  61. EXCELENTE TEXTO DIREITISTA!

    Esse texto explica porque o governador paga ridiculamente pouco aos professores e que os mesmos deveriam receber salário mínimo ou menos.


    A pessoa que postou esse texto deve ser cabo eleitoral de algum partido político e se for professor deve trabalhar em duas escolas com salário de R$1.300,00 em cada escola complementado com o bônus de cabo eleitoral no valor de R$1.000,00 ou R$2.000,00 com possibilidade de gratificações por incentivar junto às turmas em que atua o descrédito dos professores com perfil voltado ao anarquismo ou de origem mais humilde que tenha argumentação contrária ao capitalismo. Coloco aqui desta maneira porque sou professor e nos meus longos anos de carreira já posso dizer com muita convicção que esse tipo de coisa acontece em escolas, principalmente fora dos grandes centros onde a comunidade seja mais conservadora e que o poder político atue com muita ênfase dentro das escolas como instrumento de pressão.

    Em relação ao texto digo que é muito conservador e direitista além de que traz escondido o preconceito, principalmente pelos mais humildes. Por que relato isso? Ora, o ensino no Brasil desde a década de 1980 vem se proletarizando sendo assim muitos dos professores de origem humilde puderam emergir no contexto social.

    ENTÃO O TEXTO SOA COMO UM ESCÁRNIO NA CATEGORIA DOS PROFESSORES.

    A argumentação direitista e que se diz criativa e inovadora é a de que a culpa do ensino no Brasil vai mal devido ao professor, pois o mesmo não preenche os requisitos para inovar e criar dentro de uma sala de aula além de que o mesmo é pedante e prolixo, isso num contexto geral da categoria. Esse tipo de argumentação joga por terra mesmo os professores aprovados em CONCURSO PÚBLICO, deixando-se a entender que CONCURSO PÚBLICO para a carreira de educação não vale nada. O(A) camarada foi aprovado(a) devido a sorte na feitura das provas, bem, essa forma de pensar está introjetada na argumentação de certos professores, então é uma maravilha para a burguesia que vai se valer também desses argumentos para desprestigiar o profissional, tanto é assim que em São Paulo os políticos direitistas criaram um sistema de avaliação constante do professor que o coloca na condição de aluno submetendo-o a mais processos avaliativos em intervalos de 1 ou 2 anos para que o mesmo possa se distinguir e merecer a tão almejada e criada PROMOÇÃO POR MERECIMENTO.

    ResponderExcluir
  62. CONTINUAÇÃO DA RESPOSTA AO TEXTO.

    A poderosa elite brasileira induz com seus comportamentos que se valem do reforço da mídia e da força policial como aparato para se chegar aos mais humildes mas é lógico que eles necessitam da população, mas não podem se igualar a eles, pois detém privilégios que os tornam superiores e diferenciados dos demais mortais. Então, dessa maneira se torna necessário argumentos que invalidem a categoria e possa prevalecer uma formação que prime pelo capital de acordo com contextos sociais que fujam da argumentação marxista-leninista da qual muitos professores oriundos de condições humildes carregam consigo, é preciso para a classe dirigente e com valores burgueses fazerem valer o seu estilo e modo de vida, então pra isso torna-se necessário contrariar uma concepção esquerdista e socialista para fazer prevalecer o pensamento direitista e capitalista.

    Pelo texto nota-se que não há a preocupação em se fazer com que os professores tenham melhores condições de trabalho incluindo-se aí o tempo de realização do mesmo, mas no entanto, leva-se à questão de culpabilização do professor frente ao fracasso da educação, porém, sutilmente e com muita habilidade a pessoa que escreveu o texto coloca que para se ter melhor rendimento no ensino deveria escolher os melhores - segundo a concepção do autor - só que escondida na sua argumentação OS MELHORES seriam oriundos das melhores famílias e AS MELHORES FAMÍLIAS seriam aquelas que trazem no seu bojo o MODUS VIVENDI dos valores e concepções burgueses, no caso, criaria aí o funil de acesso para aqueles que seriam oriundos de famílias humildes.

    É A VELHA ARGUMENTAÇÃO DIREITISTA REPLETA DOS CONCEITOS BURGUESES DE QUE SOMENTE OS MELHORES E PORTANTO RAROS, PREENCHEM OS REQUISITOS PARA SE QUALIFICAREM E ADAPTAREM, VALORIZANDO-SE AÍ O INDIVIDUALISMO E DIFERENCIAÇÃO QUE CABE A POUCOS PRIVILEGIADOS FINANCEIRAMENTE.

    TANTO É ASSIM QUE A ELITE POLÍTICA BRASILEIRA USOU ARGUMENTOS FALACIOSOS DE QUE O EX PRESIDENTE LULA NÃO DETINHA FORMAÇÃO SUPERIOR QUE O QUALIFICASSE PARA A DIREÇÃO DOS RUMOS DO PAÍS.

    Esse comentário do filósofo que escreve para o jornal Folha de São Paulo ao meu ver é deveras perigoso.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Calminha, calminha, com ideologias à parte, primeiro que quem postou este texto não nasceu direitista, não é direitista e nunca será direitista, logo só postou este texto para que todos tenham acesso à informação. Se o autor é direitista ou esquerdista, aqui é o que menos interessa, o foco da questão não é discutir direita ou esquerda, o principal deste texto é ver que NÃO HAVERÁ PROFESSORES/EDUCADORES DAQUI PARA FRENTE EM QUALQUER ÁREA COM ESSES GOVERNOS NEFASTOS QUE TEMOS NO BRASIL, exatamente pelo que nada fazem para mudar este quadro. Agora que precisamos de professores de excelência dentro da sala de aula, até eu que simpatizo com a esquerda, desde que nasci, concordo, ou você acha que para ser professor tem que ser qualquer um, indepentente de ser rico ou pobre tem que profissional de excelência, até porque ser pobre não é sinônimo de ser coitadinho. O foco da discussão tem que ser outro, repense o monte de coisas escabrosas que você escreveu, para não escrever coisas sem nexo, é preciso ler com cautela, focando no principal. a filosofia do autor pouco me importa,nessa questão específica, o que quero é analisar nossa situação como educador neste estado, neste país, tendo em vista que os governos dos partidos maiores inclusive, consideram que qualquer um pode assumir a nossa função, logo pode-se pagar qualquer merreca, porque a questão não é qualidade. Faça uma leitura mais fina do texto, antes de pegar sua metralhadora e sair atirando a esmo!

      Excluir
    2. Foque aqui, o resto jogue fora, não nos interessa!!

      "Salários são por certo uma parte importante do problema, mas outros elementos, como estabilidade na carreira e prestígio social, também influem. O tratamento quase reverencial que a sociedade coreana dispensa a seus mestres ajuda a explicar o sucesso educacional do país."

      Excluir
    3. Caro Anônimus das 21h21 e 21h22:

      não entendi a forma agressiva com que você se dirigiu ao anônimo que trouxe o texto de um filósofo, publicado na FSP. Você o julgou e condenou, pelo simples fato de ter reproduzido um texto com o qual você não concorda. Precisamos ter um pouco mais de tolerância com o que é diferente daquilo que pensamos. E você mostrou que tem capacidade para uma crítica de conteúdo, de qualidade, sem precisar apelar para formas de críticas pessoais e vazias.

      No tangente ao texto do filósofo, verificam-se diferentes pontos. Um deles, já colocado pelo anônimo das 22h58, mostra que a carreira dos professores está cada vez mais em extinção. Não há incentivo salarial e as condições de trabalho não são as melhores.

      Um outro ponto é quando o autor do texto fala em "piores" e "melhores" alunos que poderiam ou não se tornar professores. Não vi nesta análise um corte social, entre ricos e pobres - tipo: os ricos seriam os melhores e os pobres os piores. Mas, considero que essa abordagem é de fato preconceituosa em relação a todos os que optam pela carreira dos professores. É como se apenas os "fracassados", os "incapazes", etc., fizessem tal escolha. Claro que não concordamos com essa análise, bem reducionista acerca da nossa realidade.

      A escolha de uma carreira envolve muitos aspectos que não podem se restringir à capacidade intelectual avaliada através das "melhores notas", como menciona o autor. Mas é óbvio que o componente salarial é um ponto comum: ninguém quer ingressar numa carreira sem presente e sem futuro. A não ser como prática complementar, como passatempo ou por ideologia. E a carreira dos professores não pode ser vista dessa forma. Os neoliberais é que tratam os professores como uma carreira típica de missionários: deve ser exercida por pessoas que não precisam comer, morar, viajar, frequentar um teatro, etc.

      De fato, os alunos da escola pública merecem bons professores, não importa que estes mestres tenham origem humilde, ou se tenham nascido num berço de ouro. E não associo esta necessidade à lógica de mercado ou interesses voltados ao crescimento do PIB de um país. Acho que uma educação de qualidade é um direito que deve ser assegurado a todas as pessoas, como seres humanos em construção.

      Enfim, textos com diferentes conteúdos são sempre motivo de questionamentos e debates. Este espaço é também uma sala de aula pública, aberta a todos. Uma sala de aula com muitos mestres e alguns alunos (eu, por exemplo, considero-me um destes, pois aprendo o tempo todo com vocês). Devemos estimular e respeitar a diversidade de pensamento, sem abrir mão de expor as nossas ideias.

      Um forte abraço,

      Euler

      Excluir
    4. Você que me desculpe mas o meu pensamento é esse e no caso não creio que esteja incorreto. Concordo que não deva ser qualquer um que vá exercer a função do professor, portanto, os que aí já estão e passaram pelo crivo do concurso público devem ser mais respeitados pelos governos instituídos e também por aqueles que ao escreverem colocando o fracasso da educação no professor proponham outro foco,principalmente o POLÍTICO, por que não o fazem? Será que estão comprometidos com os governantes do momento? Por que o foco da discussão fica em arrebentar com o professor?

      Meu caro(a) percebo que aqui no nosso belo Brasil determinados formadores de opinião tem medo de falar sobre o Partido dos Trabalhadores e da sua incrível aproximação com as elites dominantes em detrimento das classes sociais desassistidas. Ou é por medo de perseguição ou senão conchavos de quem está preso a esse jogo.

      Se o fracasso da educação acontece é porque os governantes assim o querem, e não é por culpa de professor A ou B, porque em sua maioria percebo que os profissionais em educação do Brasil são muito qualificados muito embora aconteça coisas do ARCO DA VELHA como em Minas Gerais o governo conceder direito de estabilidade a professores que sequer passaram pelo processo do CONCURSO PÚBLICO, somente para tentar desgastar os professores em greve, e o imbróglio segue através da famigerada Lei 100 sem que os professores atingidos por ela tenham culpa, pois foram usados num processo.

      Aí está a minha leitura finíssima do texto e com alto teor de criticidade. Pois ainda não perdi a capacidade crítica e mesmo não sendo mestre, doutor ou PHD trago comigo o meu aprendizado, aquele que a mim pertence.

      Excluir

    5. Ufa, mexer com gente inteligente é outra coisa. Gente que sabe LER é outra coisa!

      Parafraseando VINÍCIUS DE MORAES!
      Que me perdoe os deficitários, mas INTELIGÊNCIA é fundamental!
      Obrigada, Professor, não é à toa que seu blog permanece para além do período da greve e com os milhões de acessadores e milhares de seguidores! É desses tipo de gente com discernimento que a EDUCAÇÃO precisa, caso contrário estaremos iguais aos que nos comandam, só fazendo e propalando besteiras!

      Excluir
    6. Correção: Que me perdoem...

      Excluir
    7. Ao colega anônimo das 00:01

      “Concordo que não deva ser qualquer um que vá exercer a função do professor, portanto, os que aí já estão e passaram pelo crivo do concurso público devem ser mais respeitados pelos governos instituídos e também por aqueles que ao escreverem colocando o fracasso da educação no professor proponham outro foco,principalmente o POLÍTICO[...]
      [...] Se o fracasso da educação acontece é porque os governantes assim o querem, e não é por culpa de professor A ou B, porque em sua maioria percebo que os profissionais em educação do Brasil são muito qualificados muito embora aconteça coisas do ARCO DA VELHA[...]

      Muito bem, caro colega, agora, também, concordo com você, sua leitura foi ao encontro do que pretendia suscitar quando postei o texto neste espaço tão enriquecedor, exatamente por ser um espaço de aprendizagem, conforme disse o Prof. Euler. Haja vista que por ele aprendemos muito com a colaboração de todos é a nossa WIKIPÉDIA. Todavia, o que não se pode fazer, no imediatismo de nossas análises, é um julgamento de valor de colegas que sequer conhecemos virtualmente, isso é um prejulgamento perigoso. Até porque, assim como você, certamente, estou há 2 décadas e meia lutando, contra esse estado de coisa que vem sendo imposto a todos nós. Minha intenção foi mostrar que não é só na área das exatas que há carência de profissionais qualificados para a área da educação, conforme expõe o colunista, mas tal situação já dá sinais em todas as áreas, pois com essa política educacional rasteira impetrada pelo PSDB e pelo PT,também, não vamos atingir a excelência na área educacional como a Coréia, a Finlândia e outros países que ao contrário do Brasil sabem, não no discurso, mas na prática, da importância da educação para o desenvolvimento do país. E quando menciono o PT, também, é porque vimos as agruras pelas quais passaram os professores federais, a situação deles também é tão desfavorável quanto a nossa, são tão desrespeitados como nós, e as Federais estão sob o comando do governo federal. Então, caro colega, minhas convicções não são direitistas, são voltadas para o social, pois pertenço a uma legião de pessoas que ainda acredita, apesar dos pesares vividos neste Estado-País, que só vamos nos livrar de muitas dessas mazelas, quando tivermos um povo instruído, capaz de conseguir por si só realizar seus desejos, sem precisar de “ajudas”. Mas para isso, precisamos de uma escola que dê conta de formar esses cidadãos, logo os educadores não podem ser “biqueiros” têm que ter clareza de seu papel, de sua atuação. Portanto, faz-se necessário que, independente da classe social a que esse profissional pertença, ele precisa ter uma formação de excelência, contudo, o que temos constatado é que por não haver uma política voltada para a valorização da carreira educacional, começando, sim, pelas melhorias salariais dos educadores, os nossos alunos que poderiam atuar nessa carreira, não irão, pois o discurso que estão acostumados a ouvir é que o Magistério é uma carreira desrespeitada, fracassada. Com essas constatações quem vai querer seguir? Infelizmente, esse espaço será ocupado por muitos que veem nele uma forma de ganhar mais um “TROQUINHO”, um bico mesmo, pois inclusive é de seu conhecimento (daquele que “dá” aula) que não há preocupação por parte do governo com qualidade alguma, a figura do educador se restringe a uma cuidador de crianças e de adolescentes, com a obrigação de encaminhá-los para a série seguinte ao final do ano, de modo a não criar empecilhos para a política eleitoreira do governo. E só!

      É o que penso, um bom domingo para você!
      Valeu!

      Excluir
    8. Prezado colega anônimo das 12:47

      Peço a você desculpas por ter prejulgado-o, pois não é do meu feitio tal postura, creio que os governantes nas suas investidas para se alçarem ao poder utilizam de todas as formas possíveis para obtê-lo e realmente nós professores devemos nos manter unidos mantendo o foco sem sermos engolidos por segmentos partidaristas A ou B que só querem nos usar.

      Estimo sua forma de pensar e desejo-lhe um ótimo domingo.

      Excluir

    9. Um abraço! Parabéns pelo nosso dia amanhã, podemos não ter muito o que comemorar,em termos de direitos conquistados nesses 512 anos de Brasil, mas a nossa dignidade, a nossa postura como educador(a), a nossa consciência frente a tudo que tem nos imposto, nos dignifica, embora tenhamos passado por tantas decepções, ainda assim não conseguiram nos curvar perante a esse sistema deteriorado, nós estamos firmes e de pé, essa gente vai passar e nós continuaremos a nossa luta com muita dignidade e conhecimento.

      Excluir

    10. Caro colega Anônimus (14h45),

      quero aproveitar para parabenizá-lo pela atitude nobre, que o engrandece ainda mais. Seus textos são sempre marcados por conteúdo crítico, bem elaborados, e que nos fazem refletir sobre os contextos que vivemos.

      Um forte abraço,

      Euler

      Excluir
  63. QUEREMOS AGORA O MENSALÃO DO PSDB, não tem jeito. É agora.

    ResponderExcluir
  64. vamos fazer alguma coisa , gente. È hora de nos unirmos,vamos procurar o sindute da nossa região; alguma coisa pode ser feita:manifestação, paralisação, carta aos deputados, vamos pensar...

    ResponderExcluir
  65. Não sei como construir tanta cadeia dentro de 3 meses.
    Para cada preso excedente,o governo terá que pagar 50 mil por dia.Quem adivinha de onde vai sair este dinheiro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O nº é insuficiente para "alojar" os tucanos após o julgamento do mensalão deles. Gostaria tanto de ver o barbopig acusando esta turma. Mas, como presid. do STuFão ñão poderá fazê-lo. Ô dó...

      Excluir
  66. Concordo com o Joaquim quando disse que estamos perdendo o foco. É necessário que sejamos mais inteligentes, focando no governador os erros que ele pratica e tirando dai aquilo que pretende para alcançar nossos objetivos. Não adianta pedir pra aquele ou aquela fazer,pois já vimos que não conseguiram.Tem que ser nós mesmos a tomar a iniciativa , provocar a fera e usar das suas investidas a arma que tanto precisamos para combaté-lo. Somente assim consigamos arrancar alguma coisa.Mas lembrem-se estão nas nossas mãos e não na de ninguem.Sindicatos já perderam forças e não consiguirão mais nada. A luta tem que partir de nós. Não temos tempo a perder.Vamos colocando as idéias em prática,tenho a certeza que dará certo.As flechadas poderão ser muitas,alguma acertará.Então experimentemos.Que Deus nos ajude.

    ResponderExcluir
  67. Bob Fernandes: O julgamento do mensalão não é uma farsa, mas ele acabou na Justiça
    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=nSYDYNNsgjM#t=75s

    Esse vídeo é muito esclarecedor sobre a perseguição do PIG ao PT, e a vista da grossa sobre fatos muito tão ou mais relevantes que o mensalão.

    ResponderExcluir
  68. MANIFESTO DE APOIO

    Eleições 2012, definidos os nomes para o 2º turno em nossa cidade, o momento exige dos/as trabalhadores e trabalhadoras em Educação de Montes Claros uma grande reflexão e responsabilidade. Uma das nossas exigências é com uma Educação Pública de Qualidade para todos/todas. Portanto, é hora de agirmos de forma organizada, para fazer valer nosso voto, elegendo e pressionando os(as) candidatos(as) a cumprirem compromissos sociais e políticos. O nosso sindicato é independente e autônomo em relação a qualquer governo. Briga, luta e vai às ruas em defesa de seus ideais e dos interesses da categoria que representa, pois não é uma entidade apolítica ou alienada, e sabe que as mudanças necessárias e desejadas se processam pela via política. Por isso, não podemos estar alheios ao processo eleitoral em que estamos inseridos.
    Os(as) trabalhadores(as) em educação, em especial, têm dupla responsabilidade nesse process
    o. Primeiro, como cidadãos e cidadãs e, segundo, como agentes formadores de opinião, ajudando nossos(as) educandos(as), colegas de trabalho, amigos(as) e parentes a decifrarem a realidade em que vivemos e o que é preciso ser feito para transformá-la. Dessa forma, O Sind-UTE Montes Claros manifesta apoio ao candidato Paulo Guedes ( Partido dos Trabalhadores – PT ) por entender que suas propostas e trajetória política alinham-se com os anseios dos educadores de nosso município. Paulo Guedes como deputado estadual sempre apoiou os educadores do Estado e participou ativamente nas mobilizações (GREVES) de 2008; 2010 e 2011 em defesa do Piso Salarial Nacional da Educação. Por isso, conclamamos a todos e todas a votarem no 13 nesse segundo turno.
    Por outro lado, o adversário de Paulo Guedes sempre atuou de forma maléfica em relação aos trabalhadores da rede Estadual, pois em 2010 votou contra o PISO e nosso plano de carreira; como relator do Plano Decenal da Educação modificou as propostas que foram construídas pelas entidades representativas dos/as educadores/as de todo o Estado ( rede Estadual e rede Municipal), ganhando assim o título de inimigo da Educação em Minas Gerais.
    Levar essa discussão para a escola e a comunidade é fundamental. Temos duas opções: apenas esbravejar e lavar as mãos ou participar de forma consciente e ativa no pleito do dia 28 de outubro. A escolha de um candidato íntegro e comprometido com o bem estar social e uma EDUCAÇÃO PÚBLICA DE QUALIDADE depende, única e exclusivamente, de cada um de nós.

    ASSINAM ESSE MANIFESTO A DIRETORIA DO SIND-UTE DE MONTES CLAROS.

    ResponderExcluir

  69. Parabéns á professora Marly Gribel por iniciar essas discussões, daqui para frente precisamos analisar o contexto no qual nos encontramos. Essa gente que por aí está desgovernando Minas e o Brasil, precisa ser banida, para sempre e por todos os séculos. Amém!
    Como diz o grande poeta gaúcho-brasileiro em seu

    "Poeminha do Contra

    Todos estes que aí estão
    Atravancando o meu caminho,
    Eles passarão.
    Eu passarinho!"

    E eles hão de passar, enquanto nós seguiremos difundindo a nossa luta.


    ResponderExcluir

  70. Professores da rede pública estadual e municipal assumam um compromisso com o Paulo Guedes pois ele já demonstrou ser amigo da escola e dos professores e Montes Claros ganhará com a sua eleição, suas propostas em todas as áreas só acrescentam e a cidade ganha.
    Chega do domínio desta oligarquia retrogada em MONTES CLAROS. Convençam seus alunos e pais a votarem em Paulo Guedes.
    GILSON

    ResponderExcluir
  71. Chega de preocuparmos co m eleiçao;estamos perdendo o nosso foco;aqui só se fala em eleições municipais; o importante agora é o nosso piso.

    ResponderExcluir
  72. RESPOSTA AO ANÔNIMO

    "...RAIMUNDO DE QUE FORMA VOCÊ QUER VENCER ESSA PARADA PELAS ARMAS?..."

    Não, caro colega anônimo,

    não é pelas armas que pretendo vencer este sistema político corrupto, imoral e ilícito. Muito pelo contrário. De fato, não precisamos ir às arma para vencer este sistema que nos é imposto através da alienação das massas e das eleições fraudulentas. O que é preciso é nos conscientizarmos de nossa força, de nossa capacidade como professores estaduais. O que é preciso é nos fortalecermos como classe, trabalharmos para a nossa unidade, pois só assim conseguiremos conquistar alguma coisa destes safados e lesa-pátria que infestam a política nacional.

    O que proponho é isso, e também a desvinculação partidarista no atual modelo político e eleitoral do Brasil. Está mais do que provado que não adianta apoiar PT o PSDB ou "sei lá o que", pois todos eles não moverão uma palha para criar políticas sociais que mudem a ordem social no Brasil, nomeadamente, a educação. Entretanto, todos eles, PT, PSDB, "sei lá o que" colocam sempre a educação como bandeira em cada nova eleição neste país. De fato, todos sabem muito bem identificar que um dos maiores problemas do Brasil se refere à falta de investimento em educação de qualidade, investimento no professor, etc e tal. Entretanto, só fica a retórica. Os maiores partidos políticos existentes no Brasil, hoje, já tiveram chances de mudar nossa história, mas nenhum deles se atreveu a fazê-lo. Eles preferem jogar a culpa no adversário, e assim o circo continua...

    Portanto, minha proposta não é ir às armas, mas usar a inteligência e a nossa unidade como arma. O que é preciso hoje não apoiar partidos políticos, mas sim apoiar a classe, criar um pensamento positivo entre os professores, mostrar aos nossos colegas que somos fortes desde que permaneçamos unidos, coesos. Ficar aqui discutindo quantas prefeituras o PT o o PSDB ganharam não nos levará a lugar algum, a não ser nos tornarmos marionetes nas mãos destes bandidos travestidos de políticos.

    É preciso mostrar a esta corja que não apoiamos nenhum deles, nenhum partido, pois não são os políticos que devem fazer a educação mas a educação que deve fazer os políticos. Desta forma, teremos um sindicato que não tem o rabo preso com nenhum partido político e que não faz acordos politiqueiros nos bastidores, principalmente em momentos de greve.

    Atenciosamente,

    Raimundo Santos
    Belo Horizonte - MG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SÓ SE FOR PELAS ARMAS RAIMUNDO!, PORQUE INFELIZMENTE A POLITICA QUE REGE O MUNDO!CONCORDO COM O Anônimo14 de outubro de 2012 01:26 112 DIAS DE GREVE DEU MERDA!

      Excluir
  73. Vamos assinar e divulgar, precisamos nos mobilizar: Site www.peticaopublica.com.br - abaixo-assinado pedindo a urgente apreciação do mensalão tucano pelo STF.
    Se é para passar o Brasil a limpo vamos continuar as apurações do mensalão mineiro, onde tudo começou.

    ResponderExcluir
  74. A Veja só entende o juiz joaquim barbosa que condena sem provas.Abriu um referencial sem tamanho.É lamentável.Isto a maioria do povo não vê.A consequencia disto tudo chegará e mais uma vez ficaremos acuados como sempre.Esta revista nos envergonha.Deveria ser banida da circulação.

    ResponderExcluir
  75. As armas estão nas nossas mãos apontadas para este governadozinho de meia tigela.É trabalhar com as comunidades e alunos a ponto de estabelecer metas que chega as paralidações e até uma greve.Por que não? Tá com medo de greves?Pior do que está não fica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ô GENTE ILUDIDA ESSA DE MINAS GERAIS!
      SAIA DESSE FOCO!

      Excluir
  76. Temos tambem que repudiar a proposta do CNTE para com o piso do magistério,rebaixando o reajuste para ajudar este ou aquele setor de industrias,sei lá o que?Sempre estão arrumando alguma desculpa esfarrapada para a educação pagar o preço. Então REPUDIO A CNTE. OK?

    ResponderExcluir
  77. Raimundo tem completa razão.Precisamos nos mexer e conscientizar que estamos sem nada.E vamos ficar ainda sem muitas outras coisas se não unirmos verdadeiramente e fazer algo.Temos que esquecer todos os partidos políticos e nos organizar seja qual e quem for que estará no comando de nosso estado .Nós temos uma enorme força basta sabermos nos organizar e começar os movimentos com determinação.A nossa classe é desunida.Uns brigam com os outros como se fôssem verdadeiros inimigos.Alguns querendo desmoralizar outros.Não podemos continuar assim.Temos que ser uma classe altruísta e muito unida, respeitar o outro sempre.Esqueçam políticos.Qualquer um que fôr para o poder, fará alguma coisa de ruim e grave.O poder é corrupto.Bem devemos esquecer principalmente o tal do sindicato que está aí brincando de representação.Na verdade, ninguém faz nada para a educação.Somente conversa fiada.Então vamos nos unir e fazer algo.Está na hora de começarmos.Devemos começar a planejar, cogitar alguma coisa.Parece que todos estão com medo dessa fera louca.Desse insano.Nada disso.O poder vem do povo e não dele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mãe do céu... 112 dias não te serviu de lição?
      Você crê que a categoria entre em uma greve novamente?Fora 2010...
      Para no final Beatriz com a greve ganha , aceitarem um papel assinado que nada valia e muitos decidiram por fim , nesse dia chorei pois sabia que ali acabava um sonho. Que foi o maior prejuizo para a categoria...

      Excluir
  78. Raimundo está certo.Eu concordo com tudo.

    ResponderExcluir
  79. "Cada povo tem o governo que merece."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim, principalmente os da capitá que não fizeram o dever de casa, o do interior deu um show na capitá....

      Excluir
  80. Julgamento do 'mensalão'


    Wálter Maierovitch é jurista e professor, foi desembargador no TJ-SP


    Dirceu, Delúbio, Genoino

    O Supremo Tribunal Federal (STF) condenou por corrupção ativa os réus José Dirceu, José Genoino e Delúbio Soares. A condenação tornou-se certa a partir da nova orientação da Corte, que passou a acompanhar a jurisprudência europeia e respeitados doutrinadores. Essa nova orientação separou os verbos “oferecer e prometer” vantagem indevida, núcleos do tipo penal, para considerá-los suficientes à consumação do crime.

    O restante do contido no tipo penal foi dado como exaurimento da conduta do funcionário público. Nos autos processuais existe prova-provada de desvios e recebimentos de indevidas vantagens, com condenações, por delito de corrupção passiva, de integrantes e líderes dos partidos de siglas PTB, PL (atual PR), PP e PMDB. Segundo o presidente da Corte, Carlos Ayres Britto, cerca de 153 milhões de reais foram movimentados pelos bancos Rural e BMG no esquema delinquencial apelidado de valerioduto.

    Parte dessa vultosa quantia foi parar em bolsos vorazes dos Jeffersons e dos Valdemares do bas-fond da política partidária nacional. Tudo num esquema anteriormente concebido e testado com sucesso pelo publicitário Marcos Valério, e seus dois sócios, a favorecer mensaleiros tucanos liderados pelo então governador de Minas e hoje deputado Eduardo Azeredo. Com efeito, restou aos ministros apenas a verificação da comprovação das imputações relativas aos corruptores. Sem necessidade, pela acima mencionada mudança de orientação jurisprudencial, da prova da contrapartida estabelecida, ou seja, do chamado ato da função pública acertado em troca de dinheiro.

    Antes dessa mudança, prevalecia o entendimento diverso e se invocava o precedente do julgamento do caso de Fernando Collor de Mello, ex-presidente da República absolvido pela não comprovação do ato de ofício dado em troca do recebimento de um veículo utilitário. A propósito, um veículo bem mais modesto que o recebido por Sílvio Pereira. Este, quando a água atingiu suas narinas, deixou Delúbio na “canoa furada” e fechou acordo com o Ministério Público, com sanção que foi “tirada de letra”, sem risco de cadeia.

    Na condenação de Dirceu, os ministros aceitaram a prova indiciária e construíram um raciocínio lógico-dedutivo. A lei processual penal define indício como o fato provado que por sua ligação com o fato probando autoriza a concluir algo sobre esse último (corrupção ativa). Importante lembrar que a jurisprudência orienta-se no sentido (para condenar) da presença de indícios múltiplos, graves, concordantes e consistentes.

    [...]

    Disponível em: http://www.cartacapital.com.br/politica/dirceu-delubio-genoino/?autor=18 Acessado em 14 de outubro de 2012

    ResponderExcluir
  81. Continuação
    [...]

    Duas certezas anteriores ao julgamento se confirmaram. Dias Toffoli absolveu Dirceu, Gilmar Mendes o condenou. E ambos tiveram, em comum, considerações para com o banqueiro Daniel Dantas. Como até a torcida do Flamengo está careca de saber, os dois ministros são suspeitos de parcialidade. O ministro Toffoli foi escolhido por Dirceu para assessorá-lo na Casa Civil, que apoiou o seu pleito para ocupar uma cadeira no STF. Por seu turno, Mendes prejulgou réus em grotesco episódio em que tentou envolver o ex-presidente Lula. Sobre as participações de Toffoli e Mendes contribuíram o procurador-geral da República e os defensores constituídos pelos réus. Ambos silenciaram, ou melhor, não arguiram as suspeições. Em 1958, o então ministro Mario Guimarães advertia na sua monumental obra intitulada O Juiz e a Função Jurisdicional: “Não pode o juiz funcionar no feito quando haja razões fundadas que façam duvidar da sua imparcialidade”.

    A conclusão condenatória do denominado núcleo político petista não se estribou, ao contrário do esperado, na teoria do domínio funcional dos fatos. Indicativos sustentados em provas orais e documentais foram utilizados nas razões de decidir. As facilidades conferidas à ex-esposa de Dirceu, que incluíam empréstimo do Banco Rural, emprego de meio expediente no BMG e a compra de um imóvel pelo corréu Tolentino.

    Delúbio tentou, sem sucesso, a imolação como único responsável. Genoino, presente em reuniões na assinatura de empréstimos e avais, não conseguiu convencer de que nada sabia.

    Pano rápido. Erram os que procuram, com as condenações, atingir Lula. O ex-presidente, democraticamente, reconduziu o procurador-geral que ofertou a denúncia do “mensalão”. E no seu lugar, no término do mandato, indicou Roberto Gurgel, sugerido pelos procuradores federais. Quanto aos ministros do STF, Lula, embora possa legitimamente não concordar com as condenações, escolheu, com exceção de Toffoli, profissionais imparciais, que julgam de acordo com o livre convencimento e motivadamente.

    Disponível em: http://www.cartacapital.com.br/author/waltermaierovitch/Acessado em 14 de outubro de 2012.

    EDUCADORA MINEIRA

    ResponderExcluir
  82. Feliz dia dos professores a todos os companheiros e companheiras. Que o DEUS todo poderoso nos abençoe e a nossos familiares.

    "Ao invés de lamentar o que perdemos, vamos batalhar por aquilo que podemos conquistar"
    Beijo a todos.
    Maria / Gv.

    ResponderExcluir
  83. Omar Eduardo Botelho/São Paulo/SP14 de outubro de 2012 19:53

    Aqui sempre os mesmo que escrevem. nada de concreto , nada novo e assim vai Minas Gerais, uns se intitulam professor, outros tentam dar uma de filósofo,,,
    o dono do blog diz que é somente um blogueiro..
    Sonham com o Piso e foram pisados....
    O sindicato ao qual são filiados mostrou ser o pior do País, e assim caminha os mesmo seguidores(por sinal sempre os mesmos) desse blog na eterna mesmice!
    Sem idéias, sem noção..

    " Se queres ser cego, sê-lo-ás."
    José Saramago

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você de São Paulo, capital, é professor da rede pública estadual? Por acaso, o seu governador, do PSDB, está lhe pagando dentro do que diz a Lei, cumprindo o PISO SALARIAL NACIONAL? Porque o que consta para os educadores mineiros, é que por aí vocês estão na mesma situação dos demais educadores brasileiros, ou seja na tal MESMICE de que você fala. Agora, se você considera tudo uma mesmice, podia contribuir com suas NOVIDADES, inclusive para nos dizer como o seu Sindicato, tão achincalhado pelos governadores do PSDB há décadas,fez para que vocês tivessem Piso Salarial cumprido e com um plano de carreira digno dos educadores. Caso contrário, vamos achar que você está frequentando aqui, para aprender com os mineiros a exterminar tucanos, porque o ninho deles é exatamente no seu estado, por aí voaram e voaram, por Minas já estamos cortando as asas e os ninhos serão exterminados. Porque mineiro é mineiro,caladinho, mas quando resolve, não tem que ver, tanto que o interiorzão das Gerais já começou a mudar na base a poliquice mineira. Em vez de só criticar, temos que ter algo a contribuir, a crítica pela crítica é tão somente um esvaziamento nosso verbalizado, externado, inclusive até nos desmerece.

      Excluir


    2. Esse paulista está se achando, mas esquece que as mudanças ocorridas no Brasil passam por Minas ou pelo Rio Grande do Sul, os demais acompanham! kkk

      Excluir
    3. Osmar Eduardo, que está criticando o blog e M.G, prove que em São Paulo é diferente e nos responda sobre o seguinte tema: Ficamos sabendo que em São Paulo havia uma lei semelhante a lei 100 de M.G que estabilizou servidores sem Concurso Publico, porem ai em São Paulo foi resolvido a situação, gostaria de saber se realmente isso é verdade, se é como aconteceu foi julgado no STF?
      Silvana

      Excluir
  84. RETIRADO DO BLOG DA MARLY GRIBEL
    Marly Gribel
    14 de outubro de 2012 15:53

    Quero esclarecer que não sou filiada ao PT , mas sai do ostracismo, diante dos vários escândalos que colocam em xeque a nação: Mensalão, quadrilha do Cachoeira e Mensalão dos tucanos e diante de tudo isto resolvi militar para O PT, como no alvorecer da minha juventude. Não faço parte da diretoria do sindicato de MOC e nunca participei. Atuei sim na juventude tanto no PT quanto no sindUTE de Pirapora e fiz parte do grupo Articulação.

    ResponderExcluir

  85. Parecer do CNE (Conselho Nacional de Educação) sobre o terço de tempo na jornada de trabalho dos professores:

    http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/maria-izabel-noronha-parecer-elimina-duvidas-sobre-a-jornada-do-professor.html

    ResponderExcluir
  86. Euler, por favor nos ajude acabei de ler, o que o Anônimo, das 13:34 do dia 11 postou, será que é verdade? Por favor poste o que você sabe sobre o assunto com certeza é interesse de todas as pessoas que está na lei 100.
    Carla
    Vou colocar aqui em anexo:
    "Hoje fiquei sabendo que o governo através das superintendência ira chamar a gente para negociar, quem está na lei 100 vai receber como um funcionário da rede privada quando é demitido, receberemos um acerto por esses cinco anos trabalhados, se ele fizer isso acho que sua popularidade vai crescer muito, talvez seja esse o objetivo. Que só depois que resolver nossa situação vai homologar o concurso."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro colega, caso a lei 100 caia, o governo tem que pagar é o GEFIP, FGTS E FUNDO GARANTIA.

      caso servidor tenha 20 anos, terá que pagar tudo, 20 anos de FGTS, ETC.

      Excluir
    2. Acho impossível ele pagar tudo isso onde ele vai conseguir dinheiro para pagar tanta gente, isso é só para acalmar as pessoas que estão dizendo que vai entrar na justiça contra a lei 100.

      Excluir
  87. HOJE DIA DOS PROFESSORES QUERO DIZER QUE OS GOVERNANTES DO BRASIL CADA DIA MAIS CONSOLIDAM A EXTINÇÃO DESSA CARREIRA E DESSA PROFISSÃO. QUEM MAIS IRÁ QUERER SE TORNAR PROFESSOR NUM PAÍS COMO O NOSSO?

    ResponderExcluir
  88. Ana Maria Braga cumprimentou os professores hoje e disse que o salário de um professor do ensino fundamental é a partir de R$ 1400,00.
    Não é a nossa realidade.

    ResponderExcluir

  89. Barbosa diz que votou no PT, cobra 'mensalão tucano' e vê racismo


    Primeiro negro nomeado ao Supremo Tribunal Federal, por indicação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 2003, Joaquim Barbosa, afirmou que votou no PT nas eleições presidenciais de 2002, 2006 e 2010, mesmo já trabalhando como relator do processo do mensalão nas duas últimas - e concluindo que vários membros da alta cúpula do partido devem ser condenados. "Eu não me arrependo dos votos (em Lula em 2002 e 2006), não. As mudanças e avanços no Brasil nos últimos dez anos são inegáveis. Em 2010, votei na Dilma", analisou, em declaração publicada na Folha de S. Paulo deste domingo.

    Barbosa disse ter, inclusive, votado em Lula contra Collor, em 1989, e defendido o ex-presidente no exterior no início do seu primeiro mandato. "Vou te confidenciar uma coisa, que o Lula talvez não saiba: devo ter sido um dos primeiros brasileiros a falar no exterior, em Los Angeles, do que viria a ser o governo dele. Havia pânico. Num seminário, desmistifiquei: 'Lula é um democrata, de um partido estabelecido. As credenciais democráticas dele são perfeitas'", relatou.

    Barbosa já disse que a imprensa "nunca deu bola para o mensalão mineiro (também chamado de "mensalão tucano" por envolver membros do PSDB)", ao contrário do que faz com o do PT. O ministro acredita que a mídia, como as forças dominantes do país em geral, é racista e conservadora: "a imprensa brasileira é toda ela branca, conservadora. O empresariado, idem. Todas as engrenagens de comando no Brasil estão nas mãos de pessoas brancas e conservadoras", disse. O racismo se manifesta em "piadas, agressões mesmo". "O Brasil ainda não é politicamente correto. Uma pessoa com o mínimo de sensibilidade liga a TV e vê o racismo estampado aí nas novelas", acusa.

    Ele diz já ter discutido com vários colegas do STF, porém considera que polêmicas "são muito menos reportadas, e meio que abafadas, quando se trata de brigas entre ministros brancos". "O racismo parte da premissa de que alguém é superior. O negro é sempre inferior. E dessa pessoa não se admite sequer que ela abra a boca. 'Ele é maluco, é um briguento'. No meu caso, não sou de abaixar a crista em hipótese alguma...", defende. Barbosa, que já escreveu um livro sobre ações afirmativas nos EUA, diz que o racismo apareceu em sua "infância, adolescência, na maturidade e aparece agora".

    Disponível em: http://www.jb.com.br/pais/noticias/2012/10/07/barbosa-diz-que-votou-no-pt-cobra-mensalao-tucano-e-ve-racismo/ Acessado em 15 de outubro de 2012

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com um ministro com senso de justiça como Joaquim Barbosa, o momento é agora do SINDICATO, correr atrás é desmascará as irregularidades enormes que vem acontecendo na educação em M.G.
      Silvana

      Excluir
  90. OUVI FALAR QUE O PRÊMIO, SÓ ANO QUE VEM?

    SE FOR,O CASO, JÁ SEI, ESTÁ ACUMULANDO PARA PAGAR UMA EM MARÇO DE 2014 E OUTRA SETEMBRO, PAGANDO 2 NO ANO POLITICO PARA NOS ENGANAR.

    VAMOS LANÇAR LOGO NOSSO CANDIDATO.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Acho que o Estado está quebrado mesmo, até quando vamos suportar???

      http://www.youtube.com/watch?v=673zYtoWM_Y

      Excluir
  91. Governo de Minas destina R$ 1,7 bilhão para reajustes salariais e benefícios para servidores em 2012
    O Governo de Minas destina em 2012 R$ 1,74 bilhão para despesas com pessoal, somando o que foi efetivamente gasto até setembro e a previsão de desembolso até dezembro. Este total é 119,6% maior do que o valor previsto na lei que instituiu a política remuneratória dos servidores públicos estadual (Lei 19.973/2011), calculado em R$ 794,2 milhões. Ou seja: mais do que o dobro da previsão.


    PARA ONDE FOI ESSE AUMENTO?

    PARA OS COMISSIONADOS

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Tudo isso acontecendo com o Estado quebrado.

      Eles só vão deixar Minas quando tiverem sugado TUDO.

      ACORDA POVÃO!!

      Excluir
    2. Eu só não entendo como a Dilma sabe que não somos pagos conforme a lei e continua , repassando este dinheiro para educação e não faz nada para saber a transparência deste dinheiro?
      São todos coniventes mesmo!!!!!!!!!
      Marlise - Uberaba

      Excluir
  92. Nesse dia do Professor,quero dizer que se danem as frases prontas, que se explodam os pensamentos dos "dinossauros literários", nada disso faz sentido para mim!
    Eu que sou professora digo que me arrependo , amargamente , de ter gasto minha inteligência com esse curso de Letras , que não me trouxe nenhum retorno financeiro e muito menos humano. Aliás considero inadequado a nomenclatura "professor",pois estamos mais para carcereiros , psiquiatras e babás de uma juventude à toa e mal educada!
    E não admito , que porra de pessoa nenhuma ,que não passa pelo que eu passo,que não domina uma classe como eu domino,que não vive ou viveu a realidade que eu vivo , falar alguma merda ou me dar lição de moral!
    MALDITO SEJA O DIA QUE EU PRESTEI VESTIBULAR PARA ESSE CURSO !NO BRASIL,PROFESSOR E LIXO ESTÃO NO MESMO PATAMAR , OLHA QUE LIXO AINDA DÁ PARA RECICLAR E PROFESSORES NEM ISSO,SEGUNDO OS MINISTRANTES DE CURSOS MEDÍOCRES DA SEEE , SECRETARIAS DE EDUCAÇÃO ,SUPERINTENDÊNCIA ,GOVERNADOR,ENTRE OUTRAS BOSTAS POR AÍ. É o que tenho a dizer !

    Patrícia Siqueira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoje dia do professor é assim que me sinto!!!

      Excluir
    2. Me vi dizendo as mesmas palavras, como é grande e compartilhada as nossas revoltas..........

      Excluir
    3. Sao minhas as suas palavras Patricia... perdi o que eu tinha de mais importante... a fé na educaçao publica... nao enxergo mais possibilidade de exito nesta profissao...

      Excluir
  93. Sebastião de Oliveira15 de outubro de 2012 17:30


    Hoje é o dia dos profissionais mais importantes e necessários deste País. Parabéns a todos os professores.

    Sebastião de Oliveira

    ResponderExcluir
  94. Por e-mail, da nossa combativa colega Graça Aguiar, do Rio de Janeiro:

    "Graça Aguiar:

    Caros Colegas

    Parabéns a todos pelo Dia dos Professores. Desejo a todos saúde, coragem e garra para continuar lutando por uma educação de qualidade e pelos nossos direitos.

    Convido a todos para visitar o blog e ler a postagem

    http://soseducaopblica.blogspot.com.br/2012/10/todo-castigo-pra-professora-e-pouco.html.

    Ótimo feriado!

    Grande abraço".

    ResponderExcluir
  95. Olá, colegas de combate!

    Nesta data, como em todos os outros dias do ano, desejo a todos e todas muita saúde, paz e disposição para lutar por dias melhores para os/as professores/as. É a carreira mais bonita do mundo, apesar de tudo o que passamos.

    Um forte abraço a todos e força na luta!

    Euler

    ResponderExcluir
  96. PARABENS AOS QUE AINDA RESISTEM, EU NÃO AGUENTEI E EXONEREI APOS 18 ANOS DEDICADOS A ESSE ESTADO MG, NÃO CONSIGO NEM IMAGINAR TRABALHAR NOVAMENTE EM ESCOLA ESTADUAL. SOU PROFESSORA E ME DISPONHO A TRABALHAR EM OUTRAS REDES... LAMENTO NÃO TER MUITO O QUE COMEMORAR, E ESTA É PARA REFLETIR... ESTAMOS EM EXTINÇÃO,BASTA OBSERVARMOS QUE NÃO TEMOS RECEBIDO ESTAGIÁRIOS... PORTANTO NÃO SEREMOS SUBSTITUIDOS NO FUTURO... O QUE SERÁ FEITO PARA ATRAIR OS JOVENS PARA A PROFISSÃO DE PROFESSOR?

    ResponderExcluir
  97. PARABÉNS PROFESSORES DE TODO O PAÍS,que DEUS os abençoem ,dias melhores virão com certeza.E força na luta,como diz o Prof.Euler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que DEUS os abençoe.Deus é que abençoa.

      Excluir
  98. ...Governo de Minas destina R$ 1,7 bilhão para reajustes salariais e benefícios para servidores em 2012... ONDE ESTE NOCIVO ELEMENTO COLOCOU TODO ESTE DINHEIRO? NA EDUCAÇÃO DE QUAL ESTADO? CERTAMENTE NÃO FOI EM MG. Ai que nódia! Aff! Aff! Aff!

    ResponderExcluir

  99. Parabéns a todos os colegas educadores (as) que permanecem firmes na luta do dia a dia, na certeza de que podemos trans(-formar) as atuais estruturas, pois além do conhecimento, temos FÉ E SABEDORIA. Essas duas bases sustentam a nossa caminhada. Mesmo com todas as adversidades, ainda assim "é preciso ter força", "é ter preciso raça"," é preciso ter gana sempre","é preciso ter manha"
    "é preciso ter graça","é preciso ter sonho sempre"
    e só nós trazemos na pele, na alma, essa marca, essa força de poder mudar o mundo através da palavra, essa palavra que gera o conhecimento e que ele seja direcionado para o BEM!

    Abraços a todos(as)educadores(as)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Digitei e esqueci de assinar, professor,rsrs
      Ivete

      Excluir
  100. Obrigada, Euler.Que Deus te ilumine e dê muita força para continuar sendo nossa estrela guia, nosso mestre por excelência.Feliz Dia dos Professores! Maria da Paz

    ResponderExcluir

  101. SERÁ QUE ACONTECE EM MINAS!!!

    http://g1.globo.com/economia/midia-e-marketing/noticia/2012/10/governos-sao-principal-ameaca-
    liberdade-de-imprensa-diz-pesquisa.html



    15/10/2012 10h54 - Atualizado em 15/10/2012 17h02
    Governos são principal ameaça à liberdade de imprensa, diz pesquisa
    Levantamento da SIP ouviu 101 profissionais de 12 países das Américas.
    Venezuela e Argentina são citados como países com maiores restrições.

    Amauri Arraes e Darlan Alvarenga Do G1, em São Paulo
    5 comentários

    A pressão de governos representa atualmente a principal ameaça à liberdade de imprensa nas Américas, segundo pesquisa inédita divulgada nesta segunda-feira (15) durante a 68ª Assembleia Geral Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP, na sigla em espanhol), que acontece até esta terça-feira (16), em São Paulo.

    O levantamento feito pela SIP com 101 profissionais de 12 países mostra o que pensam editores e publishers sobre a liberdade de imprensa e os principais desafios.

    Em relação aos agentes que mais ameaçam a atuação dos profissionais e veículos de comunicação, 36% dos entrevistados apontaram os governos, 28% as medidas judiciais, 9% atribuíram os riscos às organizações criminosas e 7% ao poder legislativo.

    ResponderExcluir

  102. Esse governo é o governo que só CRIA CASO E CARGOS, já favoreceu mais dois afilhadinhos, depois diz que o Estado está quebrado, mas só para sá para os servidores mineiros.

    Anastasia faz minirreforma e anuncia dois novos secretários

    Estado de Minas

    Publicação: 16/10/2012 12:16 Atualização:
    Passadas as eleições municipais, o governador de Minas, Antonio Anastasia (PSDB), anunciou nesta terça-feira uma minirreforma em seu secretariado. O deputado federal Eros Biondini (PTB) vai para a Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (Seej), substituindo Bráulio Braz, que deixa o cargo a pedido, e Tiago Lacerda será o novo secretário Extraordinário para a Copa do Mundo, cargo ocupado interinamente por Fuad Noman.

    Saiba mais...
    Anastasia faz balanço de obras para a Copa em BH Base de Anastasia se articula para disputar nas 50 maiores cidades de Minas Anastasia, Aécio e pré-candidatos do PSDB definem diretrizes para as eleições 2012
    Eros Biondini chegou a ser pré-candidato à Prefeitura de Belo Horizonte nas eleições deste ano. Entretanto, acabou desistindo da campanha porque os petebistas resolveram apoiar a candidatura à reeleição do prefeito Marcio Lacerda (PSB), que contou com uma coligação de 19 partidos.

    Tiago Lacerda é filho do prefeito Marcio Lacerda e há quase um ano renunciou à presidência do Comitê Executivo da Copa na capital mineira. A nomeação de Tiago era questionada pelo Ministério Público Estadual. A ação civil pública ajuizada em outubro do ano passado pelo Ministério Público Estadual justificava que Tiago não poderia ocupar o cargo porque isso configurava nepotismo, mesmo tendo o filho do prefeito aberto mão de receber salários pela função.

    Ele assumiu o cargo na prefeitura em agosto de 2009 e era responsável pela coordenação de ações do município para a preparação do mundial de futebol, além de articular com os setores públicos e privados envolvidos na Copa, entre eles a Fifa e o COL (Comitê Organizador Local).

    Biondini

    Formado em medicina veterinária, Eros Biondini tem 41 anos. Foi eleito deputado estadual, em 2006, e deputado federal em 2010. Na Câmara dos Deputados integrou as comissões permanentes de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Seguridade Social e Família; e de Defesa do Consumidor. Participou da Comissão Especial da Reforma Política e da CPI sobre Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e da Comissão sobre Catástrofes Climáticas. Presidiu a Frente Parlamentar Mista em Defesa das Comunidades Terapêuticas, Acolhedoras, e integrante da Frente Parlamentar das Santas Casas.

    Tiago Lacerda

    Formado em Administração de Empresas, com especialização em Marketing e Patrocínio Esportivo, Tiago Lacerda tem 31 anos. Antes de o cargo de presidente do Comitê Executivo Municipal das Copas 2013 e 2014, da Prefeitura de Belo Horizonte, ele atuou nas áreas de projetos de Engenharia de Telecomunicações e Tecnologia da Informação e de Análise de Investimentos em Mercado de Capitais.lapar os servidores estaduais.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. NOMEAÇÃO IMEDIATAMENTE AS ELEIÇÕES MUNICIPAIS, PORQUE???

      Excluir
  103. Me disseram que está prestes a sair o edital para eleições do Sindute-mg...será de 26 a 30 de novembro.
    E aí Euler, Rômulo e NDG...tentarão organizar uma chapa para sapecar esse povo da articulação?
    Estou na expectativa para que sim, pena que não posso me alistar pra esse combate, pois estou com quase 70 e me falta energia.
    Maria Regina - Contagem/MG

    ResponderExcluir
  104. ((((MALDITO SEJA O DIA QUE EU PRESTEI VESTIBULAR PARA ESSE CURSO !NO BRASIL,PROFESSOR E LIXO ESTÃO NO MESMO PATAMAR , OLHA QUE LIXO AINDA DÁ PARA RECICLAR E PROFESSORES NEM ISSO,SEGUNDO OS MINISTRANTES DE CURSOS MEDÍOCRES DA SEEE , SECRETARIAS DE EDUCAÇÃO ,SUPERINTENDÊNCIA ,GOVERNADOR,ENTRE OUTRAS BOSTAS POR AÍ. É o que tenho a dizer !)))))
    _______________________________________

    Para quem fez Letras, aprovo a correção do texto, mas estou boba com a sua linguagem. Nem parece Professora escrevendo... Espero que não use tais palavras em suas aulas. Tome termo, moça!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa foi profunda!!!!!!!! Aí fica difícil, não é! É de entristecer qualquer cidadão, está explicado certas coisas!

      Excluir
    2. Quem fez letras também usa linguagem chula para expressar sua indignação, xinga, fala palavrão. A adequação da linguagem às diferentes situações de comunicação certamente não permite que a colega use essa linguagem em sala de aula. Neste espaço, entretanto, ela deve ter se sentido à vontade para fazê-lo. Entendo-a.Fico triste é com a decepção dela. Remédio para isso só na sala de aula, na interação com os alunos que são os únicos a nos valorizar quando fazemos um bom trabalho.

      Excluir
  105. CARO EULER CONRADO, MAIS UMA VEZ A DIRETORIA ESTADUAL DO SIND-UTE MG ATESTA SUA INCOMPETÊNCIA. EMITIU, NESSA TARDE, O EDITAL PARA ELEIÇÕES DO SINDICATO. O ERRO É QUE AS DATAS NÃO SE ESNCONTRAM, HÁ ERROS ABSURDOS. OU TALVEZ NÃO SEJA INCOMPRETENCIA, MAS SIM BANDIDAGEM MESMO.

    ResponderExcluir
  106. 16/10/2012 - 18h47

    "Câmara aprova proposta que destina 10% do PIB para educação".

    http://www1.folha.uol.com.br/educacao/1170184-camara-aprova-proposta-que-destina-10-do-pib-para-educacao.shtml

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A notícia acima deveria ser digna de comemoração. Deveria. Senão vejamos: 10% do PIB para daqui a 10 anos? Hummm. Desconfio! Isso porque a Educação é prioridade. Imaginem se não fosse. Para os banqueiros e outros privilegiados, bilhões no presente; para a Educação pública, promessas para o futuro. Sempre assim. A pergunta que não quer calar: será que ainda haverá alguém disposto a trabalhar como professor daqui a 10 anos? E mais: se nem a lei do piso, aprovadíssima pelos três poderes, foi cumprida por nenhum governo, como acreditar que estes governos cumprirão qualquer outra lei em favor da Educação pública e dos educadores? Já estou há quase 10 anos na Educação, e o que testemunhei, além da grata e felicíssima satisfação de conviver com alunos e colegas educadores, foi o permanente ataque aos nossos direitos, camuflado sempre por gigantescas campanhas publicitárias, que tentam mostrar que a Educação é prioridade, e que os governos estão preocupados com a Educação, e etc e tal. Quem mais acredita nessas promessas?

      Excluir
    2. Depois do descumprimento descarado da lei do piso não dá para crer em nada!
      PT=PSDB uma lástima!

      Excluir
  107. Absurdo. O prazo para eleger a comissão eleitoral é até dia 27/10, e as inscrições de chapa inicia amanhã dia 18/10. Quem fraudou as eleições passada não é novidade de começar por em prática desde já. o GOLPE para manter-se no poder. Estatudo,e sindUTE não existe mais e sim um grupo de oportunistas corruptos que estão se beneficiando com as arrecadações da categoria.

    ResponderExcluir

  108. Senado aprova limite de alunos por turmas do ensino público

    Texto, que altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação, agora será analisado na Câmara dos Deputados.

    Agência Brasil | 16/10/2012 15:06:32

    Agência Brasil

    As turmas de pré-escola e do 1º e do 2º ano do ensino fundamental da rede pública deverão ter no máximo 25 alunos. No caso das demais séries dessa etapa e do ensino médio, o limite é 35 estudantes. A restrição está prevista em projeto de lei aprovado hoje (16), em caráter terminativo, pela Comissão de Educação do Senado.

    O autor do projeto, Humberto Costa (PT-PE), destacou que o elevado número de alunos por turma impede o acompanhamento e o aprendizado de cada estudante da rede pública.

    Pelo texto aprovado na comissão, uma vez aprovada pelo Congresso e sancionada pela presidenta Dilma Rousseff, a nova lei entrará em vigor em 1º de janeiro do ano subsequente ao da publicação no Diário Oficial da União.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso vai acontecer em qual país? Por que na republiqueta do queijo imagino que esse número limite será o dobro.

      Excluir
  109. PRECISAMOS DE UMA UNIÃO CONTRA PSDB EM MINAS E COM BOAS PROPOSTAS PARA EDUCAÇÃO, PRECISAMOS COMEÇAR CAMPANHA JÁ.

    CADÊ OS OPOSITORES? VAMOS LÁ GENTE.

    ResponderExcluir
  110. POR QUE NO SITE DO SINDUTI NÃO TEM NADA DE ELEIÇÃO ETC?

    CADÊ A DIVULGAÇÃO?

    ESTMAOS DE OLHO.

    ResponderExcluir
  111. NUNCA VI UM 2 CARAS COMO ANASTA, PARA PAGAR AS DIVIDAS DO TIO, FAZ DE TUDO ATÉ DAR CALOTE SERVIDORES.

    OS 5% DADOS ESSES ANO, FOI RELATIVOS AO ANO PASSADO, DATA BASE OUTUBRO QUE ELE NÃO DEU.

    ESSE ANO NADA, QUEM CRIOU A DATA BASE FOI ELE, SÓ CRIA COMISSÃO PARA FAZER ORA E ENROLAR TODOS.

    SAI DESSA SERVIDOR, VAMOS A LUTA CONTRA PSDB E COLIGADOS.

    ResponderExcluir
  112. CAMPANHA EM MASSA PARA DESVINCULAÇÃO DO SINDICATO


    Caros colegas professores,

    tão importante quanto atacar o sistema político urge que também façamos uma campanha sem precedentes para desvincular o "sindinútil" como representante legal dos professores de Minas Gerais. O que estamos esperando? Somos retaliados, perseguidos e humilhados, nossos salários estão achatados e congelados, perdemos a carreira. O que mais estamos esperando?

    Fora "sindinútil"!

    Atenciosamente,

    Raimundo Santos

    ResponderExcluir
  113. Por favor, alguém recebeu uma correspondência da SEPLAG, comunicando processo administrativo já instaurado, com prazo para defesa de 10 dias, alegando erro no posicionamento e "parcelas pecuniárias de caráter transitório recebidas indevidamente na folha de dezembro de 2011"?
    Se alguém está na mesma situação que eu: sem saber o que fazer porque não sabe por que deve, faça algum comentário, por favor.
    Selma Machado - Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ligar para a Mônica na SEPLAG.
      Mais de 10.000 servidores estão nesta situação.
      (31)3915-9245.
      Ela poderá orintá-lo.

      Excluir
    2. Ouvi algumas pessoas dizerem isso e estão indo pra justiça.O erro de posicionamento foi deles que não pensam pra fazer nada.Procure um advogado, ele irá te orientar.

      Excluir
    3. Recebi email da escola sobre esse assunto, mas também não entendi.

      Excluir
    4. Selma, o ano passado também recebi essa carta. Segundo a superintendência eles haviam me reposicionado de forma incorreta, e com isso me pagado parcelas indevidas.
      Conclusão: Estou devolvendo o que, segundo eles foi indevido.Mas dividir, no máximo possível de parcelas: 100 parcelas.

      Maria Helena - Ipatinga

      Excluir
  114. Olha Raimundo eu estou com você.Até que enfim alguém chega aqui e escreve doretamente o que pensa sobre o tal sindicatozinho ridículo e mais ridículo é quem paga para sofrer raiva.Eu concordo com você.Acho uma falta de caráter ficar pagando para um sindicato que só nos faz sofrer e chorar muito de raiva também.Eu já sou desfiliada a muito tempo.Tudo que este pessoal deste sindicatozinho precisa é sentir na pele a desfiliação em massa para criar vergonha na cara e ser mais sério.Mas afinal estamos no Brasil onde este tipo de atitude é normal.Brincar, zombar, usurpar dinheiro dos outros.Não sei porque existe ainda tanta gente filiada pois só vemos besteiras deste sindicatozinho.Nada ele faz.nenhuma atitude séria ele toma.Não me venham com a mesma conversa de que sindicato somos nós porque não penso assim.A quanto tempo estou sempre escrevendo sobre isso aqui e ainda pessoas acreditam nesse medíocre sindicatozinho.Sinceramente é preciso desfiliar .Não esperem mais.Já passou da hora de acontecer isso.Vão esperar o quê? Mais o quê?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo.Não sei com qual intenção ainda tem gente pagando sindicato.É fazer papel de bobo.

      Excluir
  115. Selma,

    Voce está aposentada ou em afastamento? Bom, voce terá que ir diretamente no setor de aposentadoria de sua SRE.Eles irão providenciar o que for necessário.

    ResponderExcluir
  116. GENTE!Não deixe de ver Relatório da OEA sobre Minas.Em último lugar junto com o Pará.Minas é terra sem lei.NOVO JORNAL 16/10. VERGONHA!!!

    ResponderExcluir
  117. Considero muito simples desconstruir um sindicato com a história de luta como o Sindute. É um sindicato que tem representatividade. Tanto que o governo vigente tenta sempre o desquqlificar.

    Agora, se o sindicato está ruim? Eis a oportunidade. Montem uma chapa e concorra com novas propostas.Inovem.

    O momento é de fortalecimento. É de unirmos forças para os novos embates.

    Assim que eu penso.

    ResponderExcluir
  118. Privataria tucana em vídeo:
    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=-9mflDtyue0

    ResponderExcluir
  119. Concordo em parte com o colega Raimundo. O sindicato tem feito nesses ultimos anos os filiados de palhaços, manipulando em alguns momentos e não vejo, nenhum beneficio para os filiados. Para um sindicato como o nosso,não temos nenhum local para ficarmos quando vamos a BH.Em comparação com a Apeoesp(que já prestou tbem!),há 3 casas para os filiados,clube,hotel, cada subsede possui advogado e nós? O que faz com o nosso dinheiro arrecado? Precisa de advogado, tem que ir a BH ou encaminhar procuração. Ação,dependendo do caso, não vence nenhuma.Não há respeito a lei constitucional.Não há processo ajuizado em lugar algum,e,em consulta ao Ministério Público,fui questionada porque não houve ação movida por concursados em 2007, que não foram convocados? Por que,não ação junto ao Conselho Nacional de Sindicatos,exigindo a inconstitucionalidade da lei 100? As complicações de quem,já tem aposentadoria pelo INSS e outra promovida pela LC. O governo pouco está se importando com os servidores. Acha mesmo, que se houver problema futuro, será Aécio, Anastasia que irão responder por processo? O prejuizo será para aquele que está.
    E o processo eleitoral do sindicato? Que absurdo? Que prazo é esse?
    Digo que concordo em parte com o colega Raimundo,porque desfiliação não será a "salvação". Temos que, colocar na direção pessoas que tenham compromisso com a educação, e não use o sindicato como palanque politico ou beneficios próprios.
    Deixar alguns decidirem o nosso futuro com mediações que mal sabemos como ocorre com a SEE e o Seplag, é dar um tiro no escuro. Não que,nesse momento, estamos recebendo vantagens,mas, será a solução deixarmos o sindicato nas mãos de pessoas inescrupulosas?
    Não concordo com essa direção, aqui em Poços tivemos diversos problemas com a direção central, por diversos motivos,que agora não vem ao caso,mas, manter esse grupo, que estão nesse comando por anos?
    Vale a pena pensar se queremos acabar de vez com a nossa carreira!
    Companheiro Euler, agora é hora,está disposto ajudar a mudar essa história?
    Abraços

    ResponderExcluir
  120. Eu li o relatório da OEA.Um absurdo, não deixem de ler.

    ResponderExcluir
  121. Devemos deixar de hipocrisia em dizer que este sindicato tem história.Qual história??E que o governo sabe disso e tenta desqualificá-lo hahahah me diga como??? o governo só tem nos esmagado friamente porque sabe da incompetência deste sindicato.Então esses que querem continuar pagando e filiado , vão esperar mais quantas décadas?? A história se faz no dia a dia.O que passou já era.Vamos ficar vivendo de histórias e recordações?? O que o mundo exige de nós é mudanças.Agora é realmente a hora mas quem irá nos salvar??? E se quem nós pensamos e queremos como diretor do sindicato não quiser??? e se mesmo depois houver falcatruas nas apurações??? Vocês confiam nisso??? Pode até ser que alguém bem intencionado vá se candidatar mas será que vai haver lisura nas apurações?? Será que vencerá?? Podemos até tentar pois o momento é agora senão. bye bye .Eu não sou sindicalizada a mais de 10 anos e nunca me fez falta .Eu fico indignada com quem todo mês(por menos que seja a contribuição) paga estes ladrões.Aliás o Brasil só tem esse tipo de gente mesmo e principalmente nas maiores representações deste país.Continuem pagando para eles usufruirem de tudo de melhor para eles próprio.Para vocês não fazem nada, nem o mínimo de respeito este sindicato tem por quem mantém essa bagunça .

    ResponderExcluir
  122. EULER, SABEMOS QUE VOCÊ TEM O DOM DA ORATÓRIA E É UM ÓTIMO ESCRITOR, LOGO TENHO CERTEZA QUE VOCÊ E TODOS OS AMANTES DA EDUCAÇÃO, SEUS LEITORES AQUI DO SEU BLOG E TODOS QUE SÃO CONTRA O GOVERNO ADORARIAM QUE VOCÊ ELABORASSE UM TEXTO NO PRÓXIMO POST FALANDO DESSA NOTÍCIA AÍ, DO NOVOJORNAL DO DIA 16/10/2012 LEIA:

    Relatório da OEA classifica Minas Gerais como "Terra sem Lei"
    Estudo sobre o funcionamento das instituições nos Estados brasileiros relata a ausência do “Estado Democrático de Direito” em Minas Gerais.
    Estudo realizado e divulgado pela OEA coloca Minas Gerais junto com o Estado do Pará em último lugar entre os Estados brasileiros, levando-se em conta a liberdade de imprensa, obediência e garantia aos cidadãos pelos Poderes, Legislativo, Executivo e Judiciário dos princípios constitucionais assegurados.

    O mesmo estudo coloca Minas Gerais como o segundo colocado entre os Estados da Federação brasileira em nível econômico e o primeiro em poder político. O Estado do Pará é historicamente e sabidamente internacionalmente considerado um Estado sem Lei, porém, a classificação de Minas Gerais no mesmo nível assustou analistas internacionais.

    Já há quase dois anos diversas reportagens publicadas por Novojornal a respeito do que vem ocorrendo em Minas Gerais, têm sido objeto de analise e pesquisa por diversos organismos internacionais, chegando ao ponto da Less Editor Ltd, localizada em Amsterdam, na Holanda, solicitar autorização para publicar uma série de reportagens sobre a atuação da “Gangue dos Castros”, o que se transformou em livro.

    Novojornal foi agraciado em Belgrado pelo Partido Liberal Democrático, no parlamento da Sérvia, devido uma série de reportagens publicadas sobre o envolvimento do considerado chefe da “Gangue dos Castros”, o mineiro Danilo de Castro, com a multinacional de jogos Ghetec. A empresa, segundo apurou a Comissão Parlamentar de Inquérito, do parlamento Sérvio, foi quem, representando a Máfia Russa, patrocinou diversos movimentos armados no País. Danilo de Castro é citado três vezes no relatório final das investigações como o representante no Brasil da Ghetec mundial, o que já havia sido comprovado na CPI dos Bingos que tramitou no Parlamento Brasileiro.

    Segundo analistas políticos, a péssima classificação de Minas Gerais neste estudo trará dificuldades para que lideranças que dirigem ou dirigiram o Estado nos últimos anos, tendo como auxiliar Danilo de Castro, consiga alçar vôos mais altos na política nacional. O Banco Mundial, o Banco Interamericano de Desenvolvimento Econômico e a própria ONU têm sido questionados sobre a relação dúbia que vem tendo com o Estado de Minas Gerais ao conceder empréstimos sem questionar a inexistência do “Estado Democrático de Direito”

    Tá vendo, tudo aquilo que a imprensa comprada não vê, o que a justiça subserviente ao governo de Minas e do Brasil não vê a OEA viu e está vendo e tendo a coragem de divulgar. A OEA viu o estado nos obrigando a ir para o subsídio tirando o nosso direito adquirido, a OEA viu o estado criando uma lei 100 dando cargos públicos a quem não fez concurso, a OEA viu acordos sendo assinados com o sidute no fim da greve de 112 dias e que depois não foi respeitado pela "gangue dos castros", a OEA viu a criação do subsídio como remuneração para os professores burlando a lei do piso neste estado SEM LEI. Enfim, nosso grande amigo Euler, gostaríamos que desse a esta notícia a mesma importância que a rede globo vem dando ao mensalão do PT. Vamos juntos divulgar esta notícia aos quatro cantos o sindute então é obrigado a divulgá-la. Um grande abraço e ficamos aguardando o seu texto.

    ResponderExcluir

  123. http://www.novojornal.com/politica/noticia/relatorio-da-oea-classifica-minas-gerais-como-terra-sem-lei-16-10-2012.html

    ResponderExcluir