sábado, 4 de agosto de 2012

Portal da Transparência do Governo de Minas revela a situação de baixos salários dos professores

Portal da Transparência do Governo de Minas revela a situação de baixos salários dos professores. É o choque de gestão, que completa 10 anos de destruição de direitos e conquistas dos educadores.


O governo de Minas divulgou recentemente o Portal da Transparência, exibindo os salários dos servidores do Estado de Minas, incluindo os nomes dos servidores - o que, aliás, está sendo questionado na Justiça. Mas, o dado revelador, para quem não conhece a realidade dos salários dos servidores públicos da rede estadual de Minas, é a disparidade entre alguns segmentos, com diferenças gritantes para profissionais que possuem o mesmo grau de exigência acadêmica. Um outro dado, que não é novidade alguma, é a condição de miserabilidade imposta aos trabalhadores da Educação e ao pessoal da Saúde, que formam a maioria dos servidores, por conta das políticas dos últimos governantes, especialmente após o chamado choque de gestão, inaugurado pelo governo do faraó e seu afilhado. 


O caso da Educação é clássico: todas as gratificações, como quinquênios, biênios, pó de giz e gratificação por pós-graduação, foram abolidas. Da mesma forma, para escapar da Lei do Piso dos educadores, o governo implantou o subsídio, uma espécie de salário único, uma soma de salário, que contraria a lei federal. Como se não bastasse, o governo reduziu, apenas para os educadores, os índices de promoção e progressão que existiam na antiga carreira dos servidores do estado de Minas, praticamente congelando os salários até 2015. Cito o meu caso em particular: o atual salário total de R$ 1.403,00 passará para R$ 1.450,00 em 2015 - que é, coincidentemente, o valor nacional do piso salarial dos educadores para 2012. 

Com a lei do subsídio, aprovada por 51 deputados inimigos dos educadores e do povo de Minas, o governo igualou por baixo os salários de todos os professores, destruindo a carreira do Magistério. Um professor que tenha ingressado hoje no estado receberá em torno de dois salários mínimos para um cargo completo de 24 horas - valor semelhante ao salário de um professor que tenha 10 ou 15 anos de estado. O governo de Minas não paga o piso salarial nacional, não implantou o terço de tempo extraclasse, praticamente aboliu para os educadores as férias-prêmio, e não corrige os salários dos educadores pelos índices da Lei do Piso. São cerca de 400 mil educadores, entre aposentados e na ativa, que foram prejudicados pela política do governo de Minas. Até mesmo a divulgação da jornada de trabalho dos professores é apresentada no "Portal da Transparência" de forma prejudicial aos professores, pois aparece como sendo um total de 18 horas, desconsiderando o tempo extraclasse, que é legalmente parte integrante da jornada total de 24 horas semanais.

A prática política neoliberal do Governo de Minas infelizmente é acompanhada também por outros governos, como o Governo Federal, que não consegue negociar com os professores e demais trabalhadores do Ensino Superior, que estão em greve há 3 meses, alegando não haver recursos. Contudo, recursos para bancarem obras faraônicas, salários de marajás para os amigos dos reis e rainhas; para pagar centenas de bilhões de juros aos bancos, ou para a Copa do Mundo, ou para políticas em benefício dos ricos, para isso eles sempre encontram um jeito. Para a valorização do pessoal da Educação e da Saúde, aí sim, eles nunca têm verbas disponíveis, enquanto sobram promessas de um futuro melhor para estas áreas sociais. Somos o povo que vive de futuro. A população precisa discutir essa situação presente, e o que tem sido feito com os recursos públicos, que deveriam ser investidos em favor dos de baixo, com Saúde pública decente, Educação de qualidade para todos, moradia popular ao alcance de todos, transporte público eficiente e barato, etc. Estamos distantes dessa realidade, o que nos impõe a necessidade de lutar para mudá-la.

Um forte abraço a todos e força na luta! Até a nossa vitória!

                            ***

156 comentários:

  1. QUANDO VI FIQUEI SIMPISMENTE PASMA,MAIS NÃO É SO DO ESTADO DE MINAS TEM DE OUTROS ESTADOS E DO FEDERAL.EU NÃO GOSTEI DA MINHA VIDA ESPOSTA, MAIS COMO GANHO POUCO MESMO....PIOR É QUEM CORRE O RISCO ATÉ MESMO DE SOFRER UM SEQUESTRO PQ INFELIZMENTE DO JEITO QUE NOSSO PAÍS ESTÁ.PRA NÃO SER TÃO RADICAL FALANDO EM SEQUESTRO,ATÉ MESMO NOSSAS CONTAS PODEM SER SAQUEADAS,O QUE JÁ PODE ESTAR ACONTECENDO.TRASPARENCI8A BRASIL SÓ PRA NÓS OS SIMPLES MORTAIS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perfeita o esclarecimento sobre a realidade da educaçao bo Brasil. O mais interessante é que a Lei 11.738/08 criada pelo governo PT e nos estados como Bahia e Rio Grande do Sul, principalmente o RS que são governos ligados ao PT, Sr. Tasso Genro, não cumprem a Lei do piso salariaal. Tasso Genro que fazia parte do governo federal na época, acha a lei um absurdo e um atentado aos cofres públicos. Agora, para as obras superfaturas dos estádios 1 bi é pouco para cada estádio. A recuperação da educação no Brasil se dará daqui algumas décadas se a idiotice do povo brasileiro conseguir perceber que segurança pública, educação, saúde estão sucateadas.

      Excluir
  2. Pensando bem...lamentável a exposição do PORTAL da TRANSPARÊNCIA do governo de Minas.Por mais que tentem explicar quanto a sintonia da vida profissional dos servidores, a situação só tende a piorar e a causar mais indignação, sem nenhum convencimento aos mesmos. A mudança para o subsídio,ou vencimento unificado foi feita com espaço de tempo muito curto, para rever milhares de situações diferenciadas, que se perderam em erros gravíssimos, sacrificando muitas vidas profissionais, e mais grave: ninguém da chefia quer apontar o erro, sempre arrumando desculpas. Até onde vai parar isso? Está claro o trabalho malfeito... causou tumulto "subsidial". Isso vai ter consequências...essa "batata quente" não poderá passar para outras mãos. Deixo aqui um relato meu: Conversando com minha cunhada que tinha 2 anos de trabalho na educação como professora, ela me disse que antes do subsídio a sua remuneração era de 800,00, depois do subsídio, ela passou a receber 1.320,00. Houve um aumento de quase 600,00 sem nenhuma tragetória e esforço físico p contar uma história profissional, até porque estava no início de carreira. Quando comparei minha situação com 28anos de serviço com direitos adquiridos, desgastada mentalmente e fisicamente com uma história concluída,saúde precária, porque não é fácil lidar com os mais variados comportamentos do ser humano, com idades que precisam de cuidados num exato momento; aí realmente eu me senti impotente; com um aumento de 130,00...e mais: deixou opções de escolha,ou vc fica no subsídio ou volta para o modelo antigo. Foi uma brecha muito boa. Prefiro perder esse aumentozinho e voltar a agarrar meus direitos adquiridos. Mas tudo foi um pesadelo, porque tive que voltar no braço para uma situação bem pior, para o tal vencimento unificado. Então eu pergunto: onde está a seriedade do sistema? Achou que todo servidor é bobo? Que qualquer gracinha está bom demais? Aí que se enganaram. É muito difícil uma voz de comando dá uma ordem e ter que voltar atrás...mas na questão quanto a um erro, sejamos humildes, repensar o erro é a melhor solução. O Estado ainda tem tempo para voltar atrás, porque não? Mas que errou, errou...e errou feio!

    ResponderExcluir
  3. Aécio Neves engorda contracheques de assessores com cargos em empresas públicas mineiras
    23/3/2012 13:29, Por Redação - de Brasília e Belo Horizonte
    Os contracheques dos assessores do senador Aécio Neves (PSDB-MG) estão mais robustos. As nomeações para cargos em estatais mineiras têm deixado a situação de três servidores comissionados mais confortável com o recebimento, além do salário do Senado, de recursos pagos a eles por integrar os conselhos de empresas do Estado de Minas Gerais, governado pelo tucano de 2003 a 2010 e agora sob o comando do aliado Antônio Anastasia (PSDB).

    Em nota, distribuída nesta sexta-feira, o senador tucano afirma que não há impedimento legal para o recebimento de jetom por parte de funcionários. Por meio de sua assessoria, Aécio Neves disse que os funcionários cumprem carga horária regular no Senado, embora ninguém seja obrigado a bater ponto na instituição e, nas estatais, são exigidos a ir a no máximo uma reunião por mês. Com isso, o salário dos servidores é aumentado em até 46%.
    Nomeado assessor técnico de Aécio em fevereiro de 2011, o administrador Flávio José Barbosa de Alencastro recebe R$ 16.337. No Conselho de Administração da Companhia de Abastecimento de Minas (Copasa), ele tem direito a até R$ 5.852 por mês, totalizando R$ 22.190. A política de remuneração da Copasa, enviada à Comissão de Valores Mobiliários, diz que em 2011 foram reservados R$ 632.100 para o pagamento dos nove conselheiros. Metade é paga como parcela fixa mensal e o restante, conforme a participação nas reuniões. Alencastro foi eleito para o conselho em 15 de abril, menos de um mês após a nomeação no Senado.
    http://correiodobrasil.com.br/aecio-neves-engorda-contracheques-de-assessores-com-cargos-em-empresas-publicas-mineiras/413682/#.UB2OqPTv3aA.twitter
    CONTINUA...

    ResponderExcluir
  4. CONTINUAÇÃO...
    Leia a nota do senador, na íntegra:

    “Não há vedação legal e/ou incompatibilidade entre as funções de integrante de conselhos administrativos e fiscais de empresas estatais e o exercício das atividades de servidor federal.

    “A acumulação indevida, prevista no inciso XVI, do art. 37, da Constituição Federal, não se configura pelo fato de o ocupante de cargo público ser, também, membro de Conselho de Administração ou Fiscal de empresa pública ou de economia mista, de quaisquer das esferas de poder.

    “A respeito do tema, o Supremo Tribunal Federal (STF) já se pronunciou pela não acumulação indevida.

    “Ao julgar a Medida Cautelar na Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 1485, o STF consignou, no voto condutor da decisão, que: “não se cuida, nos conselhos de administração e fiscal, do exercício de cargos em comissão ou de funções gratificadas, strictu sensu. Em se tratando de pessoas jurídicas de direito privado, de outra parte, não se caracteriza sequer a participação nesses conselhos como exercício de função pública, strictu sensu”.

    “Os assessores do gabinete nessa situação vêm cumprindo jornada de trabalho diária e regular, com carga horária estabelecida em suas respectivas atribuições. O exercício de suas funções como servidor federal não guarda relação com os conselhos para os quais todos eles foram indicados vários anos antes à nomeação no Senado.
    “Em nota oficial, a Diretoria-Geral do Senado Federal atesta a regularidade da situação dos assessores e esclarece que:

    “Art. 119. O servidor não poderá exercer mais de um cargo em comissão, nem ser remunerado pela participação em órgão de deliberação coletiva, exceto no caso previsto no parágrafo único do art. 9º.

    “Parágrafo único. O disposto neste artigo não se aplica à remuneração devida pela participação em conselhos de administração e fiscal das empresas públicas e sociedades de economia mista, suas subsidiárias e controladas, bem como quaisquer empresas ou entidades em que a União, direta ou indiretamente, detenha participação no capital social, observado o que, a respeito, dispuser legislação específica.

    “Portanto, não restará configurada a acumulação ilícita se o servidor federal receber remuneração pela participação em conselhos de administração e fiscal de empresas públicas e sociedades de economia mista independentemente da esfera de governo.

    “Ao dispor para mais informações.

    “Gabinete do senador Aécio Neves”.
    http://correiodobrasil.com.br/aecio-neves-engorda-contracheques-de-assessores-com-cargos-em-empresas-publicas-mineiras/413682/#.UB2OqPTv3aA.twitter
    RESUMINDO...
    VOCÊS NÃO SÃO AMIGOS NEM PARENTES... F....-SE! FIM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem votou nesta "coisa"? Agora temos q. aguentar todos os desvarios deste narciso. Realmente como não somos parentes nem amigo do faraó, 'aqui ó". E fica td do mesmo jeito. Este país é uma vergonha...

      Excluir
    2. Pode ser legal, porém é imoral.

      Excluir
  5. A prima do Cachoeira que aécio neves empregou sem concurso ganha bem:

    http://brasil247.com/pt/247/midiatech/57226/Veja-o-v%C3%ADdeo-de-A%C3%A9cio-irritado-com-pergunta-sobre-a-prima-de-Cachoeira.htm

    ResponderExcluir
  6. Gente. vamos incomodar !!!!!!

    A secretaria Reanata tem um blog( blogrenatavilhena.blogspot.com.br)no qual ela colocou falando sobre o portal da transparência . Postei e outros também postaram a seguinte pergunta "Se recebo por 18 horas preciso preparar aulas em casa , corrigir atividades avaliativas cumprir módulo 2, participar de reunioes?Como poderão cortar um dia que não recebo por ele?" infelizmente este questionamento ela ainda não respondeu, mas vamos enchê-la de perguntas para que ela perceba que não somos RETARDADOS.

    ResponderExcluir
  7. CHEQUE DE GESTÃO

    VEJA COMO É

    Aumento da dívida Mineira (choque 01)
    Corte nos salários Servidores (choque 02)
    Aumento dos Cargos comissão(choque 03)

    Enriquecimento sem precedentes de Aético e corja
    (Sem choque)
    |Já sabiámos), pois se tira de uns tem que ir para Eles.

    EM MINAS (todos contra os ladrões).

    ResponderExcluir
  8. gente, quanto a tabela de salários, tem que publicar mesmo, sou professor e não ligo.

    foi assim que descobri que tenho um cara ai que fala que é detetive mas seu nome não apareceu na lista dos servidores, acho que é um bandido disfarçado.

    ResponderExcluir
  9. O SindPelego fez uma lavagem cerebral na categoria em 2010 e 2011 pelo direito ao Piso e agora tirou o corpo fora. Estão convocando Assembléia em Pirapora (mais um passeio turístico. "Sou caipira, pira, pora , Nossa Senhora de Aparecida..."):

    http://www.sindutemg.org.br/novosite/conteudo.php?MENU=1&LISTA=detalhe&ID=3608

    A estratégia errada de novo. Estrategia significa pressão. 11 de agosto é sábado !! Se o SindInútil quisesse realmente ganhar a parada, ao invés de fazer de conta que está mostrando serviço, deveria convocar a categoria para uma rebelião DENTRO das unidades de exercício, ou seja, deflagrar a desobediência do trabalhador. Como seria isso?

    - Ninguém entrega PGDI ou se submete aos períodos de ADI;
    - Professores não preenchem mais Diários de Classe;
    - Boicote ao Módulo II e Conselhos de Classe;
    - Boicote aos eventos culturais e esportivos;
    - Negativa à elaboração de planejamento bimestral, planos de aula e entrega de notas à secretaria das escolas.

    Sem incomodar a turma do PIP, da SEE, da SRE, NADA EM ABSOLUTO sairá do lugar. Nem com Assembleias, Paralisações e Greves. Já está mais que provado que não funcionaaaaaaaaa..........

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. .........concordo em grau, gênero e número!! Precisamos de uma nova Inconfidência Mineira. Precisamos de novos inconfidentes dispostos a morrer se preciso for por um Choque de Moralização... “A revolução socialista na Rússia é resultado da mobilização e articulação dos operários das fábricas e dos camponeses, descarto a importância dos intelectuais e professores, os quais são indolentes, politicamente alienados e pouço confiáveis.” Lênin. A revolução na educação jamais contará com os simples, mas com o professorado. Xô, indolência!! Vamos escrever para o SindPelego e exigir atitude de liderança eficaz. Essa coisa de Marcha em Brasília, Assembléia em Pirapora, isso é pra inglês ver. É preciso ações concretas para atingir a meta: VALORIZAÇÃO! Valorização e qualidade passa por remuneração condigna de quem faz a Educação acontecer em Minas. Sem dignidade, sem salário condigno, sem poder aquisitivo, teremos mais e mais professores desmotivados, desestimulados, infelizes, doentes. E a médica de André está errada. Não queremos mudar de profissão, queremos mudar a realidade que nos arrasta até a perícia. É possível associar trabalho à saúde, basta termos liderança e obedecermos à ordens e convocações coerentes e coesas, ao invés de nos deslocarmos em caravana para ali e acolá. A resposta para a conquista não está fora, mas dentro das unidades de exercício.

      Excluir
    2. Já recebi muita pressão por parte de cabos eleitorais do próprio PT assim como de outros partidos como o PSDB disfarçados e também de outros professores para mudar de profissão, além disso sempre tentavam sabotar minhas aulas colocando os alunos contra mim ou duvidando de minha capacidade em atuar, principalmente quando eu colocava o dedo na ferida denunciando os poderes políticos, mas nunca arredei pé. Esse tal de André usa a mesma lógica dos que tentam me tirar da profissão.

      EXISTE MUITOS INTERESSES EM JOGO, ESTAMOS VIVENCIANDO UM MOMENTO DELICADO NA POLÍTICA BRASILEIRA, MUITA COISA AINDA VIRÁ À TONA.

      Excluir
    3. Apoiado! A revolução tem que começar dentro das unidades de trabalho. Outdoors, camisetas, panfletagem, marchas, assembleias, paralisações, greves, não fazem nem cócegas no governo. Se o SindPelego editar uma declaração para os servidores, com o emblema do pratinho da "fome", e o slogan "RESPEITO AOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO" e nesta declaração constassem ações de retaliação, como as sugeridas pelo NotaDaRedação, e todo o pessoal agisse de forma a retaliar os serviços essenciais: entrega de notas e registro de frequência dos alunos, entrega de planos de aula e planejamento anual e bimestral, boicote à ADI, Conselhos de Classe e Módulo II, até termos o merecido respeito e uma remuneração condigna, causaríamos um choque no andamento da rotina escolar, aí sim, haveria um motivo para urgente negociação. Se o SindInútil continuar com as velhas estratégias, principalmente agora, em ano de eleições municipais, o governo declarará o que sempre declara "a movimentação é política" e poderá até acrescentar, é "inexpressiva", porque não incomodará em nada. O negócio é desobedecer, rebelar-se DENTRO e não FORA das escolas.

      Excluir
    4. DESOBEDIÊNCIA é a palavra de ordem e a únida estratégia que dará certo. Outro boicote muito válido seria NINGUÉM enviar o gabarito para o PAAE. Deixar que eles "diretores" gerem as provas sem gabarito do teacher, hê! hê! hê! Sério!! a REBELIÃO tem que começar DENTRO e não FORA, como quer o SindTour... Boa, essa, Gracieusa!!!!!! Seria hilárioooo... provar que NADA funciona sem a intervenção dos educadores, kkkkkk...

      Excluir
  10. Amigos,

    Toda a cura requer um remédio amargo. Por enquanto é este o quadro que temos. Na minha última perícia, a médica me perguntou porque não mudo de profissão. Contei-lhe resumidamente sobre os 10 anos na Itália, Bela e as decepções da carreira docente.
    Ela insistiu: mude de profissão.
    Acatei o conselho e com um sorriso amarelo fui embora. Ela não havia passado por uma decepção de amor, a vida é como uma rapadura: é BELA mas não é mole.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amigo até parece que temos tempo ou condições financeiras p mudar assim de profissão. Fácil falar, como eu também gostaria poder mudar.

      Excluir
  11. Tansparência nessa terra de cegos, onde uns tem um olho??? Piada sem graça!

    No país Minas Gerais, essa tal de transparência só contribuirá para que os caixas dois da vida engordem ainda mais. Afinal todos verão os vencimentos reais e ficarão com a impressão de que ta´tudo lindo, quando na verdade a dilapidação do herário público correrá frouxa muito abaixo das sargetas.

    POr isso a pressa e a eficiência do tal portal da Transparência no "País da Bruzundanga".

    Instuitucionalizaram com isso numa verdadeira formação de quadrilha o roubo descarado dessa pobre gente mineira sem eira nem beira.

    Lembrem-se, num estado que de concreto só existem a mentira midiática financiada com gordas verbas públicas. Os vencimentos no Portal da transparência nada mais é do que uma referência de quanto se está roubando. Lá estarão a verdade dos pobres e como sempre as mentiras dos larápios, que mesmo não informando toda sua renda, os valores humilharão com certeza nós... Os bestas que vivem de esperança.

    ResponderExcluir
  12. Você não pode dormir sem saber que:
    O STF está cruzando dados do Cachoeira com o Mensalão do Azeredo e do PSDB de MG
    "Negociadores experientes conversam com Cachoeira, encarcerado no Presídio da Papuda, em Brasília, segundo fonte confidenciou ao Correio do Brasil, “para acertar os pontos finais de uma delação premiada”, benefício legal que poderá ser concedida ao contraventor, caso ele resolva falar o que sabe sobre a rede de crimes que comandava no país. Cachoeira, privado da liberdade há quase seis meses e das visitas íntimas da mulher dele, Andressa Mendonça, desde que ela foi detida pela acusação de tentativa de suborno a um juiz federal, há uma semana, “está vivendo um inferno”, afirmou um advogado a colegas do escritório do jurista Márcio Thomaz Bastos, que renunciou à defesa do bicheiro.

    – O Cachoeira está perto do seu momento de quebra. Ele começou a compreender agora, com clareza, que apesar dos recursos financeiros de que ainda dispõe, foi abandonado por todos os seus contatos no mundo político, jurídico e nos veículos de comunicação que, no início, ainda tentavam enquadrá-lo como um ‘empresário na área de jogos’, em uma cartada para evitar que o processo chegasse às conclusões que, dia após dia, ficam mais robustas para as autoridades no Judiciário e do Congresso, onde a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) liga todas as pontas do esquema criminoso. A delação de Cachoeira seria o elo final na cadeia de eventos que teve início com a denúncia do chamado de ‘mensalão’ – disse a fonte.
    Uma das linhas de investigação mais consistentes, segundo promotor do MPF que também prefere manter o anonimato para evitar qualquer dano ao processo contra o esquema criminoso de Cachoeira, é aquela que liga a quadrilha do contraventor a um processo de financiamento de campanhas eleitorais e de enriquecimento ilícito de seus cúmplices similar ao outro, controlado pelo publicitário Marcos Valério, principal réu na AP 470. Enquanto Cachoeira “abastecia os cofres de seus aliados políticos à direita”, em legendas como o PSDB, o DEM e o PPS, “Marcos Valério trabalhava para setores da base aliada na montagem de um possante caixa 2, pronto a irrigar candidaturas ligadas ao conjunto de siglas de apoio ao governo”, constata o promotor público em conversa com o CdB, neste domingo."
    http://correiodobrasil.com.br/cpmi-do-cachoeira-levanta-dados-que-se-cruzam-com-processo-do-mensalao-e-alertam-ao-stf/496396/#.UB7vUy9ZmUU.twitter
    CONTINUA...

    ResponderExcluir
  13. CONTINUAÇÃO 2
    – A teoria de uma conspiração no Palácio do Planalto, à época do primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, montada para comprar parlamentares e perpetuar o governo petista no poder, mostra-se cada vez mais frágil diante dos fatos ocorridos. Não há nenhuma novidade. O que ocorreu em 1994, em escala anabolizada, vinha desde 1998 com o sistema de caixa 2 montado por Marcos Valério em Minas Gerais, destinado a pagar as contas de campanha do então candidato Eduardo Azeredo (PSDB-MG). Ele desviava quantias vultosas do Erário por meio de um sofisticado esquema de lavagem de dinheiro – argumenta o promotor.
    Esse esquema, batizado de ‘mensalão mineiro’, também chamado de ‘mensalão tucano’ ou ‘valerioduto tucano’, teve início na campanha para a eleição de Azeredo – um dos fundadores, e presidente do PSDB nacional – ao governo de Minas Gerais. O caso está detalhado em denúncia formulada pela Procuradoria Geral da República ao STF contra Azeredo que, segundo os autos, seria “um dos principais mentores e principal beneficiário do esquema implantado”. Azeredo é acusado de “peculato e lavagem de dinheiro”. Uma solução idêntica, mas de dimensões nacionais, administrada também por Valério, teria servido como fonte financiadora para uma série de operações destinadas ao pagamento de dívidas de campanha dos partidos ligados ao Partido dos Trabalhadores (PT).
    Até onde conseguiram chegar as buscas por provas no processo da AP 470, Valério e Delúbio Soares, então tesoureiro do PT, trabalhavam em conjunto para quitar os gastos realizados nas disputas a cargos públicos e formar um estoque financeiro suficiente para as próximas campanhas. Tão logo o candidato petista venceu as eleições, em 2004, com a proximidade entre Valério e o tesoureiro do PT, ter-se-ia iniciado o processo de captação de recursos, por meio de contratos fraudulentos em publicidade junto às estatais e aos ministérios. Na oposição – após décadas na condução dos destinos do país e próspero na formulação das políticas criminosas que deram origem ao Best seller do jornalista Amaury Ribeiro Jr, Privataria Tucana – o PSDB, que conheceria por dentro o funcionamento da trama criminosa, teria em Cachoeira o seu principal agente para denunciar a corrupção de funcionário dos Correios, Maurício Marinho, e detonar a mais consistente tentativa de derrubar um governante eleito no país, desde a queda do então presidente Fernando Collor, em 1990.
    http://correiodobrasil.com.br/cpmi-do-cachoeira-levanta-dados-que-se-cruzam-com-processo-do-mensalao-e-alertam-ao-stf/496396/#.UB7vUy9ZmUU.twitter
    CONTINUA...

    ResponderExcluir
  14. CONTINUAÇÃO 3
    – Era a oportunidade exata para bater pesado no governo, com o apoio da revista (semanal de ultradireita) Veja e demais meios conservadores de comunicação que o apoiam, entre eles os diários conservadores paulistano Folha de S. Paulo e carioca O Globo – relembra a fonte.
    A tentativa falhou. Tanto a popularidade de Lula quanto a renúncia do então ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, reduziram a pressão pela abertura de um processo de impedimento do presidente da República, como se chegou a ventilar na época. Dirceu, no entanto, apontado como líder da suposta quadrilha que comprava votos, sempre negou a existência do pagamento de um ‘mensalão’ aos parlamentares da base aliada. Tratava-se, sim, da formação de um caixa 2 para a sustentação das campanhas eleitorais do PT e de seus aliados, como reconheceram os principais acusados à CPMI que produziu o relatório usado pela Procuradoria Geral da República para acusar os 38 réus na AP 470.
    A proximidade entre os esquemas de Cachoeira e de Marcos Valério foi citada até em Londres, na edição deste domingo do diário britânico The Guardian, um dos mais vetustos jornais da Inglaterra:
    “O escândalo do mensalão não é o único grande caso de corrupção a aparecer nas manchetes nas últimas semanas, com outras questões levantando a probidade das próprias organizações que deveriam estar investigando crimes. O investigador da polícia de Wilton Tapajós Macedo foi morto no mês passado, enquanto regava as flores no túmulo de seus pais. De perto, dois tiros foram o suficiente. Um passou pela têmpora, o outro através da garganta.”
    http://correiodobrasil.com.br/cpmi-do-cachoeira-levanta-dados-que-se-cruzam-com-processo-do-mensalao-e-alertam-ao-stf/496396/#.UB7vUy9ZmUU.twitter
    Dá- lhe, Brasil. CADEIA NELES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazer pacto com o "coisa ruim" nunca foi bom negócio. Quem a ele se associa acaba pagando mais cedo ou mais tarde. Quero ver o mensalão de MG....Especialmente aquele que rola na ALMG iniciada no desgoverno de aecim e aprimorada pelos seguidores...

      Excluir
  15. CONTINUAÇÃO 4:
    "A dificuldade do STF para julgar a AP 470 sem esbarrar no envolvimento dos tucanos em ação semelhante, nas Minas Gerais, também foi citada em matéria do conservador El Clarín, de Buenos Aires: “Embora seja uma sentença muito aguardada por alguns setores do governo e da oposição, não parece simples. Um dos 11 juízes do Tribunal tem denúncias contra ele. Trata-se de Gilmar Mendes, de quem se diz ter sido beneficiado por um esquema semelhante de corrupção montado em 1998 em Minas Gerais pelo ex-governador daquele Estado, o social-democrata Eduardo Azeredo. Coincidentemente, os circuitos de dinheiro que impulsionaram esse governador também foram comandados pelo publicitário Marcos Valério.”
    Para a rede norte-americana de TV CNN, os partidos de direita falharam completamente na tentativa de desgaste aos governos progressistas liderados pelo PT, que assumiram os destinos do país a partir da metade da última década. “A atual presidente Dilma Rousseff, também do Partido dos Trabalhadores, nunca foi conectada ao escândalo. Na verdade, Dilma Rousseff goza de uma forte taxa de aprovação de 77%. A visão de muitos brasileiros é que ela tomou uma posição firme contra a corrupção, despedindo seis ministros suspeitos de desvios”, afirma a emissora.
    http://correiodobrasil.com.br/cpmi-do-cachoeira-levanta-dados-que-se-cruzam-com-processo-do-mensalao-e-alertam-ao-stf/496396/#.UB7vUy9ZmUU.twitter
    CUSTAMOS MAS CONSEGUIMOS. É NÓS NA FITA DO PSDB. ESSES INFELIZES JAMAIS SE REERGUERÃO NOVAMENTE. QUE OS DEMONIOS OS CARREGUEM COM SEUS AMIGOS E AUXILIARES PARA OS QUINTOS DOS INFERNOS. DE ONDE JAMAIS DEVERIAM TER SAIDO. CAMPANHA CONTRA ELES PROFESSORES!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vejam quem são os "PODEROSOS" do pdsb no site: www.caixadoistucanodefurnas.blogspot.com.br

      Excluir
    2. Estão entregando, gratuitamente, exemplares da revista 'VEJA só o que nós deixamos" "VEJA como somos poderosos" em meu prédio. Tá mal, hein? Joguei a minha no LIXO, sem abrir. Nunca fui assinante desta m... Façam doação para os 51 capachos da corte celestial mineira.

      Excluir
    3. Reafirmo nosso voto ( meu e de familiares ) para o PATRUS. Vamos desestabilizar estes corruptos do psdb q. se julgam "deuses" e donos do Brasil. Quanta propaganda MENTIROSA. Olha que o nariz cresce! Qd vejo tv mudo de canal, sem parar, para não assistir a nova propaganda q. conseguiu ser mais mentirosa q. as anteriores. Ai que cansativo! Mais dinheiro para o ralo.

      Excluir
  16. PSDB = PIOR DESGRAÇA DO BRASIL.

    ResponderExcluir
  17. No Portal da Mentirada meu salário bruto é de 2064 reais para 18 horas. De onde esse lixo de governo tirou este número? É inacreditável! Tô pasma.

    ResponderExcluir
  18. Minas Gerais, país das falcatruas.

    ResponderExcluir
  19. O escândalo que mudou a cara do PT
    Atualizado: 05/08/2012 03:06 | Por GABRIEL MANZANO, estadao.com.br

    Já com sete anos completos, vivendo dias de glória na austera sala de sessões do Supremo Tribunal Federal, o mensalão tem papel garantido na história: ele marcou em definitivo a vida de um dos maiores partidos do País, o PT, dividindo-a em um "antes" - os tempos da bandeira ética, quando todos os outros partidos eram "farinha do mesmo saco" - e um "depois", em que o exercício do poder matou o sonho e levou aos conchavos e ao antes desprezado "é dando que se recebe".
    Essa é, com pequenas diferenças, a impressão de muitos estudiosos da vida partidária do País. Por exemplo, o historiador Lincoln Secco, autor do livro A História do PT: "O episódio dividiu, sim, a história petista em duas partes, porque derrubou o discurso pela ética na política e retirou de cena os principais quadros históricos do partido", diz o historiador da USP. Como ele, o professor de Ética e Filosofia da Unicamp Roberto Romano considera o episódio crucial na vida do partido, mas não o vê como um acidente: "Ele é o coroamento de um longo processo interno que se desenhava muito antes".
    E, do ponto de vista ideológico, um terceiro estudioso do assunto, o psicanalista Tales Ab'Sáber, define o episódio como "a instalação do PT na política de direita brasileira". Ab'Sáber pondera, no entanto, que "os demais partidos, inclusive partícipes do próprio mensalão, não têm nada de melhor a oferecer no manejo da política do País".
    A turbulência em que mergulhou o partido, naqueles meados de 2005, justifica tais reações. Mal o deputado Roberto Jefferson fez a denúncia, o então poderoso chefe da Casa Civil, José Dirceu, "saiu rapidinho" do governo, como ele sugeriu. O presidente do PT, José Genoino, foi afastado em seguida. O próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi duas vezes à TV pedir desculpas ao País e dizer-se traído.
    Resistência. A oposição, feliz, achava que o petismo estava acabado e que sua volta ao Planalto, no ano seguinte, era inevitável - tanto que nem se arriscou a pedir o impeachment de Lula, achando melhor "vê-lo sangrar".
    Essa visão se desmanchou em poucos meses. O tal "muro divisório" do petismo não alterou os humores do eleitorado como se imaginava. A militância encolheu, mas não entregou os pontos. O partido baqueou, mas, à sombra do prestígio de Lula - que conseguiu manter-se acima da crise - reagiu. Não só faturou as eleições presidenciais de 2006 e 2010 como continuou a dividir com o PMDB as grandes bancadas na Câmara. Em 2006 elegeu 83 deputados. Em 2010, saltou para 88. Mais que as denúncias da oposição e da mídia, o que valia eram reações como a do ator Paulo Betti que, em agosto de 2006, sentenciou: "Não dá pra fazer política sem botar a mão na merda".
    O Ibope deu números a esses tempos sombrios do partido. Em março de 2003, antes do estrago aprontado por Jefferson, 33% dos eleitores do País diziam ter simpatia pelo PT. O índice foi caindo devagar, bateu no fundo em fevereiro de 2006, com 21% - mas a sigla ainda liderava esse ranking. Em março de 2010 já emplacava de novo os 33%, que mantém até hoje. "O maior custo eleitoral foi a perda da característica ética. Hoje o PT se iguala aos demais. Mas continua sendo o que tem a maior preferência", conclui a diretora executiva do Ibope, Marcia Cavallari.
    O sonho e o poder. O que salvou o partido, avisa Secco, "foi o capital social, que lhe deu forças para se recuperar". Mas é uma recuperação apenas como ocupação de poder - pois, do antigo sonho, da pureza ética, poucos se arriscam a falar. "Esse sonho desapareceu muito antes", alerta Roberto Romano. "Nas eleições de 1989, contra Fernando Collor, era fácil ver nas ruas gente paga para agitar bandeiras do PT. A burocracia já pesava mais que a militância."

    CONTINUA

    ResponderExcluir
  20. CONTINUAÇÃO



    Para Romano, as origens do mensalão vêm da primeira infância do PT. Dos três grupos que o formaram ainda nos anos 1970, os "realistas", com Lula e José Dirceu à frente, venceram os católicos e os trotskistas. E Lula, ironiza ele, "aprendeu a fazer política e concessões com o patronato". Em 2002, a Carta aos Brasileiros - garantia dada "ao mercado" de que, se eleito, respeitaria as regras e contratos - "foi a capitulação" dos idealistas ante a lógica da conquista do poder. Naquela ocasião, diz o professor, "deviam ter convocado um congresso e mudado o programa do PT. Aquele não servia mais".
    Na sua "fase 2", em que tenta - ainda hoje -reduzir o mensalão a uma campanha da imprensa e das oposições, Ab'Sáber vê o petismo empenhado em produzir "uma alucinação negativa de que (o mensalão) não existiu".
    O partido, segundo ele, continuará usufruindo os privilégios típicos dos poderosos. "Mas no dia em que o PT perder o poder, eu temo pelo seu destino. Até lá ele tenta desesperadamente se enraizar nos municípios e no Estado enquanto perde relevância histórica - ou seja, tenta tornar-se um PMDB qualquer."



    QUAL VOCÊS PREFEREM, A DITADURA DO PT OU A DITADURA DO PSDB, DEM, PMDB E DEMAIS PARTIDOS?

    ResponderExcluir
  21. "Na sua "fase 2", em que tenta - ainda hoje -reduzir o mensalão a uma campanha da imprensa e das oposições, Ab'Sáber vê o petismo empenhado em produzir "uma alucinação negativa de que (o mensalão) não existiu"."
    O PIG = Partido da Imprensa Golpista = Veja, Globo, Estadão, Folha, dentre outros, ganhavam muito dinheirQUAL VOCÊS PREFEREM, A DITADURA DO PT OU A DITADURA DO PSDB, DEM, PMDB E DEMAIS PARTIDOS?o para publicar textos escritos por Cachoeira para derrubar os políticos que ele e seus "amigos" perseguiam para se perpetuarem no poder. Então agora a imprensa está doida, porque eles também estão enrolados até o fundo da alma com as águas do Cachoeira e estão publicando esse monte de absurdos contra o PT. Mas eles sabem muito bem que nós mineiros somos altamente politizados e não vamos cair nessa onda de QUAL VOCÊS PREFEREM, A DITADURA DO PT OU A DITADURA DO PSDB, DEM, PMDB E DEMAIS PARTIDOS? O mensalão existiu sim, só que é do PSDB / DEM .
    A5 de agosto de 2012 22:56
    O escândalo que mudou a cara do PT
    Atualizado: 05/08/2012 03:06 | Por GABRIEL MANZANO, estadao.com.br
    Esse escandalo aí o PSDB um tiro no pé, na barriga e espero que o ultimo tiro seja na cabeça de todos ps tucanalhas vagabundos que roubam dos trabalhadores para desviarem para os amigos. Leia mais: A PRIVATARIA TUCANA e A LISTA DE FURNAS( google )

    ResponderExcluir
  22. Os tucanalhas morrem, mas não se dão por vencidos. Oh, raça do satanás. O eduardo azedo, demogel, o satanasia, o aócio never eC&A, quando chegarem no inferno, coitadinho do lúcifer.
    PSDB = PARTIDO SÓCIO DO BICHEIRO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O procurador geral da republiqueta chamada Brasil está mais para JÔgurgel,não? Homem equisito! Será que ele já ouviu falar no mensalão do psdb? E das falcatruas de FHC? E tb do mensalão na ALMG que é subserviente a dc e ao que desgoverna MG? Escândalo e atrevimento de maior monta, este senhor verá no psdb e na mídia comprada...

      Excluir
  23. Bom dia amigos(as).
    A luta continua não podemos nos calar nas salas de aula, em João Monlevade já estamos em campanha contra os tucanos, e vocês da capital têm que expor todos os candidatos aí Lembrem, do Eros Biondini ex deputado agora candidato a prefeito, detonem com estes aí.Fora Tucanos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Votem contra Aécio/Anastasia.



      Eles acabaram com a carreira dos professores.

      Excluir
  24. NÃO ESQUECENDO..

    Carlos Mosconi
    PSDB
    Poços de Caldas, Andradas, Machado, Botelhos, Caldas, Santa Rita de Caldas, Espírito Santo Dourado, Munhoz, Paraisópolis, São Gonçalo do Sapucaí, Ibitiúra de Minas, Muzambinho e Inconfidentes.


    Foi o maior defensor do projeto que destuiu a carreira dos profissionais da educação

    Cássio Soares
    PRTB
    Passos e região.


    O deputado não tem absolutamente nenhuma expressão política na ALMG. Para agariar emendas tem passado seu mandato em estado de subserviência cega ao executivo, não atendendo os interesses do estado e da população mineira, mas, apenas os caprichos do governador. Foi a forma encontrada para garantir sua “fatia do bolo”.

    Fabiano Tolentino
    PRTB
    Divinópolis, Carmo do Cajuru e Belo Horizonte.


    Sua atuação na ALMG é marcada pela subserviência ao executivo. O deputado desconhece a maioria do conteúdo dos projetos que vota. O voto contrário a educação rendeu ao deputado a indicação da Superintendente de Ensino de Divinópolis. Portanto, mais do que nunca qualquer problema em escolas estaduais na região deve ser atribuído ao deputado, que será o responsável pela indicação da SUPERINTÊNDENCIA DE ENSINO DE DIVINÓPOLIS.

    Fábio Cherem
    PSL
    Lavras, Nepomuceno, Bom Sucesso, Perdões, Ijaci, Itamonte e Várzea da Palma

    Fred Costa
    PHS
    Belo Horizonte, Contagem e Nova Lima.


    O deputado se destaca na ALMG pela obediência cega ao executivo. Não conhece os projetos de Lei nos quais vota. Procurado pelos professores afirmou que votaria no projeto que destruiria a Carreira dos Educadores porque o governo havia mandado. Não conhecia o projeto, não conhecia os dados e falava números surreais para tentar driblar os professores. Contestado os números e apresentados os dados reais o deputado envergonhou-se e pediu desculpas. Mas votou condenando a Escola Pública

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conhecemos bem essa pessoa em Poços de Caldas, Mosconi, fora. Acorda Minas!

      Excluir
  25. para saber sobre vantagens direitos ... segundo quadradinho no portal do servidor não funciona para educação por que será? alguém já tentou?

    ResponderExcluir
  26. O portal da tranp. trouxe algo de bom...
    se meu sal. é para 18 aulas eu não estou recebendo pelas horas de modulo II, portanto estão em atraso e caso falte não ha cortes..

    Os cortes foram indevido cabe ação judicial pelos cortes e/ou não pagamento

    ResponderExcluir
  27. Euler esse portal da transparência não é a prova que o sindute precisa pois ali é bem obvio que o disparate salarial entre professores efetivos, lei 100 é enorme ou seja se você passou e efetivou de 2003 pra frente vc é mero escravo até 2015 o que o sindute está esperando para agir e os advogados não veem isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O sindtour não vê nem a carga horária de trabalho que é de 24 horas semanais ser diminuida lá para 18 horas, vai ver salário? O silencio do sindtour é tão gritante e sem criatividade que até as fotos da posse da nova diretoria da cut se repetiu uma dezena de vez no site do sindtour. Só gostaria que os anonimos perdessem o medo e se identificassem. Espero que esse medo não se reflita nas urnas eleitorais.
      Mudando de assunto, alguém pode me dizer cadê o curso Pensar Educação é Pensar Brasil da FAE-UFMG, o ultimo módulo foi o programa 11062012 no dia 06/06/12. Oh, FAE, as férias já terminaram.

      Excluir
    2. Não existe sindicato, já morreu, já era, já se foi a muito tempo...

      Excluir
  28. Concordo com um comentário que está aí,enquanto toda escrita que o professor faz for entregue em dia na secretaria da escola,para a escola passar para a SRE e esta para a SEE ninguém vai sentir incomodado.
    Informe apenas a nota para o aluno,boicote o que tem que passar para as secretarias de escola assim vai incomodar,não vejo falar que secretárias lutam por seus direitos,algumas quando tem parada dos professores elas querem saber com antecedência se o professor vai parar para colocar a falta,não esperam nem a parada acontecer.

    ResponderExcluir
  29. A secretária de educação estará em Pouso Alegre nesta sexta-feira. Será o que ele veio fazer aqui?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza alguma sacanagem kkkk

      Excluir
  30. Só para citar algumas aberrações: o meu contracheque de julho aponta o valor do subsídio de R$ 1.386,00. Já o que foi divulgado pelo Portal "Transparência" foi o valor de R$ 1.394,66 (!?!?!), além de não contar o desconto do IPSEMG, só das contribuições previdenciárias. Pô, já ganhamos uma miséria, e ainda tem que mentir? Quero os meus R$ 8,66 que faltam mais taxas!!!

    ResponderExcluir
  31. Ctrl L (Contro L) - o segredo desvendado. É verdade, muita gente esconde a sete chaves o seu salário e é um direito! Agora, essa esculhambação.

    ResponderExcluir
  32. Olhar Literário – o seu blog de literatura na internet

    Marcelo Arantes
    Da redação

    Tenho um “programinha” que lista todas as páginas do Google que tem um pagerank acima de 2. Pagerank para quem não sabe é a combinação de três coisas: o número de acessos do seu blog ou site; o número de vezes que você atualiza ele (dizem que é a coisa mais importante em se tratando de blogues) e, por último, o número de acessos que seu blog tem.
    Parceiro (a), primeiramente quero apresentar nosso blog. Sou técnico em T.I (Tecnologia da Informação), nas minhas horas vagas sou blogueiro.
    Toda segunda – quem vos fala – faz crítica a literatura contemporânea.
    Nas terças, o Felipe analisa literatura moderna, quartas a Lorena analisa literatura medieval e quinta o Hugo analisa literatura antiga.
    Vim “cair” nesse blog pelo alto pagerank dele. Enfim, vim aqui convidar vocês a acessarem o blog do Paulo Henrique, escritor contemporâneo que tenta fazer literatura através da análise do concreto.
    O escritor está escrevendo seu melhor trabalho “Demônio Interior”. Para quem quiser analisar o restante, só digo que deve ter estômago para digerir tanta porcaria romântica.
    Não tenho nada contra essa corrente literária, porém, acho o naturalismo uma literatura que vá enriquecer mais o cotidiano de quem lê.
    O próprio escritor parece ter percebido isso, e “Demônio Interior” sintetiza seu rompimento com o romantismo e sua guinada para o naturalismo.
    Fica a dica literária.

    http://phdescritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Que transparencia é essa só do pessoal da ativa? E os aposentados e os afastados, etc? Se temos dois cargos um aposentado e outro na ativa, estamos só com um cargo no tal PORTAL DA INDECENCIA. E a minha amiga professora coitadinha com medo de bandidos verem nossos salários kkkkk morri de rir. Quanto aos bandidos anomimos, porque os bandidos oficiais de MG ja ficaram com nossos salários mesmo, revoltante mas esses nem vão se interessar. Qualquer bandidinho anonimo que se preze terá que roubar no minimo dez professores pra conseguir alguma coisa que valha kkkkkkkkkk. Quanto aos bandidoes oficiais esses ai nem o total da folha interessa a eles, pois pra eles a folha da educação é troco , aécio recebeu segundo jornais 5,5 milhoes do mensalão tucanalha de um repasse so, imaginem o total que ele faturou. Isso é otimo pessoal, porque agora todos vão saber que MG não paga o Piso mesmo. O meu salárinho ou seja, minha ajudinha de custo ou subsidio não da o valor do Piso e essa critica ali que o professor esconde o salario, a gente até publicou durante a greve. O meu pode por em todos os jornais do planeta. Tudo que precisar fazer para detonar o psdb = pior salario do Brasil qualquer professor fará de boa vontade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O nosso salário publicado no portal da transparência, é até engraçado. Concordo com o anônimo da 1h e 29min , todo mundo vai ver que em MG o governador não paga o piso, vai ver também que não temos plano de carreira, pois um PEB2 30 anos recebe mais que um PEB4 com 26anos.
      Ah! E nas escolas continua uma gracinha. Aprovação por decreto sob a vigilância da superintendência. Conheço uma diretora que coloca vigias porque morre de medo que os professores comam a comida que é servida aos alunos. Querem outra gracinha? Os professores tem trinta longos minutos para o almoço, quem mora longe da escola tem que levar marmita, mas é proibida a entrada na cantina.
      Às vezes eu penso que o professor não é humano(não precisa se alimentar) e com esse salário, sem vale alimentação, eu tenho que rir. Perdão colegas. São tão rápidos em nos prejudicar e tão lentos em cumprir os nossos direitos.
      Vocês se lembram? Antes tínhamos acesso (disseram que era ilegal e nos deixaram quase uma década sem promoção) depois levaram 5 anos para criarem um plano de carreira e mais alguns para que ele funcionasse, depois perdemos as gratificações.
      Veio o Satanasia e perdemos a NOSSA CARREIRA. Olha! Se precisar fazer greve eu faço outra vez, mas por hora vamos votar contra esses 51 deputados e contra o Satanasia, porque já passaram dos limites.
      Acredito na educação e sei que ela não está pior porque existem professores que lutam, que trabalham e eu vejo esse empenho todos os dias. O resto é só propaganda enganosa. Sul de Minas

      Excluir
  34. A conversa

    http://phdescritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  35. LEIAM no NOVO JORNAL. Deputados vão ao presidio chantagear preso que sabe demais sobre Aécio,Eduardo Azeredo e Danilo de Castro.Veja a ditadura dos tucanos torturando o cara.Não deixem de ler e repassar.Um absurdo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gente, eu não sei mais o que dizer. No portal da transparência está estampada a nossa miséria, Satanasia fez questão de destruir o nosso plano de carreira e escancara a humilhação. Podemos estudar à vontade, não importa. Quem tem mais tempo de serviço ganha muito mais. O que importa é o tempo de serviço.Precisamos dar uma resposta para Satanasia e essa resposta é nas urnas. Nem ele nem os 51 traidores ouviram o nosso apelo. Resposta nas urnas, começando pelas eleições municipais.
      Tenho vergonha desse governo do estado de Minas que tenta destruir o trabalho dos profissionais da educação. Estou tão indignada que estou tremendo. Ufa!

      Excluir
    2. O tempo também não está valendo, viu anônimo?Aposentei com quase 30 anos e simplesmente ele ignorou quase 12.Me deu só 18 anos.Nunca ouvi falar que para dar aumento pode diminuir tempo de serviço.Só a tal coisa para fazer isto.

      Excluir
    3. Interessante...estou com 29 anos de magistério efetivo e me deram 20...cad~e a minha diferença...eu nem tenho tempo averbado...comecei aos 18 anos feliz da vida. E hoje? Só desilusão

      Excluir
  36. PRECISAMOS DA DATA PARA PAGAMENTO PRÊMIO

    SENÃO NÃO HAVERÁ INTERVENÇÃO PROEB

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não haverá prêmio de produtividade, pq se no ano passado já foi como foi, então imagine este ano?
      Segundo comentários aqui, só receberam prêmios as diretoras e especialistas.
      Marise- Lavras.

      Excluir
  37. POR ISSO NÃO TEM VERBAS PARA EDUCAÇÃO E SAUDE VEJAM:

    TJ de Minas paga até R$ 173 mil a desembargador
    O valor bruto foi de R$ 181.333,62. Segundo a folha de pagamento do tribunal, do valor total pago, R$ 157.216 mil refere-se a ‘vantagens eventuais’

    TÔ DOIDO PARA VER AS APOSENTADORIAS DA PM,

    UM PROFESSOR TEM QUE TRABALHAR QUASE 12 ANOS PARA RECEBER 181.333,00 REAIS.

    PRA QUE LEI NO BRASIL?

    ResponderExcluir
  38. Esse salário aí sim, do Sr. Desembargador, é pra se ter medo de publicar. Ontém estava vendo como tem gente que ganha bem no Estado. O que não é o nosso caso de simples mortais professores mas o estranho é filosofar que todos passaram pelos professores e parece que ao invés de agradece- los, odeiam- os. Verdade que não se aplica a todos essa premissa, mas a grande maioria das pessoas acham que os professores não merecem um salário digno para ter cultura e lazer incluídos no seu cotidiano. Estudamos tanto quanto qualquer outro profissional, não é mesmo. Será que algum dia a Justiça irá reparar as nossas perdas salariais?

    ResponderExcluir
  39. Desculpe o escorregão.Onde está escrito"agradece-los" leia-se agradecê-los.Onde está escrito "odeiam-os", leia-se odeiam-nos.E depois de "não é mesmo", coloquem um ponto de interrogação.Obrigada. Gracieusa Brito.

    ResponderExcluir
  40. TEMOS QUE POR A BOCA NO TROMBONE E DENUNICAR AS MAZELAS DESTE GOVERNO POR TODAS AS MÍDAS!

    Vejam uma professora cobrou da Secretária do Planejamento a carga horária falsa que estava na página para enganar a sociedade e ela disse que vão fazer as correções, muita cara de pau!


    Vejam!
    A PESSOA: "No portal da transparência conta professor carga horária de 18h/a então não faço mais nada em casa e adeus reuniões de módul."

    "Vamos ser transparentes e verdadeiros o sálario de professor é por 24 h/a de trabalho e não 18h/a como consta no portal. "

    RESPOSTA:" a correção da carga horária no portal será feita hj."


    Muito bem, é assim que devemos proceder, espalhar para todo canto as maracutaias deste governo para cima do professor, se ficarmos quietos continuarão nos enganando, porque o Sindicato tinha que ter visto isso, mas parece que não atentou para tal situação, a denúncia pelo jeito partiu dos próprios professores que estão atentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Colega professor, no QI da sua escola (e da minha; e de todas) consta um cargo de 18h.a. KKKK Que bagunça é essa???....

      Excluir
  41. Alguém entendeu os direitos do adicional de desempenho que está no portal do servidor?

    ResponderExcluir
  42. Reunião de hoje sindute e governo o que aconteceu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://educacao.mg.gov.br/imprensa/noticias/3363--projeto-de-lei-que-implementa-jornada-de-13-para-atividades-extraclasse-sofre-os-ultimos-ajustes

      Excluir
    2. Ninguem para nos dizer nada, nem sind, nem governo.

      Excluir
  43. Enquanto isso...nas escolas
    onde reinam as injustiças...
    As puxa-sacos,lacaias das diretoras
    continuam lambendo as botas do
    "pessoal da superintendência",do"povo
    de Belo Horizonte que vai chegar às
    escolas",dos "pipeiros"(que papel
    repugnante...ser pipeiro,se chutar o s...
    do desgoverno,acerta neles)Sinto repugnância
    por este grupo que cada vez põe mais peso
    nos nossos ombros.
    Ah,é claro,depois de documentar que não nos paga
    por 24 horas e sim 18,vão mudar no tal portal.
    Mas nos Q.I. constam 18 horas e aí???
    Pagam por 18 horas mesmo.NÂO É POR ENGANO que está
    no portal não.É roubo mesmo.Euler,peça para ver o Q.I. da sua escola e verá se está constando ou
    não que nos são pagas 18 horas.E responda por favor.
    E que Deus nos proteja destes abutres!

    ResponderExcluir
  44. O Governo tem plena consciência que temos um sindicato INCOMPETENTE, FRACO, que só pensa na manutenção no poder de seus diretores.

    Então, fazem o que querem, não existe representatividade da categoria.

    Basta fazer o joguinho do gato e o rato e assim toda a nossa categoria está sendo INJUSTIÇADA.

    FORA ANASTASIA, FORA Sind INÚTIL.

    ResponderExcluir
  45. E os salários do Ministério Público e Tribunais de Minas Gerais? Estão no portal?

    ResponderExcluir
  46. Tribunal de Justiça de Minas é o campeão nacional dos supersalários
    Somente com folha de desembargadores, Corte gastou R$ 5 milhões em julho

    GUSTAVO PRADO


    Dos tribunais de Justiça que divulgaram os vencimentos de seus integrantes, o de Minas Gerais, até agora, é o que tem o maior número de desembargadores que recebem acima do teto constitucional para o funcionalismo público, que é de R$ 26,7 mil. No Amazonas, são 19 esses magistrados. No Distrito Federal, eles somam 76. No Rio Grande do Sul, somente quatro, mesmo assim, não passando de R$ 32 mil. No Rio de Janeiro, 117 dos 146 desembargadores ganham mais do que o limite, sendo que sete tiveram vencimentos superiores a R$ 70 mil em junho.

    No Judiciário mineiro, segundo a folha de pagamento de julho divulgada no portal do órgão, apenas um dos 127 desembargadores não ganhou rendimento líquido acima do máximo, ou seja, já descontados os impostos e contribuições.

    O que mais recebeu foi o desembargador José Marcos Rodrigues Vieira, com salário líquido de mais de R$ 170 mil. Na contramão do supersalário do colega, o desembargador Moacyr Lobato de Campos Filho recebeu pouco menos de R$ 18 mil.

    Segundo a assessoria de imprensa do tribunal, os supersalários decorrem de vantagens extras, como abono de permanência, pagamentos retroativos, férias-prêmio e antecipação da gratificação de natal. Decisões judiciais que asseguram o pagamento superior também são apontadas como justificativa dos altos valores. Ao todo, foram gastos quase R$ 5 milhões só com os salários dos desembargadores.

    Já a remuneração de parte dos juízes e dos oficiais de Justiça varia entre R$ 20 mil e R$ 30 mil, também acima do limite constitucional.
    Os Ministérios Públicos estaduais ainda não têm previsão de quando irão divulgar os salários de seus servidores, promotores e procuradores. O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) apresentou, na sua última reunião, em 24 de julho, proposta de resolução para regulamentar a divulgação dos dados exigida pela Lei de Acesso à Informação. A proposta foi elaborada em comissão especial e o prazo para sugestões termina hoje.

    Caso seja aprovada, os MPs de todo o país terão 60 dias para publicar os rendimentos de seus servidores com a identificação. (GP)

    Jornal O Tempo 08/08/2012

    POR ISSO É QUE AGEM FAVORALVEMENTE AO GOVERNO . Foram muito precisos em cortar o nosso ponto na greve.

    ResponderExcluir
  47. Não consigo entrar no site SEE diz que o certificado de segurança expirou alguém sabe o que fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando eles não tem nada a dizer, fazem isso, pra se esconder. Eu consigo entrar, mas não tem NADA.

      Excluir
  48. É por isso que os processos caminham lennnnntamente até serem engavetados.

    ResponderExcluir
  49. DILMA TA RINDO A TOA VEJA O MOTIVO:


    Presidente do STJ autoriza corte de remuneração de servidores federais em greve
    by leonardocarneiro
    O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Ari Pargendler, suspendeu decisão da Justiça Federal que impedia a União de descontar os dias parados de servidores federais em greve no Distrito Federal.

    Conforme Pargendler, mesmo que o movimento seja legítimo, não é cabido autorizar que o servidor grevista seja remunerado. O ministro também entendeu que decisões judiciais impedindo o corte de ponto violam gravemente a ordem administrativa, já que inibem ato igualmente legítimo do gestor público.

    O pedido de suspensão foi apresentado pela União contra decisão da Justiça Federal no Distrito Federal. O juiz havia concedido mandado de segurança impetrado pelo Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Distrito Federal (Sindsep/DF) para impedir o corte, já determinado pela União sobre a folha de julho.

    O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) havia entendido que o corte só poderia ocorrer se a greve fosse considerada ilegal ou abusiva, em processo com contraditório e ampla defesa.

    Contrato suspenso

    O ministro Pargendler, porém, apontou que, durante a greve no setor privado, o contrato de trabalho é suspenso, o que afasta do trabalhador o direito ao salário. “Este é um dos elementos da lógica da greve no setor privado: o de que o empregado tem necessidade do salário para a sua subsistência e a da família. O outro elemento está na empresa: ela precisa dos empregados, sem os quais seus negócios entram em crise”, explicou.

    “A tensão entre esses interesses e carências se resolve, conforme a experiência tem demonstrado, por acordos em prazos relativamente breves. Ninguém, no nosso país, faz ou suporta indefinidamente uma greve no setor privado”, completou o presidente do STJ.

    Prejuízo público

    “No setor público, o Brasil tem enfrentado greves que se arrastam por meses. Algumas com algum sucesso, ao final. Outras, sem consequência para os servidores. O público, porém, é sempre penalizado”, ponderou. “A que limite está sujeita a greve, se essa medida não for tomada? Como compensar faltas que se sucedem por meses?”, questionou ainda o presidente.

    Ele apontou decisão recente do STJ em que a Corte Especial, com voto do ministro Felix Fischer, julgou legal o desconto de remuneração pelos dias em greve. Nessa decisão, por sua vez, são citados diversos precedentes na mesma linha do Supremo Tribunal Federal (STF), do próprio STJ e ainda do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

    Nesse julgado, a Corte entendeu que pode haver negociação para compensação dos dias sem desconto de remuneração, mas cabe à administração definir pelo desconto, compensação ou outras alternativas de resolução do conflito, observando os princípios da proporcionalidade e razoabilidade.

    Fonte: Assessoria de Imprensa do STJ

    ResponderExcluir
  50. ENQUANTO ISSO NAS ESCOLAS.....

    MUITOS PROFESSORES CHATEADOS COM TANTOS CORTES E TANTA FALCATRUA, FINGEM QUE DÃO AULAS,

    VAMOS LÁ É ISSO QUE O ANASTA QUER, SE É PARA ACABAR COM A EDUCAÇÃO EM MINAS, ACHO QUE JA COMEÇOU.

    ResponderExcluir
  51. TEMOS QUE NOS ARMAR PARA 2014, GRANDE ATO PELA EDUCAÇÃO, VAMOS PARAR O BRASIL

    2014 NELES

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 2014???kkkkkkkkkkkkkkkkkk Será que ainda vai sobrar professor vivo até lá ??? Tem dó, companheiro. O mineirão ficará pronto em dezembro, sabia? Aí protestar não vai valer mais nadaaaaaaa.

      Excluir
  52. GENTE NA EDUCAÇÃO ESTÁ TUDO RUIM, UMA SUPERINTENDETE NÃO GANHA NEM 6.000,00

    É POUCO PARA DEFENDER O ANASTA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria ruim se houvesse superintendente proficiente, mas com a vida dos trabalhadores toda estraçalhada por erros graxos delas. Esse valor é até demais. Pensa, seis mil só para "puxar saco"? Eu puxaria por três mil e aposto que tenho mais cursos que elas.

      Excluir
  53. O Governo tem plena consciência que temos um sindicato INCOMPETENTE, FRACO, que só pensa na manutenção no poder de seus diretores.

    Então, fazem o que querem, não existe representatividade da categoria.

    Basta fazer o joguinho do gato e o rato e assim toda a nossa categoria está sendo INJUSTIÇADA.

    FORA ANASTASIA, FORA Sind INÚTIL.

    ResponderExcluir
  54. DEUS AJUDE PARA QUE SEJA APROVADA!!!

    Entidades que defendem servidores públicos, aposentados e pensionistas estão em ampla campanha pela aprovação da proposta de emenda à Constituição 555/06, que acaba com a contribuição previdenciária de 11% sobre o benefício de aposentados e pensionistas que excede o teto do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), de R$ 3.916,00. Ontem, centenas de aposentados, convocados pelo Movimento dos Servidores Aposentados e Pensionistas (Mosap), foram à Câmara para cobrar dos deputados a votação da PEC 555. A proposta já foi aprovada por comissão especial e está pronta para análise do plenário.

    Pelo substitutivo da comissão, a contribuição teria um desconto de 20 pontos percentuais ao ano a partir dos 61 anos de idade até ser zerada aos 65 anos. O texto, na opinião do presidente do Mosap, Edison Guilherme Haubert, não é o ideal, mas conta com o apoio das entidades do setor, uma vez que resgata alguns direitos, retiradas com Emenda Constitucional 41/2003, da Reforma da Previdência.
    O relator do parecer vencedor na comissão especial, deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), contesta os números apresentados pelo governo de que a previdência é deficitária. "A Seguridade Social em 2011 teve um superávit de R$ 77 bilhões; mas querem dizer que ela está quebrada para fazer o jogo da previdência privada", disse o parlamentar.

    A Fenajufe orientou que os sindicatos filiados participassem do ato, realizado no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados. O 2º Encontro do Coletivo Nacional dos Aposentados da Fenajufe (Conap), realizado no início de junho, indicou que a Fenajufe e os sindicatos filiados participem de todas as atividades em prol da aprovação da PEC 555/06.
    http://sintrajufe-rs.jusbrasil.com.br/noticias/100024325/ato-na-camara-defende-a-pec-555-e-cobra-o-fim-da-contribuicao-dos-aposentados

    ResponderExcluir
  55. Li no site do sinduteMG, que Beatriz é a presidentA da CUT MG, será que entendi errado? Nada a comemorar? No Blog de Beatriz nem uma palavra...Achei estranho isso.
    Sobre ferias premio , nada, sobre posicionamento nada, mas a SEE e o PIP marcaram reunião de 2 dias inteiros aqui em Leopoldina para o PIP. Para que???Ninguem sabe...Alunos, sem aula, pra isso, pode.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://www.sindutemg.org.br/novosite/index.php

      taí, B(Atriz) a nova presidenta da CUT. A falta de comentário da blogueira, é apenas falsa modéstia, caro(a), Anônim o8 de agosto de 2012 23:39

      Excluir
  56. Olá, pessoal da luta!

    Boa noite!

    A demora do sindicato em informar para a categoria o teor das negociações com o governo não constitui mais novidade. E como sempre, o governo se antecipa e divulga a versão dele para os fatos. De acordo com o governo, o projeto que prevê a implantação do terço de tempo extraclasse está em fase final. Mas pelo visto, entraria em funcionamento somente em 2013!!! Uai, pergunto mineiramente, não estava previsto antes que seria no segundo semestre de 2012? Lembro a todos que a Lei do Piso, que assegura - teoricamente, claro - o terço de tempo extraclasse, foi aprovada em 2008. São cinco anos de confisco!

    No texto informativo do governo, percebe-se ainda que a discussão sobre a carreira destruída e a real implantação do piso em Minas não está na pauta de discussão. Aguardemos agora a morosa, lentíssima, quase parando, disposição do sindicato em apresentar a sua (do sindicato) versão sobre as negociações.

    Por enquanto, os educadores de Minas continuam sendo o que restou de uma carreira, a mais mal remunerada do país e do estado: sem piso, sem terço de tempo extraclasse, sem férias-prêmio, com salários abaixo da crítica - dois mínimos para um cargo de professor completo de 24 horas! O Governo de Minas deveria ter vergonha de gastar tanto em publicidade, enquanto pratica salários tão vergonhosos para os servidores dos dois setores de maior importância para a maioria pobre da população - a Educação e a Saúde.

    Vejam os salários dos servidores da Seplag - incluindo os dos negociadores do governo nas reuniões com o sindtour..., digo, sindute. Vejam os salários dos desembargadores mineiros, que recebem acima do teto de R$ 26,7 mil, enquanto se recusam a garantir o piso para os professores; sem falar nos altos salários do legislativo que vota leis para destruir nossa carreira; e nas altas verbas publicitárias usadas para comprar a opinião de boa parte dos jornalistas e outros tipos mais. Minas deveria se chamar Vergonha!

    Um forte abraço a todos e força na luta!

    P.S. Eis o link com a notícia do governo:

    https://www.portaldoservidor.mg.gov.br/noticias/314-projeto-de-lei-que-implementa-jornada-de-13-para-atividades-extraclasse-sofre-os-ultimos-ajustes-

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Companheiros (as),

      Achei razoável esperar 48hs após a reunião da Comissão de Negociação com o Governo (07/08) para apontar alguma cobrança em relação ao compartilhamento coletivo de informações e impressões.

      A alegação é que as informações e avaliações serão realizados na próxima Assembleia Estadual dia 11/08 (sábado) em Pirapora. Nessa eu não poderei participar e mais outras centenas de milhares de trabalhadores em educação também não participarão.

      Outros bravos companheiros participarão e isso é importante e vão dizer que são os que participam que decidem pelos que não participam. Correto! Mas qual o problema de se socializar com celeridade o resultado das negociações com o Patrão?

      Na boa, eu não consigo entender problemas táticos e/ou estratégicos de se informar a categoria do que realmente aconteceu, ao passo, de dizer que estamos antecipando nossas formas de reação e luta.

      Eu sou péssimo no quesito organização. Não tenho vergonha de dizer que acho que não existe nenhum militante social tão desorganizado quanto eu. Mas eu pego o microfone e falo o que a categoria coletivamente constrói e por isso me torno uma certa referência. Sou cobrado por isso e nem falar que as informações da negociação estão no site do nosso Sindicato eu posso.

      O que me resta dizer: Vá a Assembleia e caso não possa ir, após uns 03 dias sairá o informa, informando tudo.

      Logo em tempos de internet 3G, 4G, sei lá, 10 megas e escambal a quatro. Na minha época de Movimento Estudantil não existia internet e muito menos celular. Terminávamos uma luta e marcavams de todo mundo está no mesmo horário em casa para ligarmos no fixo e socializarmos as coisas.

      Prefiro muito mais ser propositivo do que apresentar cobranças. Mas ante a atual prática da direção sindical, foi o que (também)nos restou. Por que ainda lutamos e sempre lutaremos!

      Estou atarefado em outras atividades da luta revolucionária, mas dentro da escola pública que leciono, estou fazendo os bastidores, os subterrâneos da liberdade.

      Saudações de Luta,
      Rômulo

      Excluir
    2. Professor,este sindicato realmente está uma vergonha, não há informação a não ser a preocupação maior com a posse da representante do SINDUTE na outra CENTRAL SINDICAL. Olha, com esse acúmulo de funções ficamos pensando o que será de nós, se no SINDUTE não deu conta de nossas reivindicações e agora com outras demandas. Como diz um colega por aqui, o sindicato está sendo tão somente uma fonte de arrecadação, é outro LEÃO levando o pouco do que nos resta mensalmente, mas não nos recompensa em nada, nem com informação. o Sindute está se prestando ao mesmo papel deste governo "ANASTÁSICO", insano, nefasto e para não esquecer, a mesma INEFICIÊNCIA e o mesmo ludibriamento .

      Excluir
    3. Valeu pela cobrança capitão Rômulo!
      Pode ser que já estivesse programado colocar, mas após sua justa cobrança feita aqui da celeridade das informações, hoje a direção do sindute postou sobre a reunião com o governo.
      Reunião nada, gastaram foi gasolina e tempo para ouvir enrolação desse governo safado.

      Excluir
    4. vAIDADE... TUDO É VAIDADE...
      a nova presidenta da CUT:

      http://www.sindutemg.org.br/novosite/conteudo.php?MENU=1&LISTA=detalhe&ID=3640

      Excluir
    5. Enquanto os homens exercem / Seus podres poderes
      Morrer e matar de fome / De raiva e de sede
      São tantas vezes / Gestos naturais... (Caetano Veloso)

      Excluir
  57. GENTE BOA

    COMO ENTRAR NA JUSTIÇA CONTRA A PRÓPRIA JUSTIÇA?
    TALVEZ CNJ, PRECISAMOS PEDIR REVISÃO DE PROVENTOS DESSES EMBARGADORES DO DIMDIM PUBLICO, NÃO TEM COMO ACUMULAR TANTA ADICIONAL.

    JÁ VIRAM ALGUM PROFESSOR QUE FOI DIRETOR, SUPERINTENDENTE, INSPETOR, SECRETÁRIO, ETC GANHAR MAIS DE 10.000,00 NUNCA, ENTÃO OS DELES, SÃO PROVENTOS ILICITOS.

    TEMOS QUE ACHAR UM JEITO DE PEDIR REVISÃO DESDE A DATA ENTRADA NO ESTADO.

    ResponderExcluir
  58. NÃO PERCAM ESTA OPORTUNIDADE,

    VOTEM CONTRA AÉCIO/ANASTASIA.



    ELES ACABARAM COM A CARREIRA DOS PROFESSORES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! Decidido e sem volta.

      Excluir
  59. Professor Rômulo, permita-me repetir.Achei lindo!
    ...."Estou atarefado em outras atividades da luta revolucionária, mas dentro da escola pública que leciono, estou fazendo os bastidores, os subterrâneos da liberdade"...Parabéns.

    ResponderExcluir
  60. Gente, que negócio é esse do governo Naná, nos obrigar a fazer um curso de tres dias fora de BH, nos obrigando a deixar filhos, família, esposa, esposo e quem não fizer o pagamento será bloqueado.
    Teremos que ficar três dias fora de nossos lares.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. NÃO PERCAM ESTA OPORTUNIDADE,

      VOTEM CONTRA AÉCIO/ANASTASIA.



      ELES ACABARAM COM A CARREIRA DOS PROFESSORES.

      Excluir
    2. o negócio professora é este: isto é um governo desgovernado, um governo de doideiras, de doidices, ainda bem que ao contrário dos salários e dos reposicionamentos ele não chega a 2015, ainda bem, imaginem se essa DOIDICE toda, também, se estendesse para 2015! Deus me livre, essa DOIDICE TODA tem prazo de validade.
      31 de dezembro de 2013.

      Excluir
    3. Fiquem MUDOS. Sejam educados e bonzinhos. Cumpram a carga horária sem atrasos mas não participem de nada! A pior coisa para quem está ministrando um curso é O SILÊNCIO DA PLATÉIA! Entrem MUDOS e saiam CALADOS. Caso haja a "famosa e cansativa avaliação" do curso, entreguem-na em branco. Só assim será abolida a imposição destes cursos com o objetivo de......de........de....

      Excluir
  61. ((((Seria ruim se houvesse superintendente proficiente, mas com a vida dos trabalhadores toda estraçalhada por erros graxos delas. Esse valor é até demais. Pensa, seis mil só para "puxar saco"? Eu puxaria por três mil e aposto que tenho mais cursos que elas.))))-
    ATENÇAO!!!
    - O Blog do Euler também é cultura!
    - Erro grasso:
    vem do General Romano Grasso, que foi derrotado por Anibal, grasso tinha 100mil homens, perdeu para Anibal que tinha 50 mil.
    Um erro de tática, um ERRO GRASSO.
    - InfoEscola: Navegando e Aprendendo
    InfoEscola » Biologia » Bioquímica »
    Ácidos Graxos
    Por Marina Martinez
    Ácido graxo é um ácido carboxílico (COOH) de cadeia alifática. São considerados componentes orgânicos, ou em outras palavras, eles contêm carbono e hidrogênio em suas moléculas. Estes ácidos são produzidos quando as gorduras são quebradas. São altamente solúveis em água, e podem ser usados como energia pelas células. São classificados em monoinsaturados, poliinsaturados, ou saturados.

    Os ácidos graxos são encontrados em óleos vegetais e gorduras animais, e são considerados “gorduras boas”, por isso devem estar incluso na dieta alimentar, uma vez que o corpo precisa deles para diversos fins. Principalmente os ácidos graxos poliinsaturados (ácidos graxos essenciais) que confere ao organismo uma série de benefícios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro anônimo,desculpe-me caso eu esteja errado.O nome do General Romano era CRASSO.

      Excluir
  62. E o curso no Hotel Tauá? Ninguém fala nada?

    ResponderExcluir
  63. Grande derrota:educador,candidato a vereador,dizendo que vai defender a educação,sendo ele do mesmo partido dos inimigos da educação...

    ResponderExcluir
  64. Um absurdo.Ditadura mesmo .Este governo é louco.Quem tem família tem que ficar 3 dias fora de casa.Não recebe nada de auxílio de custo.Fica 3 dias.Ou seja mais que a carga horária normal.Nunca vi isso.Aliás o hotel pertence a família dele.Lavagem de dinheiro.Muito bem feita essa lavagem.Tudo assinado por nós que recebemos este dinheiro para pagar o hotel e na verdade tem carne debaixo desse angu.

    ResponderExcluir
  65. Huuuummm! esses hotéis!!! Não sei, não!!

    ResponderExcluir
  66. O meu hotel é o Canto da Siriema, será onde é isso meu Deus? Será que é propaganda do psdb gente? Quem vai cuidar dos meus filhos para eu ir viajar? Sou mesmo obridado a ir? Tem lei para isso? Já fui para o Vale dos Coqueiros. Cadê o SindUTE que não resolve isso com um mandado de segurança. Se acontecer qualquer coisa com meus filhos vou processar eles todos. Me aguardem. Tenho 3 filhos menores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não duvide! Td é possível à celestial corte do império MG.

      Excluir
  67. Além de tudo isso ou seja: Obrigar o professor ir a um hotel, deixar sua família, estar disponível 8 10 horas para ouvir tanta besteira, não nos dão nada nem um dia a mais para descontar esse tempo além da nossa carga horária normal.Deveria nos pagar, ou dar um ou dois dias na escola.Parece que ele pensa que nós os passa fome , sem teto, sem nada, precisamos passar alguns dias num lugar onde tem comida, cama e áreas bonitas para nos acalmar.Mostrar as belas e boas coisas da vida quando se pode e se tem dinheiro.Depois meus colegas , tudo que iremos ouvir lá, não vamos colocar em prática nunca.escolas sucateadas, não tem estrutura físicas, psiquícas e psicológicas para colocarmos em prática alguma bobagem que esse povo sem serviço vai nos propor e ensinar.Pergunto:Pra quê isso??Onde vamos aplicar isso??? Com que tipo de aluno?? O que os alunos e nós precisamos e queremos é dignidade.Salário, respeito .reconhecimento.Mas não , ele nos obriga a ficar fora de casa por 3 dias.Parece cárcere privado.Se fôsse por 4 horas , tudo bem , mas não são 3 dias.Casa , comida e a família, vai bem.ABANDONADA.Mostra que esse crápula é insano.precisa ter uma consulta agendada no famoso hospital chamado IPSEMG.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sugiro o SUS. Ficará deitado no corredor babando...

      Excluir
  68. Caros colegas

    Não se esqueçam do deputado Zé Maia que ironizou em uma das vezes estive na assembléia durante a greve de 2011.
    "Em 2010 vocês colocaram a minha foto como inimigo da educação e estou aqui novamente!"
    Palavras do deputado Zé Maia do PSDB
    Eles estam convictos de que podem fazer o que bem entedem e nada acantece com eles.
    Não se esqueçam temos 51 inimigos.
    E em MONTES CLAROS Jairo Athaide esposo de ANA MARIA uma dos 51.
    Vamos provar que somos seres pensantes e que temos força POLÍTICA.
    Este ano é muito importante, é o início do resgate da nossa dignida.
    E ela começa pelas urnas.
    Muito bem vamos a batalha GUERREIROS. O ano passado foram 112 dias de luta não vencemos a guerra mas agora ela recomça.
    E que sejamos os vencedores em outubro.
    Professora e cabo eleitoral contra os inimigos da educação. Pagamento por este outro serviço minha dignidade.

    ResponderExcluir
  69. Em Montes Claros além do marido de Ana Maria, há mais dois candidatos de Anastasia:
    ATHOS AVELINO E RUY MUINZ
    NÃO PODEMOS VOTAR EM QUEM É APOIOADO PELO GOVERNO.

    ResponderExcluir
  70. Tribunal de Justiça paga a 651 servidores mais do que o teto

    Levantamento do jornal O TEMPO revela que, pelo menos, 651 servidores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), incluindo os juízes, receberam salários líquidos acima do teto constitucional - R$ 26,7 mil - no mês de julho. Somados todos os benefícios, os proventos de um dos funcionários foi superior a R$ 100 mil.

    Conforme foi constatado, 651 servidores ganham mais do que o teto, sendo que 396 deles recebem até R$ 30 mil. Outros 239 têm salários entre R$ 31 mil e R$ 40 mil. Mais 15 servidores receberam valores superiores a R$ 40 mil.

    Além dos servidores, apenas um dos 127 desembargadores do órgão não recebeu salário acima do teto no mês passado.

    A funcionária que mais recebeu em julho é uma oficial de apoio judicial B, que trabalha na Vara da Família de Cataguases, na Zona da Mata. Com salário de R$ 9.889,30, a servidora recebeu mais R$ 22 mil em vantagens pessoais - o que já ultrapassaria o teto constitucional - e outros R$ 118 mil em vantagens eventuais, que incluem adiantamento de 13º salário e pagamentos retroativos, por exemplo.
    Com os descontos, a funcionária recebeu R$ 103 mil.

    De acordo com os dados disponíveis no site do tribunal, após determinação do Conselho Nacional de Justiça embasada na Lei de Acesso à Informação, vários funcionários conseguem triplicar o valor da remuneração de referência.

    Com salário base de R$ 13.309,74, 31 técnicos judiciários A-II receberam salários acima do máximo permitido pela Constituição. A maioria deles recebeu salário superior a R$ 30 mil em julho. Esse é o caso, por exemplo, de uma técnica lotada no gabinete da 1ª vice-presidência. Agregado ao seu salário, a funcionária recebeu mais de R$ 15 mil em vantagens pessoais, referentes, por exemplo, a adicional de tempo de serviço. Além disso, ela também ganhou outros R$ 17 mil em vantagens eventuais. O salário da servidora ultrapassou R$ 47 mil, mas, com os descontos, caiu para R$ 33 mil.

    Pelo menos 15 técnicos judiciários B, com salário inicial de R$ 10.235,84, também conseguiram ultrapassar o teto constitucional. O mesmo acontece em relação a cerca de outros 15 cargos do tribunal.





    Desembargadores e juízes são os campeões



    Em tese, com o maior salário do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) – R$ 24.117,62 –, os desembargadores também conseguiram multiplicar seus rendimentos com os benefícios recebidos. Apenas um dos 127 desembargadores mineiros não recebeu acima do teto constitucional.

    Um deles, José Marcos Rodrigues Vieira, chegou a ganhar R$ 173 mil em julho. O segundo salário mais alto da categoria é de R$ 86 mil. A média dos vencimentos dos desembargadores foi superior a R$ 40 mil.

    Cerca de 300 juízes também receberam salários acima de R$ 26,7 mil no mês passado. O salário base, porém, gira entre R$ 20 mil e R$ 22 mil. Os benefícios e vantagens recebidos por eles foram os responsáveis pela inflação dos valores, que atingem R$ 40 mil.


    Em nenhum dos casos houve retenção dos valores pagos acima do teto constitucional. (GP)



    Dados não permitem detalhamento de valores


    A assessoria do Tribunal de Justiça de Minas Gerais informou que os valores que estão acima do teto constitucional decorrem de vantagens que não integram os salários dos servidores.

    Apesar de ter disponibilizado os vencimentos no site, conforme prevê a Lei de Acesso à Informação, alguns dados referentes aos proventos dos servidores do TJMG não são claros. O documento disponibilizado também não permite o cruzamento de dados.

    Conforme informou a assessoria de imprensa, a primeira parcela do 13º salário foi paga aos funcionários que optaram por recebê-la no mês de julho.

    A informação referente ao adiantamento, porém, aparece junto aos demais ganhos eventuais, sem especificar a divisão dos valores. Outros benefícios, como férias e pagamentos retroativos, também podem estar incluídos no valor disponibilizado. (GP)
    http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=209383,OTE

    ResponderExcluir
  71. euler descubra e nos informe sobre o pecúlio e o seguro.para que servem/servia.parece que tudo caducou na a terra do faraó. triste história para as Minas Gerais.

    ResponderExcluir
  72. Reclamar só não resolve nada!Hora de agir para mudar! Assista e divulgue!

    Prático, simples, realista, factível, inteligente e razoável. Mas temos também que praticar a ética, a moral, os bons costumes, a honestidade, os valores humanos, a cosmoética aqui embaixo, entre nós, em casa, nas empresas e no comércio. Se não formos corretos não geraremos políticos corretos. É o princípio do espelho, a lei dos semelhantes, a causa e o efeito, a ação e a reação

    COMO TRANSFORMAR O BRASIL SEM UTOPIA!

    http://www.youtube.com/watch?v=cCUYh0116ac

    ResponderExcluir
  73. SOCORRO JUSTIÇA EM MINAS GERAIS! Sou cidadão mineiro e mereço respeito dentro do meu país enquanto eleitor. Não posso fazer um curso de três dias fora de Belo Horiz\onte, deixando um idoso o qual é o meu dependente sozinho, isso é abandono de incapaz. MINISTÉRIO PÚBLICO, SINDICATO DOS PROFESSORES E OAB,VOCÊS EXISTEM PARA DEFENDER A DEMOCRACIA NESSE PAÍS.

    ResponderExcluir
  74. Amigos do nosso"Bloguíssimo":
    Ri demais,a metros,com esta resposta;FOI A MELHOR
    POR AQUI.de agosto de 2012 23:26

    Seria ruim se houvesse superintendente proficiente, mas com a vida dos trabalhadores toda estraçalhada por erros graxos delas. Esse valor é até demais. Pensa, seis mil só para "puxar saco"? Eu puxaria por três mil e aposto que tenho mais cursos que elas.
    Nâo resisto...
    Já me inscrevo para puxar até por 2000,(tÔ facinha)
    (kkkkkk)Abração
    Helena Thaereh

    ResponderExcluir
  75. Temos que gritar, mas gritar muito porque o que existe em Minas Gerais está contra todas as leis que eu conheço.Aqui o desgovernador somente faz o que quer.Este homem tem problemas seríssimos psicológicos.deveria tentar uma licença no DAG e assim com um psiquiatra daqueles que trabalham lá.Este senhor acha que manda em tudo e em todos.Mas nós somos culpados.Somente nós.Ficamos sempre calados e aceitando tudo.Onde vamos parar?? Agora temos que abandonar casa, filhos, tudo para hospedar em hotéis que se diz luxuosos , ouvindo tantas besteiras, gastando dinheiro que está sendo super faturado, desviado, roubado.Depois disso, o que faremos? Se as salas não tem estrutura, alunos que não estão interessados em nada, e até por nós mesmos que estamos levando com a barriga.Não tenho nenhuma motivação em ir para a escola do jeito que as coisas estão em Minas .

    ResponderExcluir
  76. APROVEITEM A OPORTUNIDADE,

    VOTEM CONTRA AÉCIO/ANASTASIA.



    ELES ACABARAM COM A CARREIRA DOS PROFESSORES.

    ResponderExcluir
  77. Pela 1ªvez penso em sair do sindicato, sair mesmo. Vc procura informações sobre reunião c/governo e vê o novo cargo de Beatriz. Me poupe...Nem dá conta do que está no meio e começa outro. O sindicato somos nós, pois não???Então,fui...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está atrasado, anônimo.Eu já saí a muito tempo.

      Excluir
  78. Enquanto isto...nas escolas,os professores
    bovinamente seguem fazendo módulos...
    Ah,mas é lei!!!!Uai,é???
    O PISO TAMBÉM É,"ELE" NOS PAGA?????
    AS FÉRIAS-PRÊMIO TAMBÉM."poDEMOS DESFRUTÁ-LAS???
    O TERÇO DA JORNADA EXTRA-CLASSE É LEI.VOCÊS,colegas
    carneirinhos,recebem???Eu não!!!
    Por que "só" nós temos que cumprir a lei,unilateral-
    mente?Penso que é pretexto para não lutar,seguindo com o conformismo de sempre,descompromissadamente...
    Ah...alguém luta por mim!!!!!
    Essas tais horas de módulo,tem que ser horas-extras,
    não temos que "viver escola",aos Sábados,depois de
    horários extenuantes de aulas(extraclasse)e se nos impuserem Domingos,SEI que alguns darão um jeito de mansamente cumprirem...Colegas,somos humanos,não se
    esqueçam!!!Eu não me esqueci e continuo conspirando contra estes "ratos do nosso salário",trituradores de gente!
    Obrigada,Euler.Amo este nosso"Bloguíssimo".

    ResponderExcluir
  79. Olá, pessoal da luta!

    Boa madrugada!

    Tive a informação de que o desgoverno do afilhado do faraó prepara mais uma contra os educadores: consta que o tal prêmio de produtividade, este ano, se sair, será num índice ainda menor do que os anos anteriores. Algo próximo de 50% da mixaria salarial de dezembro de 2011.

    Estas coisas só acontecem com os educadores, porque fomos eleitos para ser sugados até a última gota do nosso sangue. Vejam o que acontece com os desembargadores e pessoal da Justiça de Minas: supersalários, que ultrapassam o teto salarial nacional. Não admira que a Justiça mineira, com raras exceções, esteja sempre pronta para votar em favor do governo. Da mesma forma o legislativo: um bando de puxa-sacos do governo! Todos com supersalários, e outras vantagens, às nossas custas.

    Sim, colegas, devemos espalhar para o mundo que as empreiteiras que constroem as obras faraônicas de Minas, e mais os supersalários das elites que governam o estado nos três poderes são sustentados com a penúria na qual é mantida a categoria dos educadores do estado. Somos nós, os 400 mil profissionais da Educação, na ativa e aposentados, que sustentamos esses segmentos privilegiados de Minas. É através do não pagamento do piso, da sonegação das nossas férias-prêmio, do não pagamento do terço de tempo extraclasse, do confisco de milhões de reais ocorrido em 2011 (quando nos obrigaram a mudar de carreira sem nos devolver o roubo praticado), tudo, tudo, está voltado para sustentar estes parasitas.

    Esta gente, que vive com salários e ganhos outros acima de qualquer teto, tem a cara de pau de aparecer na mídia - outra que se vendeu e é paga com o nosso sacrifício - para diz que a Educação no estado é exemplo para o mundo; exemplo de quê? E que recebemos acima do piso nacional; e que vai tudo bem no estado. Vai bem para quem? Rios de dinheiro jogados fora, às nossas custas.

    Pensemos nisso durante a semana, juntamente com os alunos e pais de alunos. Façam um gráfico dos salários de deputados, desembargadores, secretários e subsecretários, e comparem com os nossos salários, de dois mínimos para um cargo completo. Mostrem as condições de trabalho existentes na Educação voltada para as famílias de baixa renda, para que toda a sociedade esteja consciente da realidade, que contraria a publicidade paga nas TVs e rádios.

    Talvez assim consigamos acumular força para uma grande mobilização em favor da Educação pública de qualidade, com real valorização dos profissionais da Educação - coisa que não existe, nem em Minas, nem em outros estados, já que a república sem povo, sem público, e publicada, foi pensada e é tocada para servir aos de cima, apenas.

    Um forte abraço a todos e força na luta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EXCELENTE SEU TEXTO PROF EULER!

      Voce diz: "Estas coisas só acontecem com os educadores, porque fomos eleitos para ser sugados até a última gota do nosso sangue."

      Verdade! Mas fomos escolhidos pq o Sindute ou SindiTur é pelego e o governo sabe disso, há muito tempo!

      Excluir
    2. Esta tchurma aprecia uma vassalagem bem grande. Julgam-se donos de aproximadamente 400.000 indivíduos. É mole? Podemos dar o troco nas eleições deste ano. Não sei qtos prof. existem em BH. Se todos votarem em PATRUS, fará uma DIFERENÇA considerável. E adieu: xangô, vudu, corruptos do psdb...

      Excluir
  80. João Paulo Ferreira de Assis11 de agosto de 2012 01:14

    Prezados colegas

    Eu estou de licença médica e estou por fora das coisas. Que curso é este no Hotel Tauá ou Canto da Siriema, que o professor tem que ficar três dias, senão o salário dele é bloqueado. Eu não estou sabendo de nada. Quem está de licença médica é obrigado a ir? Qual o tema desse curso? O que ele nos quer ensinar afinal? A pessoa que participar vai ganhar promoção de letra e número? Esclareçam-me.

    Saudações, Joâo Paulo Ferreira de Assis.

    ResponderExcluir
  81. "Tô" sabendo de nada,não,Caro João Paulo!!!
    Deve ser o circo(tadim dos professores...vamos
    deixá-los ir a um hotel,enchê-los de blá,blá,blá
    para eles acharem que...NOSSA,comida boa,hotel
    bacana!!!)já que o PÃO o VGBD já tira de nossa boca!!!Cadê NOSSAS FÉRIAS-PRÊMIO???
    CADÊ NOSSO TERÇO EXTRA-CLASSE???
    NOSSA HORA-AULA vale MENOS QUE O PREÇO DO QUE
    COBRA UMA MANICURE...E OS OUTROS PREOCUPADOS
    COM MÓDULOSSSSSS!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deve ser um pedido para os professores, seus familiares e agregados votarem nos canditados Tucanos.!! kkkkkkkkkkkkkkkk
      Por isso leva para o Hotel, oferece comida e bebida da melhor e aí faz o pedido. Ou favorece alguém com as diárias desses hotéis. Estamos de olho!!

      Excluir
    2. Lavagem de MONEY? Imagino q. as despesas serão assinadas.

      Excluir
  82. DILMA + ANASTASIA = DILMASIA...ALGUMA DIFERENÇA???

    11/08/2012 - 07h00
    Reitores que pagam salários de grevistas devem responder por improbidade

    Embora o governo já tivesse sugerido esse tipo de procedimento punitivo nas últimas semanas, esta é a primeira vez que um integrante do alto escalão fala em público a respeito.

    O advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, disse ontem (10) que reitores de universidades federais que não informam os nomes de professores e funcionários em greve serão responsabilizados por improbidade administrativa.

    Quando um reitor não informa ao governo quais são os servidores em greve, todos permanecem recebendo os salários normalmente, mesmo sem trabalhar. A paralisação nas universidades federais já dura três meses.

    "Isso vai ter que ser apurado adiante, porque esses reitores, ou esses agentes, estão em situação de improbidade", disse o ministro da Advocacia Geral da União. Embora o governo já tivesse sugerido esse tipo de procedimento punitivo nas últimas semanas, esta é a primeira vez que um integrante do alto escalão fala em público a respeito.

    ResponderExcluir
  83. PROVEITEM A OPORTUNIDADE,

    VOTEM CONTRA AÉCIO/ANASTASIA.



    ELES ACABARAM COM A CARREIRA DOS PROFESSORES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VOTAREMOS SIM. POR ESTE MOTIVO VAMOS ACABAR TAMBÉM COM A CARREIRA DELES.

      Excluir
  84. ...enquanto isso, na reunião do PIP é passado que temos de colocar em cada questão de prova o descritor, o eixo temático, o tema, o subtema, o tópico, o que deseja com a avaliação... "só dar nota?" e o pipeiro continua... "deve-se corrigir os erros ortográficos, gramaticais e de concordância etc" DO ALUNO? Nãooooo do professor!! por isso deve-se passar a avaliação para a supervisora 3 dias antes de aplicá-la. O pipeiro diz: "E por que não ensinar a questão para o aluno, se a avaliação não está desvinculada do processo de ensino-aprendizagem?" "Ajude o aluno a desenvolver as questões". Críticas feitas: "os professores não sabem elaborar os enunciados da prova ou tem coragem de copiar de livros ou pior: selecionar da internet. Por isso, não podem cobrar respostas que esperam que o aluno apresente, mas aceitar a criatividade do aluno." ESSA REUNIÃO DO PIP FOI UM FATO VERÍDICO, ACONTECEU NUMA DETERMINADA ESCOLA DA 6ª SRE - Caratinga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou desta SRE e vejo a cada dia este povo que nem conhece o que é uma sala de aula, invadir nossa área, exigindo que nosso plano de trabalho seja do jeito que eles querem, não do jeito que vamos trabalhar, ora se sou eu quem vai desenvolver o trabalho, porque eles tem que interferir? Por acaso o secretário de saúde vai lá e diz pro médico: "A partir de hoje tal intervenção, ou tratamento será assim e assim, por que é assim que eu quero e assim deve ser!"? Cada profissional devia ter respeitado o direito de fazer seu trabalho sem estas interferencias que além de não ajudar em nada, atrapalha muito! Até nossos planos de aula, eles querem impor um modelo único pra todas as escolas, vejam, fizemos magistério, licenciatura, pós graduação e por incrível que pareça, eles pensam que ainda não sabemos elaborar um plano de aula! Há quase vinte anos em sala de aula, o professor depara com uma criatura que lhe fala: Aqui onde está OBJETIVO é errado, tire, passe a limpo, e ponha HABILIDADES, onde está CORREÇÃO você não pôs de qual exercício,é errado! Ora veja senhora, qual exercício que foi aplicado? Certamente é esse que será corrigido! Estamos sobrecarregados de exigencias tolas, não temos tempo pra exercer nossa função, nosso tempo agora é pra dar conta da papelada que é pedida a cada reunião!

      Excluir
  85. kkkk(ironia)...os pipeiros,que se arvoram
    em"serem professores" até parece que o que
    repassaram foi da "mente estupenda" deles e
    não da NET.Receber para ficar vendo como
    preparamos aulas é fácil.Por que não foi
    realmente um curso???Queriam aprender com
    a gente como dar aula.
    Aliás,e por falar em "pipeiro":vocês já
    tinham visto algumas destas caras nas nossas
    greves???assembleias???Nem eu...
    Já nasceram com a marca de ser puxa-saco.

    ResponderExcluir
  86. O Nana nao quer saber de piso na carreira,continua insistindo nesse subsidio,quer dizer,roubando dos podres professores.Nao tem vergonha na cara nao...Sai fora satanas.Vai roubar dos desembargadores de araque.

    ResponderExcluir
  87. Verifique seu saldo no banco. Se tiver uns 650 reais de saldo "fantasma" porque você está intimado pelo governo a comparecer nos hotéis. Agora o código é claro: o que você recebeu sem solicitar é brinde. Eu já gastei o dinheiro do hotel todinho. Acho bom o governo depositar mais. Eu não pedi que use minha conta para desvio de verba. Pedi foi Piso Salarial. Se depositou porque quis foi brinde! Manda mais brindes ai, governador bonzinho.

    ResponderExcluir
  88. Em falar em pipeiros alguns estão necessitando voltar para escola alguns cometem erros grosseiros da língua Portuguesa e por isso que Minas Avança
    Para o abismo

    ResponderExcluir
  89. Quando um PIPOQUEIRO,conhecido como pipeiro, já que fica PIPOCANDO ideias avulsas, for discutir como deve ser os enunciados de suas provas, não percam tempo peçam aos PIPOQUEIROS que deem um curso para todos vocês de como se elabora itens, isso mesmo, como se elabora itens, porque eles vão pipocar no chão, pois nem devem saber o que é isso. Não se prepara questões assim, assim, tem que ter conhecimento, por isso os professores tiram de outros suportes. Eles não são repassadores de teorias de livros das quais não têm vivência alguma, então comecem a colocar esses PIPOQUEIROS contra a parede, exigem deles que não deem ordens, mas ministrem cursos para vocês, peçam-nos no momentos que estiverem cheios de verdades que vá para o quadro e confeccionem uma questão para vocês, não deixe para trazer em outro encontro, tem que ser na hora, porque se for depois ele(s), também, vão tirar de alguma lugar. Essa gente é muito engraçada, escutam o canto do galo, mas não sabe de onde vem e reproduzem sem conhecimento algum. kkkk Ah, mas há escolas que esses pipeiros estão até com medo de ir, porque sabem que vão passar vergonha.

    ResponderExcluir
  90. O Governo de Minas vai lançar um novo Projeto
    "Educação Tsuname" ou "Educação Hiroshima" ou "Educação Katrina" que está sendo um desastre só
    Pois Minas Avança
    Para o buraco

    ResponderExcluir
  91. Minas é um Estado de Vanguarda, tudo acontece ao inverso
    Tive uma Reunião da minha Escola e um dos temas foi o PAAE para os 6º e 9º anos só que estão um semestre atrasado pois a primeira avaliação que seria diagnostica que por regra vai seria aplicada no inicio do ano será aplicada agora em Agosto, ou seja tudo atrapalhado
    Mas estamos num Estado que avança
    Para o caos

    ResponderExcluir
  92. NÃO ADIANTA PIPEIRO, PIPASSO PIPIPIPI, QUEM MANDA E ACONTECE É O PROFESSOR, UMA BOA AULA PODE ATÉ SER DADA NO DIA DA VISITA DO PIPEIRO, MAS QUANDO VÃO EMBORA, FICA O PROFESSOR, SE NÃO MUDAR A POLITICA SALARIAL, NÃO MUDA O COMPORTAMENTO NA SALA DE AULA.

    MUITOS ALUNOS ESTÃO FINGINDO QUE ESTUDA E PROFESSORES FINGINDO QUE DÁ AULAS.
    ESSA É A GREVE CERTA ASSIM A MIGALHA ESTÁ GARANTIDA.

    EDUCAÇÃO MINEIRA VAI CAIR.

    ResponderExcluir
  93. DESABAFO 1
    "Férias-prêmio: direito que Governo Anastasia continua desrespeitando

    O fim da suspensão do exercício de férias-prêmio é uma conquista da categoria. No entanto, o processo de negociação com o governo do estado ocorreu de modo que, várias questões importantes apresentadas pela entidade, ficaram sem correção. O corte temporal de 29/02/2004 exclui servidores do gozo de férias-prêmio sem qualquer justificativa, além da simples política de exclusão. Não conceder o mesmo direito aos servidores das Superintendências Regionais de Ensino também é outra política sem explicação, além da política de exclusão.
    Além da Resolução,
    a Secretaria de Estado da Educação emite orientações que ninguém tem acesso, inovando em regras que não foram discutidas e transformando este direito num martírio."
    http://www.sindutemg.org.br/novosite/conteudo.php?MENU=1&LISTA=detalhe&ID=3650
    Um sindicatozinho mequetrefe, sem advogados que acompanham as causas impetradas, que não sabem nem ao menos entrar com um mandado de segurança coletivo, o governadorzinho mequetrefe vai dando de goleada mesmo. E transformando nossas vidas em martírio e não só os direitos, sinditour. Graças ao sinditour que fica viajando nas nuvens o governadorzinho sem expressão que mal era conhecido até cair nas graças do playboyzão senador carioca braço direito do grande empresário do jogo Senhor Carlos Cachoeira vai deitando e rolando em cima de uma categoria que tem nada mais nada menos que 400 mil funcionários só na ativa. E como um sindicato desse quer ter moral para arrebanhar sócios? O sinditour deve ter nos vendido pro governadorzinho em troca de projeção nacional ou seja, presidir a cut.lulinha?
    "INDIGNAÇÃO
    Enquanto os homens exercem / Seus podres poderes
    Morrer e matar de fome / De raiva e de sede
    São tantas vezes / Gestos naturais... (Caetano Veloso)"
    http://blogdabeatrizcerqueira.blogspot.com.br/
    Estamos indignados sim, dona beatriz e não só com o psdb e ou só com o governador, mas também com sinditour que viaja pra fingir que defende o professor. Ao STF com um mandado de segurança coletivo e bem fundamentado, mostrando todas as perdas dos servidores e os desvarios desse governadorzinho de meia tigela e sua trupe para que possamos derrotar esse louco você não faz mesmo.
    CONTINUA...

    ResponderExcluir
  94. DESABAFO 2 CONTINUAÇÃO...
    Está nos matando de fome, de ódio de sede. Sede e fome de Justiça com J maiúsculo que a senhora está protelando pra jogar os professores contra o partido do gorvernadorzinho e assim favorecer o PT que te deu essa presidencia da cut.lulinha que nos fez de escada para alcançar o poder. Vê se toma vergonha: ou nos devolve tudo que está nos deixando perder ou renuncia. Porque esse governadorzinho está dando de lavada em todo o sinditour/cut.lulinha. Se no Brasil não tem justiça contra esse projeto de advogado que se diz govenador, vá até Corte Internacional. Ou então funcionários, sigam meu instinto:
    Acho que está na hora dos professores levantar a bandeira "branca pó" aécio neves e pedir para ele parar esse louco que ele deixou segurando o goveno pra ele. Vamos salvar a nossa carreira ao menos, pedir nossos direitos de volta e eleger o tal psdb caso contrário vamos afundar irrevesívelmente com essa porcaria de sinditour que está nos conduzinho a perdas dantescas. Infelizmente chega uma hora que qualquer exército sabe que perdeu a guerra e pede clemência. Sinto dizer. Mas fomos derrotados e traídos pelo sinditour, lula , dilma , stj, stf , etc,e sem mais onde cortar na nossa carreira. A tal beatriz fez "Reivindicação: Revisão do posicionamento dos servidores com o espelhamento na carreira, de acordo com o seu tempo de efetivo exercício e escolaridade" daí do governadorzinho cortou nossos biênios e quinquênios que tínhamos desde quando entramos no Estado e passou tudo para o ano que fomos aprovados e tomanos posse no Estado. Oh sindinútil vigarista do inferno. Sem contar que a tal "hora atividade" o governador muito espertamente passou em um passe de mágica todos os cargos para 18 horas semanais apenas para aumentar 1/3 a mais para nós trabalharmos. Ele sabe que esse sindicato é morto e não entende de direito do funcionalismo público coisa alguma e que a tal da beatriz é metida a sabe tudo e não vai aceitar nada que nenhum de nós propormos, nem sequer sendo advogado como tem pessoa que entra aqui no blog que a gente sabe que o é, pelas falas técnicas e acertadas, passo a passo, como uma receita de bolo e o sinditour vai lá e perde causas ganhas, como a Lei 11.738/08 que até hoje nem cobrar o transito em julgado o sinditour foi até Brasília para a petição. Eu desisto. Chega de sofrer. Não quero saber de sinditour mais. Acabou pra mim. Esse sinditour mata qualquer um de ódio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei o DESABAFO inquietante "...Acho que está na hora dos professores levantarem a bandeira "branca pó" aécio neves". Concordo com o pó...
      ...e pedir para ele parar esse louco que ele deixou segurando o governo pra ele...
      Concordo plenamente. O sujeitinho é louco, bizarro, NARCISISTA, perverso, e deve sofrer de algum complexo oriundo da tenra infância.
      ... pedir nossos direitos de volta e eleger o tal psd...Não entendi. Vc é pró governo psdb? Vota neste partido? Td q. disse foi p/ culminar com esta desastrada conclusão? Prefiro morrer de fome. O governo neo-liberal destes caciques encastelados no poder arrasou o país. Há décadas mamam no poder. O aecim foi quem criou e alimentou " a coisa" q. desgovernou e desgoverna MG. O aócio nunca governou de fato. Vc o quer de volta?????

      Excluir
  95. Eu nao entendo porque o Sindute faz tanta reuniao,cada hora numa cidade diferente. Chega de enrolacao, enfrenta o desgoverno ou chama pra uma greve,Ta esperando o que? A banda passar.

    ResponderExcluir
  96. APROVEITEM A OPORTUNIDADE,

    VOTEM CONTRA AÉCIO/ANASTASIA.



    ELES ACABARAM COM A CARREIRA DOS PROFESSORES.

    ResponderExcluir
  97. ((((Meu caro anônimo,desculpe-me caso eu esteja errado.O nome do General Romano era CRASSO.))))

    É CRASSO mesmo. O tio Gooooogle nem sempre acerta! Rindo muito!

    ResponderExcluir
  98. Aproveitem-se desse governo satanásico e mande para os quintos todos os candidatos a prefeito apoiados oelo nefasto desgovernador e, também, dos 51 cordeirinhos.

    Temos que arrebentar com estes nefastos, em outubro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Combina com a situação : Essa é a diferença entre os cidadãos e os políticos.
      "Os políticos e as fraldas devem ser trocados frequentemente e pela mesma razão." (Eça de Queiróz)

      Excluir
  99. Alô, alô, Divino e região, o Sebastião Cacundinha já deve está fazendo campanha para o irmão e pelos arredores, a região toda tem que ficar atenta para saber em quem ele vai dar apoio e nas urnas, acerte as contas com Bastião, aquele que o povo da região gosta de fazer um trocadilho, por conta da INCOMPETÊNCIA DO SUJEITO, não elejam candidatos apoiados por ele, pois é o deputado que votou contra os professores em tudo, comeu na mão do governo durante toda a nossa greve. agorq vamos dar o troco, não diz o ditado que quem com ferro fere, com ferro será ferido, então é agora, outubro está chegando, vamos devolvê-lo a mesma derrota que ele nos impôs junto com o governador

    ResponderExcluir
  100. Trecho do excelente artigo de Roberto Amaral
    Carta Capital 09.08.2012
    ...A questão real não se cinge a condenar A ou B por este ou aquele ilícito, mas discutir, o que não interessa nem à direita impressa nem à direita parlamentar, os fundamentos endêmicos da corrupção pública neste país, que, a par de criar algumas fortunas individuais, proporcionando a alguns amigos do rei o acesso ao consumo conspícuo (jatinhos, caviar, charutos, prostitutas’, ‘acompanhantes’ de luxo, piscinas com cascata etc.), serve, sobretudo, para garantir a ‘governabilidade’, que se dá pelo acordo (isto é, combinação de interesses) do governo da vez com o mando político-econômico de sempre - aqueles que, como bem sublinhou o insuspeito Cláudio Lembo, estão no poder desde Cabral.À direita, criadora e principal beneficiária dos esquemas de corrupção, obviamente, não interessa resolver os problemas estruturais do nosso processo político-eleitoral-administrativo..."
    Este é o Brasil...sil..sil...sil. Tem alguma semelhança com o "país" MG? Até quando SENHOR?

    ResponderExcluir
  101. Sobre o tal Módulo II com os pipeiros, foi apresentada a questão que um professor de matemática colocou na prova, + ou - assim, ó, ó, ó...

    "Converta 250º em radianos"

    RESPOSTA CRIATIVA DO ALUNO:

    "Creio em Deus Pai, Todo Criador do céu e da Terra etc e tal e no final, após o amém ~ESTÁ CONVERTIDO!"

    Comentário do pipeiro: "O aluno acertou a questão, é um gênioooo... O professor considerou a solução da questão errada, mas, o enunciado é que está errado: Descontextualizado, sem significado para o aluno. Qual é o objetivo de um enunciado desse tipo?!"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João Paulo Ferreira de Assis12 de agosto de 2012 12:14

      Deveras? Aconteceu isso mesmo? Estou de licença média desde 28 de maio e não sei de nada que se passa na escola. Mas pelo andar da carruagem não é de se duvidar.

      Excluir
  102. Vc esta on-line? Gostaria de bater um papo com vc.

    ResponderExcluir